1. Spirit Fanfics >
  2. My Only Light - Kim Taehyung >
  3. Capítulo Quatorze

História My Only Light - Kim Taehyung - Capítulo 14


Escrita por:


Capítulo 14 - Capítulo Quatorze


Fanfic / Fanfiction My Only Light - Kim Taehyung - Capítulo 14 - Capítulo Quatorze

꧁S/n Onn꧂

Depois de uma pequena discussão meu pai decidiu que seria melhor ir só eu, Jimin, Jungkook, Jhope, Jin, Suga e o Taehyung. Nós já havíamos arrumado as nossas malas, já eram 18:21, todos já estávamos na frente da casa, papai decidiu que iria levar a gente até lá, vamos em dois carros, o do meu pai e o do Jin.

- Ai meus filhos, se cuidem, ok? Obedeçam a sua tia! - Dizia a nossa mãe nos abraçando e nos beijando.

- Ok mãezinha, vamos nos cuidar - Eu disse e beijei sua bochecha.

- Sim, qualquer coisa eu dou um puxão de orelha na S/n - Jimin disse dando outro beijo na bochecha da nossa mãe e eu dei um beliscão nele - Ai, filha da...

- Ei, nem pense em xingar a sua mãe - Amanda deu outro cascudo no Jimin e nos despedimos dela também.

- Meninos, cuidem dos meus filhos ok? Taehyung - Os meninos concordaram sorrindo e a mais velha chamou o Taehyung que veio sorrindo até ela e a mesma lhe disse algo no seu ouvido, ele sorriu e concordou, logo depois eles se abraçaram.

- Vamos logo, Jimin, Taehyung e S/n vem comigo, os demais no carro do Jin - Papai falou, nós só concordamos e entramos no carro.

- Dirija com cuidado querido - Mamãe deu um selinho nele e nós soltamos um "huumm" prolongado deixando ambos envergonhados - Fiquem bem meus amores - Nós acenamos pela janela e logo o papai deu a partida.

Ficou assim, papai no banco de motorista, Jimin ao seu lado, eu e Taehyung atrás. Eu estava do lado esquerdo e ele do direito. Eu estava vendo que o sol estava quase se pondo.

- São quantas horas de viagem mais ou menos Dong-yu? - Taehyung perguntou atraindo a atenção do mais velho.

- São quatro horas de viagem - Ele disse calmo e bufamos - É porque tipo, nós iremos enfrentar uma estrada enorme, entendem? - Nós concordamos e continuamos prestando atenção na estrada. Até que começou a tocar Shine - Pentagon e eu e Jimin começamos a cantar, fazendo o nosso pai rir e o Taehyung fazendo sinal de negação com a cabeça.

Após a música acabar nós nos queremos e Taehyung resolveu se pronunciar de novo.

- Qual é o nome de lá, senhor? - Taehyung pergunta o olhando pelo parabrisa.

- Jeollanam-do.

- Ah sim - Taehyung disse e parecia inseguro - Tens certeza de que lá é tranquilo, né?

- Está nervoso Taehyung? - Papai perguntou.

- Um pouco - Ele coçou a nuca e eu peguei sua mão (esquerda) fazendo ele me olhar.

- Vai ficar tudo bem, você vai estar seguro lá Taetae - Eu disse sorrindo e ele soltou um "tsc".

- Ainda com esse apelido bobo? - Ele perguntou me olhando e eu sorri.

- Eu nunca vou deixar de te chamar assim! - Afirmei ainda com as nossas mãos juntas, eu não queria soltar a sua mão, e por um lado é bom porque parece que ele também não quer.

- Muito menos eu Taetae - Jimin disse olhando ele de canto e nós rimos.

- Vocês não existem - Taehyung disse rindo - Olha - Ele disse pra mim - O sol está se pondo - Nós olhamos pra janela e vimos o sol indo embora. Encostei a cabeça no seu ombro e ele encostou a cabeça na minha.

- Falta muito? - Jimin perguntou.

- Faz só quarenta minutos que nós estamos viajando Jimin - Papai disse fazendo a gente bufar.

Enquanto isso no carro do Jin...

