História My Hidden Demons. (G!P) - Capítulo 54


Escrita por:

Postado
Categorias TWICE
Personagens Chaeyoung, Dahyun, Jeongyeon, Jihyo, Mina, Momo, Nayeon, Personagens Originais, Sana, Tzuyu
Tags Michaeng
Visualizações 89
Palavras 1.236
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Romance e Novela, Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 54 - True.


Son Chaeyoung P.O.V

Mina e eu já estávamos na sala de jogos com as meninas e algumas delas estavam bebendo o que me deixou um pouco preocupada e meu olhar foi direto pro copo da Momo.

- É refrigerante.- ela falou antes que eu perguntasse.

- Me da um pouco?- perguntei e Mina me olhou como se me julgasse.

- Claro.- Momo falou calma e me deu o copo dela.

- Amor, eu não acho que seja necessário.- Mina falou baixo, só pra mim ouvir. Apenas balancei a cabeça e tomei um pouco daquele líquido doce.

- Eu prefiro coca-cola.- ri entregando o guaraná pra ela.

- Eu também mas não tem.- falou rindo comigo.

- Eu vou pedir comida daqui a pouco e peço coca também.- sorri.- Quer jogar baby?

- Tá perguntando pra mim ou pra ela?- Mina perguntou áspera.

- Desde quando eu chamo ela de baby?

- Eu não sei, desde quando?- perguntou e Momo nos olhou confusa mas querendo rir.

- Desde ontem.- respondi e ela me bateu forte.- É brincadeira.

- Eu não tô vendo graça.- Momo e eu riamos dela.

- Qual é a piada?- Dahyun chegou perguntando.

- Nenhuma.- Mina respondeu brava.

- Vamos jogar pra tirar esse estresse, vem.- segurei sua mão e a levei pra máquina de jogos.

- Como faz pra não ficar brava com tudo?- me perguntou.

- Me da um beijo.- sorri e ela me puxou pra um beijo. Começou apenas com um selar, depois foi aprofundando calmamente.

- É, funciona.- sorri e se virou pra jogar.

- Você quer beber alguma coisa?- perguntei e ela negou.

Pouco tempo depois as meninas se juntaram em nossa volta.

- Todas aqui namoram?- Jihyo perguntou.

- Oficialmente só eu e a Mina.- respondi e Mina ganhou a partida.- Isso não vale, quero revanche.

- Ok mas se eu ganhar outra vez, você vai fazer o que eu quiser que você faça.- falou desafiadora e as meninas gritaram "uuuuh"

- Fechado mas se você perder, você que vai fazer o que eu quiser.- ela apenas acenou com a cabeça escolhendo seu lutador.

Adivinha? Se estão pensando que Mina ganhou, acertaram e eu provavelmente estava fodida.

- Eu só aposto pra ganhar amor.- falou rindo e selou rapidamente nossos lábios.

- Estou vendo.- ri junto.- O que eu deveria fazer?

- Quando for a hora certa você vai saber.- sorriu travessa.

- Não sei se fico animada ou com medo.- comentei rindo.

Tinha uma mesa de sinuca e inventaram de jogar, nesse eu era melhor que elas com toda certaza do mundo.

- Dupla?- Sana perguntou.

- Beleza.- Respondi.

Então o jogo começou, Sana e eu contra Momo e Nayeon. Virou uma enorme bagunça mas no final Sana e eu ganhamos. Fizemos revezamento de duplas até cansarmos.

- O que acham de verdade ou desafio?- Nayeon perguntou.

- BORA.- Jihyo animou.

- Se tiver algumas regras não vejo problema.- falei e Mina concordou.

- Vocês tem certeza?- Momo perguntou e a maioria disse que sim.

- Vão querer comer alguma coisa antes?- perguntei.

- Deixa pra pedir quando o jogo estiver ficando chato, aí a gente assiste um filme.- Dahyun propôs e todas concordaram.

Fomos pra sala central e sentamos no chão. Nayeon estava com uma garrafa de água e a colocou no centro. Mina deitou a cabeça no meu ombro e seguramos as mãos.

