1. Spirit Fanfics >
  2. My king.... ( Black blunter x seme leitor masculino) >
  3. Cap.....10

História My king.... ( Black blunter x seme leitor masculino) - Capítulo 11


Escrita por:


Notas do Autor


Eu não podia deixar isso pra depois.....

Capítulo 11 - Cap.....10


Fanfic / Fanfiction My king.... ( Black blunter x seme leitor masculino) - Capítulo 11 - Cap.....10

Aviso: Limão 🍋 Aproveite e não odeie! E também Snake é um pouco OOC, mas você não pode me culpar por isso, simplesmente vai com a história.

... e fui direto para Snake e nos transportou para o quarto dele.

Os olhos de Snake se arregalaram e ele me olhou surpreso enquanto corava. Eu sorri com sua reação e me aproximei dele e enganchei meus dedos médios e anteriores sob seu queixo e levantei sua cabeça enquanto me inclinei para mais perto de seu rosto e ele corou ainda mais. Eu senti falta de Snake quando seus olhos se arregalaram mais enquanto ele congelava de choque. 

Logo Snake se livrou do choque e começou a beijar de volta enquanto fechava os olhos. Eu sorri para o beijo e puxei Snake para que ele ficasse encostado no meu peito enquanto nossos lábios se moviam em sincronia. Os braços de Snake envolveram meu pescoço enquanto suas cobras deslizavam em sua cama, em seguida, deslizaram para sua grande sala de jogos que eu dei a elas. Snake ficou feliz por eu ter feito isso. Meus braços envolveram sua cintura e lamberam seu lábio inferior para entrar. Ele estava hesitante, mas acabou abrindo a boca para eu explorar. Enfiei minha língua em sua boca e trabalhei minha magia enquanto ele gemia. Eu nos movi para que suas costas ficassem de frente para a parede e o empurrei (não muito forte) contra a parede.

Nós nos afastamos porque o Snake precisava de ar. Cara, eu odeio o ar, sempre estraga o maldito momento! Toda vez! Eu beijei Snake novamente, depois de deixá-lo recuperar o fôlego, e o peguei no colo como uma noiva. Eu o deitei na cama enquanto subia em cima dele, ainda beijando, e comecei a tirar sua camisa. 

Tirei sua jaqueta, depois sua camisa. Eu me afastei e tirei minha camisa enquanto Snake observava atentamente. "Gosta do que vê, Snake?" Eu perguntei e ri quando ele olhou para o lado e corou, murmurando algo. Felizmente, ouvi alto e bom som.

"Sim." É o que Snake disse quando eu sorri, quero dizer, qual dos personagens NÃO gosta do meu corpo? Beijei seus lábios novamente quando comecei a tirar suas calças. (Seus sapatos já estão fora)Snake não estava usando nada além de boxers e ele estava corando intensamente enquanto tentava se cobrir.

 Eu ri saindo da cama e tirando minhas calças, deixando minha boxer é claro, não podemos deixá-lo ver o Mini King ainda, podemos? Subi de volta na cama, mas um pouco mais longe de Snake. Eu tiro ambas as mãos de seu corpo e as prendi acima de sua cabeça. Ele tentou libertar as mãos, mas com a minha força demoníaca, você não vai a lugar nenhum. Eu uso minha outra mão para fazer seu rosto olhar para mim enquanto eu o beijei apaixonadamente. Ele imediatamente recuou e parou de lutar. Enquanto nos beijávamos, movi minha mão livre que estava no rosto de Snake, para baixo em seu corpo enquanto ele estremecia levemente com meu toque, espalhou suas pernas e roçou sobre sua protuberância totalmente 'não' perceptível.

 A cabeça de Snake moveu-se para trás enquanto ele gemia, afastando-se do toque.

"Acho que alguém é bastante sensível ao toque." Eu disse humildemente enquanto continuava passando meu dedo sobre sua protuberância enquanto ele gemia sob mim. 

Eu segurei sua protuberância e comecei a apalpá-lo, e Snake arqueou as costas e gemeu alto enquanto eu ria.

