1. Spirit Fanfics >
  2. My Demon(s) - LOONA HyeWon >
  3. Unus

História My Demon(s) - LOONA HyeWon - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Parece zoeira mas não é...
OLHA EU DE NOVOOO ksksks
e aí meu anjinhos! voltei um pouco mais depressa, mas n acostumem essa fic, ela ainda está em processo de escrita então as postagens não vão ser no mesmo ritmo de Flowers to Another Flower e My Sunday (inclusive, se você acabou de chegar e não sabe que fics são essas, dá uma olhadinha no meu perfil :3)
Talvez eu poste 1 capitulo por semana
mas ainda estou decidindo isso...
ENFIM!
espero que gostem
boa leitura :3

Capítulo 1 - Unus


— Vai ficar trancada nesse quarto o dia todo mesmo? - ouvi minha mãe perguntar por trás da porta.


— Por que não sai um pouco? - o ser celestial dizia baixo em meu ouvido esquerdo - Há tantas coisas bonitas lá fora... Ou sei lá, só saia do quarto e fique um pouco com seus pais... 


— Cala a boca aí penadinho alado... - essa foi a vez do ser diabólico falar mais alto - Você que tem essas asas pomposas... Por que não vai dar um passeio lá fora enquanto a gente assiste Lúcifer aqui, hm? 


— Dá pra responder sua mãe, Son HyeJoo? - a mulher perguntou com um tom levemente alterado.


Respiro alto antes de responder. — Dá sim, e sim, eu também vou ficar trancada aqui no quarto. - disse simplista, logo voltando a olhar a tela do notebook.


— Eu nunca deveria ter comprado esse computador. Você só fica nele agora! Coisa do Diabo esse negócio. - falou irritada e saiu pisando forte.


— Fazer o que né? - disse baixo com tom de desinteresse.


— Hye, olha, meu pai não inventou esse negócio ai não... Ele só faz é atender à pactos de pessoas aleatórias que querem ser famosas do dia pra noite, e torturar com o pior pesadelo de quem já morreu. - a criatura preta, com pequenos chifres e olhos vermelhos disse se sentando do lado direito da minha mesa ainda olhando a tela do computador - Pode avisar sua mãe que ele não perde tempo com tecnologia, beleza? 


— Pode deixar... 


— Eu nem sei o porquê de eu ainda tentar fazer com que você me de ouvidos... - o ser branco diz. Não o respondo e ele se senta no lado esquerdo da mesa - Para esse coiso. - diz já dando pause no episódio. 


— Eu ainda não me conformo que vocês conseguem interagir com o mundo material... - apoio o cotovelo na mesa e repouso minha cabeça sobre minha mão e olho com desdém para a criatura - O que você quer, anjinho?


— Você nunca me dá atenção... Só dá pro demoninho. - diz fazendo um biquinho fingindo estar chateado.


— É porque eu sou legal e você não??? - a criatura do submundo diz em tom óbvio e eu rio - Qual é, ChungHee... Você acabou de pausar uma série incrível sem a permissão da Hye... E ainda se pergunta porque ela dá mais atenção pra mim do que pra ti.


— Eu to falando com a Hye, ChinHae. - ChungHee respondeu ríspido fazendo o outro levantar as mãos em rendição.


— O ChinHae não tá totalmente errado não, Chung... - confessei coçando a nuca - Com o Chin, eu vê aventuro mais... Faço o que quero... Digo coisas que normalmente não tenho coragem de dizer, porque ele me encoraja. Com você me aconselhando eu sempre fico mais reservada, entende? A vida não tem aquela emoção toda.


— Nossa... Re-ce-ba, ChungHee. Poderia ter ficado sem essa. 


— Primeiro, ChinHae, você já me encheu a paciência hoje, se saia, por favor. - ele pede de olhos fechados enquanto massageia a têmpora. Olho para o pequeno demônio que fecha os olhos e dá de ombros, e logo desaparece, literalmente, feito fumaça. ChungHee voa até o lado onde a fumaça se encontrava, terminando de dispersá-la - Okay, continuando... Você disse que a vida comigo não tem emoção e que sempre fica mais reservada... Diz isso porque sempre se isola com o Chin. Até mesmo na escola você e ele se isolam. Quando alguém vai até vocês procurando amigar, vocês espantam a pessoa. 


