1. Spirit Fanfics >
  2. My best friend lover >
  3. Nossa casa

História My best friend lover - Capítulo 25


Escrita por:


Notas do Autor


Oi mores

Capítulo 25 - Nossa casa


Fanfic / Fanfiction My best friend lover - Capítulo 25 - Nossa casa

                       MINJEE


Sai do quarto sonolenta até a cozinha, Chanyeol também não estava me aproximei da geladeira e um bilhetinho dele estava colado nele.

"Tive que resolver algumas coisas no Studio, volto para almoçar com você"

Sorri automaticamente e peguei uma garrafinha de suco já que não estava com fome.

Realmente a cobertura era linda e maior que o outro apartamento. Comecei a caminhar pelo corredor, havia mais dois quartos grandes e um banheiro pequeno. Eu estava encantada, tudo era na cor pastel e alguns tons de cinza.

Sai do apartamento para varanda que contornava o mesmo todo e no final uma piscina grande com uma hidromassagem. Literalmente apartamento de rico.

Ouvi a campainha tocar e corri para atender.

- Bom dia, um rapaz pediu para deixar essas malas aqui.- o porteiro disse educadamente.

- Ah, obrigada.- sorri em forma de agradecimento.

Uma delas tinha um papelzinho colado; "achei melhor traze-as até aqui, você tem muita coisa hein! até mais Min-min" 

Jiho as deixou aqui para mim,e certamente era um ótimo homem sendo ele mesmo. Pus a primeira mala na sala e puxei as outras seis, uma de cada vez.

Abri a mala certa, peguei um vestido fino e lingerie para desfrutar da suíte do Chanyeol. Sua casa era tão chique que tinha som por via Bluetooth no banheiro, pus uma música bem alta e entrei na banheira.

                         CHANYEOL

- Claramente Jee está usufruindo bem seu apartamento.- Sehun disse rindo.

- Na verdade é nosso.- o corrigi.

- Ela sabe?- me olhou incrédulo.

- Ainda não.- ri.

Sehun ficou na sala esperando e eu fui até o meu quarto.

O som estava bem alto, entrei no banheiro de fininho e abaixei o volume pelo celular dela. Jee virou para trás assustada e logo sorriu ao me ver.

- Ei!- ela exclamou rindo.

- Tô vendo que gostou mesmo dessa banheira.- me apoiei na de frente a ela.

- Essa é a última vez que vou estar aqui.- ela brincou com a espuma, assoprando-a.

- Na verdade não, que tal você morar aqui comigo?- perguntei envergonhado.

- Não quero te incomodar.- ela me olhou hesitante.

- Vamos fazer assim, vamos almoçar com o pessoal e passamos a tarde toda juntos.- me aproximei dela.

- Ótimo.- ela sorriu sorrateira e puxou meu rosto para um selinho.- Vou me arrumar.

Jee se levantou e pegou meu roupão para voltar no quarto.

Me sentei na poltrona a espera dela, não resisti de observa-la sentando no chão e jogando suas roupas na cama para achar uma melhor. Jee estava tão linda, seu corpo estava mais bonito que antes e ainda perfeito.

- Chany!- ela estalou os dedos na frente do meu rosto.

- Oi?- me despertei dos meus pensamentos mais maliciosos que estava tendo com ela.

- No que estava pensando?- ela perguntou rindo.

- Nem queira saber.- neguei com a cabeça e soltei riso.

- Safado!- ela me deu um tapa antes de borrifar o perfume maravilhoso em seu pescoço.

- Vamos, Sehun está nos esperando.- peguei sua bolsa e abri a porta para ela primeiro.

Jee saiu saltitando do quarto animada para vê-lo.

- Que saudade!- Jee pulou em seu colo e o abraçou.

- Também estava, bonitinha!- ele riu e beijou sua testa.

- Vamos logo, estou com fome.- disse resmungando.

- Vamos, ciumento!- Jee me abraçou por trás e soltou uma risada.

[...]

                         MINJEE

- Ele disse tudo isso?- Cho perguntou perplexa.

- Sim.- assenti.- Sabe, Jiho é uma pessoa legal.- dei de ombros.- Nossas refeições eram sempre o mesmo assunto e as piadas bobas dele.- dei um breve riso.

- Fez mais que a obrigação dele.- Chany murmurou perto de mim.

- Tenho um mês de férias.- me inclinei para trás.- Aera, não sente a minha falta.- ri para ela.

- Já estou sentindo.- ela fez uma careta de deboche.

- Ei- Baekhyun deu uma pausa pra engolir o suco.- Daqui alguns dias é o aniversário da Jee.- ele sorriu meigo.

- Nossa, fiquei tão ocupada que acabei esquecendo.- neguei com a cabeça.

- Que fazermos uma pequena festa na nossa casa?- Chanyeol envolveu seu braço em meu ombro.

- Vocês estão morando juntos?- Cho perguntou incrédula.

- Na-não.- gaguejei nervosa.

- Sim.- disse ele com firmeza.

