História My little nerd (Kim Namjoon) - Capítulo 23


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 123
Palavras 1.044
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OI MONIES
Aqui mais um capitulo e com direito a surpresa.

Espero que gostem
Boa leitura^^

Capítulo 23 - Capitulo 22


Fanfic / Fanfiction My little nerd (Kim Namjoon) - Capítulo 23 - Capitulo 22

 No capitulo anterior 

Saio da empresa e caminho pelas ruas desorientado sem saber oque fazer.

Neste capitulo

Paro já cansado e me deparo na entrada de um parque. Ponho as maos nos bolsos e caminho enquanto a brisa fresca bate contra o meu rosto.

Sento num banco e encaro o nada, com pensamentos pela cabeça.

-MAMAE, OLHA ALI.- uma menina gritava enquanto apontava para um pato que nadava no lago e a sua mae lhe pedia para nao gritar.

Um homem aparece por tras das duas e elas o olham o homem tira as maos de tras das costas e mostra lhes dois sorvetes.

A menininha fica muito contente e abraça o homem que parece ser seu pai.  

-Obrigado papai.- dá pulinhos e pega o sorvete de chocolate.

Fiquei triste ao ver aquela cena pois eu queria tambem estar assim com a minha pequena.

O celular começa a tocar, pego o mesmo, atendo a ligaçao.

-Alô!

-Alô, namjoon, já encontra mos o carro... estava abandonado na beira da estrada, perto dele estavam marca de pneus ao que parece de uma carinha.

-Continuem procurando por ela. 

Desligo o celular e o guardo no bolso.

Levanto do banco e volto para a empresa, pego o carro e dirijo para casa dos meus pais.

Chegando lá o segurança abre o portao pra mim, deixo o carro em frente da entrada.

Entro na casa e vou logo indo para a sala. Eles se encontram sentados no sofá lendo.

Pagarreio obtendo a atençao dos mais velhos.

-Oh meu filho nem te ouvimos chegando.

-É, eu reparei.-pronuncio sério.

-Entao, oque quer aqui?- pergunta o homem parando de ler o jornal.

-Eu quero saber desde quando eu tenho uma filha e se a Secretária é a garota que eu conheci à 4 anos atras. 

Meu pai suspira fundo e se levanta, me encarando de frente.

-Sim, é ela, voçe era um moleque irresponsável e nós tivemos que tratar da situaçao.

-Onde está a minha filha? Eu quero ver ela! Minha mae busca um caderno numa gaveta e o abre folheando procurando alguma coisa.

-Aqui, se quiser vá busca la eu vou ligar para a escola e avisar que voçe vai busca la.

Ela arranca a folha e me entrega com a morada.

Saio daquela casa sem me despedir deles, entro no carro ponho as coordenadas no GPS e vou para a escola.

Chegando lá, toco à campainha logo vem uma senhora de idade abrir a porta.

-Diga, jovem!

-Vim buscar a Kim Hyolyn.- digo nervoso.

-Voçe é o Kim Namjoon.-assisto positivo.

-Espere aqui, eu vou buscá la.

Ela sai e logo volta de mao dada com uma menininha muito linda com cabelos compridos castanhos.

-A mamae?- a menina pergunta para a senhora.

-A mamae pediu para eu buscar voçe.- sorri para a mais pequena.

-Gostas de sorvete?

Ela assinte animada. Pego a sua maozinha e a levo em direçao ao carro.

Abro a porta para a baixinha, ela entra e ponho o cinto nela. Adentro o lugar do condutor e ligo o carro dirigindo para o shopping.

Chegando no local estaciono o carro no estacionamento do edificio. 

Destranco as portas, tiro o cinto e saio indo abrir a porta para a pequena. 

Agarro a sua mao, tranco o carro e entramos no local repleto de todo o tipo de lojas.

Chamamos o elevador e entramos indo para o andar da alimentaçao. 

Escolhemos uma das sorvetarias e entramos logo sentando numa mesa.