— Tá e daí? 


— Se você desse a mínima atenção pra mim e tentasse socializar, conhecer pessoas novas, você talvez poderia ter um pouco de emoção em relação aos seus sentimentos. Qual foi a última vez que você se apaixonou? 


— A última vez? Hm... Assim que eu comecei a assistir Lucifer, me apaixonei pela Chloe e, por mais incrível que pareça, pra você no caso, pelo Lúcifer...


— Eu quis dizer, pessoas reais... Aquelas que estudam com você, ou que são da sua escola. Reformulando a pergunta, qual foi a última vez que você se apaixonou por alguém da sua escola? - fico em silêncio - Vamos, responda, HyeJoo!


— Não sei... Talvez, há uns cinco anos? Quando eu conheci a Chuu e comecei a gostar dela e parei depois de uns três meses por conselho do ChinHae? 


— Exato... Cinco anos HyeJoo... Cinco anos que você não me dá ouvidos! Por isso sua vida é parada. Desde quando você se apaixonou pela Chuu e o ChinHae apareceu pra te ajudar a parar de gostar dela, você não me deu mais ouvidos. Faz tudo o que quer, trata as pessoas como se fossem nada, se isola... Sua mãe está preocupada com você, mulher! Acorda garota! Reaja! Olha, já faz dois meses que as aulas iniciaram, você faz dezesseis anos esse ano. Agora me diz, quantos amigos você fez em cinco anos? 


— Além da Chuu? - ChungHee assente e eu penso - Além dela... JinSoul e HyunJin. - digo cabisbaixa.


— Tá vendo? E você nem se quer sai com elas duas... Elas duas e a Chuu possuem várias amigas. Por que não combina de sair com elas? Diz pra elas chamarem as amigas porquê você quer conhecê-las. Sei lá... Passa o intervalo com elas também... Qualquer coisa, mas começa a socializar com as suas próprias amigas. Você vai ter algum tipo de emoção com elas.


— Por que você acha que eu parei de te dar ouvidos desde aquela vez? ChungHee, desde quando eu me apaixonei pela Chuu, tudo começou a dar errado! Eu ficava extremamente idiota na frente dela, eu ficava muito melosa, toda sentimental... Quantas vezes eu surtei por coisa banal e depois fiquei me chamando de trouxa? Eu me desconcentrava facilmente da aula, já que qualquer movimento dela, eu prestava atenção e me desconcentrava. Eu não quero isso... Esse tipo de emoção não é bom pra mim.


— Acontece, Hye, que os seus comportamentos baseados na sua convivência com o ChinHae, com as pessoas que te rodeiam, são muito piores... A relação entre você e seus pais está realmente tensa e suas amizades estão distantes... Eu acharia melhor que você arrumasse tudo isso, antes que piorasse. 


— Eba! Levei sermão de uma criatura que ninguém vê então não posso nem reclamar de você pra alguém... Ótimo... - falo em tom de ironia e reviro os olhos.


— ChinHae e eu só existimos e somos muito presentes por você ser uma pessoa muito solitária, um estilo lobo, digamos assim... 


— Então se eu fizer mais amizades vocês somem de vez? - disse com certa animação.


— Não, palerma... - me dá um leve tapa na cabeça - A gente sempre vai existir, só não vamos aparecer com tanta frequência. 


— Hm... Já é alguma coisa... Vou pensar sobre isso aí. - digo encarando ele é ficamos em silêncio - Tá pode ir embora já... Vou terminar de assistir série e jogar vídeo game...


— Achei que já fosse começar agora a mudança.


— Eu não... Preguiça demais... - ele revira os olhos e logo desaparece em fumaça branca. Disperso a nuvem abanando as mãos e volto ao episódio. 


~*^10PM^*~ 


Hora do jantar e pela primeira vez esse ano, em março apenas, decidi descer e comer junto aos meus pais. Exato, levei em consideração tudo que ChungHee disse e decidi experimentar a mudança de comportamento... Se eu não conseguir, posso pelo menos falar que eu tentei, né? 

