1. Spirit Fanfics >
  2. My New Life As A Vampire >
  3. Capítulo 14

História My New Life As A Vampire - Capítulo 64


Escrita por:


Notas do Autor


Boa noite minhas lindas(os)!!!
Tomara que gostem desse capítulo e me desculpa por não ter escrito muito.

Capítulo 64 - Capítulo 14


    Yui pov's on:



    Depois que minha filha fugiu,tirei a cadeira de cima da cama e coloquei no lugar que estava, sentei na cama e fiquei lá rezando para minha bebêzinha ter conseguido sair desse maldito lugar.

   Passou um tempinho, e a porta foi aberta, aparecendo Laito com um sorriso no rosto que ao mesmo tempo se desfez. Veio até mim sério, pegou no meu braço e disse:




   Laito: CADÊ A SUA FILHA?!-Perguntou sério apertando ao mesmo tempo o meu braço.




   Eu: Está me machucando Laito!-Falei olhando para o ser.




   Laito: Me fala logo Bitch-chan!-Disse me soltando.



   

   Eu: Bem longe daqui!-Respondi dando um sorriso.




   Laito: Drina vai ficar agora me perturbando.-Disse andando para um lado e para o outro.-Eu vou procurar essa pirralha.-Foi andando até a porta.




    Levantei da cama segurando o braço do Laito, e o mesmo parou olhando para mim, com um sorriso no rosto,nesse momento senti um calafrio pelo meu corpo, soltei ele,mas o mesmo agora segurou o meu braço me puxando para a cama, me jogando nela. 

   Laito ficou em cima de mim, comecei a me debater,mas ele era mais forte do que eu ( nesse momento gostaria muito que os meus poderes voltassem),quando Laito ia me beijar apareceu Yuki com uma cara de sério,pois percebeu que Emily não estava no cômodo, então discutiu com Laito para ajudar ele a procurar minha filha, então Laito saiu de cima de mim furioso para procurar Emily junto com Yuki e eu bom fiquei deitada e rezando muito que não aconteça nada com ela.




     Yui pov's off:




     Emily pov's on:




     Eu: Para onde estamos indo?-Perguntei para os meus tios.



    

     Prema:Para casa dos Misaki.-Respondeu minha tia.



     

     Eu:Ele vai ficar bem?-Perguntei para o meu tio Subaru que estava cuidando dos ferimentos de Shoda.



  

     Subaru: Vai ficar sim, só temos que chegar logo na casa dos Misaki para Reiji ver.-Disse ele calmo que me deixou até surpresa,pois ele é bem irritado.




      Chegando na casa, meu tio Subaru levou Shoda até um quarto que fica no segundo andar. Meu tio Reiji já esperava eles, meu tio pediu que me retirar-se do cômodo e eu obedeci. Desci para o andar de baixo,vendo todos da família presente na casa,minha tia Beatriz estava abraçada com meu tio Shu chorando,minhas outras tias Prema e Luiza estavam junto com suas filhas conversando. 

      Minha tia Alicia apareceu do meu lado me puxando para um abraço,fazendo pensar que tudo que aconteceu foi minha culpa, por ter fugido da casa e ter colocado a vida de Shoda em risco.


       

    ???:Minha afilhada!-Disse minha tia Luana chegando perto de mim, fazendo Alicia me soltar.-Fico aliviada que esteja bem.-Me abraçou e não falei nenhuma palavra, lembrando no que o filho dela fez comigo


     Eu sei que minha tia não tem culpa no que o filho dela fez,mas eu estou com muita raiva do Yuki.Me soltei do seu abraço,fazendo ela ficar confusa.



    Luana: Aconteceu alguma coisa Emily?-Perguntou ela,chegando novamente perto de mim.




     Eu: NÃO CHEGUE PERTO DE MIM!-Falei alto, fazendo a mesma se assustar e todos olharem para nós duas,parei para pensar no que eu tinha falado e feito.-Desculpa tia.-disse com a cabeça baixa e me retirei indo para o andar de cima.



     Tempinho depois…




     Deitada na cama chorando muito,escuto alguém bater na porta,permitir que entrasse e era minha tia Alicia com uma cara de preocupada,sentou na cama que eu estou deitada fazendo carinho em minha cabeça.




     Eu: Eu...eu não quis falar daquele jeito com a tia Luana.-Falei chorando mais ainda.-Me desculpe.



     

     Alicia: Tudo bem minha linda.-Disse carinhosa.-Ela não está zangada com você.-Sorriu.




