História My Blood - Capítulo 24


Escrita por:

Postado
Categorias Ashley Benson, Cameron Dallas, Chaz Somers, Chris Evans, Christian Beadles, Jennifer Lopez, Justin Bieber, Madison Beer, Ryan Butler, Shawn Mendes, Troye Sivan
Personagens Chaz Somers, Chris Evans, Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Madison Beer, Personagens Originais, Ryan Butler, Troye Sivan
Visualizações 48
Palavras 1.156
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Tradução do nome do capítulo: Juntos? De novo?

Capítulo 24 - Together? Again?


Fanfic / Fanfiction My Blood - Capítulo 24 - Together? Again?


Acordo com os raios do sol batendo em meu rosto, mexo na cama sentindo um torso duro atrás de mim.

- Volte a dormir pequena - Ouço aquela voz aguda e prevejo que seja Justin.. A noite de ontem foi maravilhosa, depois de nos beijarmos no bar da casa de Kylie, Justin me trouxe pra sua casa e nós transamos, foi ótimo, agora cá estou eu deitada com a blusa da Purpose de Bieber, e ele deitado abraçado comigo, tava com saudades do cheiro dele.

- Eu tenho que beber água - Digo

- Não,você não precisa beber água agora - Diz ele com uma voz sonolenta fofa.

- Ei risos, eu preciso beber água sim, a não ser que você queire que eu fique desnutrida! - Sido virando pra ficar cara a cara com ele.

- Já disse que você não precisa beber água agora, agora cala a boquinha e vamo dormir mais um pouco.. - Diz ele colocando o dedo indicador na minha boca e fazendo um "Shh".

- Mais e sério babe eu tô com sede - Digo sorrindo.

- Você e muito chata sério, vou te doar pra caridade - Diz ele colocando a mão na minha cara e me empurrando.

- Eu? Risos - Digo - Ok! Você ganhou eu não vou! - Digo abraçando o mesmo, ele apoia o queixo na minha cabeça.

[.......]

- Meu casal favorito voltou meu povo! - Grita Chaz pulando.

- Ae porra! - Grita Ryan abraçando Chaz e pulando junto com o mesmo.

- Caralho vocês tem problemas porra? Não bateram punheta ontem não?! - Pergunta Chris com uma cara de zangado me fazendo rir.

- Acho que não Chris! - Diz Justin que está sentado ao meu lado na mesa.

- Me respeita que eu processo! - Diz Chaz colocando a mão no coração fazendo drama.

- A gente bateu uma ontem sim! Foi ótima! Mais o melhor de tudo e que foi por você! - Diz Ryan mordendo o lábio e apontando pra Chris.

- Aí seu nojento! Porra! Perdi a caralha da fome! - Diz Chris levantando da mesa e levando seu prato pra pia.

- Bom e melhor você ir.. - Diz Justin comendo um pedaço de sua panqueca.

- Oxi.... Por... Quer saber? Esquece e melhor eu ir mesmo.... - Digo, e pensar que ele tinha mudado, que ele realmente tava com saudades de mim... Saio da mesa subindo as escadas pra ir pro quarto de Bieber aonde está minha bolsa, pego a mesma, calço meus saltos e desço as escadas correndo.

- Aonde você vai? - Pergunta Bieber que está em pé em frente a escada.

- Embora! Não sei se você lembra mais você acabou de me mandar ir embora!  - Digo meio que cuspindo as palavras, tento passar por ele mais ele me impede.

- Ok.... Emma.. Eu sei que eu te tratei mal na mesa ok?! Mais não precisa ficar assim comigo! - Diz ele cruzando os braços.

-  Ok Bieber.. Eu só quero ir embora e nada mais - Digo evitando olhar em seus olhos.

- Ok Em... Eu te levo em casa! - Diz ele colocando as mãos no bolso de sua calça supostamente procurando por a chave de seu carro.

- Não!... Não precisa... - Digo.

