1. Spirit Fanfics >
  2. My Idol (Madnessa and you) >
  3. Eight

História My Idol (Madnessa and you) - Capítulo 9


Escrita por:


Capítulo 9 - Eight


- S/n!! A Violet já está aqui! – Ouvi meu pai gritando do andar de baixo.

- Fala pra ela subir porque eu ainda to terminando minha mala! – Gritei de volta.

Segundos depois uma certa morena abriu a porta do meu quarto com certa brutalidade e se jogou na minha cama, ou na pequena parte dela que não estava coberta por roupas.

- Oi pra você também Violet – Falei irônica.

- Vem com essa não de "Oi pra você também Violet" porque já era pra gente estar a caminho do aeroporto, mas você ta aí enrolando – Ela disse irritada.

- Desculpa ok? Eu fiquei ansiosa esses dias e por isso não dormi. E quando meu corpo chegou no limite, o que foi ontem, eu simplesmente capotei na cama e dormi. Pela falta de sono eu dormi até tarde e perdi a hora.

- Tanto faz... Já ta pronta?

- Sim, só falta guardar isso aqui – Falei enquanto colocava meu notebook dentro da mala cheia de roupas.

- Então podemos ir? – Balancei a cabeça concordando e fomos pro andar de baixo com minha bagagem na mão.

- Vocês demoraram – Meu pai falou assim que saímos de casa e fechamos a porta, ele já estava dentro do carro já que nos levaria até o aeroporto.

- Tio, culpe a sua filha. Ela que demorou uma eternidade pra arrumar a mala – Violet disse entrando no banco de trás do carro – E olha que era ela quem estava mais apressada pra ir.

- Nem me diga, essa minha filha é lerda assim desde nascença.

- Eu estou aqui sabia? – Falei entrando no carro logo em seguida.

- Fica quieta e coloca uma música aí pra gente ouvir – A morena falou.

- Chata... Você quer que eu coloque o que?

- BTS – Falei junto com ela, só que usando uma voz mais fina.

- Você só sabe escutar isso, senhor...

- E o que você sugere então? Não espera, deixa eu adivinhar... Camila Cabello?

- Que? Claro que não! Eu não sou tão previsível.

- Então o que?

- Fifth Hamony – Dessa vez foi ela que disse junto comigo em um tom irônico.

- É S/n, nem um pouco previsível...

- Meninas, sem discussão – Meu pai disse sem tirar os olhos da estrada – Se vocês não conseguem entrar em um acordo então eu escolho a música.

- Ah não pai, sempre que você vai colocar música você só toca- – Antes que eu pudesse terminar a frase, aquela tão conhecida batida começou.

- Entrei na rua dela com meu carro rebaixado, no meu porta-mala tocando o forró pesado. Eu logo percebi quando ela olhou pra mim. Dei a volta por cima e chamei ela pra sair – O cantor começou.

- Que isso? – Violet perguntou.

- Barões da Pisadinha... – Disse sem humor – Eu odeio.

- Ué, por quê? A música não parece ruim...

- Eu não odeio a música, Violet, a música é o boa. O problema é escutar ela perto do meu pai.

- Por quê? Ele canta?

- Esse é o problema, ele não canta...

- Tá rocheda! Tô nem vendo! – Meu pai cantou tão alto a parte do refrão que eu provavelmente fiquei surda de um dos ouvidos.

- ...Ele grita – Finalizei.

- É, eu percebi – A morena disse com as mãos no ouvido.

- De mulher mais bandida do mundo! O coração que é vagabundo!! – Ele continuou – Isso sim é musica boa!

Vão ser longos 20 minutos até o aeroporto.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...