1. Spirit Fanfics >
  2. My Lovely Nanny >
  3. Bônus - Reunião de Pais

História My Lovely Nanny - Capítulo 13


Escrita por:


Notas do Autor


Olá pessoal! Quero começar agradecendo a todos que acompanharam essa história, apesar dos longos atrasos e a todos que comentaram, acreditem que mesmo uma pequena frase já me deixou feliz e disposta a seguir até o final. Esta é uma fic antiga do Nyah e trazer para cá, relendo e reescrevendo alguns trechos, me fez lembrar o quanto eu amo este casal e o quanto minha escrita é capaz de evoluir, se eu me mantiver firme no enredo.

Como eu avisei no capitulo anterior, originalmente a fic já está terminada em si, este capitulo que estou postando agora é um bônus que eu fiz em 2017 sob o titulo de "Sweet Family", conectado a obra original de My Lovely Nanny e por este motivo decidi postar junto aqui no Spirit. É importante ressaltar os sentimentos da pequena Rukia nesta nova fase de sua vida, com dois pais incríveis para auxiliar em sua jornada.

Sem mais delongas: Boa Leitura!

Capítulo 13 - Bônus - Reunião de Pais


Rukia andava se sentindo agitada, pois faltavam poucos dias para o Dia dos Pais e sua escola iria promover um evento, contando com a participação dos alunos e parentes para um dia repleto de diversão, além de uma linda homenagem para os patriarcas. Byakuya já havia prometido deixar o dia livre para ir até a escola e receber a tal homenagem, embora não soubesse o que sua filha tinha preparado este ano, mas imaginava que seria algum desenho ou escultura como das outras vezes. Renji havia sido convidado também, a garota deixou bem claro que iria ficar muito chateada se ele não comparecesse ao evento e o ruivo chegou a prometer com o dedo mindinho para tranquilizá-la. Assim que garantiu a presença de ambos, Rukia pode se focar completamente em sua surpresa e tentava imaginar qual seria a reação deles no momento.

Já fazia dois anos que o Kuchiki e Abarai estavam em um relacionamento sério, praticamente levando uma vida de casados quando o ruivo passou a morar com eles e vendeu seu apartamento, investindo parte do dinheiro em uma nova faculdade e o restante manteve guardado em uma poupança. Não queria ser dependente de Byakuya afinal, chegou a fazer mais alguns bicos e pretendia arrumar um emprego fixo assim que fosse possível, mas enquanto a oportunidade não vinha, continuava cuidando de Rukia como sempre fez. Encontrar os dois a sua espera depois de um dia cansativo de trabalho sempre deixava o Kuchiki satisfeito, seu amor por Renji só havia crescido ao longo do tempo e se sentia plenamente feliz com sua situação atual na vida.

Quando o dia do evento chegou, os três acordaram cedo e se arrumaram com capricho, não demorando a sair de casa e seguindo para a escola. Assim que Byakuya estacionou o carro em uma vaga, puderam ver que diversas pessoas já estavam presentes no local e alguns que estavam chegando, sendo pais, mães, tios, tias, avós, avôs, etc. Alguém que pudesse representar a família naquele dia bastava... Todos pareciam animados para saber o que as crianças haviam preparado e os professores logo começaram a reunir seus alunos em turmas, assim Rukia se separou dos dois para seguir com a sua. Os adultos foram levados até a quadra de esportes que ficava atrás do prédio e se acomodaram nas arquibancadas, aguardando pacientemente.

As apresentações começaram de forma crescente, com os 1º Anos iniciando o evento com várias dobraduras de papel e as organizaram de forma adorável no chão, criando uma mensagem carinhosa para os pais através da posição das dobraduras. Os 2º Anos fizeram encenaram duas peças de teatro em conjunto e, mesmo que as peças fossem diferentes, o foco delas era na representação dos pais. Os 3º Anos fizeram um lindo coral com músicas da época dos mais velhos, enchendo a todos com uma deliciosa nostalgia e, finalmente, os 4º Anos vieram com declarações de cada criança sobre a importância de seus pais em suas vidas. Rukia veio para a quadra com a terceira turma, apertando o papel onde havia escrito tudo o que queria dizer em suas mãos e procurava seu pai e o ruivo com o olhar enquanto alguns de seus colegas começavam a leitura. Assim que os localizou na arquibancada, deu um ligeiro sorriso e se preparou, pois logo seria sua vez.

