História My daddy - Xiumin - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Lay, Personagens Originais, Sehun, Suho, Xiumin
Visualizações 41
Palavras 1.188
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Lemon, Violência
Avisos: Álcool, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


°•. Reescrevendo °•.

Não esqueçam de mim.

Boa leitura

♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡

Capítulo 1 - My daddy - Capítulo 1


Fanfic / Fanfiction My daddy - Xiumin - Capítulo 1 - My daddy - Capítulo 1

Pov's S/n

Estava eu lindíssima e plena deitada no sofá esperando meus pais chegarem do serviço.

(...)

 Jeon SoYeon: Filha? Chegamos. - disse ela com o seu sotaque coreano, já que a mesma e da Coreia e meu pai é brasileiro -

S/p: S/n precisamos falar com você - olhei para o mesmo já confusa e vi que a cara de minha mãe não era nada boa -

S/n: pode falar - começei a ficar nervosa -

Jeon SoYeon: Então, é que eu e seu pai decidimos te vender. - disse ríspida, como ela teve coragem de falar isso na minha cara, sem nem mais nem menos? -

S/n: Me vender? COMO ASSIM? - falei um pouco alterada - 

S/p: você vai para a Coreia do Sul - disse e senti lágrimas descerem por minha Bochecha -

S/n: EU VOU MORAR COM QUEM??? - mesmo eu tendo 20 anos eu mal conheço a Coreia ao menos vou viver livre, longe deles que nunca me deram amor, nem carinho, só pensavam no dinheiro, mais pelo jeito nunca vão mudar.-

Jeon SoYeon: olha só Jeon S/n, você vai morar com um rapaz chamado Kim MinSeok.

S/n: mais pra que isso?  qual o motivo? Eu sei que é pelo dinheiro...

Jeon SoYeon: Não interessa, só suba para seu quarto e arrume suas malas, leve tudo. - ordenou ela como se não fosse minha mãe -

Assim fiz e subi batendo os pés,  arrumei minha mala e me troquei, coloquei um cropped preto que era tão apertado que marcava meus peitos, uma calça rasgada e uma blusa simples e um tenis e desci para tomar um suco, passei pela sala e vi um rapaz de costas. Mais deve ser amigo do meu pai então nem prestei atenção e continuei o trajeto até a cozinha,  tomei o suco e voltei pra sala e vi o rapaz de frente me encarando com um sorriso diferente não sei explicar com podemos dizer olhares ao meu corpo e malicioso.

Xm: Aah você é a S/n? - perguntou e olhei diretamente nos olhos do maior e percebi que ele deu uma rápida olhada em meus seios sem que eu perceba mais percebi  -

Nesse momento só estávamos eu e ele na sala.

S/n: Sim, eu mesma, Prazer!  - disse indo o abraçar ou melhor complementa - lo e o mesmo cochichou em meus ouvidos para que ninguem escutasse -

Xm: Prazer? Prazer é só na minha cama - eita carai depois que ele disse isso arrepiei todas as partes de meu corpo -

Não falei nada depois que xiumin disse aquilo, mais fiquei pensando a todo momento naquela mesma frase. Despedi de meus pais e fomos para o carro a caminho do aeroporto.
Chegamos lá, e pro meu azar ainda faltava 2 horas para o avião sair, então ficamos sentados no banco, até que o mais velho se pronunciou:

Xm: S/n?

S/n: Fala! - falei nada empolgada com oque esse cara queria -

Xm: Tô com um probleminha...

S/n: Que problema? - perguntei -

Xm: Você sabe.

S/n: Como você quer q eu saiba??

Xm: S/n para de ser burra! 

S/n: aaaata, você ta achando que eu vou pagar um boquete pra você?

Xm: pois você vai! - disse se levantando -

S/n: Não vai dá não, não sou obrigada a nada meu anjo.

Xm: Escuta aqui, eu te comprei então quem decide oque você vai fazer é eu, não você , agora levanta e vai em direção  aquele banheiro e me espera lá.

 Que RAIVA DESSE DESGRAÇADO MAL CONHEÇO E JÁ ODEIO, VOU TER QUE LEVAR ESSE CARA PRO RESTO DA VIDA??

