1. Spirit Fanfics >
  2. My heartbeat- Sycaro >
  3. Conversa

História My heartbeat- Sycaro - Capítulo 14


Escrita por:


Capítulo 14 - Conversa


*POV DO YCARO*

Sexta-feira 07:42 a.m

Bom, já faz quase um mes que eu e o Rodrigo não nos falamos. Eu virei amigo daquele garoto do banheiro, o Meiaum depois daquele dia. Andamos sempre juntos.

E, sobre a morte da minha mãe, e eu viver sozinho, minha tia vai me ajudar a vender a casa e eu vou começar a morar nos dormitórios da faculdade. Ela vai me dar o dinheiro de quando ela conseguir vender a casa pra alguém, e eu vou tentar juntar pra se algum dia eu precisar pra algo bem importante.

Eu mudei de lugar na sala também. Achei que ficar perto do Rodrigo fosse me deixar mal. Então, agora eu me sento nas cadeiras do fundo, na fileira da esquerda. Mesmo sentindo falta de quando conversávamos no meio da ula..

O Meiaum é de outra sala, então eu só consigo ver ele no recreio.

Ah, e falando nisso, agora é a hora do recreio. Vou poder ficar com ele.

Todos saem da sala correndo e se empurrando, parecendo um bando de animais (kkkk), e eu vou por último, já que não estava com muita pressa.

Antes de chegar no pátio, eu passei no banheiro. E lá eu ouvi uma conversa muito estranha na cabine do lado.

- Tá tudo pronto, certo? - Uma voz serena pergunta.

- Sim. Ele tá caindo na nossa feito um patinho. - Outra voz, agora mais grossa, comenta entre risos.

- Aquela bichinha' vai ver só.. - A voz mais calma fala rindo.

Eu não quis ficar ouvindo aquilo, então saí o mais rápido possível, indo de encontro com o André.

- Ycaro, tá tudo bem?? - Meiaum me olha espantado. - Voce tá palido..

- Eu acabei ouvindo uma coisa estranha no banheiro.... - Falo olhando pros lados tendo certeza de que ninguém está nos vendo.

- O que foi? - Ele se aproxima falando baixo.

- Parece que estão tendo pregar uma "peça" em alguém. -Falo me sentando perto de uma janela.

- E o que isso tem a ver com a gente? - Ele me olha confuso.

- Nada, eu só... Esquece. - Desisto de explicar, respirando fundo. 

-Tá bom então.- Ele dá de ombros, não ligando muito.

Eu sinto que isso vai dar muito errado.. 

*POV DO SAIKO*

Já fazem uns 20 dias desde que eu e o Ycaro brigamos. E eu sei que é culpa minha. Mas ele parece bem melhor assim. Ele tem até um novo melhor amigo!

Eu não devia ficar pensando nele. Até porque agora eu tenho quem eu sempre quis ao meu lado, né? Mas ainda sinto um enorme vazio no meu coração, como se uma parte importante de mim estivesse faltando.

- Ei, tá tudo bem? - Goularte me olha e coloca a mão por cima da minha.

Porque eu me sinto tão estranho e desconfortável quando ele me toca? Eu deveria ficar feliz...

- S-sim, tudo ótimo.- Falo puxando minha mão de perto dele de um jeito discreto e dando um sorrisinho forçado.

Eu não gosto de ficar com essas pessoas. Elas parecem me olhar com desgosto, e isso me dá arrepios.

Pelo visto, a companhia do garoto que eu gosto não é assim tão perfeita e cheia de flores quanto eu pensei. Nesse grupinho dele, todo mundo fuma e usa drogas escondido. Eles já até tentaram me obrigar a usar, e isso é horrível.

Pra falar a verdade, eu sinto falta do Ycaro. Ele pode até não sentir a minha, mas eu sinto.

E eu acho que isso não faz bem pra minha saúde mental, de verdade. Se eu tivesse a oportunidade de voltar, e dizer que eu não queria ir com o Goularte, eu faria.

Consegui estragar toda minha amizade, com uma única frase.. Eu sou um péssimo "amigo". 


Notas Finais


O Saiko foi bem fdp, mas agora eu to com dó dele, poh :c


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...