1. Spirit Fanfics >
  2. My Demon. -Taekook-KookTae- >
  3. Capítulo: 02

História My Demon. -Taekook-KookTae- - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Em Primeiro lugar: Kim Taehyung tem olhos BICOLORES

Em Segundo lugar: Eu não sei ao certo quantos capítulos está fanfic tê-ra, mas não sera "tão" grande

Em Terceiro lugar: Jeon Jungguk o Rei do inferno sera CADELINHA de Kim Taehyung! Porque é de lei né meus caros

Em Quarto lugar: Taehy é mais baixo que o Ggukie aqui -_- [não muito]

Em Quinto e mais importante: ISSO AQUI FICOU RUIM PRA KRLH, eu nem sei mais o que esperar das coisas que eu escrevo
Ahhh, e algumas coisinhas aconteceram um pouco rápido entre os Taekook's

💜
B
O
A

L
E
I
T
U
R
A
💜TK/VK💜🐯🐰

Me deêm uma forcinha aí minhas amorinhas, estou sem ânimo para escrever😟😔 e com uma puta insegurança

Capítulo 2 - Capítulo: 02


Fanfic / Fanfiction My Demon. -Taekook-KookTae- - Capítulo 2 - Capítulo: 02


Saiu de dentro do banheiro, uma camisa de ceda branca estava em seu corpo, assim como a cueca e a calça moletom rosa. Estendeu a toalha, encanminhou-se até a sua penteadeira, sentou-se e tratou de tirar as lentes com cuidado. Finalmente pode visualizar seus olhos bicolores

Não gostava tanto deles, achava-se estranho e algumas vezes horrível

Um olho azul claro, e outro verde claro. Desde menor usava lentes para evitar situações ruins, achava-os horríveis por conta que um dia foi motivo de vários insultos dolorosos na sua escola, por esquecer de usar as lentes. Ter olhos bicolores não é ao certo uma "Dádiva", para o garoto era mais uma espécie de castigo, algumas pessoas mais próximas do garoto que um dia conseguiram visualizar os olhinhos bicolores, achava-os lindos, mas outras... Tsc, Tsc

Tae: Estou cansado dessas lentes, estou cansado de vocês! Cansado de esconde-los -Susurrou ainda olhando-os. Sentia-se triste por dentro. -Eu...  -Suspirou e molhou os lábios secos com a ponta da língua

Tinha medo, medo de ser chamado novamente de aberração, as lentes ajudavam-o a se sentir melhor em relação aos olhos bicolores. Mesmo que um dia ansiasse poder sair na rua sem lentes, sem lentes acobertando seus lindos olhos, mas ainda tinha esse medo fodido. Mas quem sabe uma Pessoa não o ajudase a se livrar do medo...

O demônio calmamente encaminhou-se até o menino. Suspirou olhando-o em seu belo rosto pelo reflexo do espelho

Jk: Você é o Humano mais belo deste mundo. -Sentiu-se hípnotzado pela beleza e olhos bicolores do rapaz. É lindo, completamente espléndida e surreal sua beleza, perfeito a cada traço, delicado a cada toque. Certamente era um humano contemplado com a beleza de um anjo puro e belo.  -Me sinto fraco, anjo, tú és o meu calcanhar de Áquiles, mesmo que eu queira afastar-me de ti, não conseguirei, tú me fascinou, encantou-me com tua beleza e teu coração, estou perdidamente apaixonado por ti, como podê fazer isso com o senhor das trevas?  -Susurrava enquanto admirava-o

Taehy respirou fundo, enquanto sentia seu corpo e mente relaxados. "O que está acontecendo?" Perguntou-se, Jeon sorriu mínimo. Sentia os olhos pesarem, mas não era tarde, por que estaría com tanto sono assim? Tinha esforçado-se demais na lanchonete?

