1. Spirit Fanfics >
  2. My black clad girl-Fillie >
  3. Apatow

História My black clad girl-Fillie - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Gente,como eu disse eu estou muito anciosa pra cada parte do futuro dessa fic e por isso estou atualizando e pra quem lê minha outra fic "a escolhida do ano" também de Fillie,não se preocupem que vou atualizar hoje também.
É isso,boa leitura xuxus❤️

Capítulo 3 - Apatow


Finn P.O.V

Se passou 4 semanas depois da exposição que tirando a discussão entre eu e Jacob foi tudo um sucesso,eu nunca pensei que iria gostar tanto de uma exposição,sei lá.

Estava tudo muito bonito,pois eles decoraram tudo muito bem depois que eu e Noah voltamos pra sala,nas escadas haviam pequenas coisas do sistema solar algumas feitas de esopor outras de papel nas escadas que vinham antes de chegarmos ao pátio onde estáva lotado de mesas com os trabalhos dos alunos,tinha muitas outras coisas bonitas e bem criativas pela grande universidade.

...

Já é dia 9 de maio,hoje é mais um dos dias especiais pra mim.

Levanto da minha cama de solteiro que fica encostada na parede em um pulo

Vou até o guarda-roupa e pego uma blusa preta com o nome de uma banda dos anos 80 que eu meio que curto o som,chamada rerosmith,foi uma das bandas que impactou os anos 80

Vocês já devem ter percebido que eu gosto bastante dos anos 80 né??

Haha,isso mesmo,sou muito fã de cada coisa boa desse ano.

Pego uma calça social preta e um tênis preto também.

Hoje eu vou todo de preto não sei porque mais eu vou, aproveitar que tá frio e roupa preta esquenta né!?pelo menos é o que dizem.

Hoje não tenho que ir pra universidade porque é sábado,graças.

Mais estou me arrumando pois vou pra Nova York com minha banda,sim eu faço parte de uma banda,ainda não somos famosos mais super pretendemos,claro que vamos com calma um passo de cada vez.

Vamos a Nova York em um pub bem famoso por lá,depois de muita insistência que fizemos ao dono do local vamos poder nos apresentar,essa seria minha terceira apresentação em público.

Nunca fui a Nova York e isso só me deixa mais empolgado.

Meu Pai não sabe nada sobre minha banda,algumas vezes eu saio às escondidas_e_outras_invento desculpas,acabamos_até brigando,é claro.

Vou pro banheiro se trocar e escovar os dentes,depois pego meu violão e minha guitarra e coloco eles nos seus devidos lugares pra mim levá-los

...

Chego no aeroporto com  minha mala preta não muito grande e nem tão pequena,arrumei ela ontem a noite com tudo necessário pra dois dias,é,vamos passar dois dias em Nova York que seria o final de semana,hoje e amanhã e eu estou muito entusiasmado.

Vou a procura do grupo mais não os encontro,então decido ir a um Starbucks e depois de um tempo lá tomando meu Starbucks vou em busca deles novamente e enxergo os mesmos de longe todos com suas malas,mais havia mais alguém ali.

Os membros da banda são, Ayla,Jack Grazer,Jack Anderson -sim são dois Jack- e também tem o Malcolm e por último eu.

Mais havia mais alguém ali,uma menina de cabelos loiros amarrados em um rabo de cavalo meio desajeitado,magra e estava de costas pra mim.

Me aproximo dos mesmos e pelo visto estão bem distraídos,nem notaram minha presença ali exceto Ayla que estava de braços cruzados sem falar nada um pouco afastada dos outros,ela me olhou com um olhar de "aleluia" como se estivesse dizendo "ainda bem que você chegou" 

-Oi Finn,que bom que chegou estávamos desistindo de te esperar.-a mesma disse com um sorriso meigo me abraçando e eu retribuo de bom grado,percebo que isso chama a atenção do resto do grupo pois os mesmos pararam de conversar

Me solto com cuidado do abraço amigável e meigo de Ayla e vou cumprimentar o resto do grupo 

-eai pastoreio-falo com Jack o baixinho de cabelos negros com cachos como os meus.

Eu chamo ele de pastoreio,que é a mesma coisa que Grazing e Grazer 

((""Grazer pode se referir a: ▪Pastoreio, um tipo de alimentação, em que um herbívoro se alimenta de plantas e em outros autotróficos multicelulares ...""))

-já falei pra parar de me chamar assim Finn de semana!!-ele provoca

-claro que não,esse é um ótimo jeito de diferenciar você e o Jack cachinhos dourados.-retribuo a provocação só que agora com os dois.

