1. Spirit Fanfics >
  2. My Little Witch - Ankko >
  3. 0.5

História My Little Witch - Ankko - Capítulo 6


Escrita por:


Capítulo 6 - 0.5


𝘼𝙠𝙠𝙤**


- Mais uma vez, senhorita Kagari.


Ok, Akko. Você consegue! Respire até três e mantenha a calma. Agito minha varinha novamente.


- METAMORPHIE FACIESSE!


NADA ACONTECE?! QUE TOPO DE BRUXA EU SOU?!


- Parece que não andou estudando a magia, senhorita Kagari.


- Professora, eu não sei porque mas... juro que andei treinando!


- Bom, já faz uma semana que as aulas começaram e você nem conseguiu realizar as magias mais fáceis... Sinto muito, mas não tenho outra opção senão te indicar um tutor.


Ouço algumas risadas vindas do fundo da classe e viro imediatamente com uma expressão furiosa pra ver quem são. Noto que alguns apontam pra mim ou fazem sinais para a minha orelha.


Toco nos meus ouvidos e rapidamente dou um pulo pra trás com o susto.


- QUEEEEEE?! ORELHAS DE COELHO? SÉRIO ISSO?


O sinal bate bem na hora e os alunos começam a sair da sala. Vou até minha classe e pego minha mochila, que por sinal é vermelha com alguns bottoms da Chariot...


- Ei.. Akko... você topa ser minha cobaia para uma experiência que estou fazendo?


- Claro, Sucy! Fico feliz de poder ajudar com seus projetos! - digo sorrindo.


Caminhamos até a porta mas logo sou impedida de sair pela professora.


- Senhorita Kagari, preciso conversar com você.


Esperamos todos sairem para ficarmos a sós.


- Professora... eu juro que tentei...


Ela balança a varinha e lança metamorphie faciesse em mim. Toco nas minhas orelhas e noto que voltaram ao normal.


- Em todos os meus anos como professora de Luna Nova, nunca tive uma aluna tão ruim como você.


As palavras me afetam um pouco e instintivamente olho para baixo me sentindo envergonhada.


- Pelo seu resultado no exame de hoje concluí que precisa de aulas de reforço. Vou incluir você em algumas atividades complementares com a professora Ursula. Acredito que não conheça ela.


- Não, não conheço.


- Então sua primeira aula será hoje de tarde. Vou enviar um relatório a ela falando do seu desempenho e pedir para que ela me envie qualquer informação acerca do seu avanço acadêmico. Encontre ela às 13:30 na biblioteca, é onde costuma ajudar os alunos que estão tendo problemas...


Sorrio. Afinal, vou receber ajuda de uma instrutora! Finalmente vou fazer valer a pena todo o esforço que vim tendo na última semana!



𝙌𝙪𝙚𝙗𝙧𝙖 𝙣𝙤 𝙩𝙚𝙢𝙥𝙤**


Chego na biblioteca após almoçar. Não devia ter comido tanto! Acho que vou explodir! Mas aquele bife tava tão bom... e a sobremesa! Aquele pudim de nozes! HMMM! Será que o refeitório fica aberto entre os horários de aula pra qualquer um comer a hora que quiser?


- Atsuko Kagari, é você? - pergunta uma mulher de cabelo azul e óculos que eu nunca vi na vida.


- Sim, sou eu - sorrio boba, um pouco nervosa sem saber o que dizer exatamente.


- Muito prazer... a-sou a professora Ursula. 


- AAHHH! Então você é a minha professora de reforço!


- Sim...


- Fico muito feliz de estar aqui! UAU! Essa biblioteca é tão grande! Desculpe se eu parecer um pouco mal, é que comi demais no almoço... Aliás, prefiro que não me chame pelo meu nome... quer dizer... pode me chamar como quiser mas todos meus amigos me chamam de Akko... então...


Ela parece rir com o que eu falo. Disse alguma coisa engraçada?


