História My kitten - Jikook - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Ação, Amor, Amor Doce, Assédio, Aventura, Bangtan Boys, Comedia, Daddy, Drama, Família, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Gay, Hibridos, Insinuação De Sexo, J-hope, Jikook, Jimin, Jin, Jung Hoseok, Jungkook, Kim Namjoon, Kim Seokjin, Kim Taehyung, Kook, Kookmin, Kpop, Lemon, Lgbt, Min Yoongi, Novela, Ódio, Originais, Romance, Sope, Suga, Taegi, Taeyoonseok, Vhope, Violencia, Yaoi, Yoongseok
Visualizações 506
Palavras 560
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Fantasia, Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Suspense, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - T w o


Jeon Jungkook

Meu gatinho sempre foro muito mimado por mim e por todos ao seu redor. Sempre fiz questão de dar lhe o melhor, não medindo esforço para fazer suas vontades e seus gostos.

Faço de tudo para proteger meu Jimin desse mundo de pessoas que só lhe querem fazer-lhe o mal.

Até porquê, meu menino não é como os outros. Ele é diferente, é especial.

Jimin foi uma cobaia de um cientista insano que afirmou porder juntar duas espécies. Que no caso de meu pequeno, foi um gato e um ser humano.

Claro que ninguém apoiou a ideia do homem, pois misturar duas raças é algo imaginável e quase que impossível. No começo, acharam que o cientista estava louco. Rejeitaram sua proposição, lhe impedindo de fazer tal coisa.

Mesmo assim, ele não desistiu, e fez os procedimentos necessários sem que as autoridades soubessem.

O passo mais difícil para sua experiência dar certo, era encontra uma gestante. Nenhuma mãe se disponibilizaria para doar seu ventre a um homem que lhe plantar-se um semer de outro ser, em sua barriga com os risco de tudo dar errado.

Mesmo com a dificuldade, e varrendo as ruas de Seul, a procura de alguém, o cientista encontrou.

Uma mulher simples de média baixa que passava por dificuldades financeiras naquela época, aceitou a proposta do cientista maluco. Com a garantia de que ganharia dinheiro em troca.

Ainda na barriga da mãe, Jimin foi dopado por vários medicamentos para ter á junção da espécie, e que não corresse nenhum risco do gatinho/humano morrer ainda no ventre. O procedimento foi longo, por conta dos risco que a gravidez poderia ter.

Após uma longa gestação, de aproximadamente sete meses, finalmente tinha chegado o dia em que o pequeno ser de outra raça nasceria.

Uma longa duração de pardo, fazendo com que a mulher perder-se muito sangue. O que preocupou o homem que cuidava de tudo.

Não que ele estivesse preocupado com a mulher, e sim com o filhote que acabará por nascer.

Era minúsculo, suas orelhinhas pequeninas assim como sua curta calda peluda. Jimin herdeu todo corpo de um ser humano normal, mudando apenas o fato de suas novas partes de gato.

O homem sorriu vitorioso por ver que sua experiência tinha dado certo. E ser o primeiro homem a conseguir juntar duas raças, e que tudo tinha ocorrido bem.

Ou quase. Instante depois, a mulher, mãe de Jimin, teve uma hemorragia e acabou por morrer sem se quer ver o filho/gato. E logo após o ocorrido, a polícia adentrou o local em que estava acontecendo o pardo, levando o homem junto ao gatinho pequeno.

O cientista foi preso por desobedecer a autoridade maior. Retirando a vida de uma mulher inocente, para usá-la como sua cobaia sem a permissão.

Jimin foi levado a um laboratório, onde Seokjin trabalhava na época. O mais velho se apaixonou pelo gatinho, cuidando do mesmo durante semanas. Recebeu então, a notícia que sacrificaram o pequeno, para não ter desordem ou que o gatinho meio humano, não machucar-se ninguém. Não sabiam o quê exatamente ele era, e se teriam risco em um futuro próximo. Então a única saida, foro matar-lo.

Seokjin entrou em desespero, pois tinha se apegado ao animalzinho. Sua única opção, foi sequestrar Jimin para longe dali.

O trazendo para nossa família, onde até hoje permanece sem ninguém saber de sua existência.

°°°



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...