História My Boss (Imagine Jungkook) - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias 4Minute, Bangtan Boys (BTS), EXO, G-Dragon, Girls' Generation, Got7, High4, HyunA, Jay Park, Monsta X, Taeyang, VIXX
Personagens Alex, Baekhyun, BamBam, Bang Chan, Chanyeol, Chen, D.O, Ga Yoon, G-Dragon, Han Ji-sung, Hongbin, Hwang Hyun-jin, Hyoyeon, Hyuk, Hyun A, HyunA, Hyung Won, I'M, Jackson, Jay Park, JB, Jessica, J-hope, Ji Hyun, Ji Yoon, Jimin, Jin, Jinyoung, Joo Heon, Jungkook, Kai, Ken, Ki Hyun, Kim Seung-min, Kim Woo-jin, Kris Wu, Lay, Lee Felix, Lee Min-ho, Leo, Lu Han, Mark, Min Hyuk, Myunghan, N, Personagens Originais, Rap Monster, Ravi, Sehun, Seo Chang-bin, Seohyun, Show Nu, So Hyun, Sooyoung, Suga, Suho, Sunggu, Sunny, Taeyang, Taeyeon, Tao, Tiffany, V, Won Ho, Xiumin, Yang Jeong-in, Yoona, Youngjae, Youngjun, Yugyeom, Yuri
Tags Drama, Romance
Visualizações 143
Palavras 2.449
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Hentai, Lemon, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OIE :)

ESPERO QUE GOSTEM DO CAPÍTULO!

BEIJOS 😘

☕ BOA LEITURA ☕

Capítulo 2 - I will not be back!


Fanfic / Fanfiction My Boss (Imagine Jungkook) - Capítulo 2 - I will not be back!

"Caindo (tudo está)

Caindo (tudo está)

Caindo (tudo está) desabando


Caindo (tudo está)

Caindo (tudo está)

Caindo (tudo está) caindo


Você me destrói assim

Eu vou parar, não quero mais você

Eu não consigo mais fazer isso, que merda

Por favor, não me peça mais desculpas


Você não pode fazer isso comigo

Cada palavra sua é como um tapa-olho

Escondendo a verdade e rasgando-me

Me corta, me faz louco, eu odeio tudo

Leve tudo embora agora, eu te odeio


Mas, você é o meu tudo, você é o meu

Tudo, você é o meu

Tudo, você é o meu


Por favor, vá embora daqui, huh!

Desculpa, eu te odeio

Eu te amo, eu te odeio

Me perdoe


Eu preciso de você, garota

Por que eu me apaixono e

digo adeus sozinho?

Eu preciso de você, garota

Por que eu preciso de você mesmo sabendo que vou me machucar?


Eu preciso de você, garota, você é linda

Eu preciso de você, garota, você é fria

Eu preciso de você, garota, eu preciso de você, garota

Eu preciso de você, garota, eu preciso de você, garota


Isso vai e volta, por que eu continuo voltando?

Eu vou baixo e baixo, eu sou um completo idiota

Eu tentei de tudo, mas não consigo ajudar

Isto está em meu coração, mente e emoção ..." 





    Capítulo 1




• P.O.V  ______ On




Acordo com o som do despertador invadir meus ouvidos, bocejo meio sonolenta. Me sento na cama e vou me espreguiçar, e como sempre eu acordo às 07:00 am em ponto. 


Levanto da cama indo em direção ao meu banheiro, adentro nele já começando a fazer as minhas higienes pessoais. Me despi entrando no box, abri a registro deixando a água morna entrar em contato com a minha pele, senti um choque térmico.




(...)




Estava vestida já, trajava uma calça jeans da cor azul despojado, uma blusa da cor branca que era até um pouco transparente. Um salto alto, passo apenas um batom da cor nude. Arrumo meus cabelos deixando eles soltos, é raro eu passar maquiagem eu gosto mais de mostrar a beleza natural. Pego minha bolsa para conferir se não faltava nada. 


Saio do quarto indo pra cozinha, abri a geladeira pegando já uma maçã, o trabalho tem me consumido muito isso eu confesso. E bem difícil eu conseguir comer em paz e tranquila, suspiro e dou uma mordida na maçã. 


