História My Brother - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Visualizações 27
Palavras 527
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


· Imagine de Drama do Jimin.
· Não estou fazendo apologia a suicídio e abuso de incapaz.
· Leia os avisos e observe o gênero. Se por acaso você se interessar, leia, favorite e comente.
· Se contém algum erro, desculpe-me.
· Só isso, beijos e espero que gostem!

Capítulo 5 - Talvez um beijo..


Fanfic / Fanfiction My Brother - Capítulo 5 - Talvez um beijo..

Jimin se aproxima me fazendo dar passos para trás

─ Ji-Jimin - Olhei para o mais velho

Em poucos segundos sinto meu corpo cair na cama

─ Está com medo? - O garoto me encara

Jimin lentamente sobe em cima de mim

─ Está? - Jimin pergunta novamente e aproxima seu rosto do meu

Os sentimentos de medo estavam estampados no meu rosto e eu odiava ficar por baixo.

Segurei na camisa do mais velho e o empurrei para o lado, logo em seguida ficando por cima do mesmo.

─ Não - Aproximei meu rosto e o encarei

Jimin sorri surpreso pela minha atitude

─ O que foi? Não aceita estar por baixo de uma garota, Park Jimin? - Sorri convencida

O garoto já bravo por me ver zombar dele rapidamente coloca as mãos em minha nuca e se aproxima de meu rosto.

Senti sua respiração forte e rápida

─ O que vai fazer agora? Hum? - Ele diz me deixando nervosa e pasma

─ Na-Nada

─ Não mesmo? - Ele se aproxima ainda mais

Meu coração estava saindo pela boca, meu irmão estava praticamente a me beijar e eu literalmente não estava gostando de me ver numa situação daquelas

Não queria beija-ló, mas sinto como se uma parte de mim achasse ele um gato e que não seria um crime beija-ló só por alguns segundos.

Eu estava perdida e envergonhada pois mesmo estando por cima ele manteve o controle.

Park Jimin é um desgraçado, aquele garoto é lindo de uma forma completamente idiota e ao mesmo tempo é irritante por ser meu irmão controlador.

Mas eu tenho que lembrar que eu sou irmã dele e que se ele quiser beijar, beijará uma vadia por que eu não sou tão fácil assim, não mesmo.

Encarei Jimin e o empurrei forte o fazendo bater fortemente as costas na parede

─ Gostou do que eu te fiz? - Me levantei e fui até o mesmo

─ Na proxima, seja mais específico do que quer e não fique no meu caminho. - Abri a porta do quarto e saí

Corri para o banheiro e tranquei a porta

─ Por pouco e eu não me controlo - Passei a mão pelo meu rosto tentando me acalmar

─ Vou ter que aguentar firme, não gostei nada das provocações dele. - Olhei para o espelho e respirei fundo

─ Vamos lá S/N!! Ele é só um garotinho de 20 anos, você consegue ficar por cima.

Respirei fundo novamente e girei a chave para destrancar a porta do banheiro

─ Você consegue.

Coloquei a mão na maçaneta da porta e a abri

Dei alguns passos para frente, mas acabei dando de cara com minha mãe

─ O que houve S/N? Parece até que viu um fantasma.

─ E vi mesmo - Falei para a mesma

─ Filha você deve ter assistido muitos filmes ultimamente, fantasmas não existem - Sorri

─ Existem e eu conheço um chamado Park Jimin - Sussurrei e minha mãe olha estranho

─ Hum? - Ela pergunta por não ter escutado o que eu falei

─ Nada - Sorri

─ Ok, eu vou arrumar umas coisas para o seu irmão, então eu vou indo. - Deixa um selar em minha testa

─ E não assista mais esses filmes, foi apenas um sonho, não era fantasma algum.

Omma entra em seu quarto

─ Park Jimin está mais para Diabo do que para fantasma.

Continua...





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...