1. Spirit Fanfics >
  2. My best friend is my Babyboy-TAEKOOK ABO >
  3. -Five-

História My best friend is my Babyboy-TAEKOOK ABO - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


4 capítulos e 37 favoritos?EU AMO VOCÊS😁💜💜💜💜💜💜💜💜💜💜

Escrevi esse capítulo escutando The Neighboourd ( ñ sei como se escreve) e BTS. Recomendo muito rapaziada😎.
Enfim...
Espero que gostem!

B
O
A

L
E
I
T
U
R
A
😖💜💜
Imaginem o Tae com o cabelo azul um pouco mais grande:)

Capítulo 5 - -Five-


Fanfic / Fanfiction My best friend is my Babyboy-TAEKOOK ABO - Capítulo 5 - -Five-

              Jungkook POV's.

   Acordei preguiçosamente ao som de Up&Down do Exid e tentei me animar para mais um dia de aula, tomara que não seja tão entendiante que nem vem sendo.
      Tirei meu pijama ainda meio sonolento e fui pro banheiro tomar uma ducha e espantar essa preguiça apossada em meu corpo. Escovei meus dentes, vesti apenas uma blusa social com as mangas dobradas pretas, uma calça preta e botas pretas pra finalizar. Eu estava parecendo um e-boy mas eu gostei de meu visual.
       Arrumei minha mochila com os livros das disciplinas que serão passadas hoje e desci para tomar meu café da manhã. Chegando a mesa, meus dois pais já degustavam a refeição.

   - Bom dia appas! - Joguei minha bolsa em um canto vazio e me sentei na mesa começando minha primeira refeição do dia.

  - Bom dia.- Responderam em uníssono.

  - Dormiu bem?- Meu app Woobin perguntou.

   - Dormi sim. Só...- Fiquei pensativo- Deixa pra lá. Não foi nada demais.- Sorri.

  - Ha ok.- Ele murmurou.

  - Como vai a escola filho?- Meu appa Sungwoo indagou bebericando um pouco de suco.

  - Appa...- Murmurei manhoso- A faculdade vai bem. Eu não sou mais um bebê.- Peguei uma maçã e rapidamente sai da mesa pegando minha bolsa e a chave do carro.

  - Tchau appas!- Dei um beijo na bochecha de cada um e me despedi saindo para o lado exterior da grande moradia. Entrei no carro e liguei a chave de ignição quando ouvi um grito de longe dado supostamente por meu pai Woobin:

- Você sempre será nosso bebêzinho Jungkook-ah!

   Sorri com o comentário e segui meu caminho em direção a escola e por sorte ou coisa do destino mesmo o trânsito não estava tão carregado assim, tinha poucos carros circulando nas ruas fazendo que com isso a movimentação ficasse menos densa e com pouca movimentação.
    Estacionei o veículo que dirigia em um lugar apropriado para esse tipo de coisa e adentrei a escola com minha mochila e chave guardadas devidamente no bolso de minha calça.
    Durante o percusso escutei alguns alfas, betas e até ômegas falarem coisas como: "Ele ficou sexy", "As roupas estão diferentes", "A bandana realçou seu rosto".
    Fiquei meio avoado até avistar de longe uma cabeleira grande, ondulada e na cor preta, botas realçando a camisa e a calça justa preta e uma camiseta de mangas branca com pequenos detalhes pretos, fiquei imaginando quem seria essa pessoa que está conversando com os meninos e ainda tem um detalhe que me esqueci de falar, ele usava uma jaqueta caida no meio dos braços dando um ar mais descolado, meu Deus...
       Fui me aproximando dos garotos que por sinal estavam animados e conversando e sequer notaram minha presença mas eu escutei aquela risada que eu gosto...

  - Espera! Taehyung?- O garoto se virou de lado me dando total visão dele. Era Taehyung. Por algum motivo ele estava sorrindo mas quando olhou em minha direção fechou o rosto.- Você está lindo.- Sorri- Parabéns. Gostei de seu novo estilo.- Jin me olhou com deboche como se houvesse tramado alguma coisa mas eu nem me importei.

  - Obrigado.- Respondeu sério e seco.

Cadê aquele sorriso?

  - Hum... Como conseguiu pintar o cabelo?Digo... porque já era de noite ontem quando saí de sua casa e seus fios ainda estavam azulados.- Indaguei.

