1. Spirit Fanfics >
  2. My Dear Little Brother - YoonMin >
  3. Capítulo 16 - FIM

História My Dear Little Brother - YoonMin - Capítulo 16


Escrita por:


Notas do Autor


ain to chorando( . u . ), último capítulo de "My Dear Little Brother" gente, tou emocionada, muito obrigada a todos vocês que favoritaram e comentaram, sério, foi um incentivo enorme, amo muito cada um de vcs, é tão significante saber que alguém lê algo de minha autoria, é incrível!
devo tar parecendo uma bobona fazendo esse descursinho, mais é por que é a verdade, de coração, to um pouco triste por já estarmos no último cap, afinal, se trata de Yoonmin, meu shipp otp. mais se vocês quiserem talvez eu faça um BÔNUS!.

espero de coração que gostem do Capítulo!




AVISO:+18

Capítulo Revisado


Boa Leitura amds<3

Capítulo 16 - Capítulo 16 - FIM


 

 

                                                 Povs Autora

 

Jimin saiu as pressas da casa de Jeon, apenas subiu as escadas pra pegar seu casaco verde já que o temporal não estava muito bom pra andar com apenas uma camisa. Jimin não sabia mais ou menos onde Yoongi morava agora, o que dificultou e irritou ele. recentemente ele havia se mudado, e o ruivo não sabia o por quê e nem aonde mais ou menos. Mais como tinha o melhor amigo do mundo, esse mesmo conseguiu saber qual rua Yoongi morava, apenas não sabia qual casa era. ou seja, o Park teria que ir pedir informações por ai.

mais o que um pudim apaixonado não faz por seu amor né?

brega

  

         Após um tempo andando, Jimin chegou na tal rua, depois de pedir algumas informações pra pessoas que passavam por lá claro. Jimin avistou uma casa cinza com alguns detalhes marrons, e também viu algumas caixas do lado de fora da mesma. seria essa a casa de Yoongi?. então Jimin começou a suar frio. Fazia tempo que não via o outro, e isso estava o matando, a saudades era tanta, não conseguia dormir direito. e talvez fosse essa a hora que o veria novamente.

Jimin respirou fundo e saiu do meio da rua já que um cara começara a reclamar com o mais novo. o ruivo caminhou até a casa e logo bateu na porta já sentindo seu coração a mil.

Nada

Bateu de novo e ouviu um "pera caralho" com uma voz conhecida por si. Yoongi iria o matar por tê-lo acordado, sabia disso. mais Jimin não nega ter sentido uma vibração com aquela voz rouca. Ouviu passos se aproximando e congelou ali quando a porta abriu e revelou Yoongi com um conjunto de moletom cinza e seu cabelo agora preto bagunçado o dava um charme surreal, seu rosto inchadinho...

ele era perfeito

Yoongi era perfeito

-Jimin? - Yoongi o olhou surpreso mais não tirou seu olhar frio de sempre.

-o-oi Yoon... - Jimin gaguejou e se xingou por isso. o cheiro de Yoongi estava mais forte do que o normal e isso estava o tirando da realidade.- posso entrar? - Yoongi mesmo sem tirar o sorriso debochado de sempre da cara o deu passagem. Jimin entrou e passou os olhos pela casa que ainda tinha algumas coisas embaladas, mais ainda assim já era muito bonita. os olhos de Jimin brilharam ao ver o enorme piano que havia no centro da sala. e se lembrou que desde pequeno o sonho de Yoongi era tocar piano, e Jimin com seus 7 aninhos sempre o encorajou dizendo que Yoongi daria um ótimo pianista. Yoongi já fez aula de piano, mais desistiu aos 15 anos e disse que era bobeira, Jimin ainda era pequeno pra entender que antes dele dizer isso havia tido uma briga com sua mãe e a mesma a tirou da aula, o que fez Yoongi deixar pra trás esse papo de ser pianista. - ow...você toca? - Jimin perguntou curioso enquanto apontava pro piano. tirou seu casaco grande já que a casa do outro se encontrava quentinha graças ao ar condicionado e deixou em cima do sofá.

-se ta na minha casa é por quê eu toco não? - Yoongi disse num tom sarcástico fazendo Jimin revirar os olhos mais apenas ignorou  a fala do outro.

