História My little jealous omega - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Kim Taehyung (V), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bts, Imagine, Jimin, Jungkook, Taehyung, Vkook, Você
Visualizações 83
Palavras 3.440
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Fluffy, LGBT, Literatura Feminina, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Spoilers
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi gente!Eu finalmente voltei depois de tanto tempo,não minto,fiquei com bastante Saudades,mas meu bloqueio criativo durou bastante tempo.Espero que vocês gostem,essa fic vai ser meu re-debut 😹💜

Capítulo 1 - No final de tudo,ser ômega não é tão ruim


Fanfic / Fanfiction My little jealous omega - Capítulo 1 - No final de tudo,ser ômega não é tão ruim

-Aish!Jiminie!

Desde que nos conhecemos,Jimin sempre mostrou esse seu lado ciumento,com os amigos mais próximos,seus pais e sua pequena irmã.Não foi uma surpresa pra mim que,no momento em que nos envolvemos,que eu havia entrado para o grupo de pessoas que Jimin sentia ciúmes,mas não aquele tipo de ciúmes possessivo,nada disso!Seu ciúmes era apenas fruto de sua insegurança,um pedaço de sua personalidade de ômega.E olha que eu também tenho minhas crises de ciúmes,quem não teria com essa delícia que eu chamo de namorado?Então por favor,não nos leve a mal,nos leve a Cancún.

Jm:Não venha com essa de "Jiminie",não tinha isso quando tu tava no meio dos seus "oppa" né?-Disse se sentando na mesa de jantar,me olhando com os braços cruzados.

-Eu estava numa reunião Jimin-ssi.-Expliquei vendo-o me olhar com uma das sobrancelhas arqueadas.

Jm:Cadê o "Jiminie"?Quem tá nervoso aqui sou eu.-Mesmo que Jimin fosse o mais velho por um ano,ele não gostava que o tratassem como tal,ele sentia-se velho.

-Aigoo,e o que eu posso fazer pra te deixar calmo amor?-Perguntei me sentando ao seu lado,esperando sua resposta.

Jm:Tá achando que eu sou fácil de se negociar?-Perguntou incrédulo,e eu apenas continuei o olhando.-Tá,eu sou.

-E então?Já decidiu o que quer?-Questionei novamente,o deixando pensativo.

Jm:Hum,que tal melancia?-Ele sugeriu sorridente.

-Melancia?Minie,a época das melancias já passou.-Comentei vendo-o fazer um bico manhoso,logo suspirei,o que ele não pedia sorrindo que eu não fazia chorando não é?-Tudo bem,tudo bem!-Desisti,fazendo-o abrir um grande sorriso e se levantar da cadeira,direcionando-se até mim e dando um selinho carinhoso em meus lábios.-Sabe que isso não vai ser o suficiente pra me alegrar não é?-Me referi ao seu selinho,fofo,porém bem distante do beijo que eu tanto amo.

Jm:Claro que sei S/n-ah!Acha que eu deixaria minha alfa sem meus carinhos?-Questionou me olhando,e com isso não deixei de moldar um belo sorriso ao meu ômega.-Claro que não,apenas não vou da-los agora.-Ditou se afastando até o balcão,onde se sentou e me olhou sapeca.Sem reação à aquela rejeição,apenas abri minha boca,chocada com sua audácia.-O que foi?Não ia buscar minha melancia?-Praticamente me expulsou.Não deixando de revirar os olhos,me levantei e caminhei até a sala,onde peguei as chaves do carro e um grande casaco,o qual ficava nos cabides da porta,vestindo-o em seguida.

-Se não tiver melancia posso trazer morangos?-Perguntei olhando em sua direção,vendo-o ficar emburrado.-Yah!Não me olhe assim,sei que você gosta de morangos com chantilly.-Relembrei de uma de suas misturas preferidas entre fruta e doces,observando seu sorriso corado,mesmo em seu pré-cio,Jimin conseguia ser a pessoa mais fofa do mundo,tirando sua parte arteira e maliciosa.