- Ih, tem treta.- Aera me olhou curiosa.

- Meninas, vamos ter que sair pra resolver algumas coisas.- Jun disse enquanto lia algo no celular.

- Ah, que pena.- Cho disse chateada.

- Até mais tarde então.- disse compreensiva.

Chanyeol me deu um selinho rápido e saíram com pressa.

- Então- sorri animada.- Que tal algumas compras?- perguntei e imediatamente Cho e Aera se levantaram animadas.

Eu e elas estávamos cheias de energia dentro do carro da Cho, contamos algumas novidades e cantamos algumas músicas no celular da Aera. Fazia tempo que não saía assim com elas,  o meu um mês de férias vão ser bem aproveitados.

O Shopping não era muito distante do nosso ponto, demos algumas voltas pelo shopping, compramos algumas roupas e depois paramos em uma pra cá de alimentação para tomar sorvete e jogar papo fora.

- Explique-se sobre morar com Chan.- Aera apontou a colher no meu rosto como ameaça.

- Ah, ele quer morar junto e tal mas não sei se estou preparada para isso.- disse tensa.

- Como não?- Cho perguntou sem entender.

- muito mal sei cuidar do meu quarto imagina ser dona de casa.- disse estupefata.

- Jee, ele é podre de rico e está se preocupando com isso por quê?- Aera e Cho deram uma risada de leve.

- Não sei.- murmurrei.

- Muito boba.- Cho revirou os olhos achando graça.

- Que tal irmos ao karaokê?- Aera perguntou animada.

- VAMOS!- Cho exclamou alto e eu dei uma risada.

Claramente eu não passaria o resto da minha tarde com Chanyeol com essas garotas cheias de energia que uma criança.

                        

                          CHANYEOL

Cheguei em casa bem antes de Jee, fiquei feliz por elas estarem juntas depois de muita coisa que aconteceu e então ficamos em casa sozinho ouvindo algumas músicas e desfazendo as malas dela até anoitecer.

Estava concentrado inventando alguns arranjos para passar o tempo até eu ouvir alguém batendo na porta tirando os olhos da tela para ver Jee que tinha recém chegado.

- Está ocupado?- ela perguntou envergonhada.

- Não, estava passando o tempo aqui.- sorri.

Ela sentou em meu colo de fente para mim e me abraçou enquanto cheirava meu pescoço.

- Fiquei feliz por vocês terem saído juntas.- alisei suas costas.

- Eu também.- sua voz saiu abafada.- Você fica tão lindo de óculos.- se afastou para me encarar.

- Eu sei.- disse rindo e sentindo o seu tapa arder em meu braço.

- Eu comprei uma coisa pra você, até porque o seu aniversário e final do mês.- ela disse enquanto tirava algo do bolso.

- Sabe que não precisava.- disse mas ela me ignorou por completo.

- É um anel.- abriu a caxinha com uma aliança fina de ouro.- Tem algumas pessoas precisam saber que você tem dona.- sua voz saiu autoritária.

- Ciumenta.- murmurrei rindo.- Eu gostei.- admirei meu dedo com o mesmo.

- Que bom.- sorriu contente.- Chanyeol, eu preciso contar algo.- ela me olhou tensa.

- Diga.- a olhei com atenção.

- Eu não sou uma boa companheira pra morar.- ela me olhou cabisbaixa.

- Como assim?- a olhei confuso.

- Minha vida de médica é mais presente do que fora disso.- suspirou.- Vai ter dias que em que estarei no hospital sem voltar, você vai ficar com saudade e vai querer terminar.- disse manhosa.

- Jee, desde que soube da sua escolha de profissão eu já sabia que teria uma namorada ocupada.- ri das suas bobagens.

- A gente nem namorava.- arqueou sua sobrancelha desconfiada.

- Eu sei.- rimos.- Mas não se preocupe, eu vou compreender você e estarei a sua disposição quando voltar dos seus dias cansativos.- acariciei sua bochecha.

- Você não existe.- ela revirou os olhos.- Me desculpe por ter escolhido ficar longe se você.- encostou sua cabeça em meu ombro.

- Não se desculpe, eu sei que você quis fazer por boa causa.- comecei a fazer cafuné em sua cabeça.- Ao invés de falar sobre isso, vamos falar sobre suas lingeries sexy.- comentei e ela levantou rapidamente.

- Você mexeu em minhas coisas?- ela me olhou bocaquiabrta e deu uma risada abafada.

- Eu desfiz suas malas.- disse rindo.

- Chanyeol!!- ela exclamou indignada.

- O que?- perguntei ainda rindo.

- Você é um intrometido!- Jee saiu do meu colo e foi para o quarto.

- Ei!- a chamei indo atrás.

Jee estava jogada na cama olhando para o teto, engatinhei até ela para ficar por cima.

- Eu te amo, boba.- beijei sua testa.

- Eu te amo também Chany.- sorriu meiga e me beijou.


Notas Finais


Quem queria um Chanyeol levanta a mão 😂🙋🏻‍♀️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...