História My Dear Suga. - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7, Monsta X
Personagens BamBam, Jackson, JB, Jeon Jeongguk (Jungkook), Jinyoung, Jung Hoseok (J-Hope), Ki Hyun, Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Mark, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Youngjae, Yugyeom
Tags Abandono, Bts, Drama, Romance, Taegi
Visualizações 13
Palavras 1.845
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Mais um capítulo lindíssimo pra vocês ❤️

Capítulo 4 - Jb and Kihyun: Friendship or Love ?


Fanfic / Fanfiction My Dear Suga. - Capítulo 4 - Jb and Kihyun: Friendship or Love ?

 

{Não me vejam como um maluco, por favor.}

- Esse é Taehyung, conheci ele hoje mais cedo, na pracinha.

Me investigaram dos pés à cabeça, corei intensamente. Um dos meninos deu um sorriso que quase me fez babar, era perfeito. 

- Se apresentem !

Cada um falou seu nome, escutei atentamente. O dono daquele sorriso era Jaebum, no qual preferia que chamassem de Jb. 

- Prazer ! - Reverenciei 

Bambam cochichou algo no ouvido de Jackson que riu, arregalei os olhos e mordi o lábio tenso, será que me achou estranho ? 

- Deixem de graça meninos, sejam gentis com ele ! - Disse o dono do belo sorriso - Não liga pra eles, esses embustes só estão querendo chamar atenção !

Deu um tapa bem dado na cabeça dos dois me fazendo rir tímido.

- Bom... só falta o gelado e o congelado

- Engraçado, esses dois se merecem né?! Chegam atrasados sempre, são secos feito água e grossos feito meu...

- Chega ! Ninguém quer saber Bambam ! - Gritou Jb segurando a risada assim como todos. 

- Vão todos para a sala, vou buscar as bebidas e os salgadinhos. - Jeon pediu e deu as costas.

Correram desesperados por um lugar no sofá, Mark, Jackson e eu ficamos no chão.

Poxa vida !

Sentei-me no centro da sala juntamente com os dois. Cruzei as pernas como índio e comecei a brincar com meus dedos evitando qualquer tipo de contato com os outros ali presentes.

- Ei Tae, quantos anos você tem ? - Um deles perguntou. 

É, falhei na minha missão de não chamar atenção. 

Espero que eu não seja o mais velho, por favor ! 

- 23 ! - respondi num tiro.

Se entreolharam e vi Jb sorrir de forma aliviada.

- Tem a mesma idade do Jb ! - Indagou Youngjae animado - a maioria daqui tem 24 e 25 ! - Sorriu.

Graças à Deus!

Yugyeom comentou algo no ouvido de Jaebum que escondeu o rosto na hora. Meu coração acelerou e automaticamente desviei o olhar para qualquer canto da casa.

- T-Taehyung... - Chamou-me e se afastou para o lado deixando um espaço livre no estofado. - Senta aqui ! - Deu aquele sorriso mais que encantador.

Pera onde?

Só consegui pensar em outra coisa ! 

Aigoo Kim Taehyung! Acorda !

Chacoalhei a cabeça acordando do transe.

Formou-se um silêncio na sala, todos esperavam por mim.

- É que esses ogros sem educação não deixaram um espacinho para as visitas !

Ele também não é uma visita? Ah esquece !

Levantei e me acomodei ao lado dele. Jb passou o braço por trás da minha cabeça e mexeu de leve em meu cabelo.

- Huuum ! - Falaram em uníssono fazendo caras maliciosas enquanto eu e Jb corávamos ainda mais. 

Um menino de cabelo rosa apareceu na escada de pijama e se espreguiçando. Esse é o tal Jimin ? 

- Apareceu a margarida ! - Jackson quebrou todo aquele clima desesperador.

Amém !

- Mais já chegaram? Por quanto tempo dormi? 

Que voz fofinha !

- Tá parecendo o Yoongi ! Dorme mais que o bicho preguiça !

Arregalei os olhos

Escutei Yoongi ?

Jungkook aparece com as coisas em mãos, o rosado desceu as escadas e foi ajudar o namorado.

- Obrigado amor !

Jungkook sorriu.

Tão fofos juntos !

