História My Girl - Capítulo 13


Escrita por:

Postado
Categorias Camila Cabello, Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Camila Cabello, Fifth Harmony, Lauren G!p
Visualizações 97
Palavras 1.432
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Festa, Ficção Adolescente, LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Bissexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiii beybes
Tentei não demorar muito...estou tentando melhorar os capitulo...eu estava sem ideias...ai eu pensei tipo assim...eu sonhei com esse capitulo...então eu resolvi fazer. Espero que vcs gostem.

Me desculpem se tiver algum erro...dps eu ajeito.

Beijos e boa leitura. <3

Capítulo 13 - Cap 13


Fanfic / Fanfiction My Girl - Capítulo 13 - Cap 13

Pov Lauren

Um mês depois

Acordo com muito animo...nem eu sei o por que desse animo, de um tempo pra cá eu e Jade tínhamos ficado bem mas próximas...No começo Vero ficou com ciúmes, mas depois de um tempo ela se acostumou, um mês tinha se passado e a Camila e o Austin ficaram mais próximos...eu sei que eles são e casal e tal...mas eles não eram assim, mas eu sei que é só fingimento deles, eles nunca se gostaram de verdade.

Depois de ter terminado de tomar banho, vou em direção ao meu closet me trocar...visto uma calça azul clara e uma blusa branca longa, essa blusa eu tinha uma cavera com asas, em baixo calço um tênis branca da nike. Assim que termino de me arrumar, desço pra tomar café com minha família.

-Bom dia filha. Fala minha mãe ao me vê entrar na cozinha, ela estava sozinha, talvez meu pai já estivesse ido pro trabalho.

-Bom dia mãe...cadê o papai. Pergunto

-Ele teve que viajar para Los Angeles. Fala

-Hum...quando ele volta. Pergunto

-Não sei minha filha, talvez da que um mês. Fala

-Há. Termino de tomar café e vou em direção a garagem tira meu carro

...

Chego na escola muito animada( animada demais pro meu gosto) vou atrás dos meus amigos, oque não durou muito, pois logo avisto eles.

-Oi pessoal. Falo abraçando as meninas por trás.

-Ei...tira esse negocio da minha bunda. Fala Vero me fuzilando com os olhos

Apenas reviro os olhos e dou língua pra ela, e a mesma fez a mesma coisa pra mim.

-Que animação toda é essa Laur?. Pergunta Normani com um sorriso de canto.

-Nem eu mesma sei...só acordei assim, e não estou conseguindo controlar minha felicidade. Falo

-Nossa...ai tem coisa. Fala Ally, que tinha acabado de chegar com seu namorado.

-Valha vocês...posso mas ficar feliz não?. Pergunto fazendo bico

-Own meu Deuso...da bebezinha. Fala Vero tirando sarro da minha cara. E eu...fecho a cara no mesmo instante.

...

Já tinha batido pra ir pra casa...mas eu teria que ficar, porque hoje vai ter treino. Chego no vestuário masculino e pego um short branco fino e uma blusa vermelha. Saio de lá indo em direção a quadra.

-Olha gente... a menininha chegou. Fala Austin fazendo seus amigos babacas rirem. Aquilo me tirou do serio...toda aquela felicidade que estava sentido hoje, acabou.

-Eu pego mais meninas que você...seu babaca de merda, e talvez, talvez não...meu pau é maior que o seu. Falo e todos que estavam ali começam a rir da cara dele, ele veio pra cima de mim, mas quando ele ia chegando bem perto de mim, o treinar chega.

-Vocês dois querem ficar sem física por um mês. Pergunta o treinador

-Mas treinador ela que começou. Quando Austin fala aquilo meu sangue ferveu, eu ia pra cima dele, tanto ódio que o treinador quando percebeu era tarde demais. Eu dou um murro na barriga dele, e ele cai no chão, e quem disse que eu parei, eu subi em cima dele e comecei a dar vários socos nele.

-Já chega senhorita Jauregui...você e o Austin estão sem física por um mês. Fala mas eu estava pouco me importando, eu tinha dado muitos socos neles, mas eu não matei minha sede de bater nele...ele me aguarde.

...

Levei uma detenção da física, e tive que ir pra casa. Cheguei em casa e fui tomar um banho, eu precisava relaxar, minhas mãos estavam muito inchadas dos socos que dei nele, mas eu dei e se for preciso eu dou de novo. Termino de tomar banho e vou para meu closet me trocar... eu visto uma calça moletom azul escuro e uma regata e em baixo eu calço meu tênis, eu ia fazer caminhada, precisava descansar minha mente.

Saio de casa e começo a correr...depois de uns minutos correndo, eu finalmente chego aonde eu desejava, eu estava em um lugar que quando eu era pequena era onde eu mais gostava de ficar...uma floresta...não muito grande, mas nela tinha uma pedra que era bem alta e dava pra ver a cidade.