- Você é muito alegre, Akko. Isso é bom. - sorrio de imediato ao ouvir seu comentário. - Eu estou esperando minha outra aluna chegar... ela também faz aulas de reforço. Você não deve conhecer, ela é da classe A...


- CHEGUEI DROGA! - entra uma menina alta, bonita, com olhos verdes e um cabelo irado!


- Amanda! Que bom que está aqui! Hoje temos uma outra aluna, a Akko...


Aceno para a menina com um sorriso simpático.


- Parece idiota! Nunca vi você por aqui!


- Idiota?! - repito. - Você tem algum problema por acaso?!


- Quem?! Eu?! Sou perfeitamente normal!


- Não pode chamar os outros de idiota à vontade, sua mula!


- MULA! OLHA AQUI EU NÃO TENHO PACIÊNCIA PRA FICAR DISCUTINDO COM GENTE MESQUINHA!


- EU?! MESQUINHA?! ACABEI DE CHEGAR AQUI CARAI!


- ENTÃO DEVE SER MAIS BURRA QUE UMA PEDRA PRA PRECISAR DE AULAS DE REFORÇO JÁ NA PRIMEIRA SEMANA!


Sinto a raiva tomando conta de mim de novo. Será que todos alunos da calasse A são babacas?!?!?!


- VOCÊ TAMBÉM ESTÁ AQUI, IDIOTA!


- É MAS EU FAÇO AULAS DE REFORÇO HÁ UM BOM TEMPO, NÃO É NOVIDADE!


- ENTÃO ACHO QUE A BURRA AQUI NÃO SOU EU..


- CHEGAAAAAAAAAAA!!!!!! - grita a professora Ursula. - VOCÊS DUAS, QUEREM FAZER O FAVOR DE PARAREM DE DISCUTIR?! Caramba. Acabaram de se conhecer, meninas. Acho que antes de ter aulas sobre magia vocês deveriam ter aulas sobre bons modos...


- Desculpe, professora Ursula. - digo baixinho.


- É. - diz a outra menina. A arrogância dela me deixa furiosa, mas não posso brigar com ela aqui...


- Vamos! Vim aqui dar aula para vocês! Se comportem.


Seguimos a professora biblioteca adentro e sentamos nas cadeiras do fundo. O local em si tem diversos andares, todos lotados com prateleiras de livros. Embora seja um espaço grande, não vejo muitos estudantes por aqui; o que é bem estranho. Sentamos nas cadeiras. Eu e a garota lado a lado, enquanto Ursula decide ficar na nossa frente.


- Primeiramente quero que vocês se apresentem, de forma pacífica, uma à outra.


Respiro fundo e viro meu corpo para a menina.


- Me chamo Atsuko Kagari... estou na classe B... nível 1.


Ela parece rir um pouco.


- Qual é a graça?


- Nível 1? E ainda precisa de aulas de reforço...


- OLHA AQUI.. - Me levanto furiosa mas logo sou repreendida pela professora.


- AKKO! Nem pense em começar uma discussão ou serei obrigada a te mandar para a diretoria!


Sento-me de volta contra minha vontade e cruzo meus braços para mostrar minha insatisfação.


- Ah! Que chato! - a menina inclina um pouco a cadeira e põe os pés na mesa. - Meu nome é Amanda O'Neill, da família de bruxas O'Neill, o que faz com que eu seja uma aluna da classe A, nível 4. Não me orgulho disso, já que todos alunos do A são chatos e abestados se achando melhores do que o resto só por serem de famílias ricas...


O'Neill! Tenho certeza que já ouvi falar desse nome antes de vir pra cá! Mas é claro! São as bruxas dançarinas! Elas são incríveis com as manobras nas vassouras! 


- Bom, já que já se conhecem... vamos ao que interessa.


A professora começa explicando a matéria para a Amanda e depois foca na minha. Tento fazer alguns exercícios de metamorfose mas sempre acabo transformando a orelha ou de Ursula ou de Amanda em orelhas de animais. 