•°•°Quebra De Tempo°•°•

꧁Hoseok Onn꧂

Twice - Yes Or Yes (rádio)

- Nae mameun jeonghaesseo yes! Geureom ije ne daedabeul deureul charye. Himdeulmyeon bogireul julge neon goreugiman hae. Gominhal piryodo eopsge haejulge. (Suga/Jhope)

Eu decidi que é "sim". Agora é hora de ouvir sua resposta. Se for muito difícil, há exemplos para você escolher. Não precisa gastar tempo pensando.

- Mwol goreulji molla junbihaebwasseo. Dul junge hanaman golla yes or yes? Ne maeumeul molla junbihaebwasseo. Hanaman seontaekhae eoseo yes or yes? (Jin/Jungkook)

Não sabe o que escolher? Veja essas opções. Escolha apenas um dos dois, sim ou sim?. Não sabe o que quer? Veja essas opções. Faça sua escolha, vamos lá, sim ou sim?

- Silheoneun silheo na animyeon uri? Seontaegeul jonjunghae geojeoreun geojeolhae. Seontaekjineun hana ja seontaegeun ne mam. It's all up to you. Dul junge hanaman golla yes or yes? (Todos)

Rejeitarei seu "não", é eu ou você? Respeito sua escolha porém rejeito sua rejeição. Há apenas uma resposta, a escolha é sua. Tudo depende de você. Escolha apenas um dos dois, sim ou sim?

Após termos cantando essa parte da música que tocava no rádio começamos a rir igual gazelas.

- Cara, a eu não sabia que o Jin era um cara de tanta energia assim - Eu comentei.

- Você tem que me conhecer melhor Jhope! - Jin comentou e eu concordei, rimos novamente.

- Ai, eu tô cansado - Suga disse e encostou a cabeça no meu ombro, coloquei a mão na sua coxa e ele colocou a mão em cima da minha.

- Tem algum dia que você não tá assim? - Jungkook que estava na frente com o Jin comentou.

- Realmente, não tem - Suga disse sorridente e entrelaçamos nossas mãos - Quantas horas estamos viajando?

- Já faz umas duas horas - Jin que estava dirigindo respondeu.

- Já são 19:32, eu tô com fome! - Jungkook disse e eu concordei com ele - Vou ligar pra S/n pra perguntar se podemos parar para comer.

- Boa ideia - Jin disse.

- Oi S/n... Não, não tem problema nenhum, é que a gente queria perguntar se podemos parar para comer algo, fala pro seu pai aí, por favor... Humm... tá bom então, estamos logo atrás de vocês... Tchau - Ele desligou o celular e olhou pra gente - Dong-yu disse que vai abastecer o carro e nós devemos e aproveitamos pra comprar algo para comer.

- Aleluia - Eu disse e Suga me olhou. Olhei pra ele confuso e sim, nossas mãos ainda estavam entrelaçadas, com a outra eu acariciei seu rosto - O que foi meu pão de açúcar? - Eu riu e voltou a deitar no meu ombro.

- Só tava te admirando - Ele disse e eu beijei sua cabeça.

- Vocês são tão fofos - Jin disse e nós sorrimos - Por que não agem assim quando estão em público?

- Não queremos chamar atenção - Suga disse e Jungkook abriu a boca.

- Eu lembro da vez que vocês contaram pra S/n e pro Jimin - Ele começou a rir e nós também - A S/n não sabia se ria ou se chorava, ela pulava de alegria. Aquela menina é doida - Ele disse e nós assentimos - Amo ela.

- Amamos - Eu disse e o Jin concordou.

- Vamos estacionar - Disse após ver o carro do Dong-yu estacionar no posto de gasolina. Estávamos atrás deles e fomos os próximos a encher o tanque.

Dong-yu e Jin estacionaram o carro perto da parede ao lado do comércio e nós saímos. Suga e eu já não estávamos mais com as mãos entrelaçadas.

꧁S/n Onn꧂

Nós havíamos saído do carro e entramos todos no comércio. Estávamos todos juntos.

- Meninos - Papai falou e nós o olhamos - Comprem só umas besteirinhas pra comerem de viajem. Falta só mais uma hora para chegarmos e até lá a minha irmã já estará com a janta pronta - Ele disse por fim e nós concordamos.

