História My Hope- imagine Han jisung - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias (G)I-DLE, Pentagon (PTG), Seventeen, Stray Kids
Personagens Bang Chan, Boo Seungkwan, Han Ji-sung, Hong Jisoo "Joshua", Hui, Hwang Hyun-jin, Jeon Wonwoo, Jin-ho, Junghan "Jeonghan", Kim Seung-min, Kim Woo-jin, Kino, Lee Felix, Lee Jihun "Woozi", Lee Min-ho, Personagens Originais, Seo Chang-bin, Seungcheol "S.Coups", Soonyoung "Hoshi", Wen Junhui "JUN", Yang Jeong-in, Yuqi, Yuto
Tags Han Jisung, Jisung, Stray Kids
Visualizações 383
Palavras 1.182
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Demorei? Sim mas estou aqui
Não sei se o capítulo ficou muito bom , pois eu ainda estou com um bloqueio de criatividade mas eu me esforcei para trazer esse capítulo para vcs.

Capítulo 7 - Cap7


-Então...vocês querem fazer alguma coisa?-pergunto a eles- a chuva não vai passar tão cedo então não tem muito o que fazer


-podemos ver um filme - fala jeonghan, mas ele dá uma pausa colocando sua mão sobre o queixo - ou podemos comer alguma coisa eu realmente estou com fome e como eu comprei comida temos mais opção - fala


-eu também acho uma boa ideia- concorda jisung - o que você vai preparar para nós Sn?


-folgado- diz jeonghan- você tem duas mãos pode muito bem fazer a sua comida - jeonghan fala mantendo seu olhar nele.

-mas eu sou a “visita” aqui -responde jisung

-Eu acho que nós três poderíamos ir para a cozinha fazer a nossa própria comida-falo- como jeonghan disse não só você mas todos nós temos duas mãos e podemos fazer a nossa comida - falo indo em direção a cozinha mas paro no meio do caminho por ver nenhum dos dois garotos atrás de mim, volto até a sala onde encontro os dois se encarando é um silêncio total, parece até que eles estão conversando via olhar - ei vocês dois aí , estão esperando o quê para virem fazer a comida de vocês?- os dois rapidamente se levantam e vão para a cozinha juntamente de mim - bom o que nós vamos preparar? 

-macarrão instantâneo- responde jeonghan - e mais fácil, prático e leva menos tempo - ele sorri de lado  


-Mas não é nada saudável -rebate jisung


-você deveria calar a boca , afinal o intruso aqui e você!-diz jeonghan , e eu lá só observando essa palhaçada deles dois que está mais para implicância infantil.


-parem os dois! Parecem duas crianças , um implicando com o outro - falo, depois indo em direção ao armário onde está guardado os macarrões instantâneos -bom pode não ser saudável mas é rápido e gostoso! -coloco os macarrões em cima da bancada que tem na cozinha- jisung pode pegar essa panela  para mim?- ele assente pegando uma panela grande que dá para colocar os três macarrões de uma vez só - obrigada


-eu vou ficar aqui sem fazer nada?- fala jeonghan- melhor para mim!


-não não não , você vai me ajudar agora -olho para ele- pega aquela jarra de água que tem na geladeira e coloca dentro da panela - ele vai até a geladeira e fazendo o que eu mandei - pronto agora vocês pode ir para a sala daqui a pouco eu trago a comida -falo


-mas vocês não disse que era para cada um fazer a sua comida?-jisung que estava quieto fala e logo jeonghan concordo com o que ele havia falado


-mudança de planos, eu termino aqui e vocês esperam lá fora - sorrio expulsando os dois da cozinha. Em alguns minutos a comida já estava pronta, separo o macarrão em pratos , levando para a mesa de jantar


-Venham comer crianças ! - imito uma mãe chamando os filhos para comerem , os dois veem até mim assim nós começamos a comer


(...)


8h AM


Ontem depois do jantar os garotos ficaram na sala e eu fui deitar porque eu não sou obrigada a ficar acordada com eles.


-A chuva ainda não parou-fala jeonghan- quando ele vai embora em?


-você quer tanto que eu vá embora assim? - jisung se pronuncia - pois saiba que eu só vou quando essa chuva parar!


-Não se a Sn te expulsar daqui- sorri jeonghan- não é sn?

-Não me mete nisso não jeonghan!-falo

-Ela não vai fazer isso mesmo jeonghan- responde jisung

-Vocês dois não podem ficar sem brigar por um minuto não? Eu em - falo - tchau pra vocês dois - subo pro meu quarto me jogando na cama


Pov jeonghan


-olha o que você fez seu idiota! - falo


-Não põem a culpa em mim não Yoon jeonghan , quem estava de implicância era você!- ele fala se alterando  


-Você baixa esse seu tom de voz comigo - Me levanto e ando em direção a ele - você acha que é quem? Lembra que os seus amiguinhos não estão aqui


-Eu não preciso deles , sou mais forte que você morto vivo - ele diz se levantando de onde estava ficando mais ou menos na minha altura - o que? O vampirinho tá com medo é?- Meu nível de paciência foi do zero ao -10 , pude perceber que meus olhos tomaram um cor avermelhada- eu não tenho medo de você jeonghan, você não vai me matar , mesmo que queira , não se esqueça que Sn est- ele não termina a frase pois lhe acerto com um soco


-posso não te matar , mas nada me impede de te bater - falo com o garoto que estava com uma das mãos no lugar onde eu o soquei - Eai lobinho? De onde esse soco veio tem mais - o provoco

-Você não cansa de me irritar não é jeonghan - ele fala ainda com a mão no rosto , mas logo ele se vira para mim me dando um soco também - você já ultrapassou o meu limite a muito tempo eu só não queria te atacar na frente dela , mas você está pedindo pra eu te bater - ele me dá outro soco só que dessa vez no abdômen. Saímos aos socos para a parte de trás da casa onde da acesso a floresta  só paramos de “nos matar” por Sn que estava vendo tudo ,assim correndo até nós


-Para vocês dois - ela grita , ela estava irritada, dava para perceber só nesse grito que possivelmente dava para ouvir a 2 km de distância - eu deixo vocês dez minutos a sós e vocês já estão quase se matando ! -ela chega mais perto da gente , fecho meus olhos pois não queria que ela olhasse como eles estavam

-A culpa é dele que começou a provocar - jisung fala


-E sua por dar continuidade as provocações dele- Sn fala o calando de vez , em parte ela está certa. Aproveitando essa situação saio pela floresta , não quero que ela me veja só quando eu estiver calma .


(...)


Pov jisung


-aai Sn -falo para a garota que estava passando um remédio para o corte que tinha em meu lábio , obviamente causado por jeonghan


-Fica quieto que assim eu acabo mais rápido - ela fala e continua a passar o remédio pelas feridas em meu rosto que não são só uma , fico a observando , não havia percebido mas ela realmente é dona de uma beleza incrível - jisung pare de me encarar … e desconfortável

-Não estou te encarando … apenas a contemplando - sorrio , mas me arrependo por ter ardido um pouco o meu corte no lábio


-'Tá sei - ela para de passar o remédio- acabei , mas por favor não brigue mais com jeonghan- ela fala mas que por mim entrou por um ouvido e saiu pelo outro - aish você ainda está me encarando jisung - ela reclama de novo


-você fala demais - não sei o que deu , mas eu tomei coragem e a beijei , não sei o que deu em mim , porém eu queria aquilo .




Notas Finais


Oq acharam dessa treta? Saíram no soco em , e o beijinho no final? Quem estava esperando por isso?
@Uma_ArmyCaida


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...