-me ensina a tocar? - perguntou se sentando no banco de frente pro piano. Jimin sempre teve vontade de fazer isso mais sua mãe nunca deixou por achar que era coisa de mais pro caçula. Jimin ainda a visitava sempre que podia, e ainda mantém contato com a mais velha, e a perdoou por tudo que fez, ao contrário de Yoongi que continua com a carranca no rosto sempre que falavam dela.

-claro - disse simples e se sentou ao lado de Park que estremeceu apenas por tar perto do outro.

 

Yoongi começou a tocar e ensinar Jimin que ouvia tudo atentamente e admirava Yoongi como professor, era realmente muito sexy, não podia negar.

-entendeu? - perguntou e tirou Jimin de seu transe.

-hãn?c-claro - corou por tar olhando de mais pro outro.

-então chegou a hora de ver se sou um bom professor.. - sorriu pequeno o que fez a barriga de Jimin gelar.

 

Começaram a tocar e por incrível que pareça não foi tão difícil, é claro, Yoongi tocou a maioria das teclas, mais ainda assim Jimin havia tocado não? já era um começo oras.

Jimin estava tão vidrado em seus pensamentos que nem percebeu quando Yoongi parou de tocar e começou a encara-lo. Jimin saindo do transe o encarou e logo corou por conta das orbes escuras estarem o encarando tão profundamente assim.

-o-oque foi? - Jimin perguntou.

-por que venho aqui? - foi direto.

-como assim? - ta, talvez estivesse querendo fugir um pouco do assunto, não sabia exatamente o que falar sobre o motivo de ter ido vê-lo.

-imagino que não tenha vindo só pra tocar piano não? - Yoongi perguntou com as sobrancelhas arqueadas.

- e se eu te dissesse que foi? - disse risonho.

-não iria acreditar - disse com os braços cruzados - anda, o que veio fazer aqui? achei que estivesse melhor com o primo do Jungkook.

-eu e ele terminamos...- disse e suspirou, o que surpreendeu Yoongi.

-wow, perdão, não sabia.

- tudo bem, não gostava tanto assim dele - deu de ombros e Yoongi deu uma risada curta - o que foi?

-nada - respondeu simples.

-hnm - Jimin respondeu e logo ficou um silêncio desconfortável no ar.

-Jimin? - o mais novo o encarou - não vai falar pra que venho? - perguntou como se fosse óbvio. é talvez estivesse certo, Jimin já enrolou demais.

-vou sim - respirou fundo - eu queria te dizer que... gosto de você...tipo muito mesmo - disse olhando pra baixo. é difícil se declarar pro crush ok?. Yoongi deu risada e se apoiou no piano.

-você ta dizendo que gosta de mim? - disse divertido. Jimin o encarou com seus olhinhos brilhantes e concordou - isso é tão..- procurava uma palavra que definisse - fofo, mais não acredito - se levantou e Jimin se levantou junto.

-o que? mais é verdade! - disse com um biquinho nos lábios. Yoongi sentiu vontade de mordê-lo mais se segurou.

-aham, então prova que gosta de mim - Yoongi o desafiou e não percebeu quando já estava prensado por Jimin na parede.

-eu só não gosto de v-você como...- corou - eu também te amo - o coração de Yoongi acelerou, Park Jimin se declarou na frente dele, wow.

- então prova que me ama - disse com um sorrisinho nos lábios mais não esperou que Jimin atacasse seus lábios num beijo desesperado e completamente carregado de paixão e saudades e logo o ruivo agarrou suas mãos colocando-as em cima da cabeça do mais alto.

-eu te amo muito Yoongi, muito mesmo - acariciou a bochecha do outro - agora acredita?

-hm...- puxou Jimin e inverteu as posições deixando Jimin prensado na parede mais logo o pegou no colo o obrigando a enrolar suas pernas em volta de sua cintura - talvez... - sorriu e selou seus lábios de novo do mais novo. O beijo dessa vez foi luxuoso, completamente cheio de malícia. Yoongi pediu passagem com sua língua e Jimin cedeu prontamente explorando toda cavidade do outro, assim como Yoongi, tava uma completa briga entre saliva que já escorria pelo canto de suas bocas. Quando a falta de ar se fez presente eles se afastaram mais logo Yoongi passou a dar beijos e chupões no pescoço do outro que acariciava seu cabelo negro e soltava baixos arfares.

-não sabe como eu tava louco pra marcar sua pele e te tornar meu - Yoongi disse enquanto distribua chupões que com certeza ficariam bem roxos e doloridos no outro dia. 