O jantar até que não foi tão ruim. Foi até que bem quieto. Provável que, como eu nunca desço, sempre janto depois deles, hoje eles não souberam como agir, nem sobre o que falar. Então, não foi tão ruim... A comida estava excelente e felizmente estava alimentada. 


Agora, já no quarto, deitada, de portas fechadas, estou vendo algumas últimas coisas no Twitter e logo vou dormir. Até porquê, amanhã já é segunda e eu tenho aula... Por eu estar tentando mudar meus hábitos de socialização, resolvi mandar uma mensagem para a Chuu, perguntando se ela pode me esperar na entrada e se posso passar o intervalo com ela e com as amigas. Ela ainda não me respondeu, pode ser que já tenha ido dormir.


Como estava tudo muito tranquilo, óbvio que alguém tinha que aparecer — O que meu pai está acontecendo com você?? - ChinHae aparece já falando isso. Fecho os olhos, me senti na cama e solto o ar agressivamente. 


— Que? Como assim, "o que meu pai está acontecendo com você?"? Tá louco é? - ChinHae se senta na minha frente.


— Desculpa, eu quis perguntar, o que diabos tá acontecendo com você? 


— Ah, tendi. Então, to tentando não fazer com que todo mundo se afaste de mim... Vou morrer sozinha desse jeito.


— Caixão só cabe um, meu amor... Vai adiantar nada, porque no fim das contas, tu vai sozinha pra sei lá onde. 


— Achei que você já soubesse... Dizem que quem se apaixona pelo mesmo sexo vai pro inferno direto... Sem contar o tanto de piadas de humor depreciativo com minorias eu já ri, tipo, de gargalhar... Eu devo ser braço direito do seu pai já.


— Isso é lenda... Só vai pro inferno quem merece mesmo... Se ajudou ou fez participação direta com um crime proposital. Tipo, se você matar alguém, seu lugar no inferno fica reservado já. Não essas coisas banais. Isso é coisa da Igreja que não tem o que fazer e fica julgando as pessoas e cus alheios...


— Valha, verdade né? De qualquer forma, estou tentando novos amigos e ver se eu consigo provar pro ChungHee que a vida com ele não é tão emocionante quanto ele pensa...


Ele balança a cabeça em concordância — Entendi. Achei que tinha batido a cabeça e tinha te perdido pra sempre. 


— Larga de ser sentimental, criatura... - dei um leve soco em seu ombro - De qualquer forma, eu vou tentar dar ouvido pra vocês dois... Porém com mais ouvidos pra ele. - digo e bocejo por conta do horário. - Amanhã a gente se fala, pode ser? To caindo de sono...


— Beleza... Se você não me abandonar, tudo certo. - assinto e ele logo desaparece. 


Sinto o celular vibrar ao meu lado, o pego e vejo algumas mensagens da Chuu no visor.


---- WhatsApp SapaChuu ----


10:16PM| Oi Hye!!! 

10:16PM| Blz, amanhã a gnt te espera sim

10:16PM| A gnt vulgo eu e outras amigas minha

10:17PM| Vai ser bom pq assim vc já se conhecem e vão fazendo... Amizade?????????

10:18PM| N sei, pode ser q sim, pode ser q não... Só depende de tu 


--------


Nem comecei a socializar e tudo já depende de mim. Negócio difícil, credo.


--------


Ah blz ent, Chuu |10:19PM

Acho q vai ser bom eu socializar |10:19PM


10:20PM| Quem é vc e o q fez com a antiga HyeJoo??? Kkkkkkk


Kkkkkkk |10:20PM

Obg Chuu... Agora vou dormir, até amanhã |10:21PM


10:21PM| Até~


--------


Coloco o celular no criado mudo e fecho os olhos, dormindo rapidamente. 


Notas Finais


Se protejam do coronavírus
Lavem bem as mãos
Proteja a boca com o interior do braço caso tussa ou espirre
Saia somente se necessário
Caso for cumprimentar alguém, use a lateral dos pés
E caso o B0ls0n4r0 apareça na TV, coloque no mudo :)
até a próxima :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...