História My New Daddy ( Imagine Suga ) - Capítulo 13


Escrita por:

Postado
Categorias Agust D / Suga, Bangtan Boys (BTS), CL (Chaelin Lee), Yezi
Personagens Lee Ye-ji (Yezi), Min Yoongi (Suga), Personagens Originais
Tags Bts, Romance, Suga, Yoong, Yoongi
Visualizações 154
Palavras 2.001
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente, Hentai, Literatura Feminina, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Desculpe a demora... Bora pro capítulo.


Boua leitura ❤

Capítulo 13 - Promessas quebradas...


Fanfic / Fanfiction My New Daddy ( Imagine Suga ) - Capítulo 13 - Promessas quebradas...

                   Hyun PV on


Chego em casa de noite, eu tinha saindo para resolver uns assuntos da empresa junto com os meninos mais eles resolveram ficar mais um pouco.... Entro em casa e vou para a sala e coloco meu casaco no sofá, subo as escadas e vou para meu quarto, entro e vou para meu guarda roupa e coloco uma calça moletom cinza escuro e fico sem camisa, saio do meu quarto e vou pro quarto da s/n eu só tinha visto ela de manhã e queria ver como ela estava, paro em seu quarto e bato na porta só que ela não me responde então eu abro a porta e vejo tudo escuro - onde será que ela está? - saio do seu quarto fechando a porta e ando pelo corredor até que vejo uma luz no fim do corredor, provavelmente seria o Suga tocando seu piano de novo me aproximo lentamente do cômodo e paro frente a porta e fico encarando aquela cena... Suga e s/n estavam se beijando e aquilo me fez ficar puto, como ele se atreve a beijar a s/n, a minha pequena. - e porque ela está retribuindo o beijo dele?  - saio dali sério e vou direto pro meu quarto e tranco a porta, e soco a parede com força imaginando a cara do Suga e faço isso algumas vezes até minha mão sangrar, paro de socar a parede e me jogo na cama e coloco meu braço na direção dos meus olhos e tento me acalmar - aquele filho da puta - fecho meu punho e bato na cama - isso não vai ficar assim - me levanto e vou pro banheiro e lavo minha mão para tirar o sangue e depois lavo meu rosto e depois o seco, saio do banheiro e resolvo sair. Então eu pego uma camisa branca e saio do meu quarto e desço as escadas e saio de casa. Resolvo ir a uma boate de uns amigos...


.....


Era lá pelas 01:50 da madrugada e a boate estava cheia, eu vou direto pra entrada não me importando com a fila que tinha e o segurança me esbarra


Segurança: o cara você tem que ir pra fila assim como todo mundo - fala colocando sua mão em meu peito e me olhando sério, eu tiro sua mão com certa brutalidade e o encaro


-  se você não me deixar passar eu vou estourar seus miolos seu merda - falo indiferente e ele me segura de novo


Segurança: eu já disse que você não vai passar - chama os outros seguranças 


- ta na cara que você não sabe quem eu sou - falo já ficando irritado


Segurança: você deve ser mais um merda que quer ficar bêbado e transar com as prostitutas que tem aqui - fala me encarando e dando um sorriso debochado


Eu já estava preparado para ir pra cima do cara e arrancar sua cabeça para aprender a falar direito com um dos chefes mais importantes do tráfico e de matadores de aluguel dessa porra de cidade, até que o Masato um dos meus velhos amigos e um antigo colega de trabalho apareceu 


Masato: o que está acontecendo aqui? - fala pro segurança e depois me olha - Hyun... Cara oque você está fazendo aqui?  - diz vindo me comprimentar 


Hyun: vim me divertir mais apareceu um peso morto na minha frente - falo olhando debochado pro segurança que logo fecha a cara com raiva 


Masato: porra você não sabe quem é esse cara? - fala olhando pro segurança que logo nega - ele é um dos caras que comandam o tráfico e os matadores de aluguel de Seul - o Masato fala isso e o segurança se arrepende na mesma hora de ter me tratado daquela forma 


Segurança: merda - fala se curvando - desculpe senhor Hyun 


-  você teve sorte do Masato aparecer e livrar sua pele, porque eu já estava querendo arrancar sua cabeça fora - falo com um sorriso psicopata no rosto e o segurança engole o seco


Masato: você nunca muda né? - fala rindo e eu o encaro debochado - é parece que não... Vamos entre e aproveite a minha boate e já que você é um velho amigo você não precisa pagar nada - diz me puxando para dentro da boate.


