1. Spirit Fanfics >
  2. My heartbeat- Sycaro >
  3. Casa do amigo

História My heartbeat- Sycaro - Capítulo 17


Escrita por:


Capítulo 17 - Casa do amigo


*POV DO YCARO*

Segunda-feira 14:09 p.m ( 3 meses depois do capítulo anterior.)

Já faz um tempo desde todo aquele acontecimento, e agora tá tudo bem.  Estamos nas férias de verão, finalmente, e agora posso descansar dos estudos

A perna do Rodrigo já tá normal, e o braço também. Então agora ele só tem alguns hematomas pelo corpo, mas nada de mais. A moça da enfermaria disse que não é prejudicial, nem nada.

O Meiaum arrumou uma namorada virtual. Não vimos ela ainda, mas ele diz que eles vão se conhecer daqui a um tempo. Fico feliz por ele.

Bom, e eu, já estou nos dormitórios da faculdade, e a casa também já foi vendida. Divido o quarto com alguns garotos que são bem legais. Quase todo dia, jogamos algo juntos, como UNO, ou Monopoly.

Então, no momento, tá tudo estável. O único problema é que, eu a cada dia gosto mais do Saiko, mas ele continua na mesma, agindo como meu amigo. Mas eu queria algo a mais..

- Ei, cabeça de vento, não tá me ouvindo? - Rodrigo me chama, já gritando.

- Ai, calma, eu só tava distraído. - Respondo pondo as mãos no bolso.

- A gente vai pra onde?- Ele pergunta andando em linha reta pra lugar nenhum.

- Pra casa do Meiaum, ele chamou a gente pra ir lá. - Digo enquanto chuto algumas pedrinhas que estavam no meio do caminho.

- Corrigindo, ele te chamou pra ir lá. Não eu.- Ele diz me encarando emburrado.

- Para de ser chato, eu já to tentando fazer com que voces se conheçam faz um tempão. - Falo ainda andando.

- Mas, e se eu não quiser conhecer ele?- Ele me olha de nariz empinado.

- Qual o seu problema com ele? Ele é meu amigo! - Falo um pouco estressado.

- E eu também! - Se justifica levantando os braços pra cima, como se estivesse sendo assaltado, ou algo do tipo.

-...- Fiquei calado.

Poderia ser que o Rodrigo está com ciúmes do Meiaum? Porque tá parecendo.

- Isso tudo é ciúmes Saiko? - Pergunto com um sorriso.

- Que? C-claro que n-não!- Ele se embola todo enquanto tenta esconder sua face vermelha.

- Ah, isso explica.. - Sorrio de novo, sem mostrar os dentes.- Bom, chegamos. 

- Já? Passou tão rápido que eu nem vi.- Ele fala observando a casa de cima a baixo.

- Sim. - Falo seco e toco a campainha.

Não demora muito pro Meiaum aparecer com um moletom todo preto e um sorriso alegre no rosto.

- Ah, voce veio! - André me abraça.- E voce também... - Ele encara Rodrigo que faz uma expressão de deboche.

- E-então, vamos entrar né? - Falo meio sem graça empurrando os dois e fechando a porta.

 Qual o problema desses dois?

Eu estava tirando meus sapatos e pondo eles na entrada, até que uma mão me puxa.

- Ycaro, porque trouxe ele? - André me olha com um olhar de reprovação, segurando meu braço.

- Porque eu queria que meus dois melhores amigos virassem amigos entre si também! - Digo me apoiando na bancada da cozinha.

- Mas ele é muito ranzinza e entediante. Totalmente o meu oposto. - Ele solta meu braço, cruzando os dele.

- Exatamente por isso que daria certo! Um complementa o outro! - Falo tentando incentivar.

- Ah, mas eu não sei não.. - Ele olha pra baixo.

- Aff, vem logo, para de cu doce! Vamos jogar algum jogo. - Puxo seu braço rapidamente o levando pra sala, vendo Saiko sentado num pequeno puff rosa enquanto mexia no celular.

- O que estavam fazendo lá sozinhos na cozinha? - Eles nos encara de um jeito assustador.

- O Meiaum só me chamou pra bater um papo. - Respondo sem me importar, indo até o armário, a procura de algum jogo pra 3 pessoas.

- Hm. Ele resmunga ainda com o celular na mão, fato que me irritou um pouco.

- Ah, achei o jogo perfeito! - Pulo de felicidade com o dvd na mão.

-Qual? - Meiaum se aproxima, curioso.

- "Just dance"- Respondo lendo o nome.

- Não vou jogar isso nem a pau! - Saiko reclama pondo o celular de lado e puxando o jogo da minha mão e levantando o braço.

- Que? Porque? - Pergunto indignado tentando pegar o dvd de volta, falhando. Eu realmente sou bem menor que ele, então não consigo alcançar.

- Porque dançar é coisa pra desocupado. - Ele fala ainda com o dvd no alto enquanto eu dava alguns pulinhos na tentativa de recuperar o tal objeto.

- Eu concordo. - Meiaum se manifesta.

- Viu? - Rodrigo me olha com um sorriso que me fez ranger os dentes de raiva.

- Agh, me dá essa merda. - Pulo mais alto, agora conseguindo. Ponho o dvd no armário e procuro outro jogo, que todos estivessem a favor.

Q.DT

No fim, acabamos vendo uma maratona de filmes do Addam Sandler, já que toda vez que eu achava um jogo divertido, alguém tinha algo contra. 

O dia não foi do jeito que eu imaginei, mas também não foi ruim.

Fizemos pipoca, brigadeiro, bolo, e comemos alguns salgadinhos que compramos na rua da esquina. Enfim, eu engordei uns 2 kilos só nessa brincadeira.

O Rodrigo e o Meiaum ainda brigam muito, mas tá melhor que antes, então vou aturar.

O André falou pra gente que vai fazer uma pequena festinha pra comemorar o aniversário dele, lá ele vai apresentar alguns remix dele, que eu admiro muito, e sempre peço pra ele investir. Ele convidou nós dois e mais uma galera lá da facul. Ele assegurou pra gente que não chamou o Goularte, nem o Tony, o que é ótimo. Deus que me livre de encontrar com aqueles dois.

 

continua :'D


Notas Finais


Essa festa promete einkkkkk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...