 - então aproveite por que eu sou todo seu - incentivou e expões mais seu pescoço alvo o que fez Yoongi continuar a distribuir beijos molhados e chupões em sua pele. Yoongi logo tirou a camisa de Jimin fazendo-o corar, e meu Deus, que homem gostoso, aquilo era a visão dos Deuses, Yoongi sentiu vontade de morder a barriga malhada do outro, assim como quis beijar a tatuagem que Jimin havia, se surpreendeu, sempre que tomavam banho juntos nunca viu nada em sua costela, mais bem, faz tempo que não tomam banho juntos, talvez tenha feito depois mais deixou pra perguntar e beijar outra outra  - Yoon...- sussurrou e olhou pra Yoongi que parou de marcar a pele do outro e o encarar. - eu quero te chupar - ok, Yoongi não esperava isso, e essa frase só fez seu pau latejar mais ainda dentro da calça.

-peça uh?..- sussurrou contra o ouvido do outro que estremeceu.

-Yoon, posso te chupar? - Yoongi quase ficou duro com essa frase.

-claro bebê- sorriu divertido e tirou Jimin de seu colo, esse que corou com o apelido vindo do outro. sem mais demoras ele começou a acariciar o membro do mais velho por cima da calça enquanto intercalava o olhar de sua virilha e seus olhos. Yoongi soltava baixos suspiros com as esfregadas.

-bebê ande logo com isso sim? - perguntou e deu um selo demorado no mais baixo. Jimin acenou positivo e se ajoelhou, e Céus, essa era a melhor visão que Yoongi já viu. Jimin viu o volume da calça e salivou, assim como também engoliu em seco, caberia tudo aquilo nele?! na vez que o masturbou estava escuro por conta que havia faltado energia, por isso não deu tanta importância pro tamanho. mais agora, meu pai, aquilo era um tronco!

Jimin parou de pensar e começou a agir, abriu o zíper do outro e abaixou suas calças até a metade de suas coxas, fez o mesmo processo com a cueca. e logo estava de cara com o pau semi-ereto de Min e confessa que salivou bastante ao ver as veias e como a glande era roséa.

-bebê pare de babar e me chupe logo uh? - tirou Jimin do transe, esse que concordou rapidamente e logo abocanhou o pau do outro fazendo-o arfar e quase na hora segurar seu cabelo ditando os movimentos. Apesar de Jimin nunca ter feito aquilo ele estava fazendo muito bem pra primeira vez, engolindo o pau do Min até a garganta e seus olhos lacrimejarem e o que não cabia ele manuseava com as mãos, e de vez em quando lambia os testículos do outro com aqueles olhinhos inocentes que de vez em quando olhava pro Min, e Yoongi não ia aguentar por muito tempo, principalmente por causa dos baixos gemidos que Jimin soltava, então tratou de tirar seu membro da boca dele, que fez um pequeno filete de saliva e um barulho extremamente erótico, e o levantou, sem esperar mais atacou seus lábios num beijo feroz e acabando sentindo um pouco o seu próprio gosto. se afastaram e Jimin tratou logo de tirar sua roupa,hesitou mais logo a vergonha passou.  Yoongi também tirou sua calça e sua cueca deixando em um lugar que pouco lhe importava. Sentou Jimin em cima de seu piano novo que havia comprado a dois dias, dois fuckings dias!mais não estava ligando muito pra isso, pra sua sorte Jimin era leve, então não tinha tanto problema coloca-lo ali em cima.

- chupa - ordenou com sua voz rouca e Jimin prontamente passou a chupar seus dedos longos, deixando-os bem molhados. Yoongi quase gozou com a cena,puta que pariu, por quê Jimin parecia tão inocente mais ao mesmo tempo tão erótico?!. tirou seus dedos da boca do outro e disse - abra bem as pernas - Jimin ainda envergonhado fez o que lhe foi mandado e abriu as pernas. sentiu algo entrando dentro de si e logo viu dois dedos entrando e saindo vagarosamente. sentiu um incômodo que logo passou e se transformou em prazer e gemidos baixos e manhosos. Yoongi fez movimentos de tesoura pra preparar bem o outro, não queria machuca-lo.

