1. Spirit Fanfics >
  2. My Mobster; >
  3. Chapter Fifty Two;

História My Mobster; - Capítulo 52


Escrita por: MyWorld30

Capítulo 52 - Chapter Fifty Two;


[No dia seguinte]

Jungkook acordou primeiro naquela manhã fria e sonolenta, estava realmente cansado e fadigado, tinha todo seu corpo dolorido.

Porém só quando se mexeu um pouco foi entender o porquê:

Jimin dormia praticamente encima de si, com o rosto afundado em seu pescoço.

Sirius estava dormindo em meio a suas pernas, as impossibilitando de mexer.

Enquanto Remo, dormia encima de sua cabeça, quase em seu rosto.

Após fazer toda uma exorcisão para sair dali, suspirou aliviado e saiu do quarto.

Na cozinha fez um café da manhã pro esposo, colocando tudo oque o mesmo gostava.

Fazendo isso, voltou a subir em direção ao quarto. Abriu as portas calmamente, tentando ao máximo não fazer barulho, porém riu soprado ao ver os cachorros com as orelhas em pé olhando para si.

Quando deu o primeiro passo, Remo começou a latir, oque desencadeou também Sirius.

Como previsto, não demorou para Jimin se levantar assustado.

JM- Oque é isso? Parem de latir os dois!- ordenou- Oque é isso amor?

JK- Seu café, mais esses dois não param!- olhou pros cachorros que já brincavam no chão.

Jimin riu soprado

JM- Que bonitinho minha vida.- beijou o maior- Obrigada.

JK- Tenho que te manter saudável né, vocês dois.

JM- Verdade! O bebê agradece viu papai.- sorriu doce novamente sentindo Jungkook deixar um beijo em sua barriga

JK- Eu vou começar a me arrumar tá bom?

JM- Não, toma café comigo.

JK- Eu já comi amor, relaxa.

JM- Olha, só uma mordidinha pra mim ficar feliz.- estendeu o pão.

Jungkook revirou os olhos mordendo o mesmo, vendo Jimin comemorar.

Depois de uma hora ou duas, já estavam todos no galpão. Correndo pra lá e pra ca com cargas e coisas do tipo.

Jimin e o moreno estavam na sala do mesmo, decidindo se contariam pra todos agora sobre a gravidez.

Após decidido, saíram juntos da sala, andando até o centro principal do mezanino, aonde pegou uma espécie de rádio.

Chamou a atenção de todos, e logo um montinho se formou na frente da plataforma de metal.

- Oque tá acontecendo?- um perguntou gerando mais murmurinhos

JK- Vim apenas dar um comunicado! Que aconteceu. A cinco anos atrás, a última vez que fiz isso, foi pra anunciar que eu iria me casar. Agora...

- Mentira!- uma garota gritou animada olhando para Jimin que apenas sorria com os braços apoiados na grade.

TH- Amigo.. Não.- já sentiu os olhos marejarem em felicidade

JK- EU VOU SER PAI PORRA!- gritou

Logo um furduncio só começou no galpão, todos pulavam, comemoravam e gritavam.

Jimin gargalhou ainda mais quando foi levantado, e rodopiado no ar pelo marido. Se beijaram devagar e logo riram.

O menor foi abraçado novamente, dessa vez por Taehyung.

TH- Aí amigo eu não tô acreditando. Caralho.. Parabéns.- falou abafado pelo abraço

JM- Obrigada dindo.- riu

TH- Oque? Sério!- perguntou animado

JM- É claro que é sério! Tá louco que não vai ser o padrinho do meu filho.- riram

Depois da secessão de abraços, todos voltaram ao trabalho.

Jimin e Jungkook saíram indo rumo a Daegu, a casa de Taemin.

Depois de uma hora, chegaram.

Quando entraram pelo estacionamento, escutaram vozes.

Jimin foi o primeiro a segurar sua arma, que estava no compartimento em seu casaco.

Jungkook empurrou o menor para trás de si.

Foram andando devagar, percebendo ser uma discussão.

Era a voz de Taemin e uma feminina.

Ao chegarem na sala, Jungkook viu que a mulher era Lass, sua ex cunhada.

Porém oque surpreendeu, foi que a mesma acertou o rosto de Taemin com um tapa em cheio.

Até então estava apenas confuso.

Mas seu sangue ferveu quando Taemin revidou.

JK- Que porra é essa!- avançou no irmão lhe acertando um soco- Ficou louco caralho?

TM- Você nem sabe oque ela fez!- grunhiu com a mão no rosto

JK- Fodase! Não se encosta a mão numa mulher Taemin! Nunca! Mais você também não tá certa!

Olhou para Lass que estava sentada na poltrona com uma carranca no rosto.

LS- O seu irmão é um merda JK! Que não quer arcar com a responsabilidades!- se levantou pegando sua bolsa

JK- E eu posso saber oque aconteceu?

LS- Oque aconteceu é que tivemos uma recaída, e eu tô grávida!

TM- Esse filho não é meu! Transamos a três meses, ela tá grávida de dois. Oque aconteceu? A porra chegou no bagulho só depois de um mês?

LS- Eu vou fazer o teste de DNA, e se der positivo, você não vai chegar perto do meu filho.- saiu andando duro para fora, sem deixar ninguém falar nada.

Jimin encarava a situação sem saber como agir, tava confuso. E não queria se meter na briga do cunhado.

Apenas saiu de seus devaneios, quando ouviu o marido brigando feio com o irmão.

Taemin apenas escutava tudo de cabeça baixa.

JK- Eu cuidei de você mais que os nossos pais Taemin!- apontava o dedo pro mais novo- Eu e eles fizemos de um tudo pra você! Desde quando você tá fazendo essa merda caralho!? Batendo em mulher? Eu não sou o melhor exemplo do mundo, mais ainda assim. A merda que você fez! Pode até impossível esse filho ser seu, mais se for, se o teste der positivo, você vai assumir e vai cuidar. Tá me escutando?

TM- Tô Jungkook.- murmurou

JK- Vira homem Lee Taemin.- andou pela sala nervoso- Que porra.

TM- Desculpa, a gente discutindo, na hora da raiva, ela falando bosta, eu explodi. Aí ela vem bater na minha cara? Já tava puto, aí não deu. Desculpa te decepcionar.

Jungkook assentiu.

JM- Bom...!- quebrou o clima ruim- Vou pegar três taças, e vamos brindar.

TM- Brindar ao oque?

JK- Você vai descobrir.- sorriu pro irmão mostrando estar tudo bem.

Jimin voltando com as taças, entregou uma pra cada um.

JM- Vamos brindar a vida, a felicidade, e a minha gravidez.

Taemin arregalou os olhos atônito

TM- Porra!- abraçou o casal fortemente- Caralho eu vou ser tio!

Brincou animado

JM- Sim!- gargalhou

Beberam e logo começaram a conversar animados.

Até o celular de Jimin começar a tocar.

Viu que era um número desconhecido.

Ao atender, escutou oque sentiu seu coração disparar.

JM- Alô?








- Olá, boa tarde. Somos do hospital Howarang, aonde seu pai, Park Jaemin está internado. Estamos ligando para os familiares, queremos todos aqui no hospital...


Notas Finais


Eita! Babado!

Estou realmente animada com o fim da fic.

Já estou chorando aqui só de imaginar kkkkkk.

Deem o feedback de vocês!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...