Jm:Pode trazer sim amor.-Ele confirmou se aproximando e me abraçando apertado,deixando um beijo em minha testa.-Volta rápido tá?-Pediu quase como uma ordem,fazendo-me rir pelo nariz,beijando sua bochecha.

-Vou tentar meu bem.-Respondi com um sorriso fechado,saindo não muito tempo depois,afinal,sabia com quem eu estava lidando,Jimin era uma pessoa bastante enjoada com horários,e minha missão agora era achar algum lugar da nossa grande Busan,onde estaria vendendo uma grande melancia,ou pelo menos morangos,e voltar pra casa o mais rápido possível,evitando broncas do ômega manhoso e fofo que eu chamo de namorado.

Park Jimin.ON.

Primeiramente,eu não sou ciumento,ok?

Apenas gosto de cuidar do que é meu, sim,isso inclui a minha alfa.Bom,não é como se eu não gostasse de dividir minhas coisas ou atenção,eu sou paciente quanto a isso.Mas me digam,qual é o tipo de pessoa que sai 8 horas da manhã em um sábado pra uma reunião de trabalho?
Isso,minha querida S/n.Não que ela precise tanto assim trabalhar,S/n sempre fez seus deveres e horas extras ali ou aqui.Faltas?Apenas quando estava doente ou algo bem ruim acontecia.Mas o que mais me impressiona é a sua ingenuidade,quando ela vai perceber que os caras preferem ficar olhando a bunda dela o dia todo,do que receber os relatórios que ela fazia com capricho?

Desde que nos conhecemos,o que faz exatos 5 anos e 7 meses,isso quando eu tinha apenas 18 anos e ela 17,S/n sempre se mostrou uma pessoa calma e paciente,sempre ajudando todos a sua volta,e nos nossos 3 anos de namoro,S/n me mostrou o quão ingênuo um alfa pode ser.

Pessoalmente,eu sempre adorei isso na sua personalidade,me fazia não achar tão ruim o fato de eu ser o ômega da relação,mas o mais incrível de tudo isso,é que eu percebi que nem eu me aguentaria se fosse um alfa.

Eu realmente amo a minha mulher.

Voltando ao tempo atual,eu realmente tinha ficado nervoso com S/n por ter me deixado sozinho,num sábado frio,e solitário,um dia antes do meu cio,apenas pra ir em um reunião de última hora,como eu disse minutos atrás,mas claro que eu pedi algo em troca,pela audácia de me deixar sem meu abraço carinhoso e meus Beijos de café da manhã.

Mas também não era como se fosse tão fácil ficar com raiva da ingênua alfa.

Com apenas 10 minutos desde sua saída,eu já estava sentindo falta de si e de suas carícias.

Enquanto minha garota estava em busca da minha tão querida melancia,eu ficava mofando no grande sofá de nossa sala,me distraindo com pensamentos quaisquer,tais como o quanto irmãos podem ser parecidos,mesmo não sendo gêmeos.

Quando digo isso,me refiro aos irmãos Jeon,Jeon Jungkook e Jeon S/n,herdeiros da grande família de alfas.

Mesmo sendo de tal gênero,sempre foram calmos e pacientes,assim como disse antes,sendo desde sempre bons partidos a quem pudesse ter algo com eles,algo que eu e Taehyung não estávamos muito dispostos a deixar.

Ah sim!Kim Taehyung,namorado de Jungkook,cunhado de S/n e meu melhor amigo.

E sim,fui eu quem arrumou Jungkook pra ele,afinal,quem eu seria se não compartilhasse meu privilégio de namorar um dos Jeon?

Bom,voltando ao assunto,Jungkook,diferente de sua irmã,sempre foi um pouco mais tímido,mas logo que ganhava intimidade,perdia sua timidez bem no fundo do baú,o que fez ele e Taehyung se aproximarem com facilidade.Além de tímido,o garoto também tinha seus ciúmes,principalmente com a irmã mais velha,dando a desculpa de não querer perder a irmã pra algum mala,sim,eu me senti bastante ofendido aqui.

