1. Spirit Fanfics >
  2. Minha querida bebê...- imagine Jeon JungKook >
  3. Lingerie azul...

História Minha querida bebê...- imagine Jeon JungKook - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


2 caps no mesmo dia? Sim, fiquei dias planejando eles dois kk Espero que tenham gostado do último cap, e nesse vamos ter bastante surpresas, espero que dêem bastante risadas.. amo vocês 😘
"-"-"-"-"-"-"-"-"-"-"-"-"-"-"-"-"-"-"-"-"-"-"-"-"-"-"-"-"

Capítulo 5 - Lingerie azul...


Fanfic / Fanfiction Minha querida bebê...- imagine Jeon JungKook - Capítulo 5 - Lingerie azul...

Namjoon ON

Meu nome é Kim Namjoon, tenho 22 anos, sou professor geral mas agora dou aula de biologia e inglês em uma escola secundária no centro de Seul, apenas os jovens ricos estudam lá, só que tem uma que particularmente chamou minha atenção..

Jeon S/N, filha do renomado empresário Jeon JungKook, é a minha melhor aluna. Ela não gosta de sair espalhando que tem dinheiro, é muito aplicada em todas as disciplinas e é muito talentosa..

Confesso que me atraí rapidamente por ela, dá pra perceber muito bem que ela não é totalmente coreana, por causa do corpo escultural, a pele um pouquinho mas morena e o cabelo que é marrom mais claro e ondulado, mas fora isso ela tem muitos traços coreanos..

Já ouve um boato de que ela não é filha legítima do Sr. Jeon, mas nada foi confirmado, e também o jeito que ele age perto dele parece que os dois são casados ou algo assim...

Um aluno que me incomoda bastante é o Min Yoongi, o melhor amigo e "ficante" dela, ele é o melhor aluno depois dela, só não é bom em inglês, por isso não é perfeito, mas no resto ele é ótimo, e faz todas as meninas babarem nele.. ele também é vizinho de S/N, nunca vi os dois estarem separados, a não ser de um tempo pra cá mas eles ainda são quase grudados...

Infelizmente hoje pela manhã ouve um caso meio grave aqui na escola, um aluno assediou a minha amada, e o senhor Jeon decidiu tirá-la da escola. Ele disse que um dos motivos era uma viagem que eles iriam fazer mais pra frente e de qualquer forma ele iria acabar tirando ela de lá, mas eu não podia perder ela, por isso me ofereci pra ser o professor particular dela..

Pouco menos de uma semana depois chegou o dia de eu dar a minha primeira aula particular a ela, e eu estava bem nervoso, mesmo que eu já conhecesse ela, eu estaria em sua casa e com o seu pai por perto..

Já era umas 6 da tarde quando eu cheguei lá, fui recebido por ela com uma blusa meio larga e um shorts curto, estava uma gostosa.. mas logo JungKook desceu da escada só de calça mas ficou surpreso ao me ver..

S/N- Boa noite sensei..- ela disse sorrindo ao abrir a porta

Nmj- É-e.. boa noite.. S/N..

Jk- S/N, você viu a minha.. aí caralho, que susto!- ele disse, estava só de calça, tentando tampar o abdômen definido com os braços.. ele tem um belo tanquinho..

S/N- Pai..

Nmj- A-ah..

Jk- Me desculpa professor, eu não sabia que o senhor já estava aqui..

Nmj- T-tudo bem...

Jk- É-e.. S/N, vem cá amorzinho..- ele pediu e ela foi, ele sussurrou algo em seu ouvido fazendo-a rir, ela sussurrou algo de volta e ele pareceu ter ficado constrangido.

S/N- Nammie sensei, o papai vai ir tomar banho e depois vai fazer um jantar pra nós..

Nmj- Tá bom..

Jk- Eu já volto..- ele disse subindo as escadas, deixando eu e S/N sós..

Nmj- Vamos começar??

S/N- Sim..

Foi até que uma boa aula, eu fiquei meio excitado pois quando ela abaixava a cabeça pra escrever dava pra ver um pouco de seus peitos e fiquei até impressionado pois não eram pequenos..

Nmj- Bom, acho que é isso por hoje..- disse assim que acabamos a aula

S/N- Obrigada sensei..

Jk- Pessoal, a janta está pronta..

S/N- Opa!

