História My Little Angel (Vkook - Taekook) - Capítulo 27


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Kim Taehyung (V), Personagens Originais
Tags Bts, Jeon Jungkook, Kim Taehyung, Kookv, Taehyung!top, Taekook, Vkook
Visualizações 198
Palavras 660
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Fluffy, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


olaola tudo bom?!?! Gente eu so muito burra, desculpa por não ter postado ontem é q eu simplesmente me atrapalhei nos dias e mosquei legal rs. Desculpa o vacilo bejo e boa leitura♡

Capítulo 27 - A resposta era amor


Fanfic / Fanfiction My Little Angel (Vkook - Taekook) - Capítulo 27 - A resposta era amor

Taehyung P.O.V 

Despertei me sentindo mais feliz que o normal, logo percebi que estava no quarto do Jeon e as memórias de ontem voltaram em minha mente. 


Nas nuvens. Esse era o meu estado no momento, afinal os meus sentimentos foram correspondidos e achei a resposta que tanto procurava para minha pergunta...Sim, era o amor.


Sentia por Jungkook algo que nunca senti antes, por ninguém. Fascinante, eu não sei dizer uma coisa que não goste nele, ele é simplesmente perfeito. Ou então estou "cego pelo amor", como costumam dizer. Não sei explicar como alguém poderia amar tanto alguém como eu amava o Jeon.


Após sair de meus devaneios decidi ir lavar meu rosto e escovar meus dentes com uma escova que Jungkook me deu ontem a noite. Mesmo lavando o rosto com água fria não acordei, ainda sentia que estava dormindo e tendo um sonho maravilhoso. 


Desci as escadas que davam acesso ao térreo e consequentemente onde se encontrava a cozinha, chegando lá não pensei duas vezes antes de ir cumprimentar Jungkook, sim cumprimentar, cumprimentar do jeito Taehyung. 


Estava tão encantado com o Jeon que nem percebi a presença da mãe dele na cozinha, só percebi na verdade depois que ela insinuou que teria acontecido algo entre mim e Jungkook, insinuação que ele logo retrucou com "comigo não,  mas tenho certeza que com a senhora sim, senhora Jeon...". Lindo.


Por mais que eu queira não consigo parar de elogiá-lo. Acho maravilhoso tudo o que ele faz, ele me tem.


{...}


O tempo passou e tomamos café,  logo após fui tomar um banho e o mesmo me emprestou outra muda de roupa para que pudesse voltar para casa.


Depois de muita melação me despedi de Jungkook e sua mãe e voltei para casa.


{...}


Foi tudo tranquilo, quero dizer , tranquilo até chegar em casa. Assim que coloquei os pés em casa voltou aquele inferno que tinha começado a duas semanas atrás. Meus pais ultimamente vivem brigando e eu não sei mais o que fazer em relação a isso. Não tem hora e nem lugar para isso acontecer. 


Nas primeiras vezes peguei Taewon e fui dar uma volta, afinal o mais novo não merecia presenciar aquelas cenas. Ele ficava muito abalado e me perguntava se iria ficar tudo bem, sempre o respondia com um sim mas não estava muito confiante com minha resposta.


O clima daquela casa estava tenso e até um estranho poderia perceber isso. Meu pai começou a beber exageradamente depois disso e os problemas só aumentaram...


Assim que entrei segui direto para meu quarto, e para minha surpresa Taewon estava com a maior cara de sono denunciando que o mesmo havia acabado de acordar. 


- Por que está aqui Won-ssi? Algum problema com seu quarto?


- Não, appa usou minha cama ontem a noite e só me restou o seu quarto. 


- Por que ele usou sua cama?  Aconteceu algo entre ele e omma?


- Sim, ele chegou em casa fedendo a soju e omma o expulsou do quarto, então ele foi dormir no meu..


- Entendi...


Antes que a conversa se prolongasse minha omma adentrou o quarto e começou com o interrogatório (com a ilustre ajuda de Taewon) sobre a minha estadia de uma noite na casa da família Jeon.


Ela me perguntou coisas tão absurdas que me fez refletir sobre onde as pessoas tiram tanta imaginação. Me limitei as responder um não aconteceu nada demais e só respondi o necessário nos questionamentos que precisam de complemento.


Ela sorria de uma forma boba, e começou a falar sobre quando ela começou a gostar de meu pai. Mesmo com o sorriso estampado no rosto quem a conhecia bem perceberia que ela não estava bem, estava emocionalmente afetada com essas brigas.


Conversa vai, conversa vem a mesma me convenceu a ligar para o Jeon e o convidar para um jantar aqui em casa.
Eu só espero que ocorra tudo bem e que eles não briguem no meio do jantar...


Notas Finais


Babado forte os pais do tata iagora rs.

Espero que tenham gostado bejao meus mel💜

One shotzinha que eu postei rs https://www.spiritfanfiction.com/historia/hyung-voce-passou-blushi-13619617


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...