- Babe... Eu não vou te deixar sair daqui de casa se você não deixar eu te levar de carro! - Diz ele com um sorriso sarcástico no rosto, ele caminha até a porta abrindo a mesma, sigo ele bufando.

[..........]

- Obrigada Bieber - Digo já me preparando pra sair de seu carro, mais sou impedida pela mão de Justin.

- Ei! Espera! - Diz Justin, ele na mesma da hora sela nossos lábios em um beijo calmo, quando nos separamos deixo um sorriso escapar de minha boca, e por incrível que pareça Justin também, telepatia só pode!

Desço do carro e entro pra dentro de meu prédio, dou um sorriso amarelado para o porteiro.

- Bom dia! - Digo sorrindo.

- Bom dia senhora Benson! - Diz ele retribuindo o sorriso. - Ah! Antes que eu me esqueça, chegou uma correspondência pra senhora, aqui está... - Diz ele me entregando uma caixa preta, bem embrulhada.

- Ei... Obrigada Stuart - Digo pegando a caixa e apertando o botão do elevador.


Puta que pariu que caixa pesada! Porra tô quase caindo com ela, ainda mais de salto então piora tudo. Finalmente consigo entrar em casa, entro em casa e coloco a caixa em cima da ilha na cozinha, jogo minha bolsa no sofá e tiro meu saltos colocando os mesmos perto da porta.

Vou até a cozinha procurando por uma tesoura, acho uma dentro do armário, pego a mesma e abro a caixa preta misteriosa.

Dentro dela tem um retrato que tiramos no natal que esta, eu, meu pai, minha mãe, minha vó, Shawn etc.. A família Benson, mais quando chegamos mais perto podemos ver um grande X marcado de vermelho no rosto de meu pai, e dentro da caixa tem um bilhete escrito.

" Olá querida Emma... Quanto tempo não e mesmo?! Como você está linda.... Sim! Estou te vigiando de perto ou melhor... Estou vigiando cada passo que você, seus amigos e sua família dá.. Fique esperta e tome cuidado, posso aparecer quando você menos esperar, estou vigiando cada passo que você da pequena...."

- J -


Puta merda... Eu acabei de ser ameaçada, e pelo Jeremy! Ele está vivo! Pra mim esse cara já tava até morto, tinha tanto tempo que não tinha notícias dele! E agora? O que eu faço? Pera já sei! Vou mandar uma mensagem pro meu pai ou melhor vou ligar! 

Pego meu celular na bolsa correndo e discando o número do meu pai o mais rápido que pude.


                 Ligação ON

Eu: Pai! 

Oi mija!

Eu: Pai pelo amor de Deus me ajuda!

O que foi mija?! Você está me deixando nervoso me explique!

Eu: Pai! Eu acabei de receber uma correspondência de Jeremy! De Jeremy pai! Você tem noção?!

Puta merda.....

Eu: PAI? 

Sim mija estou ouvindo, acredite estou nervoso também.

Eu: Ele me ameaçou pai! Disse pra eu tomar cuidado por que ele está vigiando cada passo que eu dou! 

Eu: Eu tô com medo pai! 

Eu: Muito medo! Me ajuda pai! Vem pra cá por favor! 

Ok mija, vou ver aqui com sua mãe e vamos nos mudar pra Nova York, mais enquanto ainda estou resolvendo as coisas tome cuidado por aí! Não se esqueça de usar a arma em qualquer coisa! Pela sua segurança minha filha ande com sua arma 24 horas por dia na bolsa, você tem que estar preparada pra qualquer coisa! 

Tome cuidado e nós te amamos Emma

Eu: Ok pai! Também amo vocês.. Beijos


                  Ligação OFF


Desligo o celular com minhas mãos tremendo, na mesma da hora vou até meu quarto, subo em cima da cama pra alcançar o armário, consigo alcançar o armário e pego um Revólver Taurus Dourado que ganhei de meu pai quando fiz 14 anos, sim! Meu pai me ensinou a atirar, lutar e a negociar dês de pequena, se eu não me desse bem sendo modelo poderia ser até uma mercenária.






Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...