- Bom - Eu disse olhando as prateleiras - Vou querer...

- DORITOS - Eu, Jimin e Jungkook corremos na prateleira de doritos.

- Crianças - Jin disse e rimos - Eu vou querer esse biscoito wafer - Disse pegando.

- Jhope - Suga o chama - Toma, você gosta de bolo de chocolate - Tinha uma prateleira onde tinha bolos de chocolate em um recipiente pequeno de plástico.

- Ah, obrigado - Ele pegou sorridente.

- Já disse que vocês são fofos? - Jin disse e sorrimos. Suga pegou doritos também e nós fomos em direção as bebidas.

- TODDYNHOOO - Eu, Jimin e Jungkook corremos novamente e abrimos a geladeira de porta de vidro.

- Ai minha vida - Jungkook disse com duas caixinhas de Toddynho. 

- Me dá uma pô - Jungkook deu pro Jimin que pediu e eu peguei outra. Eu fui fechar a porta da geladeira e esbarrei no Jimin sem querer, fazendo com que o Jungkook o segurasse e Jimin ficou vermelho - S/n, presta atenção - Ele disse e saiu em direção ao caixa. Nós rimos e Jungkook o seguiu rindo também.

- Foi de propósito? - Taehyung me perguntou rindo e eu neguei - Quero um refrigerante - Pegou uma coca.

- Vai tomar só isso?

- Eu peguei um salgadinho qualquer - Ele sorriu e tocou no meu nariz com o indicador me fazendo corar e sorrir pra ele.

- Esse aí é o futuro casal - Papai me deu um leve empurrão e pegou uma coca - Vou tomar só isso - Ele disse sorrindo e foi pro caixa também. 

O Suga, Jhope e Jin pegaram sucos de caixinha. Fomos pro caixa e pagamos tudo indo em direção aos carros.

- Olha, nós vamos agora para a ponte (uma que fica no meio do rio), dirijam com cuidado - Papai disse e entramos no carro e sentamos nos mesmos lugares.

- Ai, minha barriga já estava roncando - Eu disse comendo logo o meu Doritos e tomando meu toddynho. Jimin abriu a coca pro papai e todos começamos a comer.

- Nem me fale - Jimin disse - Quer pai? - Apontou pro Doritos e o mais velho concordou com os olhos na rua. Jimin ía dar mas eu me levantei e dei na boca do papai - Ei! - Papai riu e eu beijei sua bochecha - Te odeio S/n, aff - Jimin bufou e nós rimos.

- Também te amo - Eu disse e depois de uns minutos já havíamos acabado de comer.

- Que barulheira é essa? - Olha o pra trás e pude ver pelo vidro do carro do Jin que eles estavam todos cantando.

- São os meninos - Taehyung disse e nós rimos.

(Antes que perguntem, eles colocaram o lixo em uma sacola)

Minutos depois...

Já havíamos saído da ponte e agora estávamos em uma estrada. Papai em vez de continuar cortou o caminho por outra estrada e de longe já pudemos avistar umas casinhas.

Ao chegar no local fomos por uns becos e pagamos em frente a uma casa de dois andares simples mas bem bonitinha. Papai e Jin estacionaram os carros na frente da casa e saímos do carro. Pegamos nossas bagagens e uma moça que parecia ter mais ou menos a minha idade atendeu a porta.

- Oh, tio - Ela foi abraçar o papai e percebi que Taehyung manteu o olhar na que supostamente deveria ser minha prima, confesso que fiquei com ciúmes - S/n e Jimin, certo? - Apontou para nós e concordamos, logo ela nos abraçou e uma mulher mais velha apareceu na porta.

- Tiaaa - Eu e Jimin a abraçamos e ele riu.

- Estava com saudades também meus sobrinhos queridos - Ela nos soltou e foi até nosso pai - Oi meu irmão - Eles se abraçaram e os meninos se aproximaram da gente atraindo a atenção da titia - Olá rapazes - Eles abaixaram a cabeça em sinal de respeito.

- Bom, temos muito o que conversar minha irmã - Papai disse e ela apenas concordou logo nos mandando entrar.




Continua??



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...