História My black rabbit.- Jikook - Capítulo 54


Escrita por:

Postado
Categorias 2NE1, Bangtan Boys (BTS), Big Bang, Black Pink, EXO, G-Dragon, Got7
Personagens Baekhyun, BamBam, Chanyeol, Chen, Cl, D.O, D-Lite (Daesung), G-Dragon, Jackson, JB, Jennie, Jeon Jeongguk (Jungkook), Jinyoung, Jisoo, Jung Hoseok (J-Hope), Kai, Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Kris Wu, Lay, Lisa, Lu Han, Mark, Min Yoongi (Suga), Minji, Park Bom, Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Rosé, Sandara Park, Sehun, Seungri, Suho, T.O.P, Taeyang, Tao, Xiumin, Youngjae, Yugyeom
Visualizações 388
Palavras 887
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 54 - I want you here


- Jimin, tenha calma.- Taehyung interrompeu a discussão.- Deixe ele explicar!

Jungkook mordeu os lábios, deixando lágrimas solitárias caindo de seus olhos. Ele sabia que Jimin não o iria perdoar tão cedo, mas também tinha uma grande culpa carregada nas suas costas.

- Tira ele daqui, Tae.- Pediu, sem olhar nos olhos.- Eu quero ficar sozinho.

- Jungkook...- Taehyung o chamou para ir embora.- Vamos!

Ambos saíram da sala deixando Jimin sozinho. Jungkook se sentou no sofá da recepção e passou seus dedos pelas suas madeixas. Fechou os olhos deixando todo aquele choro sair.

- Eu o perdi pra sempre.- Kim o balançava tentando acalmar.- Eu sou um idiota.

- Não diga iss-

- Quando tentamos ficar juntos, alguém estraga ou sou eu que dou uma de criança mimada. Eu não aguento mais!- Tombou a cabeça para trás, suspirando fundo.- Queria que isso tudo fosse um pesadelo.

- Tudo vai se resolver, você vai ver! Logo, logo vocês estão de volta.- Sorriu enquanto dava leves tapas no seu ombro.- Se você explicar tudo, Jimin irá entender.

- Ele não quer olhar na minha cara.

- Ele quer sim.- Jungkook o olhou.- Ele só está negando pra não parecer fácil. Jimin te ama!

- Tae...

- Yoongi me contou que ele também era assim quando os dois namoravam! Apenas... Respeite o espaço dele.- Assentiu.- Você precisa de um banho.

- Eu vou pra casa.- Se levantou.- Mande noticias.

- Tudo bem, não quer que eu te leve?- Perguntou com a chave do carro nas mãos. 

- Aposto que sou mais rápido que um carro.- Deu sua forma de coelho e pulou a janela do hospital. 

Jimin apertava o lençol da maca enquanto lembranças daquela maldita cena se passavam na sua cabeça. Fechou os olhos com força e balançou a mesma tentando afastar aqueles pensamentos.

Sua barriga começou a roncar e o mesmo passou a mão sobre a mesma.

- Esqueceram de me alimentar.- Idangou sôfrego fora ouvida a porta sendo aberta pelo médico com bandeja em mãos. 

- Não esquecemos.- Sorriu colocando a bandeja em seu colo.- Pode comer a vontade.

- Obrigado.- Pegou a fatia de pão e mordiscou o pedaço, levando até sua boca um copo de suco.- Hm... Está bom. 

- Que bom que gostou.- Sorriu e se sentou na cadeira.- Amanhã você receberá alta, mas antes precisa tomar um banho e comer bastante. 

- Ok. Deixa eu te perguntar.- Jin o encarou.- Quando eu estava desacordado, quem ficou comigo durante as noites?

- O Jungkook, o híbrido.- Jimin sentiu um aperto no coração.- Ele chegou aqui desesperado perguntando por onde você estava e que sentia culpa.- Dizia enquanto rabiscava algo no caderno.- Ontem eu o peguei dizendo coisas fofas para você. 

- O-o quê ele dizia?- Perguntou com receio.

- Que sentia muita culpa, que o amava mais que tudo e se você falecesse ele iria com você.- Jimin começou a lacrimejar.- Ele adormeceu com suas mãos juntas.

- E-eu...- Abaixou a cabeça evitando com que as lágrimas caíssem.- Ligue pra ele.

- Agora?

- Sim...A-agora! Eu quero vê-lo.- Jin deu de ombros pegando o celular e discando o número de Jungkook.

.

O coelho tomava um copo de uísque enquanto chorava horrores, dizendo que era sua culpa e várias outras coisas.

Seu celular tocou em cima do sofá, sem nenhum ânimo foi atendê-lo. Olhou o nome do contato e atendeu rapidamente.

- Kim Seokjin? Aconteceu alguma coisa? Eu estou indo aí agora.- Disse.

- Não aconteceu, fique calmo.- Ouviu um risada vindo do mesmo.- Jimin quer te ver.

O coração de Jeon acelerou por completo. Desligou o celular e se transformou na forma animal correndo até o hospital.

Mesmo se Jimin brigasse com ele, não se importava. Só queria ver seu baixinho.

.

O médico saiu da sala, deixando Jimin novamente sozinho. O mesmo estava pensativo e de vez em quando balançava seus pés coberto pelo tecido fino.

Ouviu a janela ser aberta por um coelho preto. Jimin se levantou, pondo seus pés no chão gélido.

- Jimin...- Sussurrou.- Estou feliz por querer me ver.

- Precisamos conversar.- Respondeu seco.

- Me perdoe...

- Por que me levou na sua casa, e esperou eu dormir pra você transar com outro?- Perguntou cerrando os punhos.

- Eu havia prometido... Mas isso foi à muito tempo. Desde aqueles dois anos que nos separamos, eu me relacionei com ele pra tentar te esquecer. Mas eu nunca consegui.-Respondeu.- Sempre quando nós transávamos, eu imaginava que era você. 

- Para...

- Vamos esquecer tudo isso e focar no nosso futuro, eu sempre sonhei ter uma família com você e esse é o meu objetivo.- Se aproximou apoiando seus braços nos ombros de Jimin.- Você é tudo o que tenho, você é minha vida Jimin!

O mesmo ouvia tudo calado, encarando a face chorosa de Jungkook.

- Sabemos que não somos mais aqueles adolescentes, agora viramos adultos. E todo aquele amor que tivemos não foram apenas paixão unilateral.

- Eu sei...

- Você não sabe! Por que antes não sentia nada por mim. Mas cá estamos aqui para construir uma vida melhor. Eu prometo que a partir de agora vou ser um homem perfeito pra você.

- Jungkook...

- Eu vou me casar com você, vamos nos amar muito, certo?

Por impulso, Jungkook puxou seu braço fazendo com que o menor batesse no seu peitoral e tombar a cabeça no seu ombro. Jeon rodeou os braços pela sua cintura e deixou um beijo no topo da cabeça de Jimin. 

- Eu quero você comigo, Jimin.- Segurou seu queixo.- Eu te amo!

E selaram os lábios.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...