O Jack Anderson normalmente tem o cabelo liso mais ele fez cachos,agora está todo mundo de cachos aff.

-não provoca Finn.-Malcolm fala revirando os olhos e me abraçando,mais um de cachos,a banda devia ter o nome de "os cacheados" ao invés de calpurnia.

Estávamos nesse lance de abraço toda hora por causa que já tem mais de 2 meses que não nos reunimos,e esse é outro motivo pelo meu entusiasmo, saudades.

-Finn essa aqui é a íris,a nova integrante da banda que falamos com você por mensagem.-Jack o pastoreio fala fazendo eu sair do abraço de Malcolm e olhar pra loira que antes estava de costas pra mim,mas agora consigo ver seu rosto claramente.

A loira vestia uma calça de couro apertada,uma blusa branca meio frouxa que deixava seus seios um pouco a mostra uma coisa pra qual nem precisei fazer tanto esforço pra não olhar e ela vestia uma jaqueta de couro preta também.

-Oi,sou Finn Wolf...-interrompido

-eu sei,Finn Wolfhard, o restante do grupo me falou bastante sobre você.-ela disse ao me interromper e deu um sorriso com aquele batom avermelhado forte

Acenei com a cabeça 

-prazer Finn,sou Íris Apatow.-ela esticou a mão em minha direção mais não consegui mover um dedo sequer

Fiquei paralisado ao ouvir o seu sobrenome e acabei deixando meu violão cair da minha mão, oque fez eu sair do transe mais continuei com o rosto em formato de (☉。☉) -surpreso-

Será mesmo que ela é algo de quem eu estou pensando!?não,não pode ser,isso não pode ser possível-pior que pode.-meu cérebro me lembra por um instante,não eu não posso acreditar que isso é possível,Sthefanie é um passado assombrado pra mim,um do qual sinto ódio e de que não quero e nunca quis lembrar mais agora vem isso pra fazer eu lembrar mais ainda do que já lembro quando subo no alto de um prédio,ou um telhado ou algo parecido.

-tá tudo bem Finn??-sou interrompido dos meus pensamentos ao ouvir a voz de Ayla perguntar enquanto balança meu ombro,a voz dela me parecia distante mais só depois percebi a situação do momento.

-s-sim,eu só...-sou interrompido novamente por uma voz feminina que soava por todo o local indicando os vôos que já estavam alguns minutos prestes a decolar,e um deles era o nosso.

Agradeço mentalmente por essa voz feminina me interromper de uma situação que eu nem sabia oque falaria e apenas olho rapidamente pra todos contando com íris,pego meu violão que graças a Deus ainda está intacto e sigo meu caminho e óbvio,todos os outros me seguem.

...

O vôo da nossa cidade para Nova York demorou 2 horas e mais alguns minutos,o mesmo tempo de Orlando pra lá,pois como eu já disse minha cidade é como um bairro de Orlando de tão perto que é.

Eu fui a viagem inteira com a cabeça encostada na pequena janela que se mantinha fechada, já eram 10:03 quando entramos no avião,o céu estava meio alaranjado lá encima com poucas nuvens e um sol deslumbrante.

Eu também cheguei a dormir um pouco mais foi inútil pois foi só um pouquinho mesmo e não consegui matar o sono e tédio que eu estáva,aquele sobrenome e a íris não saiam da minha cabeça, será que estou ficando louco?ela pode muito bem ser de outra família não é!? 

Tento afastar esses pensamentos,quem dormiu mesmo a viagem inteira foi Malcolm que estava do meu lado,ainda bem que ele não ronca, diferente do Jack pastoeiro que parece um tigre ou talvez um urso quando dorme,estou falando do ronco do qual já comecei a ouvir atrás de mim,Jack o pastoeiro estava sentado atrás de mim e Malcolm, junto com Ayla.

Depois de muito olhar pela janela com o maior tédio do mundo finalmente chegamos e todos nós descemos do avião,já eram 12:07,olhei para todos pegando suas malas com preguiça e cansaço,estava estampado em seus rostos que estavam destruídos,assim como o eu.

-gente,vamos ir em algum lugar pra comer algo??-Ayla perguntou fazendo careta enquanto olhava ao redor acho que procurando por algum lugar pra comermos enquanto arredondava a barriga com a mão,como as mulheres grávidas fazem quando querem fazer carinho em seus bebês,mais ali era apenas fome,claro.