Então fui em direção ao banheiro e fiquei sentada no chão esperando ele.


10 minutos depois
 

Escutei a porta ser aberta e depois se fechar rapidamente.

Xm: Baby? - veio em minha direção retirando sua camiseta


S/n: Porque tirou sua camisa? - perguntei mais o mesmo não me respondeu  -

Xm: posso te fazer umas perguntas?  - se sentou ao meu lado - quero te conhecer melhor

S/n: Pode!

Xm: Você é virgem?

S/n: Sim - falei timida -

Xm: Então eu deveria tirar sua virgindade?


S/n: O QUE? VOCÊ  ESTA LOUCO? NÃO É  PORQUE VOCÊ  ME COMPROU  QUE VOU DEIXA-LO SIMPLESMENTE TIRAR MINHA VIRGINDADE!

Xm: Olha só, você  me esculte bem: você não  tem que querer nada, quem manda aqui sou eu, então vê se abaixa esse tom, gracinha. E claro, estamos em um banheiro, PÚBLICO, então  quem ouvir todo esse seu drama, pode achar que tem alguém sendo abusado, oras.

S/n: Ah, sim senhor chefão, Kim... Minseok? Dono do mundo? Quer o universo bebê?

Xm: Você  realmente consegue ser uma mimada infantil, pelo jeito terá  que ter diversas punições.

S/n: Sim, claro, mimada? Eu mesma.

Xm: Vamos logo, já perdi muito tempo com você piralha. - disse sem muita paciência.-

Me levantei do chão, e comecei a seguir o mesmo até a recepção. Chegando lá, xiumin foi parado por um cara que parecia  ser uns de seus seguranças.

Xm: O que foi Kris? - perguntou para o cara estranho, que provavelmente se chama Kris. -

Kr: Seu jatinho está liberado, já podemos ir se desejar.

Xm: Certo então... Me esperem lá, já estamos indo.

Kr: Ok, senhor. -disse o cara se retirando. Até que ele era bem bonito. -

Xm: Gostou S/n? - perguntou me assustando. -

S/n: Oi? Que? De quem?

Xm: Palhaça. A gente já  vai, você quer ir ao banheiro antes? - sorriu malicioso. -

S/n: Eu não, obrigada. - sorri debochada. -

Seguimos em silêncio até a pista de vôo, onde iriamos encontrar  nosso transporte ate o outro lado do mundo.



Questão de tempo


Já estavamos a 5 horas no avião, e eu literalmente não aguentava mais. Não  o ambiente, ate porque o lugar era super  confortável, mas o problema é  que eu estou morta de fome, e a merda do "meu dono" esta concentrado em sei lá  o que em seu computado.

Começei  a me mexer feito uma minhoca embebedada em meu banco, agoniada.

Xm: O QUE FOI CARALHO? -gritou me fazendo dar um pulinho e grito pelo susto. -

S/n: Eu estou com fome o merda! Me alimenta, ou não  tem comida nessa lata velha? -falei sem paciência. -

Xm: MAS QUE SACO! VOCÊ NÃO FALA ISSO DA THAIS! -reclamou. -

S/n: Thais? Quem é  Thais, Minseok?

Xm: Af, esquece. Toma essa merda de salgadinho, coma isso, depois trago outra coisa para  você  comer. -disse tacando o torcida em mim. -

S/n: Eu não vou comer isso!!!

Xm: Qual foi dessa vez piralha?

S/n: Você  tem ideia da quantidade de gordura que isso tem? E outra, É DE CALABRESA!! EU SOU VEGETARIANA!

Xm: Então morra de fome. -voltou a mexer em seu computador. -

Sem saber mais o que  fazer, e a fome ficando cada vez maior, comecei a chorar.

S/n: E-eu to c-com f-fome! -choraminguei. -

Xm: Mas você não me deixa em paz mesmo. Vou pedir para alguém  fazer algo para ti comer, mas quando eu voltar espero não ver mais nenhuma lágrima ai, senão teremos uma conversinha séria assim que chegarmos em casa...




Notas Finais


°•. até o proximo °•.


♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...