Jk- Fiz uma carne bem gostosa pra você meu amorzinho..- ele disse abraçando S/N, parecia animado pra algo..

S/N- Eba! - ela bateu palmas rindo, eles pareciam um casal as vezes..

Nos sentamos a mesa, o JungKook tinha feito muitas coisas mesmo, mas uma coisa que percebi é que mesmo com visitas ele se importava mais com a S/N...

A comida estava ótima, o JungKook era muito engraçado e nos demos bem, ele só é um pouco protetor e ciumento, mas fora isso é o pai perfeito... S/N disse que adorou minha aula, nem acredito que agora eu vou conseguir ficar mais perto dela, só saber disso já dá vontade de gritar pro mundo que eu a amo...

Assim que cheguei no meu apartamento tomei um banho, escovei os dentes e me deitei, eu sabia que naquela noite eu não iria conseguir dormir de tanta alegria, mas será que eu vou conseguir algo com ela?... E outra dúvida que me assombra.. por que ela vai viajar? De qualquer forma, se eu conseguir pelo menos um pequeno espaço no seu coração já ficarei mais que feliz...

JungKook ON

Eu e S/N estamos cada vez mais próximos, mesmo não havendo pedido de namoro de nenhuma das partes, agimos como se fossemos mais que namorados, porém eu sabia que isso iria mudar...

Dormir e acordar vendo aquele lindo rostinho angelical era a melhor coisa do mundo, mas logo não seria mais eu que ocuparia aquele espaço, afinal, ela irá se casar... O avô dela descobriu a adoção dela, na época eu e Hiruna não contamos a ninguém exceto a mãe e o pai do Suga, mas ele também não sabe mesmo sendo um irmão pra ela, pois uma das cláusulas do contrato que eu e Hiruna assinamos foi ter um filho legítimo para tocar a empresa do Sr. Mizashi, pois Hiruna era filha única dele... O pretendente da S/N é um primo de Hiruna, consequentemente primo de 2° grau da S/N, o nome dele é meio estranho, Ryunosuke Kamiki, o cara é bonito, rico e amoroso, com certeza vai roubar o coração de S/N facilmente..

Eu e S/N torcemos para que o Sr. Mizashi mude de ideia em relação a eles dois, mas tenho certeza que quando S/N ver o pretendente que tem não vai pensar nem duas vezes em querer casar com ele..

Uma semana atrás fiquei sabendo que um garoto assediou a minha garotinha, eu fiquei revoltado, e como eu já ia tirá-la do colégio por conta da nossa viajem até o Japão, decidi tirá-la naquele mesmo dia, minha sorte foi que o senhor Kim se ofereceu pra ser professor particular dela, assim por um tempo ela já se acostuma a ficar longe dos amigos e se prepara pra irmos...

..

Eu estava me arrumando pra esperar o senhor Kim, mas eu não estava achando minha cueca, e como eu e S/N levantamos correndo pra ir arrumar a casa antes do professor chegar, eu devo ter esquecido no quarto dela mas ela foi quem arrumou o quarto, então eu precisaria perguntar a ela, mas pra minha surpresa quando eu desci as escadas dei de cara com o Namjoon..

Jk- S/N, você viu a minha.. aí caralho, que susto!- eu me assustei com Namjoon ali e tentei tampar meu abdômen o mais rápido possível

S/N- Pai..

Nmj- A-ah..

Jk- Me desculpa professor, eu não sabia que o senhor já estava aqui..

Nmj- T-tudo bem...

Jk- É-e.. S/N, vem cá amorzinho..- eu pedi e ela veio... - Onde tá a minha cueca, não quero ficar desperdiçando e ter que ir pegar outra..- eu sussurrei baixinho no ouvido dela que riu

S/N- Tá na minha gaveta de roupas íntimas..- ela me respondeu baixinho e rindo, eu fiquei meio envergonhado pois eu nunca tinha mexido naquela gaveta por mais que fosse uma das minhas maiores tentações...

Subi correndo pro quarto dela e abri a gaveta, lá já vi a minha box que se destacava no meio de suas peças íntimas, mas quase caí pra trás quando vi uma nova lingerie de renda azul clara e um bilhetinho em cima, escrito..:" Papai, pode fazer carne na janta? Se conseguir te pago usando minha nova belezinha azul.."...

Só de pensar nela com essa lingerie me excitou bastante, mas me contive pois tínhamos visita, apenas fui pro meu quarto e coloquei a box juntamente a um conjunto de moletom preto...

