1. Spirit Fanfics >
  2. My mister (Bakugo) >
  3. Capítulo 2

História My mister (Bakugo) - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Mais um capítulo lançado!

Capítulo 2 - Capítulo 2


Fanfic / Fanfiction My mister (Bakugo) - Capítulo 2 - Capítulo 2

 Mei on

Eu acordei com o som do despertador de meu celular as cinco da manhã, para eu não bater de frente com aquele demônio! 

Tomei um banho e coloquei um casaco e uma calça moletom pois estava meio frio hoje. Hoje será o dia de patrulhar pela cidade, então tenho que pegar minha roupa de super herói!  

Peguei uma maçã e corri até a porta antes que ele acorde. Ainda estava meio vazio o trabalho, pois os outros ainda estavam em seus dormitórios. Dei uma caminhada para conhecer mais a agência, mais como eu não tenho senso de direção, acabei me perdendo.

- Droga. Me fudi.

- Olá? Você está perdida?

Cabelos castanhos, bochechas vermelhas, olhos grandes, só poderia ser... Uravity! Mantenha a calma, mantenha a calma, respira, inspira, calma calma!

-.... eu acho que sim...

- Para quem você trabalha? Eu conheço alguns super heróis daqui.

-...Katsuki Bakugou...

- Meu deus, ele conseguiu uma assistente?! Mesmo que a gente esteja na mesma agência, faz um tempo que eu não vejo ele!

- Vocês se conhecem? 

- Sim! Eu conheço ele desde o colegial! Ele era meu colega de classe! Ah! Esqueci de me apresentar, eu sou Ochaco Uraraka! Qual é o seu nome?

Ela mesma! Meu deus! 

- ...Eu sou Mei Yoshida...

- Ok! Venha, eu irei mostrar aonde é o escritório de Bakugou!

Nós fomos, enquanto isso, ficamos conversando bastante e mesmo ela sendo mais velha que eu, ela conversa como uma adolescente. Uraraka é meiga e simpática, coisa que eu já esperava... 

- É aqui! Eu posso entrar? -Ela me perguntou parecendo uma criança. Eu não pude evitar e falei sim.

- Que diabos tu tava fazendo?! Nós iremos nos atrasar! Pirralha! - Bakugou estava com a testa franzida e quando viu Uraraka o negócio piorou.

- Você não mudou nada, Bakugou. -Uraraka falou segurando a risada. Não força a barra, Uraraka, ele tem pavio curto!

- Que merda tu tá fazendo aqui?! - A testa de Bakugou estava ficando pior. Havia uma veia saltada nela.

- Sua assistente estava meio perdida, então eu a ajudei ela a voltar.

- Tsk! Essa garota é estúpida! Não serve nem para lembrar da onde veio!

- Bom antes que as coisas piorem, eu já vou! Se cuide Yoshida, cuidado com o Bakugou! 

Bakugou estava quase para explodir a cara de Uraraka, mais ela saiu antes disso. Sortuda de não tem que trabalhar com ele!

- Bom... O que eu devo fazer? 

- Tsk! Se vira pelo menos pra isso! Não preciso me fazer de cão guia pra te ajudar!

O que eu fiz para merecer isso?! O chefe deveria ajudar sua assistente, já que é o segundo dia! 

- Tá! Mal educado! 

Ele me ignorou e me deixou sozinha no escritório. Aquele filha da puta!

Eu coloquei meu traje e amarrei meu cabelo, porque é horrível fazer alguma missão de cabelo desamarrado. Sair de lá ficando na frente da porta branca esperando meu cão guia me buscar. Depois de uns 10 minutos lá parada, meu cão chegou.

- Me segue, sua idiota!

Cochicho Mei- Tá bom cãozinho...

Nós saímos da agência e fomos para o centro da cidade, a caminhada não foi tão longa e também não foi tão pequena. Não tínhamos encontrado nenhum vilão de manhã. Nós estávamos almoçando até que ouvimos alguém gritando, rapidamente me levantei da cadeira que estava sentando e corri em direção ao o local. Alguns moradores falaram por onde o vilão foi, então corri o mais rápido que pude. Por um lado, foi sorte, porque eu conseguir achar o vilão, por outro lado, foi azar, porque o vilão correu antes mesmo de eu chegar perto dele. Por todos os lados, foi azar, porque a individualidade dele e super velocidade.

- Volta aqui desgraçado!

- Você é muito lenta, garotinha!

Eu estava prestes a desistir, até que ouço uma explosão, e vejo o vilão no chão com a cara queimada.

- Sua inútil. - Aquela voz, só podia ser Katsuki Bakugou.

- Não consegue pegar um vilão de classe pequena! Apenas desista, pirralha!

Mano. Eu nunca senti ódio tão grande quanto eu estava sentindo agora, minhas mãos estavam formigando, eu estava com tanta raiva, que eu queria socar a parede daquele beco até um tempo. Mais respirei e passei ao lado dele o ignorando.

Voltamos para a agência, eu tomei um banho e coloquei uma blusa que deixava minha barriga exposta e um short preto curto e para uma sala de treinamento. Peguei meu celular e botei uma música e coloquei o volume no máximo. Comecei batendo em um saco de pancada.

Mei off

Katsuki on

Recebi uma ligação do velhote para ir até a sala de treinamento 12. Eu não tinha escolha a não ser ir. 

Quando cheguei lá, o velhote do Souta estava lá parado com um sorrisinho irritante que ele sempre faz.

- O quê é?!

- Veja.

Ele estava apontando para a porta 12, ele estava observando a inútil da Yoshida.

- Por que tu quer que eu olhe essa inútil?!

- Ela me lembra de você quando você chegou. Ela tem um ego forte e ela é destemida. É por isso que eu botei ela com você. Ah! É esse já é o quarto.

- Quarto o quê?! Seu velho doido!

- O quarto saco de pancada. Ela furou todos de tanto bater neles. Eu ainda não sei qual é a individualidade dela, eu quero descobrir ao poucos. Ah, só mais uma coisa, aconteceu alguma coisa na missão de hoje? Porque ela parece meio inquieta e brava.

- Tsk! Essa cadela é muito dramática! Eu só falei pra ela desistir! 

- Bakugou... Eu sei que você é um garoto, mais ela é uma garota, e com certeza tem sentimentos. Todos os assistentes que você já teve eram homens, mais eles também tinham sentimentos, ao varar uma garota. Então por favor, pegue leve com ela.

- Tsk! Eu não vou prometer algo que eu não consiga comprir!

Terminei de falar e saí do local, indo em direção ao dormitório. 





Notas Finais


O quê irá acontecer no próximo capítulo?! Leia mais para descobrir...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...