"A-ah, então t-bom. P-por favor m-mais." Ele gemeu e eu continuei, mas esfreguei com mais força. Snake gemia alto enquanto eu continuava, mas me lembrava da minha missão. Operação: O V-card de Snake está disponível hoje à noite! Eu parei de espalmar Snake e coloquei meus dedos perto do rosto de Snakes.

"Chupar." Eu disse e ele abriu a boca enquanto eu movia meus dedos enquanto ele lambia e chupava deixando-os realmente molhados. Uma vez que eu pensei que eles estavam molhados o suficiente, eu os tirei de sua boca e coloquei perto de seu buraco e enfiei um em sua bunda. Eu vi que Snake parecia desconfortável porque ele gemia baixinho, e eu esperei até que ele se acomodasse.

 Logo ele gemeu, indicando que sente mais prazer do que dor, então coloquei um segundo dedo em sua bunda e movi os dois ao redor. Logo eu tinha três dedos nele, empurrando para dentro e para fora enquanto ele gemia de prazer. Tirei meus dedos enquanto Snake gemia de perda de prazer e me levantei para tirar minha própria boxer. Depois que eu os tirei, notei que os olhos de Snake se arregalaram enquanto olhava para minha virilha. 

Eu sorri porque essa é a reação de todos quando veem meu pau. Coloquei meu pau perto de sua entrada e olhei para Snake para ter certeza de que ele está bem com isso. 

"Tem certeza que quer fazer isso, Snake?" Eu perguntei olhando para ele com um olhar sério e suave.

"Sim eu tenho certeza." Ele diz e eu aceno me aproximando.

"Isso vai doer no começo, mas depois de um tempo, vai se sentir bem." Eu expliquei e ele acenou com a cabeça. Eu levantei um pouco sua bunda e beijei seus lábios enquanto deslizava a ponta do meu pau dentro de sua bunda, então lentamente continuei até que eu estava na metade. Abri meus olhos para ver Snake em dor. Deslizei minha língua dentro de sua boca e movi minhas mãos para esfregar e massagear sua bunda para distraí-lo da dor. 

Depois de alguns minutos, ouvi Snake gemer alto. Eu sabia que não havia mais dor, então lentamente comecei a empurrar para dentro e para fora dele enquanto ele gemia. Continuei empurrando e fui mais rápido e mais forte a cada minuto, enquanto Snake choramingava e gemia. Eu coloquei suas pernas sobre meu ombro enquanto ele gemia ainda mais alto.

"A-AAH, LÁ! H-H-HIT R-CERTO T-LÁ!" Snake gritou e eu sorri.

 "Ding ding ding, encontrei um tesouro enterrado!" e eu impulsiono ainda mais rápido e mais forte atingindo aquele ponto exato a cada vez enquanto as costas de Snake arqueavam e seus dedos do pé se enrolavam de tanto prazer. Continuei empurrando para dentro e para fora até ele chegar, mas continuei indo.

 Havia lágrimas de prazer nos olhos de Snake enquanto ele gemia. Ele ficava tentando me dizer para ir mais devagar, mas eu não ia parar agora. Depois de mais algumas estocadas, eu gozei dentro da bunda de Snake enquanto ele gemia alto por ficar cheio. Eu puxei, ofegante e deitei ao lado de Snake enquanto ambos recuperávamos o fôlego. Snake se aproximou e passou os braços em volta de mim e deitou a cabeça no meu peito enquanto eu envolvia o meu corpo menor, aconchegando-me juntos. Seus olhos se fecharam lentamente quando a exaustão o dominou e ele adormeceu. Eu sorri e ri baixinho fechando meus olhos também.

'Eu me pergunto como Finny está fazendo com meu clone. Esperemos que ele esteja satisfeito. Acho que saberei assim que meu clone adormecer. Pensei antes de deixar o sono me levar para a escuridão.

PARA CONTINUAR


Espero que tenham gostado desse capítulo e limão, vou tentar atualizar o limão do Finny logo depois disso e depois de comer alguma coisa porque estou com fome rs. 


Notas Finais


............ Não estou surtando.... Não estou surtando.......... Tá bom!! Tô surtando!!!!! M-muito bom.... ( ≧Д≦)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...