História My Little Baby (JiKook) - Capítulo 12


Escrita por: e CoelhinhaKook7

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Park Jimin (Jimin)
Tags Jikook, Jimin, Jungkook, Kumku, Namjin
Visualizações 167
Palavras 1.534
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Então né gente, tá meio corrido pra eu terminar os capítulos e os mandar, além da outras demais obrigações que eu tenho, então, eu devo demorar a mandar. Mas não desanimem
rs

Boa Leitura

Capítulo 12 - XII - With friends


Jimin pov


Jungkook e eu fomos para o carro, para podermos ir pra minha casa pegar a roupa. Seguimos até lá sem problemas. Pegamos algumas roupas e fomos pra casa. Chegando em casa, ponho a mochilinha de roupa na cama e deito na mesma

- Jimin, o encontro é 19:00, são 17:30 e você sabe que demoramos muito no banho, tanto você quanto eu

- Tá Jungkook. Eu tomo banho primeiro

- Pode ir meu amor... - ele dá um sorrisinho e me dá um beijinho

- Beija direito, poxa - peço e faço bico

- Beijo sim, meu amor... - ele segura meu pequeno rosto e me beija, de modo mais demorado - Melhorou?

- Um pouco... - me levanto da cama e vou pro banheiro, logo iniciando meu banho.

Terminei meu banho em 20 minutos, bati meu próprio recorde. Logo me arrumei e esperei Jungkook terminar. Ele demorou um pouco, menos do que eu, mas demorou e assim que ele saiu do banheiro, se vestiu e terminou de se arrumar. Já eram 18:40 e nós estávamos pra sair

- Jungkook, meu celular, você o viu? - perguntei assim que cheguei na porta de casa

- Em cima da cômoda, lá no quarto

- Ah sim, pera que eu já volto

- Tá, vou logo tirar o carro da garagem

- Tá okay.

Jungkook desceu enquanto eu ia no quarto pegar o celular. Logo peguei e saí, encontrando Jungkook na frente do prédio. Lembrei do dia em que conheci ele, que ele me ofereceu carona, ele estava no mesmo lugar. Me permiti dar um sorriso com a lembrança

- Jimin, vem - ele me chama e eu vou correndo pro carro, entro e fecho a porta - O que houve que tava lá parado? - liga o carro

- Tava lembrando do dia em que a gente se conheceu

- Dia que você encontrou o Kum e eu logo gostei de você

- Logo gostou de mim? Você nunca me falou disso. Disse que gostou de mim com o tempo

- Eu olhei pra você e pensei: Se não fosse um homem eu com certeza tentaria algo.

- Por isso me ofereceu carona?

- Também por isso. Na verdade foi pelo Kum mesmo. E aqui no carro eu pude perceber o quão feminino você é e decidi me aproximar

- Você tem que contar sobre sua mãe... As suas mães

- E você me contar da sua terra natal

- Em casa eu conto

- Então em casa a gente conversa, tá okay?

- Sim. - olho a janela e vejo Namjoon e Jin nos esperando - Amor, ali os meninos. Vai lá

- Onde? - aponto e ele segue até os rapazes que logo entram na parte de trás do carro

- Oi meninos - Jin fala assim que entra

- Oi - Jungkook responde e volta a ligar o carro assim que Namjoon fecha a porta

- Oi Jin, oi Nam.... Então, que horas é nosso filme?

- Namjoon que sabe, ele que comprou as entradas

- 20:30. A gente pega a sessão de 20:30

- Tá ótimo, dá pra fazer um lanchinho antes - Jungkook responde - Tô com fome

- Pois é, estamos. Eu queria trazer algo de casa pra não precisar comer de lá do shopping, mas não deu tempo e o Nam não deixou

- Ah Jin, você ainda ia preparar o negócio. Não ia dar certo

- Mas enfim, a gente come lá e depois assistimos o filme. Ou até podemos patinar. O que você acha Jimin? - Jungkook me pergunta

- Eu nem sei do que ceis tão falando - respondo e ele ri

- Você vai ver quando chegar lá eu te mostro

- Tá...