Jeon sorriu outra vez, beijou a bochecha do Garoto com cuidado. Kim estava grogue de sono, Com cuidado o senhor das trevas o pegou e o levou até sua cama. Deitou-o sobre o acolchoado e acobertou-o. Ajoelhou-se perto do rostinho do bicolor e susurrou docemente e calmo

Jk: Fique comigo, meu lindo anjo, eu sempre cuidarei de você. -Taehy sorriu mínimo e assim dormiu

...

Revirou os olhos, lisa riu alto e chutou com uma força surreal a mandíbula do verme, o sangue espirrou por boa parte da sala, manchando o piso cinza

Chae: Lisa, acerta as costelas agora!  -Gritou animada, a mulher sorriu e acatou o pedido da amada, acertando três socos na costela direita do verme, que gemeu e gritou alto de dor

Jk: Lisa, e  Chae venham. -Lisa bufou irritada e chutou o rosto do homem outra vez. -Depois você termina isso caralho!! Vem!

Contragosto seguiu seu senhor para fora dos fundos, enquanto chae lhe fazia massagem nos ombros. Adentraram a boate de iluminação azul, e camhinharam para a sala de Jungguk

Jk: Primeiro: Quero que Jogue aquele verme longe daqui!!  -Bradou irritado batendo com tudo na mesa. -Claro depois de dar uma boa lição nele, sei que sua lição não terminou ainda, segundo: Quero que façam uma visita à essas pessoas. -Retirou de dentro da gaveta uma foto de um Casal e mostrou para as duas

Chae: Hummm, isso vai ser bom, muito bom. -Bateu palminhas animada enquanto ánalisava a foto com cuidado

Lisa: Ok Ok, o que o senhor quiser, agora eu irei voltar a punir aquele verme, certo?  -Levantou a sombrancelha, Jungguk suspirou e assentiu

Chae: Calma, Amor por que você estava punindo mesmo ele?  -Perguntou olhando a mulher, lisa riu baixinho

Lisa: Chae, você me mandou bater nas costelas dele, e nem sabia o por que da punição?  -Chae Assentiu

Lisa: Ele quebrou umas das regras da boate com uma das dançarinas e mentiu. -Falou seria

Chae: Eu posso tortura-lo também?  -Um sorriso grande apossou-se do seu rosto

Jk: Se quiser matá-lo depois...  -Deu de ombros. -Voltando, Não precisam mata-los, somente um susto. -Lisa sorriu sádica. -E nada de quebrar os ossos deles, lisa. -Lisa emburrou

...

Jm:... So one last time

I need to be the one who takes you home
One more time
I promise after that, I’ll let you go
Baby, I don’t care if you got her in your heart
All I really care is you wake up in my arms
One last time
I need to be the one who takes you home

I don’t deserve it

I know I don’t deserve it
But stay with me a minute
I swear I'll make it worth it... [Então, uma última vez

Eu preciso ser aquela que te leva para casa
Mais uma vez
Prometo que depois dessa, vou te deixar partir
Querido, eu não ligo se ela está em seu coração
Eu só me importo em acordar com você em meus braços
Uma última vez
Preciso ser aquela que te leva para casa

Eu não mereço
Sei que não mereço
Mas fique comigo por um minuto
Juro que farei valer a pena...]. -Cantarolou alegremente enquanto preparava o café da manhã do Kim. Tinha chegado a alguns minutos na casa do mais novo, tinha uma cópia da chave, então não precisou bater até o garoto acordar para abri-la

Continuou a cantar e fazer uma dancinha sem sentido, enquanto cozinhava. Logo o bicolor adentrou a cozinha com um beicinho, cabelos bagunçados e uma carinha amassada feito um pãozinho fofo

Sentou-se na cadeira e observou seu hyung sem dizer nada, Park logo virou-se com paquecas cobertas de mel em um prato

Sorriu admirando os olhinhos e rostinho do mais novo

Jm: Bom dia bicolorzinho lindo. -Colocou as panquecas na mesa, inclinou um pouco seu rosto, retirou a franja do menininho da frente do rosto e selou o lugar com um beijinho cheio de amor e carinho. Taehy sentiu o coraçãozinho quentinho, e sorriu fechado