Termino a maçã, vou caminhando até o banheiro, escovei meus dentes. Termino e fico pronta, pego a bolsa e a chave de casa. Saio do apartamento trancando a porta, guardo a chave em minha bolsa enquanto andava tranquilamente pelo corredor. Paro na frente do elevador, aperto o botão, não demorou muito para as portas se abrirem, entro marcando o térreo. Em segundos ouvi o barulhinho e as portas se abrem de novo, e como sempre eu dou um "Bom dia" pro porteiro. Saio do apartamento e na frente do prédio havia taxistas. Pego um e dou o endereço da empresa. 





* 




Assim que adentro na empresa já dou de cara com a GaYoon, não tem nem mais como contar nos dedos às vezes que eu tive que aturar essa escandalosa gemendo que nem uma cabra no cio. Como se fosse a oitava maravilha do mundo transar com o Jeon. 




GaYoon - Está atrasada! - Diz com uma voz que chega a enjoar - 



- Ah não começa foram só dois minutos! - Digo olhando pro relógio na parede -

 


GaYoon - Não interessa o senhor Jeon quer te ver na sala dele agora mesmo! - Diz ela cruzando os braços - 



- Aish ... - Passo fazendo questão de esbarrar nela - 




Nem morta eu vou naquela sala, quase fui assediada da última vez, e cada uma que já me aconteceu desde que eu comecei a trabalhar aqui. Se eu contar vai dar pra fazer um livro de 400 páginas. Mas enfim, eu subo de elevador no corredor da sala do Jeon, apenas fico quietinha na minha e me sento na mesa.


E como uma boa funcionária que sou, começo a ler os papéis e a revisar. Tudo tava silêncio pelo menos um dia de paz aqui era quase raro. Senti um perfume amadeirado invadir as minhas narinas, meu corpo todo congelou ao sentir sua respiração preto do meu rosto. Já sabia quem era é sempre eu ficava gaguejando perto dele.




Jeon - Eu não mandei você aparecer na minha sala?! - Disse ele com uma rouca -

 


- S-sim ... M-mas ... - Ele me interrompe - 



Jeon - Você o que?Uh? - Diz jogando todo o meu cabelo pra lado, meu pescoço estava totalmente exposto - quando eu tinha mandar fazer alguma coisa, você faz! - Diz mordendo o módulo de minha orelha me fazendo arrepiar - está entendido?! 



- S-sim senhor! - Digo com a respiração mais pesada - 



Jeon - Está linda, mas sabe que eu prefiro te ver sem roupa - Diz desferindo um selar molhado em meu pescoço - prefiro ver com é você gemendo na cama! - Disse desferindo mais um selar - 



- S-senhor Jeon ... - Levanto rapidamente da cadeira - eu tenho trabalho para fazer! - Falo firme - 



Jeon - Lembre-se que sou o chefe é o que eu mandar você irá fazer! - Disse demonstrando que ele não tava  brincando - 



- E-eu sei mas, acho que tem que ter um limite! - Falo com coragem e determinação eu acho - 



Jeon - "Você acha"? - Diz fazendo aspas com os dedos - acho que hoje você vai ter muito o que fazer, se prepare que você só vai sair dessa empresa quando eu mandar! - Disse colocando as mãos nos bolsos da sua calça - peça para a GaYoon te dar alguns papéis! - Fala e se retira - 




Revirei os olhos com tédio, suspiro e já vi que eu deveria ter ficado de boca fechada mas se eu ficasse séria errado da minha parte. Não dá pra entender mais nada agora, me sento novamente na cadeira. 




• P.O.V  ______ Off 




× P.O.V  Jeon Jungkook On 




Aquela mulher está me desafiando, e pior que eu gosto. Adoro ver ela estressada e atrapalhada, notei como estava linda hoje é sempre. 


Seu corpo me chama atenção toda vez que eu a vejo, aquelas calças que ela põe que deixa suas coxas marcadas, aquele decote mostrando os seios. Só de pensar senti meu amiguinho acordar. 




- Só pode estar de brincadeira ... - começo a desfivelar o cinto - 




Pego o telefone e mando chamar a GaYoon, ela tem sido uma boa diversão mas eu já to ficando cansado de repetir ela. Preciso de um brinquedinho nova, mas o que eu quero é bem difícil. 