- Simples: pintei à noite e esperei secar.- Falou virando-se de costas pra mim.

Porque ele está assim?

      Os meninos só prestavam atenção na nossa conversa e não falavam nada como sempre.
        O sinal tocou e nós seguimos direto para a sala de aula. Eu, Yoongi e Taehyung sentavamos no fundo da sala mas isso não era pretexto para sermos alunos ruins e muito pelo contrário, tirávamos notas muito boas em nosso curso de música. E por isso, o Tae senta ao meu lado direito e Yoongi na frente do ômega.
       Na nossa sala, as classificações: alfa, beta e ômega são totalmente misturadas e quando um alfa ou ômega entra no cio os outros alunos tem que segurar seus instintos e tentar não inalar o cheiro porque se agir por impulso pode até ser expulso da faculdade.
      Já estávamos nos nossos devidos lugares e eu acho que o que Taehyung me falou ontem ele está levando a sério mesmo e cumprindo. Nem mesmo um sorriso ele dá quando olha pra mim ou ao menos me pediu um beijo hoje; Fora que a aparência dele está modificada então agora vários alfas irão ficar no pé dele. Não que eu esteja reclamando, é que isso me incomoda um pouco.

- Bom dia! Hoje teremos um novo estudante na nossa sala de aula, ele foi tranferido para cá e espero que o recebam bem. Pode entrar Lee Taemin!- A professora disse e por um instante vi o olhar do Tae mudar um pouco em direção a porta.- Taemin você pode sentar atrás do Kim Taehyung.- A docente apontou para o local vazio e Taemin sentou-se.

- Oi me chamo Kim Taehyung. Prazer em conhece-lo! Seu rosto me lembra um grande amigo meu e seu nome também. Será que é você?- O garoto sorriu largo e Tae também.

- Meu Deus! É você Tete?- O rapaz bateu palminhas.- Você tá muito gato! Quem me dera ter um namorado que nem você.- Dava pra ouvir tudo que eles falavam e sinceramente, fiquei um pouco mexido com esse novo aluno. Não sei porque mas fiquei um pouco incomodado.

- Meu Deus! Eu tava com tanta saudade de você Taemin! Eu pensei que nós nunca nos encotrariamos mais.- Porque toda hora ele sorri pra esse garoto? Melhor eu prestar atenção na aula e deixar isso pra lá, afinal, estou com a postura de pessoa ciumenta: braços cruzados, cara de deboche, pé batendo no chão e língua estalando no canto da bochecha.

Foda-se eu não estou com ciúmes mesmo.Eu não tenho um pingo de ciúmes do Taehyung.

O QUÊ?!

A boca deles tá muito perto uma da outra.


      Deixa isso pra lá Jungkook. Você dá fora no garoto e depois fica se fazendo de ciumento e birrento pra cima dele. É melhor esquecer isso logo.
    Depois de longos minutos finalmente o sinal tocou sinalizando o intervalo e eu fiquei na sala arrumando meus materiais e guardando todos.

- Tete! Eu senti tanto a sua falta.- Os dois ainda estavam na sala junto comigo também.
Taemin chato.

- Eu também senti saudade. Eu pensei que você nunca fosse voltar pra Seul novamente.- Tae se levantou e deu um abraço caloroso no garoto e parece que Taemin tava gostando tanto que apertava Tae ainda mais.
CREDO.
QUANTA MELAÇÃO DESSES DOIS.

     Fiz uma cara de deboche disfarçada e segui pra fora da sala com o propósito de encontrar meus amigos e ficar conversando com eles.
   Chegando lá encontrei todos reunidos menos e só faltava eu e Taehyung que eu está provavelmente na sala ainda com o tal Taemin.

- Jungkook. Desfaz essa cara de deboche que o Tae tá chegando.- Jin disse.

- E daí? - Cruzei os braços e bati o pé no chão.- Porque estão com essa cara? Eu não fiz nada.

- Mano, essa cara de cu do Jungkook é ciúmes. Conheço esse cara de bunda aí faz tempo.- Yoongi apontou pra mim. Fiquei com raiva e sai rapidamente esbarrando em uma pessoa e derrubando suco em minha camisa preta e na camisa dele também. O olhei com raiva e vi que era o tal Taemin.

- Mas que merda!- Falei com a blusa encharcada de suco.