— Este é um dia muito especial pra mim! – a garota deu um passo à frente quando começou a ler, mantendo a voz firme – Todo o dia eu digo ao meu pai o quanto eu o amo, mas hoje eu devo dizer algo a mais. Meu pai é um homem forte, sério, dedicado e trabalha muito para poder me dar o melhor, sei que ele se esforça principalmente por mim. Por isso eu tentava me manter acordada todas as noites até a hora em que ele viesse me buscar, para poder abraçá-lo e aliviar um pouco do seu cansaço. Eu o queria mais tempo comigo, mas não podia ser assim... Por isso os finais de semana são os meus dias favoritos, pois ficamos juntos o dia todo e nos divertimos muito! – Rukia abriu um sorriso maior ainda e Byakuya já se sentia emocionado, sendo observado pelo namorado pelo canto dos olhos – Eu quero agradecer muito a ele todo o amor e carinho que me deu todos esses anos, agradecer por ter cuidado de mim mesmo quando perdemos a mamãe e dizer que ela deve estar muito orgulhosa dele, onde quer que esteja, assim como eu sinto orgulho dele. Me desculpe todas as vezes que te preocupei, me desculpe quando fui mimada demais e quando fazia bagunça. Pai, você é muito importante pra mim! Eu quero que sejamos felizes pra sempre! – comentários doces sobre as palavras da pequena Kuchiki foram se espalhando pela arquibancada, deixando Byakuya ainda mais tocado e viu a filha virar a folha, mostrando que ainda havia mais a ser lido – Além do meu pai, há outra pessoa a quem preciso agradecer. Já faz mais de dois anos que você entrou em nossas vidas e fez tudo melhorar! – esta frase fez Renji ficar um pouco surpreso, se acomodando melhor ao notar que seria o foco desta vez – Você me ensinou muitas coisas, me ajudava com a lição de casa e a arrumar o meu quarto. Sua comida é tão boa, eu posso sentir o carinho que coloca nela, assim como em tudo o mais que você faz para nós. Você tem um lugar tão importante em nossas vidas agora, mas você não ocupa o lugar da mamãe... Você tem seu próprio lugar, no meu coração e no do meu pai. Obrigado por nos amar e nos permitir ser uma família ainda mais feliz e unida! Eu te amo muito... Meu segundo pai!

Rukia encerrou sua declaração e sorria, orgulhosa por ter colocado seus sentimentos para fora. Demorou alguns segundos para ter alguma reação da plateia, talvez à maioria estivesse surpresa pela descoberta de que aquela menina tão doce agora era criada por dois homens. Mas não demorou a surgir as salva de palmas para ela, o que a deixou mais satisfeita ainda. Enquanto isso, Byakuya e Renji estavam com sorrisos bobos e os olhos cheios d’agua, repletos de orgulho e emoção por sua pequena filha. Apesar de evitarem mostrar sua relação em público por questão de segurança, se Rukia não se envergonhava de admiti-los assim, porque esconderiam? Assim, depois das apresentações de cada turma terminar, os dois deram as mãos e desceram para encontrar a garota que já os esperava com ansiedade.

O abraço apertado cheio de ternura que os três compartilharam era lindo de se ver, Rukia sentia que tinha cumprido seu dever ao homenagear os dois e aceitou os beijinhos na bochecha com muito gosto, mesmo ficando corada. Byakuya sentia que todos os seus esforços eram recompensados e a pequena culpa de não poder estar com a filha por mais tempo praticamente se dissipou, Rukia compreendia que fazia tudo por ela. Renji estava nas nuvens e também sentia-se recompensado, pois seu carinho pela menina era real e o fato de ter seu próprio espaço, não se sobrepujando a memória de Hisana, acalentava seu coração. Curtiram o resto do evento com muita alegria, afinal não importavam as circunstâncias, eles eram felizes e se amavam de verdade!



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...