Ouvi alguém bater na porta, digo um "Entre", logo vejo a silhueta da GaYoon entrando na sala.




GaYoon - Me chamou senhor Jeon? - Diz com uma voz meio irritante, uma cara de safada - 



- Sim, quero essa boquinha fazendo um ótimo trabalho! - Falo apertando a minha ereção - 



GaYoon - Com todo o prazer! - Disse fechando a porta atrás de si - 




Vem em passos largos até mim, odeio que encoste em mim sem eu permitir. Ela sabe o que tem que fazer e como tem que fazer. 




GaYoon - Vou chupar você direitinho! - Disse se ajoelhando entre as minhas pernas -

 


- Pra você é senhor Jeon!! - Falo sério - 



GaYoon - Uhum ... - Murmura baixando o zíper da minha calça - 




Meu membro salta pra fora, escorria o pré-gozo, a mesma pega no meu falo fazendo movimentos de vai e vem. Não era ela que eu queria agora mas logo isso vai mudar, poderei tirar proveito. 




× P.O.V  Jeon Jungkook Off 




≈ P.O.V  ______ On 




* 




Tive que aturar a GaYoon me mandando uma pilha de papéis, e tive que ouvir quase a tarde toda os gemidos vindo da sala do demônio. Difícil suportar isso, e toda hora essa palhaçada. 




Somin - Oi amiga ... - Apareceu me assustando - 



- Eita - Coloco a mão no coração - não aparece mais assim! - resmungo - 



Somin - Ai por quê a minha bebê ta de mal humor? - Disse se sentando em cima da minha mesa - 



- Você sabe, o de sempre! - Largo a caneta que eu tinha em mãos - 



Somin - Sempre aquele animal, mas não dá bola... - Disse mudando de expressão - já ta na nossa hora, vamos? - Fala arqueando a sobrancelha - 



- Eu não posso, tenho tudo isso aqui pra resolver. - Torci o lábio - 



Somin - Aish mas que merda! - Cruza os braços - 



- Fazer o que né, pode ir é cadê o Hoseok? - Me encosto no encosto da cadeira - 



Somin - Ele foi embora mais cedo, ele te mandou um beijo - Ela franziu o cenho - agora me lembrando, amanhã iremos sair todos juntos em! - Diz sorrindo - 



- Pra onde? - Pergunto curiosa - 



Somin - A gente combinou ontem de ir no restaurante que abriu, lembra? - Me olha fixamente - 



- Ae verdade, é tanta coisa na minha cabeça que eu até me esqueci! - Balanço a cabeça negativamente - 



Somin - Tudo por causa daquele cafetão! - Rosna - 



- Cafetão? - Solto uma gargalhada - 



Somin - Deixa pra lá ...



- Você nunca vai me falar por que odeia tanto ele né? - Olho pra ela - 



Somin - Quem sabe um dia ______! - Se retira de cima da mesa - bom então até mais, qualquer coisa me liga em! - Fala dando um selar em minha bochecha - 



- Ta bem, pode deixar! - Sorri e a mesma deu tchau - 




Assim que ela saiu eu volto a fazer os meus afazeres, já era 23:45 e eu ainda não tinha acabado. 


Todos já tinham ido embora, ai a pessoa aqui tem que ficar sentada com a bunda dolorida. Aish eu mereço isso mesmo né, trabalho estranho. 




Jeon - VOCÊ JÁ TERMINOU?! - Ele tava alterado - 



- M-meu ... - Senti que meu coração tava querendo sair pela boca - 



Jeon - NÃO ESCUTOU?! - Me olha seriamente - 



- E-escutei - Respiro fundo - eu ainda não acabei! 



Jeon - E ta esperando o que? - Apoia suas mãos na mesa - 



- Se você não estivesse me atrapalhando eu já teria terminado! - Falo irritada - 



Jeon - Repete!! - Me olha com fogo nos olhos - 



- E-eu disse ... - Sou interrompida por ele jogando todos os papéis no chão - 



Jeon - Quero tudo isso organizado em ordem alfabética! - Fala sério e sai andando e entra na sala dele - 



- Merda ... - Começo a praquejar - 




Levanto e me abaixo, começo a recolher os papéis, tava tudo misturado vai ser uma eternidade deixar tudo em ordem alfabética. 