Tae: Bom dia, Ji-Hyung. -Susurrou rouquinho

Jm: Dormiu bem, bicolorzinho?  -Perguntou-lhe enquanto pegava a jarra de suco de uva na geladeira

Tae: Dormi bem, Hyung, e você?  -Perguntou baixinho

Jm: Meu neném, não precisa falar tão baixinho, sua voz é linda, seus olhinhos são lindos, você é lindo, não se prenda aos costumes ridículos dos seus pais. -Repreendeu o menor, enquanto acariciava seu rostinho

Taehy abaixou a cabeça suspirando

Tae: Me desculpe Hyung. -Molhou os lábios com a pontinha da língua, Jimin respirou fundo e Levantou o rostinho dele com as pontas dos dedos. Os olhos bicolores procuravam não olhar para o Mais velho, Jimin soltou um suspiro baixo

Jm: Se arrume, hoje é sábado, iremos sair. -Deixou um carinho singelo na bochechinha cheinha fofa do menor, enquanto um sorriso brincava em seus lábios

Tae: Hyung, eu não quero

Jm: Por favor TaeTae, vamos sair só nós dois. -Fez um biquinho irresistivel, Kim olhou-o 

Taehy queria negar, mas os olhos pidões do Hyung faziam ele ceder

Tae: Certo Hyung, somente nós dois. -Jimin assentiu sorrindo

...

Tae: Achei que você tivese dito que só iriamos sair nós dois!! .-Ditou em um tom frio e irritado, enquanto tentava manter-se calmo por fora, já que por dentro já tinha pirado. Estavam em uma espécie de festa na piscina, No começo eles iriam somente em um shopping, porem Jimin acabou encontrando um "Amigo" que estava Indo para festa de um outro amigo, e no final, o homem carregou o Park e o Park Carregou o menino de lentes cor de caramelo

Jimin riu, enquanto segurava na mão do Kim, puxando-o consigo

Jm: TaeTae, por favor se divirta. -Ditou, enquanto desfilava somente de sunga, Taehy por outro lado estava com uma calça e uma blusa, e uma mochila de Jimin nas costas. O rosado puxou o menor para um banheiro dentro da mansão, sabia onde ficava pois Hoseok[O cara quem os trouxes] o instruiu

Tae: Jimin Hyung, eu quero ir para casa!  -Adentrou o banheiro com o mais velho

Jm: Nada disso, TeTe, tenta se divertir um pouco, se você decidir que não dar a gente vai, Ok?  -Fez um biquinho, Taehy suspirou e assentiu. -Ótimo, agora coloca a roupa que eu trouxe pra você, neném. -Taehy engoliu a seco

...

Resmungou irritadinho, Fazia mais ou menos uns trinta e três minutos que estavam ali, e o garoto já não aguentava todo aquele barulho. Estava sentado do lado de fora, embaixo de uma árvore um pouco longe da  piscina e mesmo assim a barulheira do som chegava até ali, não era tão alto ali o barulho, porém as vozes de algumas pessoas que estavam por ali, sim! Estava com uma sunga azul escura, uma camiseta grande branca de pano fino, um daqueles chapeus de sol feito de palha com uma fita presa, um óculos escuros e sándalias, estúpidamente lindo

Recostou seu corpo no tronco da árvore suspirando, puxou a mochila e retirou seu celular e protetor solar de dentro. Fechou-a, Jimin estava com o garoto, porém saiu para pegar alguma bebida e pétiscos a alguns minutos. Retirou os óculos e olhou seu rosto pelo celular