- Antes de começar, quem aqui está solteira?- Jihyo perguntou e ninguém levantou a mão, nem ela e nem Tzuyu.- Então a regra é simples, fazer desafios pesados só com a própria namorada da pessoa.

- Espera, vocês namoram?- Dahyun perguntou sobre Jihyo e Tzuyu.

- Sim.- ela respondeu sorrindo.- Enfim, vou começar.- Jihyo falou girando a garrafa.

Parou pra Nayeon perguntar e Mina responder.

- Verdade ou desafio?- Nayeon perguntou sorrindo.

- Verdade.

- É verdade que você perdeu a virgindade com a Chae e ela não sabe até hoje?- eu olhei pra minha namorada, surpresa.

- Agora ela sabe.- Mina falou simples.

- Isso é sério?- perguntei e ela levantou o rosto pra me encarar.

- Não ta na sua vez de perguntar.- Nayeon implicou rindo.

- Cala a boca.- observei Mina.- É sério?

- É amor mas não se preocupe, foi tudo maravilhoso.- ela voltou a deitar no meu ombro.

Depois disso não prestei atenção em mais nada até alguém me chamar.

- Chaeyoung.- Era Tzuyu.

- Verdade.- respondi antes dela perguntar.

- Na verdade caiu na Nayeon é você quem deveria perguntar.- ela explicou e eu olhei as meninas.

- Verdade ou desafio?

- Desafio.- Nayeon falou sorrindo.

- Desafio você a falar quem é a mais bonita daqui.- falei qualquer coisa que veio na cabeça.

- Eu ia falar que sou eu mas como vocês não vão aceitar, é a Dahyun.- Dahyun beijou ela rapidamente e eu ri, não tinha pergunta mais óbvia que essa.

- Vamos fazer diferente agora. Quem respondeu escolhe alguém pra perguntar, por exemplo, agora foi a Nayeon então ela escolhe quem que perguntar, assim não precisamos ficar girando a garrafa ou ficar em círculos.- Momo falou.

- Ótima idéia.- Mina falou indo pro sofá e acenando pra mim ir com ela.

Quando sentei Mina se aninhou em mim e deixou um beijinho no meu pescoço.

- Eu duvido você inventar qualquer coisa pra gente sair daqui e transar longe delas.- minha namorada falou baixinho no meu ouvido. Apenas balancei a cabeça.

Depois de cada uma escolher seu devido lugar, Nayeon se pronunciou.

- Não vou perguntar pra ninguém, cansei.- falou e isso me surpreendeu.

- Deixa que eu pergunto então.- Jihyo falou me olhando.- Quais suas intenções com a minha amiga?

- Casar, ter filhos, morar longe de vocês.- falei rápido e Mina riu.

- Tadinhas amor, elas não vivem sem nós.- minha namorada brincou e elas riram.

- Você falou brincando mas é verdade, a gente não vive sem vocês.- Dahyun falou.

- Qual é o país mais longe daqui?- perguntei pra Mina.

- Não sei, não sou boa em geografia.- falou rindo.

- Deve ser na América do Sul, é pra lá que nós vamos. Não vou falar o país específico, vai que elas vão atrás.- fingi que estava falando baixo.

- Ninguém ouviu.- Momo entrou na brincadeira.

- Vou comprar comida, vem comigo?- perguntei a Mina e ela levantou do sofá.

- Você não ia ligar?- Momo perguntou.

- BK não faz entrega e eu estou morrendo de vontade de um lanche de lá então vocês escolhem o que querem e manda por mensagem, não precisa ser do BK.- falei levantando do sofá.

- Vocês vão transar né?- Jihyo perguntou rindo.

- Vamos.- Mina repsondeu por nós.- Acho melhor pedirem a comida, capaz de chegarmos aqui sem o lanche de vocês.

- GENTE...- Jihyo gritou rindo e as meninas acompanharam.

- Pelo menos elas vão sair da casa, olha a consideração.- Tzuyu reconheceu.

- Pois é!- nem tinha pensando nisso, apenas fingi que era isso mesmo.

- Vem amor.- Mina me chamou e saímos de casa.

- Quer transar mesmo?

- Quero.- respondeu e rimos.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...