...

7:00

Eu estava voltando pra casa, quando escuto gritos.

-ME SOLTA SEU BABACA. Fala gritando

E espera ai...aquela voz era parecida com a da Camila, vou me aproximando da casa e os gritos só aumentavam.

-Eu estou falando serio...me solta, eu não sou obrigada a fazer oque eu não quero. Fala com a voz meio tremula

-Você vai fazer oque eu quiser...VOCÊ É MINHA NAMORA E TEM O DIREITO DE ME DAR ESSA BUCETA. Fala gritando a ultima parte.

Quando ouço ele falando aquela coisas eu fico escutando atrás da porta da casa, pra vê se era a Camila mesmo, e eu estava certa, era ela.

-EU NÃO SOU OBRIGADA...ME SOLTA...EU VOU TE MATAR AUSTIN. Fala gritando.

-VOCÊ ESCULTA BEM...PORQUE EU SÓ VOU FALAR UMA VEZ...OU VOCÊ ME DÁ POR BEM,OU VAI SER POR MAL. Fala gritando, e nessa hora meu sangue ferveu. Arrombo a porta e ela me olha assustada, ele estava com as mão dentro da blusa da Camila, e aquilo me fez embrulhar o estomago. Parto pra cima dele e ele vem pra cima de mim.

Dou um murro no seu rosto oque fez ele dá um paço pra trás, ele vem e me encalca na parede.

-Vou te dá uma lição sua aberração...vou fazer você se arrepender de ter nascido. Fala cuspindo as palavras em mim.

  E em seguida, começa distribuir socos no meu rosto, consigo me esquiva dele e viro nossas posições...agora ele me paga. Dou um murro em sua barriga e em seguida começo a distribuir vários socos em sua cara nojenta...Dou uma joelhada em suas costela e em seguida dou outra em seus testículos. Solto ele, e ele cai no chão gemendo de dor, dou mais um chute em suas costelas e falo:

-Nunca mais encoste um dedo na Camila ou em outra mulher, se elas não quiserem fazer nada com você seu babaca. Falo

Saio de perto dele e vou em direção a Camila que olhava tudo atenda e assustada.

-Você esta bem?. Pergunto e ela balança a cabeça dizendo que sim.

-Vem...vou te levar pra casa. Falo

Ela fica me encarando e depois de um tempo ela sai de seu transe, saio da casa daquele imbecil e vou em direção a minha casa, Camila vinha do meu lado...mas ela não falava nada, parece que ela estava pensando em algo.

Chego na minha casa e mando a Camila entrar, vou em direção ao meu quarto e falo pra ela me espera tomar banho.

...

Saio do banheiro enrolada com uma toalha na cintura e em cima eu usava um top branco. Camila estava sentada na minha cama, e quando me viu pareceu entrar em um transe...ela ficou olhando pra mim por um tempo e depois desviou o olhar pra outro canto do quarto, vou em direção ao meu closet me viste...eu visto uma samba canção e uma blusa regata branca.

-Vamos?. Pergunto

Já estava indo em direção a porta, quando Camila me chama.

-Lauren?. Fala

-Oi. Respondo

-Obrigada...se não fosse por você essa hora eu estaria sentindo nojo de mim mesma. Fala e vejo que seus olhos estavam cheio de água.

-Não foi nada Camila...eu fiz oque qualquer um poderia ter feito.

-Não...talvez se fosse outra pessoa ela ia ignorar. Ela se levanta da cama e vem em minha direção...e me abraça, ela estava tão cheirosa...com aquele cheirinho de morango...no começo eu não corresponde o abraço...depois de um tempo saio do meu transe e correspondo seu abraço.

Eu e Camila ficamos abraçadas por um bom tempo...depois resolve chamar ela pra ir pra casa.

A gente já estava indo em direção ao meu carro...antes dela entrar eu peço permissão pra abrir a porta pra ela, ela sorriu e balança a cabeça negando, dou a volta e abro a porta do motorista.

...

Tinha acabado de chegar na casa da Camila e ela não tinha decido do carro...parecia pensar em algo.

-Mais uma vez...obrigada Lo. Fala me olhando

Ela me chamou de quê?...sem eu perceber nasceu um sorriso nos meus lábios.

-Já disse que não foi nada. Falo e ela dá um beijo na minha bochecha e sai do carro.

Espero ela entrar em casa, quando ela entra eu dou partida no carro indo em direção a minha casa.

...

Chego na minha casa e vou em direção ao meu quarto. Me deito na minha cama e fico pensando o quanto a camz é fofa...linda...perfeita pra mim. (oque é isso Lauren...afasta esses pensamentos de você...)fico pensando nessas coisas até que depois de um tempo...eu durmo. 


Notas Finais


Iae gostaram?...estou pensando em fazer maratona...Oque vcs acham?


Bjs e até a próxima....


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...