História My Boyfriend Is a Hybrid. (Imagine-Jungkook) - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 126
Palavras 1.821
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Zenti... sinceramente? Eu achava que isso aqui não ia chegar nem a 10 favoritos...eu sei que 23 é pouco mas pra mim já é um começo então obrigada

Te amo vocês ❤

Desculpem qualquer erro

Tenham uma boa leitura ❤

Capítulo 5 - - Cinco


-sim né, oque Jungkook? - coloquei a mão na cintura.

- Eles não vão vim...

- Porque não? 

- Eles me falaram que estavam sem tempo...

- Mas você me falou que já tinha falado com eles, e que o Yoongi estaria até meio ocupado.

- Mentira, em momento nenhum eu falei que já tinha falado com eles.

- Mas do jeito que você me chamou, parecia muito que você já tinha chamado eles.

- Tá eu não chamei eles nem ontem nem hoje, eles não sabem desse encontro na sorveteria, eu só falei que eles iam pra você aceitar - falou meio envergonhada. Ri pela sua atitude.

- Vamos logo - Falei o puxando para dentro da sorveteria. 

- qual sabor você quer? 

- chocolate por favor. - sorri e Jungkook faz um, Ok, com os dedos. Enquanto Jungkook comprava o sorvete eu fiquei sentada em uma mesa, mechendo do no celular. Uma pessoa passa por mim com um perfume muito, muito forte, completo exagerado. Olhei para a pessoa, e puta que me pariu de quatro. Tiffany estava indo em direção ao Jungkook, sorrindo e rebolando aquela bunda que ela não tem, enquanto Jungkook vinha até mim com os dois sorvetes na mão. Tiffany parou bem na frente do Jungkook que a ignorou completamente e passou reto chegando até mim.

- Aqui o seu, _____. - falou me entregando o sorvete, e sentando do meu lado.

- Obrigada, Gukie.

- Como sabe meu apelido?

- Tenho meus contatos. - Rio

- Então tá né. - Riu junto a mim.

- Kookizinhoo - escutei aquela voz fina extremamente irritante. Olhei pra o lado do Jungkook e vi Tiffany sorrindo o olhando. - Oque está fazendo com essa aí? Porque não senta comigo Oppa? Depois podemos ir na sua casa para brincar um pouco.

- primeiro, Eu saiu com quem eu quiser. Segundo, Eu. Não. Sou. Seu. Oppa. Terceiro, não estou com um pingo de vontade de sentar com você muito menos te levar pra minha casa, então cai fora daqui - Jungkook falou frio e eu me segurei pra não rir da cara da Tiffany. A mesma saiu de perto de nós com aquela cara de gente que não sabe oque fazer quando leva um fora. - não precisa segurar o riso - Jungkook me olhou rindo um pouco e eu comecei a rir um pouco me contendo pra não soltar aquela risada de cabra parindo elefante. 

¥Quebra de tempo¥

Eu e Jungkook ainda estávamos na sorveteria já era o quinto sorvete que compramos, estávamos brincando de quem pisca primeiro, fazia uns 20 minutos que estávamos ali sem piscar um olhando pra cara do outro, os olhos de Jungkook não estavam nem um pouco vermelho oja os meus, ardiam tantos que até as lágrimas estavam descendo, mas nem fechar um pouquinho o olho eu fechei. Ficamos ali por mais alguns minutos e Jungkook se distraiu olhando pra algum lugar e logo piscar.

- GANHEI - praticamente gritei piscando várias vezes.

- aaaah, não vale, eu me distrai! - falou emburrado oque me fez rir. Olhei pra minha mão e vi meu sorvete se derretendo aos poucos.

- Que sabor é esse, Jungkook? -  perguntei me referindo ao sorvete dele.

- eu nunca lembro o nome dele, mas é muito bom, tem pedaços de chocolates e cookies. 

- me dá um pouquinho - sorri quadrado 

- abre a boca - falou e eu abri a boca, ele aproximou seu sorte da minha boca porém logo desviou para a bochecha e melou ali rindo, semicerrei os olhos.