-eu acho uma ótima ideia,pelo que vocês me disseram o motorista que vem buscar a gente vai se atrasar um pouco né!?-Íris concordou fazendo careta de fome também-estou exausta.-ela diz colocando a cabeça pra trás de cansaço,tento não olhar muito pra ela e desvio o olhar.

-gente,eu sei que estão todos exaustos e com fome mais vamos esperar o motorista do meu tio sem sair daqui ,quando chegarmos na casa dele onde vamos passar os dois dias que seria hoje e amanhã, provavelmente ele vai nos levar na lanchonete dele,deixem espaço pra comermos lá pois a comida dele é muito boa-Jack o cachinhos dourados explica 

-mais e se ele não quiser nos levar e querer cozinhar na casa dele mesmo??vai demorar muito.-Íris faz drama mais eu não olho pra ela

-não se preocupa,se ele não oferecer pra gente ir na lanchonete eu mesmo peço pra ele ou nós vamos com o meu carro que eu deixo na casa dele.-o cachinhos dourados explica quase se gabando mais na brincadeira.

-aff,tabom então, espero que não demore muito.-Íris reclama novamente 

-eu também-Ayla concorda mais fala tranquilamente olhando para outras pessoas que saiam dos seus vôos que pareciam exaustantes também.

-que legal isso Jackie,você tem quantos carros?-decido puxar assunto,eu chamo os dois pelos apelidos zuados quando quero provoca-los mais na verdade chamo o loiro de Jackie e o baixinho de Jack mesmo,são poucas as diferenças mais eles conseguem entender de quem estou falando.

-tenho 3,um onde moro mesmo,um aqui e outro em Atlanta na casa dos meus avós.-ele explica com um meio sorriso,dessa vez sem se gabar na brincadeira

-daora.-digo e percebo Íris me encarar confusa 

-Finn,sei que nos...conhecemos-olho para a mesma e ela faz meio que uma careta confusa quando diz a palavra "conhecemos"-faz  pouco tempo mais podemos conversar rapidinho??-ela pergunta e eu penso apenas por um único momento e aceito acenando com a cabeça

Nos afastamos um pouco dos outros que nos olhava confusos mais logo começaram a conversar de novo,eles podem ter certeza que eu sou oque estou mais confuso aqui.

-então...porque que você ficou daquele jeito quando estiquei minha mão pra você??...você..não gostou de mim??-ela pergunta pensativa e com um olhar entristecido

-não..não é isso,é que...-penso por um instante-posso te fazer uma pergunta??

-uhm,é..claro!-ela diz confusa mais acaba deixando.

-você...é,você...tem alguma irmã ou prima,sei lá... alguém da família que se chama Sthefanie Apatow??-pergunto indeciso,não sei se eu estáva fazendo o certo em perguntar aquilo,e se a resposta fosse sim e ela fosse falar pra Sthefanie que talvez seja a mesma da qual estou falando,que eu perguntei sobre ela!??e ela fosse em busca sobre mim??

-uh,sim,tenho sim,ela é minha prima,mais como você sabe sobre ela??

-eu meio..que conheço ela,não sei,talvez...não sei se estamos falando da mesma pessoa né!?

-ata,agora eu entendi,como sou tola,minha prima é uma modelo famosa e eu acho que talvez você já possa ter visto ela em alguma capa de revista ou ja conheceu ela em algum evento.-aproveitei essa oportunidade para concertar oque eu fiz e concordei com a cabeça,não achei muito adequado ter contado pra Íris sobre isso,mesmo que foi só uma faísca de tudo que aconteceu

-é...deve ser isso mesmo-concordei novamente só que agora em palavras,era capaz de nem ser a mesma pessoa

-mais oque isso tem haver com a sua reação quando eu me apresentei pra você??-ela perguntou confusa

-é,que,não sei bem também,deve ter sido pelo sobrenome,eu lembrei de já ter visto sua prima em algum lugar e fiquei surpreso-dou uma risada fraca e forçada para desfarçar 

-ata,que bom,agora estou mais aliviada,pensei que não tivesse gostado de mim porque se não iria ficar um clima ruim entre nós e eu concerteza não queria isso.-ela fala colocando a mão no peito-vamos.-ela diz me puxando pela mão indo em direção ao restante do grupo.

Talvez não seja a mesma pessoa,mais seria muita coincidência se fossem pessoas diferentes,a chance de ser ela são 99% 

Eu não posso acreditar...

Sthefanie Apatow está mais próxima do que eu imaginava

Na verdade

Eu nem imaginava que ela estáva próxima...



Notas Finais


E assim fica o mistério hehe

...
(´⊙ω⊙`) ✌️😗❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...