-Oque vao desejar?- a atendente pergunta com o bloco de notas na mao. 

-Qual sabor gostas, pequena?

-Chocolate.-responde sorrindo mostrando as suas covinhas fofinhas.

-Entao pode ser um de chocolate e um de caramelo.- respondo à pergunta da atendente que sorri para a mais baixinha.

-Porque a minha mamae pediu para voçe me buscar? Voçe é o namorado dela ?

-Nao pequena, mas voçe acha que eu combino com a sua mamae?

-Sim, voçes dois sao bonitos.- responde sorrindo.

-É, a sua mae é bonita.- murmurro baixo.

-Quando eu crescer eu quero ser muito bonita como a mamae.

-E como o seu papai?

-Eu nao conheço o meu papai.- ela fala triste.

-E que tal se eu for o seu papai, oque achas ?- pergunto fazendo carinho na sua bochecha gordinha.

-Simmm.- responde gritando e vem correndo me abraçando, sorrio retribuindo o abraço.

-Quer sentar no meu colo, baixinha?

-Posso?- pergunta envergonhada.

-Claro, anda cá.- pego ela e a sento no meu colo.

Logo a atendente chega e nos entrega os sorvetes.

Começamos a comer entre gargalhadas quando a pequena sujava o seu nariz de sorvete.

Pago a conta e pego na sua maozinha. Caminha mos pelas lojas. 

Encontra mos uma loja de brinquedos. Decido entrar.

Hyolyn para e olha para umas bonecas.

-Voçe quer uma boneca winx ?-ela assente positivo.

-Escolhe a que voçe mais gosta.- pego a pequena no colo para ela pegar a boneca que estava alta.

Levo a para a caixa e pago logo a entregando para a menina.

Abro a porta do carro e a pequena entra, coloco o cinto nela e fecho a porta entrando no lugar do condutor e coloco tambem o cinto arrancando logo.

-Voçe quer dormir hoje em minha casa?- espero a sua resposta.

-Simmm.- responde animada batende palmas.

Sorrio pelo seu entusiasmo. 

epois de uns minutos chegamos em casa, estaciono o carro na garagem, abro a porta para a mais pequena. 

Agarro a sua maozinha e a levo para a entrada, abro a porta e entramos em seguida.

-Onde eu vou dormir?- a pequena levanta a cabeça me encarando devido à diferença de altura.

-Eu tenho um quarto de hospedes, voçe quer dormir lá?- me ajoelho ficando da sua altura.

-Nao, eu quero dormir com voçe, papai.- sorri me abraçando.

Abraço a de volta cheirando o seu cabelo.

-Oque queres comer?- faço carinho no seu cabelo.

-Pizzaaaa.- responde aos pulinhos.  

-Entao, vai pizzaaaa.- a emito.

Ligo para a pizzaria e encomendo uma pizza.

Vou para a cozinha enquanto a pequena assiste os bonecos na tv, pego o celular e disco o numero da minha irmã.

-Alô.-falo assim que ela atende a ligaçao.

-Oque queres?

-Preciso que vás na casa de yuri e tragas uma mala com roupas, a mochila e outrasa coisas.

-Porque queres que eu vá buscar isso.

-Só vai, depois eu te explico.

-Ta bom, estou indo.- desliga a ligaçao na minha cara.

Poiso o celular em cima da bancada de pedra e vou assistir tv com a menor.

-Estao bons os bonecos, filha?- pego nela e a sento no meu colo a abraçando pela cintura da pequena.

Ela murmurra em positivo.

Deixo um selinho no seu cabelo cheiroso e encosto a minha cabeça na dela.

Ouço a campainha tocar, olho no olho mágico da porta e a abro. 

Continua...                   


Notas Finais


Gostaram da surpresa?
Querem um spoiler?

SPOILER: No próximo cap vai ter revelaçao de uma pessoa que vcs conhecem.

Espero por vcs nos comentários.
Dêm uma olhada nas minhas novas histórias.

Até à próxima.

Sigam meu perfil: @monie_94


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...