- ae? Agora você vai ver - taquei o sorvete nele melando praticamente seu rosto todo, vendo ele ficar com a expressão frustrada. Eita mainha. - Dasi run run run - falei me levantando e corri pra fora da sorveteria, olhei pra trás e vi ele correndo atrás de mim. Sabe de uma coisa? Parei e fiquei olhando ele se aproximar. Minhas pernas são curtas, sou muito baixinha então do que vai adiantar eu correr dele? 

- sua pestinha - Jungkook falou, assim que chegou perto de mim, me colocando em seu ombro e levando pra dentro da sorveteria de novo, me sentou na cadeia e sentou do meu lado - agora você vai limpar - pegou os guardanapos e me entregou. olhei pro seu rosto todo sujo e segurei o riso - vai logo! 

- Tá bom, Tá bom, seu chato - ri colocando minha mão esquerda em seu queixo e com a direita pego o guardanapo e como a limpar o rosto dele. - vai passar água - falei vendo ele se levantar e ir até o banheiro. Fiquei esperando ele até sentir uma coisa gelada cair em minha cabeça, me molhando toda, olhei pra trás e vi Tiffany  jogando um copo de suco em mim. Bati em sua mão vendo o copo voar da mão dela é cair no chão se quebrando. - AGORA EU TE MATO SUA VACA - falei, e quando eu ia voar em cima dela sinto os braços de alguém me segurar por trás e Tiffany ri sainda dá sorveteria. Olhei pra trás e vi Jungkook que logo me soltou. - qual é porque não me soltou? 

- Não iria gostar de saber - soltou uma risada fraca. - Vamos a minha casa, daqui que chegue na do Yoongi você estará gripada. - falo me puxando pra fora da sorveteria.

- Deixa eu ver aquele demônio...ela vai vê... - falei baixo.

- Não chegue perto da Tiffany, ok?

- Porque não?

- Só não vá. H- falou, oque me fez bufar irritada.

- Ok, Ok.

¥Quebra de tempo¥

- aish, estou falando, me de apenas uma camisa sua, a maior que tiver - insistia a Jungkook, ele queria que colocasse uma calça moletom dele e Uma regata, mas como eu já disse eu sou muito baixinha, então uma camiseta seria melhor, ficaria um vestido normal em mim, ou seja, não ficaria curto.

- Ok, Ok - Jungkook me entregou uma camiseta cinza e eu peguei o cinto que tinha no meu short e entrei no banheiro, tomei banho e coloquei a camisa de Jungkook, e como falei, ficou um vestido, coloquei o sinto acima da cintura apenas pra realmente parecer um vestido e sai do banheiro vendo Jungkook sentado na cama me olhando.

- Viu? Falei que seria melhor a camiseta.

- realmente, o sinto ajudou a valorizar suas curvas... - falou me olhando dos pés a cabeça me fazendo corar.

- tenho que ir pra casa agora, eu acho né...

- Ah não, vamos assistir algo antes! 

- tipo?

- IRON MAN.

- QUERO.

- MELHOR HERÓI.

- VERDADE. - rimos e descemos para a sala. - Jungkook

- Eu

- Não, minha mãe!

- Falo logo - riu jogando a almofada em mim

- você tem chocolate aí? 

- tenho.

- tem Leite de moça?

- Também.

- ótimo, vou fazer brigadeiro.

- biga oque?

- bri.ga.dei.ro.

- Bigraderio?

- Brigadeiro.

- Bidagueiro?

- Bri.ga.dei.ro

- Bi.ro.dei.gro?

- BRIGADEIRO, PORRA.

- AI CUNHÃO! NUM GRITA QUE EU ME ASSUSTO FÁCIL!

- ENTÃO FALA CERTO, CARALHO!

- BIDEREIGO, PORRA. 

- BRIGADEIRO, VIADO!

- EU VOU TE MOSTRAR O VIADO JAJA!


- REPETI COMIGO, BRI

- BRI

- GA

- GA

- DEI

- DEI

-RO

-RO

- BRIGADEIRO

- BRI- BRIGARE, BRI- BRIGADEIRO!

- FINALMENTE, VIADO.

- PARA DE ME CHAMAR DE VIADO.