     Eu: É tudo culpa minha!-Falei nervosa.




    Alicia:Como assim minha querida?




    Eu:Se eu não tivesse fugido da casa, não teria acontecido nada disso com o -Respondi.




   Alicia: Você não tem culpa de nada.-Disse parando de fazer carinho em minha cabeça.-O que está acontecendo não é a sua culpa.



    Sentei na cama olhando para Alicia que olhou para mim também,mas com cara de séria. 




     Eu: Por que essa cara tia?-Perguntei.




     Alicia: O que Yuki fez com você?-Fiquei em choque e ela percebeu.-Minha linda me conte.-Disse.



     

      Eu: Como você sabe?-Perguntei.




      Alicia: Eu não sou burra né.-Respondeu.-Vai me conta o que esse garoto fez com você?-Perguntou novamente e então contei tudo para ela.




       ….





     ???: NÃO ACREDITO QUE ELE FEZ ISSO COM VOCÊ!!!-Eu e minha tia Alicia olhamos para a porta assustadas, vendo minha tia Luana parada na mesma.




        Eu:Tia?!-Falei espantada.





      Luana: Minha afilhada me desculpa pelo o que aquele IDIOTA fez com você.-Disse vindo até mim.-Eu sei que você deve tá com muita raiva dele,mas não só você como eu também estou, principalmente sou mãe dele e escutar isso que ele fez dói muito o meu coração.-Chorou me abraçando.




       Eu: Me desculpa tia.-Falei chorando também.-Mas eu juro que vou matar o seu filho.



      Luana não disse nada, só soltou do abraço e olhou para mim, não falamos mais nada,mas eu sei que não me senti péssima por ter dito aquelas palavras.

        Minhas tias se retiraram do cômodo me deixando sozinha no quarto,aproveitei e me teletransportei aonde Shoda está. Vi que não tinha ninguém no quarto,cheguei perto de Shoda,olhei para o mesmo que está dormindo, parecia um anjo, seus machucados no rosto já estavam curados, menos na sua abdomi que estava com faixa que parece que foi bem profundo a ferida, bom sentei na cadeira do lado da cama e falei:



     Eu: Desculpa Shoda por fazer você passar por isso, eu que deveria está nessa maldita cama ou até morta.-Falei me abafando.-Você também é um idiota por ir atrás de mim seu idiota,idiota...eu quero ver você sair logo dessa maldita cama e ver que você está bem,porque não é legal ver minha tia Beatriz chorando.-Lágrimas escorreram pelo meu rosto.


       



    ???: Emily?





     Eu: Shoda!-Levantei emocionada e envergonhada por ele ter escutado sim ou não o que eu disse.-Como você está?-Perguntei tentando me acalmar.




    Shoda: Eu estou bem.-Respondeu dando um sorriso fraco.-A onde nós estamos?-Perguntou novamente com a voz rouca.




      Eu: Estamos na mansão misaki.-Respondi.




    Shoda tentou se levantar,mas eu impedi fazendo o mesmo voltar a se deitar, quando eu ia sair de perto dele para avisar a todos que acordou. Shoda segurou minha mão,olhei para ele confusa e o mesmo disse para mim ficar mais um pouco com ele me fazendo corar.




     Eu: Eu tenho que avisar pro Reiji.-Falei me sentando novamente na cadeira.




     Shoda: A culpa não é sua.-Disse ele.




       

        Eu: Então você me escutou.-Falei soltando a respiração.




         Shoda: Sim,Emily não fica triste pelo o que está acontecendo ou o que aconteceu. Para você ver só eu estou bem.-Se sentou.



          Eu me levantei para brigar com o mesmo,mas Shoda me puxou fazendo nós dois ficarmos cara cara. Depois nossos lábios se juntaram, o beijo era bem calmo e gostoso ao mesmo tempo,quando nós dois paramos por falta de ar.




         Shoda: Deite comigo-Disse ele.




        Eu:Eu não vou deitar com você.-Falei séria e envergonhada.



 

         Shoda: Eu não vou fazer nada com você, relaxa que eu não sou Yuki,você sabe que pode confiar em mim.-Disse dando um sorriso.




         Então eu aceitei,deitei no lado dele só que não virado para ele,mas eu senti uma sensação de está protegida quando estou ao lado dele, me virei para ele nós dois beijamos novamente e depois acabamoa dormindo.


    

                   Continua...

    

    


Notas Finais


Tomara que gostaram, não esqueçam de comentar,pois amo muito!!!
Bjs até a próxima!!😘🥰


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...