Recolhi tudo, começo a organizar eu bocejo e tava morrendo de sono. Consegui depois de quasr uma hora, pego os papéis e vou indo em direção a sala dele. Bati na porta e tive a permissão para entrar. 




Jeon - Terminou? - Fala com uma cara nada boa - 



- Sim senhor! - Coloco os papéis em cima da mesa - 



Jeon - Ótimo - Respira fundo - anda me desafiando muito ultimamente... 



- ... - Fico em silêncio - 



Jeon - Será que você é brava assim na cama? - Passo seus dedos por seus lábios - 



- Aish - Revirei os olhos - 



Jeon - Não gosto que revire os olhos pra mim!! - Levanta da cadeira - odeio isso.



- Tanto faz! - Tava quase sem paciência - 



Jeon - ______!!! - Se aproxima de mim - 




Fui puxada tendo meu corpo se chocando com o dele, minha respiração ficou mais pesada, ele sorriu malicioso me olhando fixo.




Jeon - Eu sei que você gostaria de estar na minha cama! - Aproxima mais seu rosto do meu - gostaria de ver você de bruços toda marcada pelas palmadas, gostaria de ver você me chupando. - Suas mãos descem até a minha bunda - você quer né? 



- N-não! - Tento sair mas ele me envolve mais em seus braços - 



Jeon - Você é difícil! - Sua voz saiu como um sussurro - 



- M-me solta! - Começo a me debater - 



Jeon - É se eu não quiser? - aperto a minha cintura - 



- Você é um idiota! - Acerto meu joelho em sua parte íntima - 



O mesmo me solta na hora e se abaixa um pouco, ele grunia de dor e me olhou com uma cara feia.




Jeon - V-você me paga ______! - Puxa o ar entre dentes - 




Saio dali praticamente correndo, vou até a mesa e pego as minhas coisas e corro pra dentro do elevador que logo se fecha. Meu coração ta acelerado, isso vai trazer muitas consequências. 


Assim que o elevador se abro eu saio correndo, as ruas estavam bem escuras. Por sorte tava passando um táxi, entro e dou meu endereço, respiro fundo olhando a vista pela janela do quarto. 


Engoli o seco e o taxista para na frente do prédio, pago ele já saindo do carro. Adentro no prédio, entro no elevador e aperto para subir no 5° andar. Assim que chego procuro as chaves na minha bolsa, minhas mãos tremiam sem parar. Fiquei tão abalada assim mesmo, entro em casa trancando a porta em seguida. 


De uma coisa eu sei, eu não vou ir trabalhar amanhã mas nem louca. Aish fui cutucar a onça com vara curta. 




"Mas, eu não escuto as minhas palavras

Murmuro de novo, eu murmuro de novo

Murmuro de novo, eu murmuro de novo

Você não diz nada, eu irei te tratar bem, por favor

O céu está azul novamente, o céu está azul novamente


O céu está azul, o sol brilhante está

Então, você pode ver, claramente, minhas lágrimas

Por que eu amo você? Por que você?

Por que eu não consigo te deixar?


Eu preciso de você, garota

Por que eu preciso de você mesmo sabendo que vou me machucar?

Eu preciso de você, garota

Por que eu preciso de você, mesmo sabendo que você me machuca?


Eu preciso de você, garota, você é linda

Eu preciso de você, garota, você é fria

Eu preciso de você, garota, eu preciso de você, garota

Eu preciso de você, garota, eu preciso de você, garota


Garota, me diga adeus de vez

Garota, me diga que não era amor

Eu não tenho coragem


Por favor, me dê um ultimo presente

Me deixe, nunca mais voltarei de novo

Eu preciso de você, garota

Por que eu preciso de você

Mesmo sabendo que vou me machucar?

Eu preciso de você, garota

Por que eu preciso de você, mesmo sabendo que você me machuca?


Eu preciso de você, garota, você é linda

Eu preciso de você, garota, você é fria

Eu preciso de você, garota


Eu preciso de você, garota (eu preciso de você, garota)

Eu preciso de você, garota" 




(I Need U - BTS)  




  


CONTINUA!!! 




Notas Finais


ESPERO QUE TENHAM GOSTADO!

COMENTEM BOLINHOS DE ARROZ :")

❤❤❤❤❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...