Tae: Deveria ter ficado em casa, cuidando do Tannie. -Suspirou

Jm: Serio? Você pulou de um lugar assim?  -Perguntou animado enquanto aproximava-se do de lentes cor de caramelo, com no mínimo quatro pessoas consigo. -Deve ser muito bom fazer isso. -Sorriu animado, e logo parou em frente a Taehy que já tinha colocado o óculos. -Bom, Taehy. -Chamou o amigo que demorou um pouquinho para subir o olhar para si. -Taehy, o hobi você já conhece, essas são lalisa e sua namorada chae-young, e este é Jungguk, o anfitrião da festa e Amigo do Hobi. -Pouco a pouco o garoto olhou para cada um, seus olhinhos curiosos prenderam-se na figura do Homem totalmente de preto, sentiu a espinha gelar, respirou fundo

Lisa: Lalisa Manoban, chame-me apenas de lisa. -Ditou e sentou-se ao lado esquerdo do garoto, Taehy voltou o olhar para ela e logo depois para a grama verdinha

Chae: Park Chae-Young, mas me chama somente de chae, fofucho. -Sorriu e sentou-se entre as pernas da namorada, Jimin sentou-se a sua frente e Hobi ao seu lado

Jk: Olá, Jeon Jungguk. -Ditou, sentindo a íris mudar de negro para cinza, por sorte estava de óculos escuros, sentou-se do lado direito do Kim

Tae: Kim Taehyung. -Ditou olhando Jimin, na sua mente só se passava como poderia torturar o Park, mastigou e engoliu o pétisco

Jimin logo estendeu uma lata de cerveja para o ssaeg

Tae: Não Quero, obrigado. -Fritou Jimin vivo, na mente, e logo depois jogou molho de churrasco

Chae: Taehy você é muito fofinho e lindo. -Chae falou olhando o garoto, Tae engoliu a seco e sentiu o sangue concentrar-se nas bochechas. "Eu só queria ter ficado em casa!!"

Suspirou novamente

Tae: Obrigado, Chae-Young. -Falou tentando não soar baixo ou frio

Chae: Bobinho, me chame apenas de Chae. -Pediu fazendo um biquinho fofo, lisa sorriu e susurrou no ouvido da amada. -O que?!! Lisa!! Eu vou te bater!!  -Ameaçou

Lisa: Parei, neném. -Abraçou a cintura da Park

Jk: Vocês duas são irritantes. -Jungguk disse e deu uma golada da cerveja. -E vocês dois, vão se engolir em outro lugar!!!  -Chutou a canela de Jung, que parou de engolir a boquinha do rosado

Hb: Vai se foder, cacete! Eu mal chego e tú já vem me agredindo?!

Lisa: É a lei meu querido

Hb: Que lei mulher? Tá louca?

Jm: Hobi-ah. -Susurrou puxando o rosto do Homem e tomando sua boca novamente, sem ligar para os outros

O bicolor revirou os olhos tentando não surtar

"Calma, não surta com o Jimin, calma"

"Eu não aguento mais isso!"

"Matar somente na mente não resolve!"

...

Rolou os olhos, já era quase seis da tarde e Park Jimin ainda estava na festa e o coitado do bicolor também, seu Hyung estava meio alterado por isso ficou ali, para cuidar dele

"Ele é bem boboca, mas estava lá por mim quando eu me sentia só, devo cuidar dele, não só por isso, mesmo ele sendo assim, eu ainda amo ele, devo cuidar e proteger quem eu amo"  -Pensava sentado no sofá observando seu Hyung cantar e dançar com Chae, e outra garota, a maioria das pessoas já tinham ido embora, ficando somente algumas no quintal curtindo a música que estava baixa a mandado do Jeon, e eles dentro da mansão. Taehy já tinha tomado banho em um dos banheiros e trocado de roupas, usava agora: Uma calça de couro preta que marcava bem sua raba e suas coxas grossas, uma blusa gigantesca cinza que mostrava as belas e salientes cavículas e sapatos, escolha de Park Jimin para Kim Taehyung, Taehy ódiou. Os cabelos castanhos grandinhos caíam sobre seus olhos e ele os retirava

Jk: Não quer dançar também?  -Perguntou enquanto sentava a uma certa distância do garoto

Tae: Não, não sirvo para isso. -Molhou os lábios apertando a mochila

Jk: Esta com fome? Eu pedi pizza. -Taehy suspirou novamente

"Eu já perdi a conta de quantos suspiros eu dei"

Estava com fome, mas não disse nada, mas sua barriga o entregou

"Traídora!!!"

