História My Destiny - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Guerra, Namjin, Reinos, Século Xv, Vkook, Yoonmin
Visualizações 23
Palavras 901
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Lemon, LGBT, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiiin, zentaaaaaaaae, blz?

VOLTEI AAAKAKAOWOTNZNXNLOOZUIJSBWNKDM
E ainda trouxe My Destiny, me agradeçam, nenis!
Eu disse q ia tentar trazer capítulos com 1K de palavras ou mais, não foi? E o no consigui :( acho q foi o sono. Mas ficou bom, juro!

Só fiquem com esse capítulo que tá um hino de bom.

Ah, dêem views na Jintro, vulgo Epiphany. Kissus.

Até as notax finaix!

Capítulo 8 - VIII- He Leaves Me With Confused Thoughts.


Anteriormente

- Não vejo problema algum, quanto mais rápido melhor. - O progenitor de Jeongguk respondeu firme e o conselheiro apenas concordou com a cabeça. 

- Então, vossa Majestade deve chamar os dois jovens. - O Rei de Inía estava completamente de acordo com o Rei Jeon. Quanto mais rápido o casamento da Princesa de Orchid e de Jeongguk acontecesse, mais rápido o novo acordo com os reinos de Olwden e Inía aconteceria.

[...]

Jeongguk e TaeHyung andavam pelo jardim do castelo enquanto conversavam. Os dois pareciam amigos de velhos tempos e realmente eram.

- Jeongguk. - TaeHyung chamou o mais novo que olhou para si com aquelas duas orbes negras brilhantes que se pareciam dois diamantes. Engoliu em seco e tentou recuperar sua sanidade, Jeongguk era um homem deveras bonito e causava efeitos um tanto constrangedores no psicológico do Kim. - Acabei de me recordar do que aconteceu ontem. - Tentou voltar ao foco de falar ao Jeon que se lembrava de ter conhecido sua mãe e ele.

- E o que aconteceu ontem? - Jeongguk questionou apertando os olhos e franzindo as sombracelhas. 

- Ora! Não olhe para mim assim! Vão achar que sou um criminoso! - TaeHyung havia de fato se assustado um pouco com o olhar do de cabelos negros. 

- Então fale me o que houve, senão vou me preocupar! - E foi aí que o mundo parou para TaeHyung. Jeongguk se preocupando consigo? Aquilo era um sonho por acaso? Mas por enquanto TaeHyung ignoraria, tinha algo mais importante para falar.

- Eu conheci sua mãe, Jeongguk. - Revelou fazendo Jeongguk sorrir e olhar para o chão enquanto seus olhos enchiam de lágrimas que começavam a descer pela tez de pouca melanina. TaeHyung só não entendia porque o Jeon ficara demasiadamente emocionado, mas continuou sua fala. - Eu estava pensando em você quando me lembrei de que sua mãe já havia ido ao Castelo de Inía. - TaeHyung não havia dado conta da frase que falou no começo e o Jeon parou de andar, olhando para TaeHyung surpreso. TaeHyung parou de andar, também, ao perceber que Jeongguk já não estava ao seu lado. 

- O que disse? - TaeHyung virou para Jeongguk que não desviava seus olhos arregalados e surpresos do Kim por nada. TaeHyung parou para pensar e olhou para os lados, repetindo a sua última frase. 

- Eu disse que lembrei de sua mãe no Castelo de Inía. - Jeongguk balançou a cabeça negativamente em lentidão. 

- Antes, repita o que disse antes. - O Jeon insistia e só assim TaeHyung lembrou do que disse. Corou minimamente e arregalou seus olhos iguais aos de Jeongguk. 

- E-eu... - TaeHyung tentava falar, mas de sua boca só saíam suspiros desesperados e gaguejos, Jeongguk não aguentava mais esperar o Príncipe de Inía repetir o que falou e ele mesmo repetiu a frase do Kim.

- Você disse que estava pensando em mim. - TaeHyung engoliu em seco novamente ao ver o Jeon andando em sua direção de forma lenta e digamos que sensual demais. Sorte - ou azar - que o Capitão do Exército chegou para chamá - los e o Jeon teve que se afastar do Kim.

- Altezas. - Se curvou diante dos jovens e prosseguiu - Sua majestade mandou vos chamar. Me acompanhem. - Jeongguk ponderou seu olhar para Hoseok e a paisagem, não estava entendendo porque seu pai o chamaria agora.

- Por que meu pai está nos chamando? - Jeongguk perguntou tentando adivinhar mentalmente a resposta do Jung.

- Com todo o respeito, vossa Alteza deve ter se esquecido que sua noiva chegará hoje, já chegou, para mais exatidão. - Hoseok explicou para o Jeon que se entristeceu assim que ouviu a frase final. Olhou para TaeHyung que sorriu triste e tocou - lhe no ombro de forma reconfortante. 

- Vai dar tudo certo, Jeongguk. - Tentou novamente reconfortar o amigo que sorriu triste pegando a mão livre de TaeHyung e a entrelaçando. Já estavam acostumados a andar pelo jardim do Castelo de mãos dadas e Hoseok observava tudo com acolhimento e amor, aquilo era tão adorável. Mesmo sendo dois homens, àquele ato não deixava de ser encantador e os dois tornavam ainda mais.

- Vocês ficam lindos juntos... - Hoseok falou sem pensar sorrindo bobo. Mas depois se tocou da besteira que falou. - Desculpe, Altezas... Eu não queria... - Tentou se desculpar, mas para os dois, isso não era uma mentira.

- Não precisa se desculpar, Hoseok. Vamos? - Hoseok se sentiu um pouco desconfortável por ter falado aquilo sem mais nem menos para os dois Príncipes, mas depois pôde se sentir feliz ao ver os dois Príncipes conversando novamente.

Ao chegarem às portas do Castelo, Jeongguk respirou profundamente e fechou os olhos. 

" Vai dar tudo certo, Jeongguk, não fique assim. Mas por que ele tem que me confundir tanto?" Era o que Jeongguk pensava, mas seus pensamentos sobre o Kim deram lugar à sua noiva, a qual ele não gostaria nem de conhecer.

Entraram no Palácio já vendo os reis de Olwden e Inía, além dos dois, haviam mais dois homens, os decoradores de casamento estavam alí, Kim NamJoon e Kim SeokJin. 

Jeongguk poderia estar alí, presente em carne e osso, mas sua alma e seus pensamentos estavam voltados à TaeHyung.

" Ele me deixa com pensamentos confusos. " Pensou olhando para TaeHyung, enquanto o mesmo mantinha um olhar sério e um tanto amedrontador demais. 

Jeongguk também estava se apaixonando pelo Kim?


Notas Finais


Oiiin, zentaaaaaaaae, blz?
AAAKAOWWJSJWJSHSSNSSKKWWWJSBSKDQ HWHQWKDWWJZBSBA
Fala aí, esse capítulo foi um dos melhores até agr, krlh. Se é pra voltar nois volta com tudo msm.

Eu realmente espero que estejam gostando desta fic e do plot dela, tals.
Semana que vem tem mais!

Ah, não custa nada lembrar, dêem views na Jintro, vulgo Epiphany. Kissus.

Annyeong zentae ○•○
Fui!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...