Fiz a janta como S/N pediu, estava animado para aquela noite, mas também estava feliz em ver que S/N e Namjoon se dão bem e se aplicam a matéria...

Jk- Ei amor..- eu disse a abraçando por trás enquanto ela terminava de escovar os dentes

S/N- Hm..

Jk- Já tá com aquela belezinha azul?..

S/N- Não quer descobrir?..- ela disse sorrindo maliciosamente

Jk- Me provocando né.. como eu gosto..- eu puxei lentamente os shorts de pijama dela e já vi a lingerie, dei um sorriso e coloquei a mão por dentro de sua blusa, apertando seus seios e a fazendo gemer baixinho..

S/N- Vai fazer isso aqui mesmo?..

Jk- Só se você quiser..

S/N- Eu prefiro na cama..- ela disse se virando pra mim.

Eu a beijei profundamente e a peguei no colo, a levando até o meu quarto e a colocando delicadamente na cama.

Rapidamente tirei o pijama que ela usava e a minha roupa, a observando apenas com aquela lingerie que me excitava...

Jk- Huum, tão gostosinha..- eu destribui beijos desde o seu pescoço até a sua barriga..

S/N- Aaah.. papai..

Jk- Nossa minha putinha, você já tá tão molhadinha..- eu disse enquanto desci dois dedos dentro da calcinha e esfregando em sua intimidade.

Logo eu os enfiei dentro, a fazendo gemer, acelerei os movimentos e ela começou a rebolar em meus dedos, me deixando mais excitado do que eu já estava..

Jk- Tá gostoso meu amor?..

S/N- Hm.. Uhum..

Jk- Você vai rebolar assim no pau do papai, não vai?..- eu disse olhando no fundo dos olhos dela e sorrindo ao ver o prazer que ela estava sentindo

S/N- Vou papai... Hmm..- assim que eu vi que ela iria chegar ao seu ápice eu parei, a mesma fez cara de frustração e eu ri - Por.. que.. parou Sr. Kookie??..- Ela perguntou brava

Jk- Não quero que goze agora, gostosa!..- eu a dei um selinho lento e ela sorriu..

..

Aquela noite foi longa, adoro quando nós dormimos agarradinhos e agora que ela não estuda vamos poder fazer isso todo dia..

...

S/N- Papai, quer torrada?- ela perguntou enquanto fazia o café pra mim

Jk- Quero!- eu só a observava apenas de camiseta e calcinha, deixando aquela bunda gostosa a mostra..

S/N- Tó papai..- ela diz me dando a torrada com um lindo sorriso

Jk- Obrigada minha gostosa!..- ela se sentou a minha frente e comeu comigo..

..

S/N- Tchau JungKookie..- ela diz me dando um abraço após o café

Jk- Tchau princesa!- eu segurei seu queixo e a dei um belo beijo, se o tempo parasse agora eu ficaria muito feliz..

S/N- Promete que vai voltar cedo??..- ela diz com uma carinha triste

Jk- Vou meu amor!.. eu te amo!- a dei um pequeno selinho por final e sai, com muita tristeza mas sai... Quando eu iria dar partida no carro vejo Yoongi correr até mim e pedir algo um tanto quanto estranho..

Sg- Tio Jeon?

Jk- Ah, oi Yoongi..

Sg- Posso ir com você??..

Jk- Ué, quer que eu te leve até a escola? Está atrasado??

Sg- Não, quero ir com o senhor até a gravadora..- ele deu um sorriso tímido e eu entendi

Jk- Aaah, entra aí safado, vamo lá!..

...

Suga ON

O tio Jeon me levou junto com ele até a gravadora, depois da noite que eu tive com Jimin eu não parava de pensar nele..

Jk- Jimin, já chegou?!

Jmn- Oi Jung sunbae, eu... Yoongi?!- ele pareceu feliz ao me ver

Sg- O-oi Jiminie..

Jmn- Por que não me avisou que vinha?! Eu tinha me arrumado melhor..- O tio Jeon soltou um riso nasal

Sg- Você já tá perfeito, não precisa..- ele deu um sorriso tímido igual eu..

Jk- Vocês querem conversar um pouco? Vou ir resolver algo com o Hoseok e daqui a pouco eu volto..