Com esses pensamentos,pude me relembrar do dia em que nos conhecemos,eu,como sempre,sendo arrastado por Taehyung,e S/n por sua vez,por Jungkook,que até hoje não deixa de se vangloriar,com a desculpa de que se não fosse por ele,nunca teríamos nos conhecido.

-Flashback-

-Aigoo Hyung!Você tem beleza,então use-a.

Taehyung briga comigo,ao me ver colocar meu velho suéter,junto com a velha calça,as mesmas que eu usava para escola todos os dias.

-Nem vem Taehyung!Desde de pequeno você implica do jeito que eu me visto.Qual o problema hein?-Perguntei de braços cruzados,vendo-o se esparramar pela minha cama,todo folgado.

Tae:O problema é que você fica se lamentando o dia todo sobre não ter nenhuma alfa,mas nem pra ser um pretendente arrumadinho você serve.-Me respondeu direto,e claro que não consegui esconder minha feição incrédula.-Usando esse suéter de vovó e essa calça de alguém que acabou de fazer uma cirurgia bariátrica é que você não vai conseguir mesmo.

-E o que você sugere?-Questionei interessado.

Tae: Primeiro,vamos trocar essa sua roupa,porque você e esse seu guarda-roupa precisam urgentemente de um banho de loja.

Depois dessa resposta,eu sabia que não tinha mais volta.

~Q.D.T~

Vestido em uma calça de couro,um coturno preto,junto de uma camisa branca e uma jaqueta,que obviamente não eram meus,entrei acompanhado de Taehyung em uma loja sapatos masculinos,sentando na primeira cadeira que vi,descansando depois de carregar várias sacolas das mais variadas roupas,e óbvio que o olhar debochado de Taehyung não passou despercebido.

Tae:Já tá cansado bebê?-Perguntou em puro deboche.

-Tá achando que é fácil correr atrás de você o shopping todo com essas trezentas sacolas na mão?

Tae:E alguma vez eu falei que seria fácil?-Pode acreditar,tem gente que ainda acha ele fofo.

-Ok,eu já esperava por essa.Mas e aí,vim comprar o que?Acho que já tenho tênis o suficiente lá em casa Taehyung.-O olhei cansado.

Tae:Bom,pensei em te comprar uns dois coturnos,só pra usar quando sair mesmo,ou seja,quase nunca.-Ele disse dando uma olhada pela loja.

-Pelo menos não vou precisar lavar.-Dei de ombros,vendo-o gargalhar e me puxar pelas mãos agora vazias,já que eu havia deixado as sacolas perto do caixa,pra não ter que ficar carregando e muito menos para que os funcionários achassem que eu quisesse rouba - los.

Sendo levado mais uma vez por Taehyung,me vi no meio de um grande corredor de coturnos,alguns pretos como o que eu usava nos pés e outros de cores variadas,não havia muitas pessoas ali,apenas duas pessoas que aparentavam ser um casal.

Tae:Jiminie,prefere na cor preta ou mostarda?-Me perguntou com um par de cada cor nas mãos.

-Que tal um de cada cor?-Dei a idéia,que logo o mais novo aceitou.Procurando por algum do meu número.

Tae:Aish!Não tô achando.-Falou emburrado.

-Já procurou nas prateleiras de baixo?-Perguntei o olhando.

Tae:Já.-Respondeu me olhando de volta,logo se levantando e olhando em volta.

-Vai procurar em todas as prateleiras?-Perguntei já o olhando cansado,e rapidamente vi seu rosto se aliviar e quase pude ver uma lâmpada aparecer acima de sua cabeça,dando início a sua idéia,Tae se direcionou ao casal,e começou a conversar.

Tae:Boa Tarde!-Exclamou educado,se curvando em frente a eles,que fizeram o mesmo,bem educados.-Não queria atrapalhar o casal mas vocês poderiam nos ajudar bem rapidinho mesmo?-Perguntou bem animado.

