História My little love - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Saga Crepúsculo
Personagens Alice Cullen, Aro Volturi, Bella Swan, Billy Black, Caius Volturi, Carlisle Cullen, Charlie Swan, Demetri Volturi, Edward Cullen, Embry Call, Emmett Cullen, Esme Cullen, Jacob Black, Jane, Jasper Hale, Jessica Stanley, Laurent, Marcus Volturi, Maria, Personagens Originais, Renée Dwyer, Renesmee Cullen, Rosalie Hale
Visualizações 62
Palavras 204
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Fantasia, Ficção Adolescente, LGBT, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


A Santa vulgo eu voltou kakkaak ( Santa só porque minha mãe criou conta no spirit e tá me seguindo kaka)

Como prometido mais um capítulo dos 5 que prometi para hoje

Capa nada a ver, mais fodase

Capítulo 9 - Revelações


Fanfic / Fanfiction My little love - Capítulo 9 - Revelações

 

Benicio- por um momento, achei que iria abusar de mim- ri de nervoso 

Luizy- até parece gays, nenhuma menina pode tocar - falo brincando e percebo o semblante de tristeza do mesmo

Benicio on

Quando luuh falou que eu parecia gays,  meu cérebro congelou, mesmo sabendo que era brincadeira

A verdade é que eu estou nessa maldita cidade exatamente por isso, eu sou gay,  minha mãe não me aceita, por isso vim morar com meu pai

Minha mãe sempre me tratou bem, até porque eu sou filho único dela, quando eu tinha 13 anos eu me apaixonei por um garoto, o boato chegou aos ouvidos de minha mãe,  que na mesma hora começou a me olhar com nojo e indiferença

Não posso dizer que isso não me afetou,  pois seria mentira, eu me senti mal, com isso eu desenvolvi depressão e ansiedade, isso foi a gota d'água para minha mãe, que na mesma semana comprou a passagem e me mandou para forks.

Para mostrar a minha mãe que gays não são pessoas "doentes" ou "anormais" eu resolvi entrar para o time de basquete, foi fácil pois eu jogava bem

Luizy- BENICIOOOO- frita me tirando de meus devaneios- mano, eu te chamei umas 40 vezes, você tai moscando a meia hora


Notas Finais


Kalakaua daqui 17 minutos tem maissss ( ou menos de 17, porq eu sou fdp)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...