Jmn- Ah.. claro sunbae, pode ir..

Jk- Okay, juízo..- ele nos olhou com um sorriso malícioso e saiu..

Sg- É-e..

Jmn- Por que você não veio me ver antes??..- ele disse se aproximando de mim e colocando a mão em minha cintura

Sg- É que eu ainda estudo..

Jmn- Hum, daremos um jeito...

Sg- Que jeito?..

Jmn- Suga, eu farei de tudo pra gente dar certo.. eu poderei pagar os melhores cursos, as melhores roupas, as comidas que você quiser, eu conseguirei convencer os seus pais..- Já tínhamos conversado sobre os meus pais, ele sabia que seria difícil convencê-los mas iríamos tentar

Sg- Promete Jiminie?..

Jmn- Com todo o meu coração Yoon..- Ele aproximou nossos rostos e me deu um selinho lento, logo após um lindo sorriso.. - Mas agora me explique mocinho, porque não está na escola?..

Sg- Eu não aguentava mais ficar sem te ver..

Jmn- Suguito, você tem mais 4 meses de aula, não vai repetir por mim, okay?..

Sg- Okay!

Jmn- Então vem, eu queria te mostrar uma letra que eu escrevi..

Sg- Vamos..- ele deu aquele lindo eye smile que me derretia por dentro...

...

Jimin me levou pra casa pela tarde, ele estava confiante que convenceria meus pais, eu acho que a minha mãe até vai, mas o meu pai..

Sg- Mãe, pai, cheguei..

M/Sg- Oi querido..

Sg- Oi.. mãe, esse é o Jimin..

Jmn- Olá senhora, meu nome é Park Jimin, sou amigo do Yoongi..

M/Sg- Você é o mesmo idol Park Jimin?!- minha mãe adorava as músicas dele mas não sabia mexer na internet, então não o conhecia de rosto

Jmn- Sim senhora, eu mesmo..- ele deu um sorriso tímido..

M/Sg- Oh meu Deus, prazer em conhecê-lo querido, pode me chamar de tia!..

Jmn- Tá bom.. tia..

P/Sg- Oi Yoongi..- eu não tenho uma boa relação com o meu pai já eu quero ser artista e ele quer que eu seja médico..

Sg- Oi..

P/Sg- Quem é você?- ele disse olhando sério pra Jimin

M/Sg- Querido, ele é aquele idol super famoso Park Jimin!

P/Sg- Olha Yoongi, de for pra tentar me convencer a deixar você ser artista, pode desistir..

Jmn- Senhor, meu nome é Park Jimin, eu sou um grande amigo do seu filho e acho que ele tem muito talento pra ser um grande artista..

P/Sg- Eu não vou deixar o meu filho se expor desse jeito!! Pode esquecer Yoongi, mande esse menino embora e vá dormir!

M/Sg- Querido, por favor.. de uma chance a ele..

P/Sg- Não se intrometa! Eu que decido oque o meu filho vai ser!!

M/Sg- Ele é tanto seu filho quanto meu!!

Gje- Olha gente, vocês tão brigando de novo por causa do Suga?? Papai, deixe-o ser oque ele quiser, ele tem mais talento que o suficiente pra ser bem sucedido aonde quiser..

Jmn- Concordo..

P/Sg- Olha Yoongi, você tem duas escolhas! Ou você para com essa ideia, ou você sai dessa casa e dessa família!!

Sg- É assim então?? Vamos Jimin..- meu pai suspirou bravo e saiu

M/Sg- Filho, não..

Jmn- Tia, eu vou cuidar do Yoongi, eu vou ajudá-lo, a senhora pode ir até nós quando quiser..- ele disse calmamente a minha mãe que estava desesperada

Gje- Suga, pode contar comigo pra oque quiser, eu vou sempre te apoiar..- ele me abraçou

Sg- Obrigado Jae... Mãe, algum dia eu voltarei..- eu a abracei fortemente, dei um beijo e sai..

Como já estava tarde, eu e Jimin achamos melhor ir até a casa da S/N, mas pra nossa surpresa...


Notas Finais


_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_
Pessoal, o tal do primo japonês da S/N realmente foi inspirado em um ator de mesmo nome que eu amo, então se quiserem pesquisar ele a idéia de como o personagem é ficará mais clara pra vocês... Obrigada pelo apoio, me desculpem os erros, amo vocês! ❤️❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...