Tento a tarde toda e nada. Nada. Absolutamente nada. 


Mexo minha varinha mais uma vez e tento transformar um ratinho em algum outro animal. Mas ele fica intacto o exercício inteiro. 


Começo a sentir uma exaustão conforme o passar do tempo e noto que já está escuro lá fora. Há quanto tempo estou aqui? 


- Bom, meninas, acho que era isso por hoje. O horário da biblioteca já terminou e temos que sair. 


- Mas... eu não consegui nada! - digo desesperada.


- Calma, Akko. Essas coisas levam tempo. Você nunca estudou magia, é sua primeira vez... passar por dificuldades no início é normal. Não esqueça que dentro de todos há um brilho escondido.


São as palavras da Chariot! A professora Ursula é demais! Desse jeito nunca vou perder a motivação!


- Já, você, Amanda... Bom trabalho hoje, acho que fizemos progresso!


- É, tanto faz! - Amanda pega suas coisas e caminha em direção à porta da biblioteca.


- Ei, Akko. - diz a professora. - Leia este aqui. Talvez ajude no início.


Ela me entrega um livro com capa preta sem título. Ponho na minha mochila junto com os meus outros livros e agradeço Ursula antes de correr atrás da Amanda.


- EI, AMANDA! - grito já no corredor, chamando sua atenção.


- O que você quer? - ela parece cansada, mas não com raiva.


- Quero conversar.


- Se for pra bater boca, eu adoraria mas fica pra uma próxima...


- Não. É sobre a classe A.


Talvez meus olhos me enganem, mas percebo que ela faz uma cara curiosa ao ouvir aquilo.


- O que tem a classe A.


- O que você falou mais cedo... sobre a arrogância e superioridade...


- É. Todos os bruxos que estudam comigo são assim! Por isso não tenho orgulho de dizer que sou do nível 4. Já cansei de ver colegas mais tirando vantagens sobre os alunos de níveis inferiores por diversos motivos. Eu não sei o que se passa na cabeça deles para pensar tanta merda sobre os alunos da classe B. Só sei que não gosto de fazer parte disso.


Me aproximo dela e coloco uma mão em seu ombro. Ela parece não gostar mas não dispensa meu toque.


- Quer mudar isso?


- Como? Como vou mudar? O máximo que posso fazer é dar uma surra em qualquer um que praticar injustiça!


- Olha, sei que pode parecer difícil, mas estive pensando sobre isso também. 


Lembro do incidente com a Diana. As coisas horríveis que ela me disse. Não posso deixar ela ferir os sentimentos de qualquer um assim. Nem ela, nem ninguém.


- Eu gostaria de acabar com as classes. 


- Como? É impossível...


- Mas você quer, não? Amanda... você quer mudar! Quer fazer alguma coisa, mas não sabe como! E pra ser sincera, nem eu sei... Mas sei que quero me tornar uma grande bruxa, e nenhum aluno da classe A vai poder pisar em mim de novo...


- Do que você está falando?


- Estou falando de justiça e igualdade. Você quer isso, não? Eu também.


Ela parece confusa.


- Mas... Atsuko...


- Me chame de Akko. - sorrio.


- Ok, Akko. Interessante o que acabou de me falar... acha que se bolarmos algum plano vamos conseguir mudar essa porcaria?


- Acho que se tudo for feito com jeitinho, dá sim!


Ela parece sorrir com minha ideia. Talvez eu tenha mostrado um ponto de vista diferente a ela. De que é possível mudar. 


- Desculpe, Akko.


- Desculpas? Pelo que?


- Por ter sido grossa com você, mais cedo.


- São águas passadas. Esqueça isso!


Ela ri baixinho e aponta para o corredor vazio.


- Vamos jantar?


Meus olhos brilham ao ouvir o convite.


- Claro! Estou morrendo de fome!



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...