História My dear appa (Vkook- incesto) - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Incesto, Taekook, Vkook, Yaoi
Visualizações 211
Palavras 777
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Festa, Ficção Adolescente, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 5 - Hot!


Fanfic / Fanfiction My dear appa (Vkook- incesto) - Capítulo 5 - Hot!

Tae: cala a boca e me beija logo- deu um sorriso sacana e colocou nossas testas me olhando intensamente em meus olhos. Nossa respirações já haviam se misturado, minha barriga havia milhares borboletas. Fechei meus olhos e selei meus lábios ao dele.








•| ⊱✿⊰ |• Continuação







Seu lábio era macio feito seda, eu estava doido para explorar cada canto de sua boca e saber qual era o incrível sabor que possuia dentro daquela boca apetitosa que me instigava cada vez mais. Passei minha língua a beira de seu lábio como um pedido de passagem, que foi correspondido na mesma hora. Appa me puxou para seu colo sem separarmos do beijo, naquela boca era presente um sabor adocicado, como de chiclete de melancia e um pouco de frescor. Nossas línguas mantiam os ritmos iguais e logo coloquei minha mão a nuca de Taehyung para aprofundar ainda mais o beijo. Aquela noite eu estava sedento, estava necessitado de Kim Taehyung e farei o meu possível para senti-lo cada vez, mais e mais.
Sinto algo por baixo de mim pulsar e sei exatamente do que se trata. Logo comecei a dar reboladas lentas por cima do tecido de sua calça o fazendo arfar entre o beijo, nos separamos ainda nos olhando.





Tae: O baby começou, agora termine seu trabalho.- disse sussurando em minha orelha e levando minhas mãos até seu membro. Retiro sua calça a arremessando para algum canto do quarto. Retiro sua cueca com a boca o olhando provocando, beijo sua barriga fazendo trilha e vendo sua intimidade regida junto a sua glande inchada e pequenas veias esverdeadas o deixando mais suculento. Passo minha lingua contornando todo o seu comprimento e logo levando minha mãos ao local e começando com movimentos lentos de vai e vem e logo levando um tapa forte de Tae em bunda.




Tae: Chupa essa porra agora.- ordenou.




Kook: com todo prazer.- sorri sacana e o abocanhei vendo o mesmo soltar um arfar arrastado, comecei a movimentar minha cabeça e na tentativa de o colocar inteiro em minha boca engasguei um pouco, mas logo movimentando minhas mãos aonde minha boca não alcançava.




Tae: Hum caralho, não para.- disse inclinando sua cabeça para trás e movimentando seu quadril automaticamente fodendo minha boca, logo sentindo suas veias darem uma leve engrossada. Tae: eu vou gozar!- e logo após alguns segundos senti seu líquido quente  e pegajoso preencher toda minha boca, engulo tudo e logo Tae me deita na cama começando a tirar minhas roupas e a acariciar minha intimidade me torturando de tanta excitação. Logo ele retomou atenção a minha boca a beijando sentindo seu próprio gosto e ficando por cima de mim roçando as nossas intimidades que se encontravam eretas.





Kook: P-por favor, eu não aguento mais!- mordi o lábio inferior tentando me conter e logo contorcendo meu quadril.





Tae: Me fala oque vc quer?!- sorrio apreciando meu desespero torturante.





Kook: Me fode! -disse o olhando intensamente tirando logo um sorriso do mais velho.





Tae:  Sabe Jeon, ultimamente você tem me feito passar muito nervoso- disse acariciando minha intimidade me fazendo arfar- acho que você merece ficar sem andar por algo tempinho não acha?





Kook: por favor, pegue leve comigo... eu sou virgem.- disse meio constrangido.




Tae: Oh Jeon! Você está jogando comigo, sabia que eu gosto de dificultar o jogo, me perdoe, mas a minha especialidade é adrenalina e hoje te levarei para o ceu e ao inferno pequeno.




Pronunciei com minha voz rouca e falhada. Logo comecei a dar sucções em pescoço o deixando todo marcado, desci o beijos até perto de seu membro que pulsava cada vez mais, peguei um lubrificante logo passando




Tae: De quatro agora! Se empine o máximo que conseguir.- depositei um forte tapa e ardente em sua bunda pálida, deixando a marca de mão e avermelhados em volta.
Sem avisar o pentrei fazendo o mesmo dar um gritinho.




Tae: vai passar-acariciei seus cabelos negros e logo dando um selar em seu rosto.





Após alguns minutos comecei a dar estocadas lentas e funda o fazendo me sentir por inteiro, logo aumentando a velocidade e estocando rápido e fundo.


Kook: I-isso é muito para mim- dizia em pequenos gemidos





Retomei o tapa em sua bunda e logo agarrando seu membro começando o masturba lo, os gemidos de Jungkook era a musica mais gostosa que poderia ser ouvida pelo meus ouvidos, tanto anos esperando e hoje finalmente eu o tenho para mim. Após mais algumas estocadas nossos ápice chegou junto e logo Tae se jogou na cama e deitei minha cabeça em seu peito o olhando.




Kook: Eu te amo- dizia com brilho em seus olhos.



Tae: Eu não deveria, mas eu também.













Notas Finais


Me perdoem se não ficou tão bom, mas tentei... bjao❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...