- V-I-A-DO - soletrei - VIADO - falei e vi ele se levantando, me levantei também e sai correndo pra cozinha pegando a frigideira - PERTO DA TV LONGE DE QUEM COZINHA, SAI DAQUI - Falei tacando a frigideira nele assim que ele entrou.

- Aí, aí cunhão. - falou saindo da cozinha e eu ri pegando os ingredientes e começando a fazer o brigadeiro. Peguei a faca pra abrir a caixa de leite de moça, e como sou um desastre em pessoa, acabei me cortando e sem perceber deixar cair um pouquinho de sangue na panela em que já tinha colocado uma caixinha de leite de moça. Lavei meu dedo e continuei fazendo o brigadeiro, assim que terminei coloquei na geladeira e sentei em cima da pia esperando o brigadeiro esfriar. Senti meu dedo arde e olhei o mesmo, o corte foi um pouco fundo. Como de costume comecei a espremer fazendo o sangue sair. parece nojento mas eu tenho um costume enorme de chupar meu próprio sangue.

Jungkook on

____ estava demorando um pouco demais...descidi esperar mais um pouco e fiquei pensando...até o cheiro de sangue invadir minhas narinas. Merda, merda, merda...faz tanto tempo que não bebo sangue humano.

Me levantei e sai correndo até a cozinha, mas paro assim que chegou na porta e ando normalmente até vê ___ na pia espremendo o dedo enquanto o sangue saía.

- se cortou? - me aproximei dele olhando seu dedo...se controle Jungkook... é só um pouco de sangue...____ falou algo porém não prestei atenção, eu estava me matando por dentro olhando aquele pouco sangue descer de seu dedo, não me segurei e peguei seu dedo colocando em minha boca e o chupando.

- WTF - escutei ____ gritar e arregalei os olhos largando seu dedo e olhando pra ela - cê não tem nojo não migo? 

- N-não...

- Ok né... - ela se levantou e abriu a geladeira tirando dela um prato com um negócio que parecia chocolate, provavelmente é aquele negócio... é...bigradeu...brigaredu... brigadeiro... é Brigadeiro! - Vamos pra sala? - foi andando até a sala e eu a segui. É impressão minha ou...esse brigadeiro está com cheiro de sangue? - você tá bem Jungkook? - passou a mão na frente do meu rosto me fazendo sair do transe...

- a sim estou... - sorri fraco me sentando no sofá. _____ se senta ao meu lado e eu coloco um filme de terror, começamos a assistir e a comer, cada parte de susto _____ dava um pulo e as vezes se agarrava em mim oque me fez rir um pouco. Sabe... geralmente eu acho comida ruim, mas esse negócio estava até bonzinho.... não estava tão ruim como outras coisas.

¥Quebra de tempo¥

Eu estava morrendo de fome..._____ não sai nem pra ir ao banheiro, desse jeito vou acabar me alimentando dela...

- eu vou beber uma água... - falei me levantando.

- Ok... - fui até a cozinha olhei algumas vezes disfarçadamente pra ver se ela não estava olhando, e a mesma estava concentrada no filme. Fui até a geladeira e abri procurando alguma coisa pra comer, até achar um prado de carne crua com um pouco de sangue, fui até a pia e abri ele começando a comer como se não comesse a um século.

______ on

Jungkook estava estranho...ele foi na cozinha, percebi que ele ficava olhando pra sala, mas eu sou uma ótima atrás então fingi prestar atenção no filme. Assim que vi que ele não estava mais olhando me levantei devagar sem fazer o mínimo barulho e fui até a porta da cozinha olhando. Ele está, comendo carne crua? E ainda bebeu o sangue que tinha no prato? Wtf mano... Fiquei o olhando até que ele olha pra mim e arregala os olhos, seus olhos estavam vermelhos. Arregalei os olhos e voltei correndo pro sofá fingindo que nada aconteceu. Depois de um tempo Jungkook voltou pra sala, não vou mentir que estou com um pouco de medo dele.

- _____, podemos conversar?


Notas Finais


Tá uma bosta esse capítulo, MAAAAAAS, fazer oque né :')

Até o próximo zenti❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...