História My little kitty (imagine Jeon jungkook) - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bts, Comedia, Jungkook, S/n (você)
Visualizações 353
Palavras 1.702
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção, Hentai
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oe gente eu tô muito feliz eheuheuehe.

200 favoritos...

200 favoritos..

200 favoritos porra kralho bct porraaaaaaaaaaaaaaa ( desculpe o palavreado mas eu tô super happy)

hmmmmm. Poisé tô feliz é isso, só tenho que agradecer, aaaa eu não sei uq falar aaaaaaa. Pronto parei

Se tiver qualquer erro, desgurpa, PQ A MINHA BETA TA NO ROLEZINHO Q EU SEI. Eh isto

Boa leitura.

Capítulo 12 - Capítulo 12.



Jungkook.


Eu e o resto da gangue estávamos no intervalo, precisamente sentados em uma mesa, esperando Taehyung e Yoongi voltarem com seus lanches. Eu estava batendo meu pé incontáveis vezes no chão, por motivos que tem duas garotas do meu lado se encarando mortalmente.

Eu conseguia sentir o olhar delas perfurar minha pele para chegar uma na outra.

Faz algum tempo que Lisa chegou e ela e (S/N) não param de brigar uma com a outra, o motivo?

Eu.

Nessas últimas semanas eu estou me sentindo nem a última bolacha do pacote e sim o último pedaço de pizza, aquele que a gente guarda para comer no café da manhã e indivíduos brigam para ver quem come.

– Já chega, Jungkook vamos sair? – Lisa quebra o silêncio constrangedor e um pouco, meio muito, assustador que estava entre nós.

– E para onde vocês iriam Lisa? – Foi a vez de (S/N) falar, as duas levantaram no mesmo instante e começaram a se encarar novamente. Sério essas encaradas mortais que elas dão, realmente são assustadoras.

– É olha o Yoongi e o Taehyung vindo alí! – Digo assim que avisto meus amigos, estes estavam rindo e sorrindo...e rindo, até olharem para a mesa e ver a situação que ela se encontrava.

– Meninos venham aqui! – Grito e Taehyung força um sorriso e se afasta, seguindo para a outra mesa. Que não era a minha. Oxe

E então Jungkook vamos? – Lisa volta a perguntar, mas sem mesmo olhar em minha cara.

– Bom, eu... – Não consegui responder, afinal se eu negasse ela poderia ficar chateada ou não, eu não sei.

– Ok, vamos. – Lisa diz e pega em meu braço e sai me puxando para fora do refeitório. De longe vi (S/N) abaixar a cabeça e Yoongi sentar ao seu lado, vê-la assim fez meu pobre coração apertar.

– Onde estamos indo Lisa? – Pergunto para a garota que a qualquer momento rasgaria minha roupa, porque não sei como uma menina tão magra pode ser tão forte.

– Hum eu não sei, só queria sair daquela mesa. – Ela diz e volta a me puxar.

Depois de um longo tempo, sim um longo tempo, porque é meio difícil andar quando uma garota está a te puxar para não sei onde. Chegamos no terraço da escola.

– O que estamos fazendo aqui? –Pergunto após ela fechar a porta.

– Isso. – Lisa diz e pula em meu pescoço, tipo ela pula e avança em minha boca. Eu como o inocente que sou - não tão inocente. - não soube oque fazer, só segurar em sua cintura e tentar afasta-la. E eu consegui

– Que isso? Tá doida? – Pergunto tentando recuperar o ar.

– Não, eu pensei que você queria também. – Ela diz se encostando na parede.

– Eu queria, a bastante tempo atrás, mas isso já passou. – Eu digo por fim me sentando no chão. – Eu tenho...namorada.- digo e vejo ela concordar com a cabeça.

– E você gosta mesmo dela? – Lisa pergunta e eu paro para refletir.

