História My Bad Boy. - Capítulo 14


Escrita por: e Blue_Anna

Postado
Categorias Diário de Uma Garota Nada Popular
Personagens Personagens Originais
Tags Branikki
Visualizações 35
Palavras 744
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Link das outras fanfics (que por sinal dão trabalho HEUHEU)
"F.R.I.E.N.D.Z.O.N.E.D": https://spiritfanfics.com/historia/friendzoned-or-not-9153597
"I Really Love You": https://spiritfanfics.com/historia/i-really-love-you-8585839

Capítulo 14 - 14- "Tragedy 2"


Fanfic / Fanfiction My Bad Boy. - Capítulo 14 - 14- "Tragedy 2"

•[Brandon Pv's]•

Procurei a Nikki em todos os lugares da escola e mandei não só uma, como 8 mensagens perguntando se ela estava voltando para casa

Saí da escola e vi uma multidão em volta de um corpo. Era um acidente. Me aproximei para ver quem era e...

-NIKKI!-gritei desesperado

-Conhece ela?- um policial me perguntou

-Sim, ela é minha namorada!-eu disse desesperado

-Sinto muito pelo o que aconteceu, a ambulância já está a caminho. Pode me ajudar a ligar para os responsáveis dela?

-Sim, vou ligar pra mãe da Nikki pelo celular dela

Olhei mais uma vez para a Nikki. Tinha sangue escorrendo pra todos os lados, ela bateu com a cabeça em uma pedra bem dura fazendo com que a cabeça da mesma abrisse. Sua perna direita estava quebrada

Contendo minhas lágrimas, eu peguei a mochila da Nikki e liguei para sua mãe

Assim que eu terminei a ligação a ambulância chegou. Eu implorei para que me deixassem ir junto, e eles permitiram a menos que eu pedisse permissão ao meu responsável. Liguei para a minha tia e então consegui permissão

Eu estava sentado ao lado da maca onde a Nikki estava. Segurei na mão dela e sussurrei:

-Nikki, por favor não me deixe...

Lágrimas começaram a escorrer pelo meu rosto, mas as enxuguei quando chegamos no hospital

Infelizmente não pude entrar na sala onde a Nikki estava pois ela ia fazer uma cirurgia para fechar a cabeça. Eu só podeira entrar para ve-la depois que a cirurgia terminasse, e meu tempo seria curto

Nesse tempo da cirurgia eu comecei a orar mentalmente pela vida da minha namorada:

"Meu deus, sei que ando rebelde e fui um demônio na vida de muita gente. Já perdi meus pais alguns dias atrás e isso já me deu um vazio imenso por mais que eles me tratassem mal. A Nikki é a uma das razões da minha vida e ela também tem sonhos e uma vida inteira pela frente. Por mais que eu não mereça por favor não a leve pro céu ainda. Quero casar, ter filhos e viver uma vida ao lado dela e enfrentaria qualquer dificuldade para terminar junto dela. Por favor, salve a vida dela..."

Terminei minha oração e vi os pais dela chegando. A mãe dela estava chorando e o pai também

-Sinto muito..-eu disse

A mãe dela me abraçou e eu retribui

~QUEBRA DE TEMPO/ 16:00~

Um médico saiu da sala de cirurgia da Nikki. Me levantei na hora e pedi por notícias da minha namorada

-Fechamos o corte profundo que estava na cabeça dela, mas ela perdeu sangue de mais e precisa de uma doação urgente, caso contrário ela corre risco de falecer- a médica disse

Os pais da Nikki ficaram desesperados e começaram a chorar

-Nós não temos o mesmo tipo sanguíneo que nossa filha, ela puxou dos avós que já faleceram faz 2 anos- o pai dela explicou

-Qual o tipo sanguíneo dela?- perguntei na esperança de conhecer alguém com o mesmo tipo

-0 positivo! - a mãe dela disse

-Oh como deus é bom!- agredeci a deus mentalmente -Esse é o mesmo tipo sanguíneo que o meu

-Brandon, você é o anjo da guarda da nossa filha!- a mãe dela disse chorando de alegria

Pedi permissão para doar sangue e consegui. Logo estava na sala onde tirariam meu sangue

Tiraram bastante, eu não sabia que a Nikki tinha perdido tanto sangue assim

Esperei mais um tempo até que mais uma cirurgia encerrasse. A médica voltou e disse que a Nikki tinha acordado. Corri para a sala dela e vi ela sentada na maca com um soro no seu braço

-NIKKI!-corri e abracei ela -GRAÇAS A DEUS VOCÊ ESTÁ BEM!-acariciei a bochecha dela

-Err.. Quem é você e porque está acariciando minha bochecha?- ela disse tirando minha mão do seu rosto

-Como assim Nikki? Sou eu, Brandon, seu namorado...- olhei confuso para ela

-Ahn? Como assim namorado?- ela ficou pensativa por um tempo -Ah, eu lembro de você...-ela esbravejou

-Ah! Que bom que lembra- me aproximei para beija-la 

-ME LARGA IDIOTA!-ela me empurrou -FOI VOCÊ QUE MACHUCOU MEUS SENTIMENTOS A ALGUNS ANOS ATRÁS! LEMBRA? BAD BOYZINHO BABACA!

Eu não podia acreditar que ela estava me confundindo com aquele ex namorado dela que só soube iludir

-O buraco na cabeça acabou afetando o cérebro e ela perdeu a memória- a médica lamentou -Ela não se lembra de nada recente, só de coisas antigas, e são muito poucas. Recomendo que não tente força-la a se lembrar, pois isso pode trazer muitas memórias na sua mente, causando um desmaio ou uma possível morte

Meu coração desabou, isso só podia ser um pesadelo, eu não queria me afastar da Nikki....



















Notas Finais


C O N T I N U A H 🌸


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...