Eu entro e olho a multidão que tinha de homens e mulheres e muitas pessoas me olham e me reconheceram ficaram assustados pois achavam que eu iria matar alguém.. tinha que admitir aquela seria uma noite muito interessante 


Masato: vamos começa com uma bebida? - fala indo em direção ao barman e pegando duas garrafas de vodka e me entregando uma - de volta aos velhos tempos - fala sorrindo e abrindo a garrafa 


- de volta aos velhos tempos - abro a minha garrafa e brindamos e bebemos um gole da bebida


Masato: vamos aproveitar - fala indo em direção a umas cadeiras em frente a um palco - o show vai começar daqui a pouco - fala com um sorriso malicioso no rosto e eu me aproximo e me sento ao seu lado e bebemos mais alguns goles da vodka  e logo as luzes se apagam e outros caras se aproximam e e se sentam e ficam olhando o palco 


Eu fico bebendo a vodka até que uma garota aparece, ela estava quase pelada e estava muito provocante, ela começa a fazer um strip dance e a morder seu lábio inferior a cada movimento, Masato sorri e toma um gole da vodka


Masato: TIRAA TUDOOO - fala sorrindo


A garota tira lentamente a parte de cima e joga seu cropped em nossa direção e acaba caindo em meu colo e eu a encaro malicioso, seus seios estavam a amostra e ela rebolava ao som da música... A garota desce do palco e vai olhando todos os caras que ali tinham e depois me encara mordendo seu lábio, ela vem em minha direção e senta em meu colo rebolando, ela fazia movimentos de vai e vem e tocava em seu seio e eu a olhava aproveitando aquilo, eu seguro sua cintura e aproximo mais sua intimidade e ela joga sua cabeça pro lado e começa a beijar meu pescoço, eu desço minhas mãos até sua bunda e a aperto forte e ela solta um gemido 


Garota: huum - morde meu pescoço e depois me beija e logo se afasta e faz a mesma coisa no Masato que estava adorando aquilo...


Eu bebo minha bebida e fico olhando aquela cena - porra que prostituta gostosa - falo em meus pensamentos... Depois do show de strip dance eu e Masato fomos jogar poker e eu como sempre ganhei... Ficamos completamente bêbados e ainda pegamos algumas protitutas que ali tinham


....



Assim que a boate começa a ficar vazia, eu me despeço do Masato


- valeu cara eu precisava mesmo me destrair - falo me despedindo 


Masato: foi nada cara, quando precisar esfriar a cabeça só me procurar - fala indo até a sainda comigo 


- valeu - falo entrando no carro do meu motorista que eu tinha chamado


Masato: tchau - fala entrando na boate


Eu não estava em condições de dirigir e nem de andar, já tinha amanhecido o dia e eu estava com álcool em meu estômago e com cheiro de cigarro provavelmente com marcas de batom em meu pescoço e na minha roupa, eu estava com dor de cabeça e só queria dormir e acordar só amanhã... O motorista começa a dirigir e eu começo a lembrar porque eu fiz tudo isso e minha cabeça começa a doer mais e eu fico estressado... O motorista chega em casa e eu saio do carro indo em direção a porta eu a abro  e vejo os meninos e a s/n me olhando assustados com meu estado e eu fecho a porta e os ignoro mais o Jin, Jungkook, Namjoon, Jimin e a s/n vem em minha direção... Os outros relataram um pouco pois eu sempre perdia a cabeça nesse estado 