-Yoon...mais rápido - pediu manhoso e logo Yoongi o obedeceu, Jimin sempre foi um garoto puro e inocente, e Yoongi nunca imaginou que ele fosse tão submisso e manhoso na cama.., quer dizer, em cima do piano, Yoongi descobriu um lado de Jimin que se perguntou do por quê de não ter descobrido antes. depois de um tempo enfiou mais um dedo em sua entrada, fazendo Jimin gemer - hnm..- Yoongi estava se segurando pra não tacar o foda-se pra tudo e fodê-lo assim mesmo, mais precisava ser paciente. -Yoon...eu quero...- suas bochechas estavam em um leve ruborizar e ele acariciava a glande do outro que expelia pré-gozo.

-quer...? - arfou com o contato do outro, tava difícil de se segurar, mais amava quando Jimin era submisso consigo

-eu quero que me foda.. - disse num tom tímido e corou mais ainda. 

-bom garoto - masturbou seu próprio membro que já estava bastante lubrificado por conta do pré-gozo e se enterrou lentamente em Jimin. - caralho, é muito apertado - gemeu arrastado.

-Yoon...- Jimin gemeu manhoso de dor, seus olhos já lacrimejavam e esse mordia os lábios. Yoongi achou essa cena muito excitante e quase não conseguiu se segurar.

-ta tudo bem? - por mais que quisesse  se mexer dentro do outro não podia, pelo menos não até o ruivo dizer que podia.

-pode...p-pode continuar - então devagar Yoongi saiu de dentro do mais novo, ouvindo um gemido do outro e uma lágrima escorrer de seus olhos. pra tentar amenizar a dor deu leve selares em seu pescoço e logo começou um beijo com o outro, o que ajudou bastante o mais novo a se concentrar em outra coisa e não na dor de ser rasgado.Jimin logo se acostumou com o tamanho e Yoongi começou a se mover dentro do outro, era tão apertado e quente, Yoongi se sentia acolhido. os dois começaram a gemer abafado pelo beijo e logo se separaram. 

- ah bebê, você é tão..-fechou os olhos - apertado - gemeu arrastado e continuou a estocar o outro, só que agora mais rápido.

-e você é tão grande Yoon - gemeu manhoso e apoiou os cotovelos no piano. 

 

Com a medida que as estocadas iam aumentando os gemidos também aumentavam. Logo Yoongi parou de estoca-lo e o desceu de cima do piano, colocando-o encostado nele e continuou com as estocadas fundas e rápidas, enquanto uma mão apertava a cintura do mais novo, a outra puxava seu cabelo ruivo, que já tinha o couro dolorido. o barulho dos corpos se chocando e o cheiro de sexo invadia o ar, era completamente excitante. Yoongi achou a próstata de Jimin sem querer e sorriu quando o outro gemeu alto.

-ah Yoon! ai, faz isso de novo..- disse manhoso e Yoongi repetiu o ato fazendo-o gemer alto. continuou com as estocadas sempre acertando a próstata do outro enquanto o masturbava - Y-yoon, e-eu vou gozar..- sussurrou. Yoongi puxou seu cabelo pra trás e aproximou seu rosto do ouvido do outro

-então goze bebê - sussurrou. E assim Jimin gozou no chão do Min,completamente cansado, quase teria caído se não fosse pelo Min o segurando firmemente, e como esse ainda não havia gozado, continuou com as estocadas até chegar no ápice e gozar dentro do outro que gemeu baixinho sentindo a maravilhosa sensação de ser preenchido pelo liquido quente do outro.

E essa foi a melhor prova de amor que eu já vi na vida

 

Jimin sentia seu corpo todo dolorido, então Yoongi tratou de dar um banho nele, assim como também tomou o seu, e deu uma roupa sua que ficou um pouco grande no outro. se sentia exausto mais ainda assim limpou a sujeira e quando subiu pro quarto viu Jimin cochilando serenamente em sua cama. Se aproximou do mesmo e deitou ao seu lado, acariciou o rosto esculpido do ruivo enquanto sorria pequeno.

-eu também te amo

 

                                       

                                                                            FIM....

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


Espero fazer mais fanfics como essa, muito obrigada mesmo gente, por tudo, por me acolherem na sua biblioteca, abrirem a porta da casa de vcs pra mim, pelos favorites, por tudo mesmo.

como disse, se quiserem eu posso fazer um BÔNUS dela, espero muito que tenham gostado dela, espero fazer muito mais histórias pra vcs lerem ok?<3.


Tchau amores!<3 agr partiu terminar de escrever Red Lips e Uma Mãozinha Amiga!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...