Bom, eu e (S/N) não namoramos de verdade, bom eu acho. Mas dês de uns tempos para cá venho sentindo coisas estranhas sobre ela. Como uns 'coiso na minha barriga quando a vejo, um ciúmes ali ou aqui quando ela está falando com um de meus amigos. E eu tenho muita vontade de beijar a minha gatinha sempre que a vejo.

– Eu não sei dizer. – Digo e Lisa respira fundo e se senta ao meu lado.

– O que você sente quando vê ela? – Ela pergunta e eu faço uma cara de tédio. Porque porra,  Eu acabei de descrever tudo em minha bela mente e agora vou ter que dizer tudo de novo. Maldição

– Sinto vontade de beija-la, de dar carinho e muito amor. – Tá bom eu coloquei mais algumas características. 

– Hum, e o que você sente quando me vê?

– Ah eu sinto vontade de ser seu amigo eu acho. Apenas – Digo e Lisa se levanta bruscamente.

– Sai daqui. – Ela diz autoritária e eu tomo um puta susto.

– O que? Por que? – Pergunto, afinal eu estava realmente confuso.

– Porque você deixou a sua namorada sozinha? – Ela pergunta como se fosse óbvio, e de fato era.

– Ata, tchau. – Digo e saio correndo, quase caindo na escada, mas eu fui correndo.

Fui em direção ao refeitório e antes de eu atravessar a porta de entrada do lugar onde pessoas como eu fazem suas humildes refeições. Uma pessoa, um ser, uma coisa, um Hoseok me parou no meio do caminho. Ah misericórdia

– Oi Jungkook o que você tá fazendo aqui? O intervalo já acabou faz uns... – Ela para e olha seu relógio do Mickey. – vinte minutos já. 

Ele diz e eu arregalo os olhos, nossa eu fiquei tanto tempo assim com a Lisa naquele lugar? Credo

– Ah ok, você viu a (S/N)? – pergunto meio, muito, desesperado.

– A última vez que eu a vi, ela estava subindo para a sala com Yoongi. – Ele diz e eu sinto algo entrando dentro de mim.

Ah aquele açúcar nada doce vai ver. –Sim eu estou ameaçando.

– Qual sala você sabe? Não lembro os horários da (S/N). – pergunto, e sim eu não lembro, neste meio tempo que eu fiquei correndo eu até esqueci onde eu deixo o papel higiênico na minha casa.

– Desculpa não vi, mas pelo menos eu tentei ajudar. – Hobi diz e coloca a mão no meu ombro.

– Tentou, mas não consegui, tchau! – Digo e volto a correr, em direção as escadas, eu fui grosso com o Hobi? Fui, mas pelo menos oque eu falei foi verdade. Aí, depois eu me desculpo com o coitado.

Continuo a correr e paro na primeira porta, bato na mesma duas vezes, ou mais, eu não lembro. Estava muito desesperado.

– Sim? – Uma mulher velha, que eu esqueci o nome, acho que era a professora de literatura – Meu Deus eu esqueci tudo! – atendeu a porta.

– A-a aqui é a sala da (S/N)? – Pergunto.

– NÃO, A DELA É DO OUTRO LADO SUA ANTA, É A MESMA QUE A SUA! – Ouço Taehyung gritar no fundo da sala e abaixo a cabeça por esquecer disso também.

– Tchau professora. – Digo desanimado por perceber o quão burro eu fui. E nesse momento de novo que eu paro para refletir as merdas que eu faço e adicionar mais duas.

Sim, mais duas, a primeira é de deixar a minha namorada sozinha e triste no intervalo para sair com uma garota que eu gostava. A segunda e por ter esquecido até onde fica a minha sala de aula.

Volto a correr e começo a atropelar qualquer ser que está no meu caminho, porque oras, eu estou com pressa e não dá 'pra correr com vários humanos na sua frente.

Depois de meia hora correndo em uns atropelamentos alí ou aqui. Eu encontrei a minha sala e entrei na mesma com um pouco de agressividade, ganhando a atenção de todos presente.

Coloquei minhas mãos no joelho para recuperar o ar e o professor Claudio veio até mim, senti suas mãos em minhas costas fazendo acho que um carinho e levantei a cabeça para olha-lo.