- Mas que merda digo eu né?- Sacudiu a blusa molhada de suco de laranja enquanto Tae só observava nós dois.- Porque você esbarrou em mim?- Falou.

- Eu não vi você vindo atrás de mim e como eu ainda não tenho olho nas costas eu não te vi. Foi isso, ok?- Falei grosso. O Tae está me fazendo ciúmes (ou não) e eu cai no joguinho dele. Então se ele não se importa comigo ou não quer mais falar e nem olhar na minha cara, quero ver pra onde ele vai olhar quando eu tirar essa blusa molhada na frente de todo mundo.

Vingança ativada.

- O que eu faço agora?Tsc...- Tirei a blusa em câmera lenta e embolei em minha mão voltando a atenção dos que passavam em mim.- ALGUÉM TEM UMA CAMISETA PRA ME EMPRESTAR?? - Logo um garoto que julgo ser um ômega pelo cheiro me entregou uma regata branca eu agradeci. Segui rumo ao banheiro pra poder lavar meu abdômen por que sujou em decorrência da blusa fina que vestia.
      Fazendo o percusso do banheiro apenas de calça e sem camiseta os alunos me olhavam como se nunca estivessem me visto, as expressões boquiabertas denunciavam a surpresa por eu estar sem a parte de cima da roupa.
    Cheguei no toilete e começei a me limpar e Taemin começou a fazer o mesmo quando ouvi passos distantes se aproximarem. Era Taehyung.

- Taemin...- chamou baixo - E-eu posso te emprestar minha jaqueta se você quiser.- Falou.

- Eu vou aceitar porque minha blusa se ensopou.- Trocaram sorrisos.

       Vesti a regata branca que o garoto me deu. Ela era de tamanho médio então se encaixou perfeitamente em mim, depois de vestido saí a passos duros e segui para sala deixando os dois sozinhos.
     O resto da aula seguiu e depois de algumas horas fomos liberados e finalmente livres para sair daquele lugar.

- Estamos planejando ir em uma balada a noite. Você vai também?- Jimin falou.

- O Jimin é muito cachaçeiro.- Yoongi falou recebendo uns tapas de Jimin.- Mas eu vou também.- Sorriu.

- É na mesma de sempre?- Indaguei e eles acenaram positivamente.- Ok. Podem marcar minha presença.-Sorri.

- O Taemin também vai não é Namjoon?- Jin falou.

- Sim. Convidamos ele também.- Fingi cara de abestado e ignorei saindo e indo em direção ao meu carro.

    Fazendo o trajeto para minha casa e o trânsito novamente não estava tão cheio assim então cheguei mais cedo em casa.
    Tomei um banho e troquei de roupa, em seguida almoçei com meus pais e subi pro meu quarto pra jogar videogame. Jogar me distrai de coisas que eu fico com raiva acumulada então eu jogo pra esvaiar os problemas.

                                        [...]

        De acordo com meu relógio de parede já estava quase na hora da festa e eu já estava devidamente pronto. Eu estava modesto de uma certa forma, vestia apenas botas pretas, calças jeans com cinto, blusa preta e jaqueta preta de couro e brincos nas orelhas.
    Desci as escadas com o propósito de avisar meus pais de que ia sair.

- Appas eu vou sair e não sei que horas eu volto. Tchau! - Queria sair o mais rápido possível para não ter uma abordagem de meu appa Woobin fazendo diversas perguntas mas isso não foi possível hoje.

- Epa, epa, epa. Volte aqui mocinho.- Voltei o caminho. - Pra onde o senhor vai?- Pergunto.

- Em uma festa com meus amigos.- Respondi já com a chave do carro em mãos.

- Tem drogas nesse lugar?- Neguei com a cabeça. - Então pode ir. Me avise se algo acontecer viu?- Acenei e sai.

     Peguei meu carro e liguei indo em direção a balada, passando por sinais, pequenos engarrafamentos, pequenas ultrapassadas e espero que eu me divirta muito mas acho que uma certa presença irá me incomodar muito, não que eu goste do Tae é que eu não gostei do garoto e pronto. O dia de hoje está bem intenso.


Tomara que a noite seja boa.





Notas Finais


Vocês acharam mesmo que eu ia colocar a festa nesse capítulo? KKKKK EU SOU MUITO MAL MAS EU AMO VOCÊS💜💜💜
Nesse momento estou ouvindo Magic Shop e Who que louco😂😂😂


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...