A campainha toca, Mark levanta para atender.    Não prestei atenção em quem era, estava preocupado demais por ter ouvido um Yoongi ali, será que é a mesma pessoa ? Ou entendi errado? Várias ideias vagavam minha mente.  

- Ei, não precisa ficar nervoso e nem se sentir desconfortável, somos doidinhos mesmo, não liga. - Jb sussurrou rente à meu ouvido.

Perto demais !

Calma ! Respira!

Sorri tentando parecer tranquilo.

- Obrigado. 

Os braços do mesmo que estavam em minhas costas, agora agarraram meu pescoço. 

Respirei fundo.

Deitei minha cabeça no ombro dele e fechei os olhos.

Porque seu abraço é tão aconchegante?  Me protege de tal forma. Encostou sua cabeça na minha e envolveu seus dedos em meu cabelo, sorri ladino com o carinho.

- Cof cof ! - Jackson fingiu uma tosse, abri o olho na hora. - Esse é Kihyun, Kihyun, esse é o Taehyung.

Arqueou a sobrancelha.

- Já ouvi falar desse nome... - Fez uma pausa. - Prazer ! - Reverenciou

 

(...)

- Aigoo Mark e Jackson ! Vão se pegar pra lá ! - Kihyun mostrou a língua fingindo nojo. 

Onde eu estava ? Bom... tô num canto junto com Jb – isso mesmo, ficamos bem próximos –  ele é bem engraçado mas consegue ser mais sério que todos ali. A cada um minuto recebia um tipo de carinho, essa mania agarrar e abraçar todo momento mexe comigo. Sou uma pessoa muito grudenta, amo esse contato, e vejo que ele também é, mais um motivo para amá-lo. 

- Aleluia ! - Gritou Jungkook com as mãos pra cima, vindo da porta. - Ele chegou!

Não é possível.

Eu não estou vendo isso ! 

É ele. 

Paralisei.

Não conseguia transmitir nenhum tipo de reação e nem mover um músculo, Yoongi não estava diferente. Os outros nos olharam confusos tentando entender por que a ação tão assustada quando nos vimos.

 - Se conhecem? - Jeon quebrou o silêncio. 

Então é daí que o conheço. Suga já me falou de Jungkook, assim como falou de mim para ele. 

Aish.

- Uhum. - Yoongi voltou a sua postura normal e roubou uns salgadinhos sob a mesa. - Já começaram algo? Espero que não tenha perdido nada.

Ué, achei que ia levar xingo, nem ligou pra mim.

Suspirei aliviado

- O que ele é seu ? - Perguntou Jb levando as mãos pro rosto.

- Amigo de infância, só isso ! - Sorri 

Só veio para me atrapalhar né Min Yoongi ? Agora nem poderei pegar o Jb. Quer saber, foda-se, vou me divertir. 

 

- Jimminie, traz os copos ! Vamos começar os jogos.

Que jogos ?

Ah não...

Coisas típicas de festas entre amigos. Verdade ou desafio, beber a garrafa inteira ou pagar um mico e por aí vai. 

- O que faremos primeiro ? - Perguntei mesmo, tô curioso.

- Conhece o famoso... - Inclinou-se próximo a mim. - amigo indiscreto ?

E como conheço.

Já paguei cada mico com esse jogo que só por Deus

- A-ah sim. 

Formou-se uma roda em volta da mesa, os copos com as bebidas sobre o centro. 

O jogo é o seguinte:

Escreve-se o nome de cada participante num papel e no final será sorteado. Antes do sorteio, a pessoa diz o que vai fazer com quem tirar, por exemplo, beija-la de língua, entre outros.

- Mas antes...

Fez uma pausa

- Começaremos com um verdade ou desafio para esquentar. 

Fácil fácil. 

Com a garrafa posicionada, Jimin começou girando. Parou no Mark. 

- Verdade ou desafio?

Parou para pensar.

- Verdade. 

- É verdade que no aniversário passado do Jackson você pagou um motel pra vocês dois ? 

Não pude evitar meu sorrisinho malicioso.

- Sim, foi magnífico !

- Poupe-me de detalhes, próximo ! 

O jogo rolava, meu foco ali era outro. 

- Verdade ou desafio ?

Merda, parou em mim.

- Desafio.

Sou desses.

- Te desafio a virar dois copos de vodka sem fazer cara feia.