– 'Cê tá bem? – Ele perguntou e eu fiz sinal para ele esperar. Eu ainda não tinha recuperado o ar poxa.

– Ah tô sim, obrigada professor Cláudio. – digo e sorrio, o professor Claudio é brasileiro e ele quem me ensinou essas gírias estranhas que eu tanto falo. Obrigada de novo professor Claudio.

– De nada Jungkook, mas você está atrasado para aula quase quarenta minutos. –Ele diz e eu me levanto totalmente.

– Me desculpe professor, é que eu percebi uma coisa e preciso falar com aquela gatinha ali. – Digo apontando para (S/N) que arregala os olhos e exclama um "Eu?".

– Sim você. 

Vou até sua mesa e seguro em sua mão, fazendo ela ficar em pé e a minha frente.

– O que você quer Jungkook, pensei que estivesse com a Lisa. – Ela diz num tom chateado e eu me sinto um monstro por ter a abandonado no refeitório.

– Eu estava, e sabe ela fez eu perceber uma coisa. – Digo e sorrio, a minha gatinha chega mais perto e coloca a mão e um dos ouvidos. Demonstrando interesse em saber oque é. Fofa

– Que eu realmente gosto de você. –Falo e ouço todos na minha sala falarem um "owwnti" bem alto.

– Cala a boca eu não terminei. – grito pra sala que fica em silêncio. Oras é um momento fofo.

– Eu até cogitei a ideia de pesquisar no Google 'pra saber o que eu estava sentindo por você –  Não me critiquem. –, Sim, mas eu percebi que eu realmente gosto de você...eu acho que estou...te amando (S/N). – Digo e sinto minhas bochechas arderem.

– Vomitei! – Yoongi grita no final da sala.

– Cala a boca açúcar, me deixa! – Grito de volta e volto a olhar para (S/N), que não disse nada.

– (S/N) eu quero namorar com você...agora de verdade. 

– Mas o que? Vocês já não namoravam? – Yoongi volta a gritar e a minha vontade de avançar no seu pescoço apenas cresce.

– Cala a boca!, Então gatinha ? – pergunto e ela fica um tempo em silêncio, sério eu nunca tranquei tanto na minha vida. E se ela dizer não? E se ela não gostar de mim? Ai meu Deus.

Meus pensamentos são interrompidos pela gatinha que me puxa pela nuca e beija-me os lábios. 

Isso sim foi cena de filme.

Continuamos a nos beijar, e o beijo ficou mais agressivo e eu ouvi o professor Claudio falar um "ok, já chega", mas eu e a gatinha ignoramos ele completamente.

Fomos em passos cegos para fora da sala e continuamos a nos beijar, até a gatinha parar o beijo e segurar em meu rosto.

– Eu quero namorar com você Kookie, agora de verdade. – Ela diz e eu sorrio e volto a beija-la.

– Oi gente? Ai que nojo.

Tomo um puta susto com Taehyung 'brotando aqui no corredor.

– Oi Taehyung. – Digo em um tom de tédio e o meu amigo revira os olhos.

– Então Jungkook 'tô namorando a Lisa. – Ele diz todo animadinho e eu faço a típica cara de quem tá interessado mas não. Poxa eu estava aqui aos beijos com minha gatinha e esse embuste aparece e estraga tudo só para me dizer que está namorando.

– Hum legal Taehyung. 

– Aí Jungkook, finge que 'tá interessado pelo menos. - Ele diz e eu nego com a cabeça.

Passa mais um tempo e o inesperado acontece de novo.


– MEU DEUS (S/N) VOCÊ 'TÁ USANDO AQUELE PLUG NA ESCOLA? – Taehyung grita.


Fodeo.


Notas Finais


Eu comecei a escrever esse coiso ontem a noite, e de fato a minha beta estava no rolezinho mas eu dormi e to postando agora hehehe.

Continuo? Tá acabando:(

Perfil; @Souutaekooka


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...