Em seguida,puder ver os antes mencionados se olharem,e logo a garota tomar a frente.

-Primeiro,a gente não é um casal,somos irmãos.-Ditou sorridente,vendo meu amigo sorrir sem graça,e logo comecei a me aproximar.-Segundo,podemos ajudar sim,precisam do que?-Perguntou gentilmente.

-Estamos procurando coturnos do meu número,mas tá difícil.-Ditei sorrindo,me colocando ao lado de Tae,em frente ao agora,casal de irmãos.

Tae:É,não é só a altura dele que é pequena.-O abusado do meu amigo comentou de modo sapeca,fazendo os irmãos rirem.

-Eu compenso em outra coisa pelo menos.-Ditei sorrindo pro mais novo que apenas me mandou língua,enquanto os outros se recompunham.

-Bom,ajudamos sim,só vamos precisar do tamanho do seu pé.-Falou simpática,em seguida,dei meu tamanho,em seguida começamos a olhar as prateleiras em silêncio,que logo foi cortado pelo único que antes não havia falado.

-Acho que não nos apresentamos antes,sou o Jungkook e essa é a S/n,somos os irmãos Jeon.-Apresentou-se corado,logo eu e Taehyung ficamos surpresos,não era como se a família Jeon fosse muito famosa,era apenas muito conhecida pelas suas conquistas,que consistiam em serem grandes médicos,cirurgiões,policiais e muitos outros,poderíamos dizer uma família prodígio.

-O-oh,sim.Sou Park Jimin e esse é meu amigo Kim Taehyung.-Nos apresentei ainda meio surpreso.

S/n:Não precisam ficar assim,somos apenas alfas normais.-Ditou calma nos olhando,rapidamente voltando a observar as prateleiras.-Mudando de assunto,achei os coturnos,estão bem nessa última prateleira aqui.

Apontou para uma prateleira bem ao fundo do corredor,a última encostada a parede.

Tae:Muito obrigado,S/n-ssi e Jungkook -ssi.-Taehyung agradeceu educado,abraçando cada um,provavelmente aproveitando-se da ingenuidade dos ambos alfas.

Jk:Não foi nada.-Respondeu sorrindo,seguindo com o olhar até a irmã,pedindo em seguida.-Noona,me dá um desses coturnos?-Tecnicamente implorou,fazendo a irmã revirar os olhos.

-Hey,tenho cara de rica por acaso?-Ela perguntou ao irmão indignada.

-Mas você tem um trabalho.-Rebateu cruzando os braços.

-E desde quando isso significa que eu sou rica?

-Não significa que você é rica,significa que você ganha salário,então paga aí noona!-Respondeu com manha,fazendo como sempre,a irmã derreter-se por sua fofura,dando o tão querido coturno mostarda ao irmão.Realmente,era uma cena fofa de se ver se não fosse tão engraçado como os dois pareciam quase se matarem pra depois saírem se abraçando.

Jk:Pode ir pagando lá no caixa que eu te espero aqui maninha.-Despachou  provavelmente falso,fazendo-a suspirar de raiva,e sair do corredor.

Tae:Tu também Hyung,fico te esperando.-Me olhou sorrindo.

-Mas não era tu que ia pagar?

Tae:Eu sei que tu tem dinheiro abusado,vai logo.-Falou me olhando com os olhos cerrados.

Seria provavelmente uma cena muito linda deles querendo nos juntar,se não fosse na verdade uma tentativa deles se pegarem.

Assim que sai daquele grande corredor,me direcionei para o caixa,onde a alfa Jeon pagava pelo coturno do irmão,enquanto o funcionário que a atendia,estava atento a todos os seus movimentos.

-Obrigado por sua compra,espero que volte mais vezes.-Ditou o funcionário com inocência,o que foi retribuído com um sorriso gentil.

-Eu que agradeço.-Agradeceu antes de dar as costas e se direcionar a entrada.