Poxa, porque não me mandou beijar Jb ? Não ia me importar !

- Vai fazer isso mesmo Taehyung ? - Yoongi teve a capacidade de falar isso. Sério ?

- Óbvio ! 

Me entregaram os copos, e assim fiz. Virei um, virei o outro. 

Tranquilo. 

- Tá bem aí ? - Jb estava um pouco alterado, ria sempre que abria a boca pra falar.

- To ótimo

O jogo prosseguiu. Resultado? Todos bêbados.

- Verdade ou desafio? - A garrafa apontou para Jb.

- Desafio.

Yugyeom pensou.

- Pega o Tae.

Nessa hora Yoongi ficou inquieto. Mexia pra lá pra cá e parecia querer matar Yugyeon com os olhos.

- É pra já!

Nunca esperei tanto por isso.

Jb sentou no meu colo virado pra mim e segurou firme em minha nuca, colou sua boca na minha, num beijo necessitado e selvagem. A língua dele dançava em sincronia com a minha, a especialidade e o controle que tinha era inexplicável. Rebolava em meu colo na busca de me provocar ainda mais, estava conseguindo. 

- Para ! Chega !

Lá vem ele de novo.

- Já deu ! Continua !

Sorriu satisfeito e desceu do meu colo, por segundos viajei nos meus pensamentos.

- Chegou a grande hora.

Jungkook falava todo enrolado, mal começamos a noite e eles já se acabaram. 

Tiramos a garrafa e colocamos as bebidas, dentre elas Whisky, tequila , vodka , soju , cachaça entre outros. 

- Alguém mais consciente pode escrever o nome nos papéis? - Falou Jungkook rindo feito bobo.

O único que estava sóbrio ali era eu e Yoongi, quer dizer... mais ou menos.

- Deixa que eu faço essa merda.

Todo irritadinho.

Yoongi começou.

- Hum... quem eu tirar terá que beber tequila com qualquer outra bebida aqui. 

Sorteou.

- Taehyung ? 

Sorriu malandro misturando bebidas na qual não reconheci.

- Faça bom proveito. 

Virei inteiro.

Aish isso ardeu.

Fiz uma careta e peguei o pote com os nomes.

- A pessoa com quem eu tirar terá que dançar e tirar a blusa. - Abri o papel - Jackson !

 - Agora gostei ! - Mark e Bambam se pronunciaram ao mesmo tempo

Tadinhos, tão doidos.

O jogo ficou super quente. Rolava altas pegações entre Jackson e Mark, entre Yoongi e Kihyun , eu e Jb, Yugyeon e Youngjae, Jinyoung e Bambam, e não podia faltar Jimin e Jungkook. 

- Última rodada. Quem eu tirar , terá uma hora no meu quarto pra fazer o que quiser. Nem pensem em dormir !

Ansiedade.

- Jb !

Ai meu santo G-dragon !

- Eu escolho a pessoa. - O olhar voou para mim. - Vai lá , TaeTae.

ALELUIA !

Me empolguei desculpa.

Sorriram maliciosos.

- Primeiro quarto a direita, boa noite pra vocês. 

 

*************************************************

Me empurrou contra a parede do quarto e me encarou de forma séria mais sexy. Seu olhar transbordava luxúria, misturada com bebida, não sei no que isso vai dar. Me beijava de forma selvagem, a guerra interna que havia entre nossas línguas parecia algo sem fim. Segurei sua cintura e grudei seu corpo ao meu, sem separar nossos lábios. Em passos cegos, Jb me levava até a cama. Fui empurrado e caí em cheio entre as cobertas. Jb engatinhou sob meu corpo, atacou meu pescoço com mordidas e chupões mais que agressivos. Deixei um gemido escapar sem ao menos perceber, sorriu vitorioso e num movimento rápido minha blusa foi parar no chão. 

- Não sairei desse quarto até ver toda essa pele branca marcada. 

Fez uma longa pausa. 

- Quero escutar os gemidos, quero mais que tudo, tê-lo só pra mim.

Estou pronto pra isso?

Realmente vou transar com um garoto que mal conheço? 

*************************************************

Se a esperança tem um sabor , qual o seu ? - Namjoon


Notas Finais


Espero que gostem !


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...