Jk: Acho que está com fome. -Riu baixo, e Taehy inflou as bochechinhas soltando uma lufada de ar. Jungguk ficou encantado com a fofura

Tae: Oooh, imagine se não estivese. -Mumurmou sárcastico, Jungguk escutou e sorriu

Jk: Poderia me seguir, majestade?  -Brincou, e o castanho rolou os olhos tentando não sorrir

Tae: Claro Mero pebleu. -Jungguk riu e caminhou para cozinha com Taehy o Seguindo

Assim como o Kim, Jeon já tinha tomado banho e trocado de roupas

...

Tae: Você não é tão chato como eu achei. -Mumurmou e mordeu a fatia da pizza

Jk: Wou, isso é um elogio da vossa majestade?  -Bebeu o suco de laranja e logo depois sorriu. Kim abaixou a cabeça tentando esconder o pequeno sorriso que estava em seus lábios

"Ele é tão bobão"  -Negou pensando

Tae: Não me chame de majestade, Jeon. 

Jk: Então como eu, um mero pebleu deveria chamar-te? Devo chama-lo de Anjo? Sim, Anjo. -Taehyung levantou a cabeça corado.

Tae: Jeon... -Mumurmou e Jungguk o cortou

Jk: Anjo, não me chame de Jeon ou Jungguk. -Fez uma cara de pensativo e logo sorriu de orelha a orelha.  -Chame-me de Gguki, sim! Gguki

Taehy arregalou os olhos

"Isso é estranho, eu me sinto bem na presença dele, como se já tivese sentido muitas vezes e eu me sinto confortável"

Taehy nada disse apenas bebeu seu suco

Jk: A chae tinha razão. -Taehy curvou as sombrancelhas confuso. -Você é lindo e muito fofo. -O bicolor grunhiu corando

Tae: Jeon!!  -Gritou coradinho e Jungguk riu alto. -Você é tão idiota, Gguki. -Ditou e susurrou o apelido

Jk: Eu escutei o Gguki viu kkkk

Tae: Céus!! 

Jk: Hey, eu só te disse a verdade, você é muito lindo Anjinho, não pense ao contrario disto, tua beleza é inigualável, és belo como uma pequena flor, por dentro e por fora. -E Taehyung se viu novamente corado, com as palavras do rei das trevas cravada em sua mente

Tae: Acho Melhor eu e Jimin-Hyung Irmos, ele já está bem alteradinho. -Mudou de assunto, Jeon conseguia quebrar a barreira que o Bicolor construiu apenas com simples palavras, isso é ruim, certo?...

"Isso não deve ser bom... Ou..."

Jk: Certo Certo, Posso leva-los?  -Pediu com olhinhos de cachorrinho abandonado

Tae: Mas você precisa ficar aqui!

Jk: Lisa cuida até eu voltar, simples, vai Anjinho deixa?  -E para completar fez um bico fofo, TaeTae vendo aquela cena assentiu derrotado. -É isso aí. -Comemorou

"Ele é tão bobão"

...

Tae: Desculpe por aquilo, Jeon. -Pediu assim que saíram do quarto, depois de deixar o Park na banheira de água fria

Jk: Tá tudo bem, Anjinho. -Assegurou, Jimin acabou não aguentando o balançar da viagem e vomitou no carro de Jungguk

Tae: Obrigado por ter nos trazido até em casa.  -Falou tímido

Jk: Por nada, Anjinho. -Jeon sorriu

"Anjinho..."

...






Notas Finais


Não sei o que achar... Não foi revisado


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...