Terminamos o caminho pro shopping com eles três conversando, enquanto eu dividia meu olhar entre Jungkook e o nada lá fora. O tempo tava fechado, o céu que antes tava com um azul um tanto que escuro por causa da noite, estava ficando negro por tantas nuvens. Um pouco antes de entrarmos no estacionamento do shopping eu alerto a Jungkook

- Amor, olha esse céu, tá muito escuro. Tenho medo e um mal pressentimento - ele olha o céu pela janela

- Porra, como o tempo mudou rápido. Agora até eu tô com medo aqui - Namjoon comenta

- Relaxem... É só uma chuva - Jungkook fala e Jin ri - Espero que seja mesmo

Quando Jungkook estacionou o carro, saímos dele e entramos no shopping, indo direto pra praça de alimentação. Todos fomos comprar sanduíches, mesmo que Jungkook e Namjoon queiram hambúrguer, os que tem lá são pouco nutritivos e nós preferimos comer algo que realmente fosse matar a fome e assim fizemos. Comemos, não tão rápido. Ainda eram 19:40

- Hey, o que vocês acham de pegar essa horinha pra patinar? - Namjoon pergunta

- Patinar? Onde? - falo

- No gelo. Aqui tem uma mini pista de patinação - Jungkook responde

- Eu nunca patinei na vida

- Não? Não sabe o que tá perdendo - Jin comenta

- Realmente. Quer tentar?

- E se eu cair?

- Eu vou estar aqui pra te levantar, quantas vezes for possível. O dever do homem na relação é sempre erguer o companheiro e cuidar, sempre o deixando pra cima. Pelo menos pra mim é assim - Jungkook responde, tocando de leve o meu queixo e o levantando, como se tentasse me erguer. Fofo

- Jungkook, você não existe. Te amo tanto que não tem nem como expressar - ele segura meu queixo mais forte, apertando-o e o solta

- Uma boa forma de expressar o que sente, é me beijando - o beijei, mas aquele beijo, mesmo sendo bom, foi estranho, como se eu sentisse que não ia mais poder beijar ele, o que me levou a me agarrar a ele e aprofundar cada vez mais o beijo

- Calma Jimin. Eu não vou fugir - ele responde assim que eu separou

- Meu amor, eu não tô sentindo uma coisa muito boa

- Eh... Vamos pra pista gente? É meia hora... Hum..... - Namjoon começa mas se perde

- 11.243 wons - Jin completa

- Que caro - rimos e fomos pra tal pista

Chegando lá, eu e Jungkook fomos falar com a mulher que estava lá, pra podermos pegar os patins. Fomos com ela até uma salinha, a qual estavam os patins, aquela mulherzinha inventou de procurar os patins nas prateleiras de baixo, abaixou e ficou com a raba virada pro meu namorado, que olhou com desconforto e se afastou um pouco

- Eh... A gente pode esperar lá fora? - Jungkook pergunta pra mulher

- Só um minutinho... - ela foi um pouco pra trás, quase encostando a bunda empinada no Jungkook, só que eu o abracei e a bunda dela encostou na minha

- Amor, tô com frio. Me abraça - falei fofo e Jungkook deu um sorrisinho pra mim

- O que você quiser meu bebê - ele respondeu e a mulher levantou, nos olhou de cima a baixo e pegou os patins

- Te amo - falei pro Jungkook

- Me prova seu amor

- Não acredita nele?

- Acreditar eu acredito, mas eu quero saber o que é capaz de fazer por mim

- Vai ver o que eu posso fazer, mas assim que a gente chegar em casa - ele me deu um selinho

- Mal posso esperar

- Rapazes... Os patins, os achei. Aqui estão

- Obrigado - pego da mão dela e puxo Jungkook pra pista e entrego os patins do Jin e do Namjoon

- Você é o melhor namorado do mundo, sério. Meu ciumentinho - sentei e comecei a pôr o patins, assim como ele

- Não sei do que tá falando

- Só me abraçou por causa daquela mulher

- Claro, tenho que marcar meu território

- Fez certo, se ela tivesse me encostado eu não responderia por mim

- Nem olhar pra bunda enorme dela você olhou. Tá de parabéns

- Prefiro olhar pra bunda de quem merece

- Tipo quem?

- Conhece Park Jimin?

- Conheço não - brinquei

- Um dia eu te apresento. Ele é o grande amor da minha vida

- Sério? Grita pro mundo que ama ele - ele vem até meu ouvido e sussurra pra mim

- Eu te amo

- Eu disse pra gritar pro mundo

- Você é meu mundo - corei e ele me beijou

- Vocês não vem? - Namjoon perguntou, já na pista com Jin

- Estamos indo - Jungkook falou e me levantou - Vou te ensinar a patinar, quer?

- Com você eu quero tentar de tudo

- Falando assim eu penso merda e me deixa excitado


- Jungkook!! - exclamo envergonhado


- Tô brincando. Mas não deixa de ser verdade. Te ver me deixa excitado - vem até meu ouvido - Mas te ver e não te foder me deixa excitado e com vontade de te agarrar no meio do caminho e te ensinar a satisfazer seu daddy - senti meu corpo arrepiar


- Agora sou eu quem está excitado - falei baixo e ele me levou pra pista

•••



 


Notas Finais


Até o proximo (eu ia colocar o próximo junto a esse, mas eu não tive tempo de terminar a outra parte. Então, provavelmente esse e o próximo sairão pequenos)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...