Pagando pelas botas escolhidas,segui o mesmo caminho da alfa,não antes de pegar as sacolas,vendo-a de pé em frente a loja,esperando pelo irmão.

-Taehyung realmente não perdoa.-Comentei risonho ao seu lado,notando que S/n havia se espantado com minha presença,mas logo voltou pra mesma expressão,calma.

S/n:Não se preocupe,não é como se o Jungkook se importasse.-Rebateu com um sorriso,me olhando pelos cantos dos olhos.

Depois disso,o silêncio pousou por ali,dando para mim a chance de observar quantos ômegas,e até mesmo alfas observavam a Jeon ao meu lado.Algumas alfas ainda me direcionavam olhares,mandando piscadelas,não vou mentir,meu ego se sentiu muito bem alimentado,mas eu não iria ser abusado ao ponto de ficar com uma alfa apenas por uma piscadinha.

-Hey.-A chamei vendo ela me olhar.-Como aguenta todos esses olhares?

S/n:Não aguento,na verdade,eu não faço nem questão,afinal,olhar não tira pedaço.-Disse dando de ombros.-Não tá aguentado os olhares,Park?-Perguntou sorrindo arteira.

-Aigoo,eu não disse nada,já até estou acostumado com todos esses olhares.-Rebati amaciando meu próprio ego,vendo a garota ao meu lado rir alto.

S/n:Se você diz.-Comentou indiferente,ainda rindo baixo do meu querido ego.-Se eu te pedir o seu número você vai se acostumar também?-Perguntou com uma das sobrancelhas arqueada,o que claro,me deixou chocado com a audácia.

-Yah,é assim que você trata os mais velhos?-Questionei ainda incrédulo.

S/n:Normalmente não,só  gente por quem eu me interesso.-Disse direta.-Mas e então?Vai me passar o seu número agora,ou vou ter que te pagar um jantar antes?

-Não vou mentir que a segunda opção é a mais tentadora.-Comentei risonho,vendo o seu rosto emburrado.-Mas vou ser um bom oppa,e vou dar o meu número.Só porque eu tenho certeza que você acabou de gastar seu salário naqueles coturnos pro seu irmão.-Relembrei rindo,observando sua face chateada,provavelmente pela falta de dinheiro.

S/n:Isso que dá ser uma boa irmã.-Fez um drama,logo em seguida me entregando seu celular,o qual já estava na lista de contatos.

-Se eu salvar meu contato aqui,o jantar vem de brinde?-Brinquei,escutando a mais nova rir nasalada.

Antes que a alfa me respondesse,vi nossos acompanhantes saírem da loja,e pararem ao nosso lado,com sorrisos sapecas e algumas marcas no pescoço,nada muito discreto.Não querendo muitas perguntas,apenas salvei meu número no celular de S/n e entreguei a ela,esperando que os garotos dessem a palavra.

Tae:Eu deveria perguntar se algo rolou por aqui?-Perguntou sorrindo de forma maliciosa.

-Eu até iria perguntar o mesmo,mas seu pescoço te denunciou.-Falei maldoso,vendo-o corar,enquanto S/n ria ao meu lado.

S/n:Não sabia que gostava de marcar território Kookie.-Disse cruzando os braços e olhando o irmão,mandar o dedo do meio pra si.

Jk:Nem vem com esse papo Noona.Mas eai,me diz,como foi pagar pelo meu bebê?-Perguntou pegando a sacola que continha seu coturno.

S/n:Não sei explicar,acho que foi como uma facada no meu bolso.-Explicou o olhando mortalmente.

Jk:Também te amo.

-Bom,eu e Taehyung temos que ir,foi bom conhecer vocês!-Tecnicamente me despedi,segurando no braço de Taehyung.

S/n:Foi bom ajudar vocês.-Respondeu sorrindo,dando Tchau em seguida.

~Q.D.T.~

Assim que chegamos em casa,fiz o favor de me jogar na cama,descansando do grande passeio que demos.