S/n: Hyun oque aconteceu com você??? - fala me abraçando e eu a afasto de mim


- me solta garota - falo a empurrando com certa brutalidade


Jin: calma cara ela só está preoculpada - fala tentando me acalmar 


Hyun: não preciso da preocupação dessa garota - falo a encarando


Namjoon: onde você passou a noite?? E porque chegou só de manhã?? - fala me encarando


- boate - falo indiferente - e eu sou maior de idade e posso fazer o que eu quiser 

Jungkook: ei Hyun relaxa só estamos preoculpados olha só seu estado - fala num tom de receio


- ... Não estou com cabeça pra questionários - falo sério 


S/n: H..yun?? - fala baixo e eu a ignoro subindo as escadas - HyunJoon porque está me tratando assim? - fala me puxando 


- eu cansei de você garota, entendeu? - falo a olhando sério e vejo seus olhos marejados 


S/n: Hyun.... - chora - você é um idiota - fala me olhando e suas lágrimas já escorriam de seus olhos


- É S/N EU É QUE SOU UM IDIOTA, EU QUE SOU UM MENTIROSO DO CARALHO, EU QUE FICO BRINCANDO COM OS OUT.....  ME ESQUECE GAROTA - subo as escadas e ouço ela gritar meu nome mais eu a ignoro e entro no meu quarto e fecho a porta, me jogo na cama e deixo lágrimas saírem mesmo eu tentando controlar mais eu não consigo - dane-se essa porra - me ajeito na cama e durmo...



                      S/n PV on


Hyun.... Ele estava diferente. Frio. Indiferente.... Será que foi a bebida que ele tomou?? As drogas??? Ou as p...pros.. prostitutas que ele pegou??? Aaah que merda - choro mais...


Suga: calma s/n deixa ele esfriar a cabeça - fala tentando me acalmar - ele está bêbado ele está fora de si 


- não... Não suga aquele não era o Hyun que eu conheço... - o abraço e afundo meu rosto em meu peito e deixo as lágrimas sairem, aquele não era o mesmo garoto que me ajudou quando outros meninos estavam me batendo no parquinho, aquele não era o mesmo garoto que me ajudou com minha alto estima, aquele não era o mesmo garoto que virou meu amigo e me ajudou na escola, aquele não é o mesmo garoto que me prometeu que ficaríamos juntos pra sempre...



               Pensamentos on



- Hyyyun me esperaa - falo correndo


Hyun: vamos s/n pare de ser lerda - fala rindo


- você é que é muito rápido - falo chegando do seu lado - onde vamos? - o olho sorrindo


Hyun: ao meu lugar preferido - fala segurando meu pulso e me puxa para eu andar mais rápido 


- c..calma Hyun - falo quase caindo 


Hyun: pare de ser boba s/n kkk - fala sorrindo pra mim e eu coro


Hyun me puxa até um prédio abandonado e me leva até o terraço e ele me solta - chegamos bem na hora - fala indo até o muro e se apoiando


- onde?? - me aproximo dele e fico do seu lado 


Hyun: olha - ele aponta lá pro horizonte e eu olho e vejo o por do sol em meio a cidade e eu fico paralisada, uma coisa tão simples e pra muitos insignificante, mais para Hyun aquilo era relaxante e por alguns segundos ele esquecia todos os problemas que estava acontecendo... - esse é meu lugar preferido s/n e eu te trouxe aqui porque você é minha amiga e temos uma grande amizade - fala corando levemente


S/n: owwwn brigada Hyun - falo sorriso 


Hyun: s/n promete que ficaremos juntos pra sempre? - fala estendendo seu dedo mindinho ( eu que o ensinei a fazer isso kk ) - promete? - levanta uma sombrancelha


-  prometo Hyun... Seremos amigos pra sempre - estendo meu dedo mindinho e dou um sorriso, ele me puxa para um abraço 


Hyun: vou sempre cuidar de você pequena - beija minha cabeça 


Ficamos ali um tempo até que voltamos pra casa.... Aquele dia foi um dos mais importantes pra mim e acho que pro Hyun também.....


               Pensamentos off


Oque aconteceu Hyun???? Você não apagaria nosso passado assim... Apagaria???






Notas Finais


Espero que tenham gostado ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...