Tae:Wow!Nem acredito que peguei um dos Jeon.-Comentou surpreso e feliz ao mesmo tempo,se jogando ao meu lado.

-E ainda me fez passar vergonha hein.-Adicionei chateado.

Tae:Vai me dizer que não pegou o número da alfa?-Perguntou sorrindo malicioso.

-Bom,ela pegou o meu.-Revelei,fazendo Taehyung ficar surpreso.-Agora não sei se ela vai me chamar,ela parece ser uma pessoa ocupada.

Tae:Hey,não fique assim,pelo menos ela pegou o seu número.Agora é só esperar.Ela não ia pedir o seu número atoa.-Falou simples,se levantando em seguida.-Vou mijar,tu me cansou.

-Oxi,foi você que me levou pra lá e pra cá,e é você que cansa?-Perguntei cerrando os olhos pro meu companheiro,que só balançou os ombros e foi ao banheiro.

Assim que Taehyung saiu,tratei de fechar os olhos e descansar do dia.

Não que tenha sido um grande dia corrido como venho reclamando o tempo todo,foi um bom dia,só não esperava ir caminhar pelo shopping todo,e gastar quase todo o meu salário.

Porém eu sei que esse dia foi especial para Taehyung,e para mim principalmente,realmente,não tem como melhorar.

E é claro,com sempre,algo atrapalhou meus pensamentos otimistas,sendo o culpado,meu celular,que vibrou dentro do meu bolso,fazendo eu tira-lo em seguida,vendo o que ou quem,precisava de mim.

Ao desbloquear a tela do celular,pude ver uma mensagem desconhecida,o qual tratei de ler,decidindo se bloquearia ou se respondia.

*Número desconhecido*

-Vai estar ocupado no fim de semana?
Eu prometi pagar o jantar,ômega Park.-

É,talvez eu devesse agradecer ao meu querido e abusado cunhado.

-Flashback off-

E com essas belas lembranças,também pude me lembrar de quando fui conhecer meus sogros,que não ficaram muito felizes com o tamanho da minha conta bancária,mas acabaram me colocando na família,afinal diziam saber o quanto a filha deles me amava,o que claro,deixou meu ego subir no pedestal.

Já meus pais só faltaram fazer fanfic do nosso namoro,perguntando de tudo que fizemos,de como nos conhecemos,até a noite de núpcias,por assim dizer.Também adoraram o fato de que acabamos entrando na faculdade na mesma época,mas é claro,cada um com sua direção.Psicologia,a direção que S/n iria seguir,para virar uma psicóloga,já eu,cursava Direito,com a missão de virar o advogado mais preciso da Coréia.

Ainda bem que sonhar não custa caro.

Mas enfim,depois de quase meia hora,pude escutar a porta da sala sendo aberta,dando-me a visão de minha alfa,que pra minha felicidade,tinha minha melancia em mãos.

S/n:Sabe que tá me devendo uma noite regada a beijos,não sabe?-Perguntou com um sorriso discreto,caminhando até a cozinha,sendo seguida por mim.

-Nem vem com essa,tenho certeza que você não passou esse tempo todo só procurando minha melancia.-Comentei brincando,vendo a colocar minha bebê na geladeira,se virando pra mim em seguida.

S/n:Tem razão,eu não fui só comprar sua melancia.-Soltou no ar,descontraída,me deixando chocado,como assim?!-Mas não se preocupe,depois te conto o que eu fiz.Agora eu quero os beijos que você me prometeu.-Disse se colocando a minha frente,sorrindo doce.

-Não até você me contar o que fez.-Disse firme,vendo-a rir nasalado enquanto negava.-Não vai me contar mesmo?-Perguntei insistente,e S/n não mudou sua resposta.-Então pode pelo menos me dizer se eu vou me chatear com o que tu fez?-Perguntei com um bico,talvez imaginando a com outro ômega,e o que ela fez foi sorrir e se aproximar mais de mim,colocando suas mãos em minhas bochechas.

S/n:Você sabe que minha missão de vida é não te chatear,querido.-Falou me dando um selinho rápido,me olhando firme em seguida.-A propósito,acho que você vai é ficar muito feliz com o que fiz.-Confessou sorrindo animada.

-Tem certeza?-Perguntei incerto.

S/n:Claro que tenho!Agora posso receber minha recompensa?-Questionou observando meus lábios.

-Como posso recusar isso a minha alfa? -Perguntei a mim mesmo,puxando-a para nosso Beijo preferido,o carinhoso,romântico e calmo,que me faz apaixonar por ela cada vez mais.-Vamos só nos beijar o dia todo?


S/n:Eu adoraria,mas que tal vermos um filminho,com pipoca e uma coberta pra acompanhar?-Deu a sugestão,o que claro,eu não demorei a concordar,ajudando ela a montar a nossa sala pra mais um dia juntos.

E foi assim,até o fim da tarde,assistimos Jurassic World:Reino ameaçado,que se tornou nosso filme preferido,mesmo que minha alfa tenha chorado pelo dinossauro ter morrido sozinho,mas tirando isso,foi uma tarde maravilhosa,que além de eu ter comido minha querida melancia,fui paparicado o dia todo.

Assim que o filme acabou,tratamos de ir tomar banho,e nos deitar,porque amanhã seria um dia cheio,já que além de ter que pegar folga nos trabalhos e faculdades,teríamos que ficar descansados pro meu cio,que duraria apenas três dias,mas ainda sim, acabava com a gente.

-Hey,não vai me contar?-Perguntei pra minha garota,fitando sua face sonolenta ao meu lado.

S/n:Contar o que?-Perguntou confusa,me olhando com os olhos quase fechados.

-O que você tinha feito,quando foi buscar minha melancia.-Relembrei calmo,vendo a Jeon finalmente se lembrar,sorrindo fraco.

S/n:Promete não ter um ataque?-Perguntou baixo,me olhando nos olhos.

-Depende,você sabe que eu tenho o coração fraco.

S/n:Ok então.-Suspirou antes de começar a falar.-O que acha de Veneza?

-Você sabe que é o lugar que eu mais venero no mundo todo.-Comentei rindo.-Por que a pergunta?

S/n:O que acha morarmos lá?-Perguntou me olhando hesitante,o que fez os meus olhos quase pularem pra fora.

-Tá brincando comigo?!-Perguntei chocado,olhando ela se levantar da cama e ir até o criado - mudo,tirando de lá duas passagens só de ida pra Veneza,o que fez meu coração errar as batidas.

S/n:Se não quiser tudo bem,mesmo que não tenha reembolso.-Disse descontraída,rindo baixo,meio que chateada.

-Hey!É claro que quero!Eu iria pra qualquer lugar com você.-Comentei a beijando,mais animado que nunca.-Mas e os meninos?Seu irmão?Minha irmã?Nossos pais?-Perguntei preocupado.

S/n:Não se preocupe,conversei com eles antes mesmo de comprar as passagens.Só precisava conversar com você.Eles adoraram a idéia de visitar a gente todo ano,mesmo que eu acho que eles gostem mais de ver Veneza do que a gente.-Falou rindo,me deixando mais leve e puxando-a pro meu colo.

-Sorte nossa.-Disse rindo.-Mas quer saber de uma coisa?

S/n:O que?-Perguntou curiosa,enquanto eu puxava - a pra perto,colocando meus lábios perto de sua orelha,antes de confessar.

-Sempre quis ter filhos em Veneza.

Bom,depois desse cio,talvez S/n demorasse um pouco a andar,mas o que não faria por seu ômega,certo?

Notas Finais


E esse foi meu bebezinho,eu espero que tenham gostado,provavelmente minha próxima fanfic vai ser do Rm,uma longfic,vai demorar bastante tempo pra ser postada,afinal não terminei nem o primeiro capítulo dela 😹,mas espero que gostem dela,Beijos e abraços meus bebês 💜🍂
~SrtJeonJungkook


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...