História My Only Light - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 22
Palavras 1.838
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Hentai, Policial, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Genteeee kkkkkkkkkkk, como sempre eu errando as coisas kkkkkkk, eu mudei o "supermercado" pra "comércio" kkkk, sinto muito mesmo gente, sou muito besta!🤣🤣🤣🤣🤣 Enfim, me desculpem pelos erros ortográficos, tenham uma boa leitura. 2bjs.😘😘

Capítulo 3 - Você é forte!


Fanfic / Fanfiction My Only Light - Capítulo 3 - Você é forte!

꧁S/n off  /  Taehyung onn

São 15:10 da tarde e a S/n tá muito distraída desde hoje de manhã, ela já jogou o balde de água duas vezes no chão, já ficou duas vezes sem entregar a sacola, ela parecia estar em outro mundo, não pude deixar de perceber que ela estava com uma cara de sono, não sei dizer, seus olhos estavam um pouco inchados, mas não fiz questão de perguntar, afinal de contas não é da minha conta.

- Não vai me perguntar porquê eu tô tão distraída hoje? - Ela pergunta calma olhando pro nada.

- Não é da minha conta! - Afirmei e ela soltou um "tsc" e um leve riso, não entendi mas deixei pra lá.

- A questão não é que não seja da sua conta, é que você não gosta de mim, não é Taehyung? - Ela virou o rosto em um movimento leve e eu a encarei - Você se importa com alguém? - Ela perguntou e eu franzi o senho a encarando.

- E isso te importa? - Eu fui rude com ela e a mesma pareceu surpresa.

- Eu te considero um amigo Taehyung - Ela disse voltando a olhar pra frente e eu ainda a encarava - Mas parece que nem isso você consegue nos considerar também.

- Aigoo - Eu revirei os olhos - Quer que eu pergunte? Talvez assim você pare com esse draminha de tampinha - Eu disse começando a virar a cara pra frente e senti alguma coisa bater na minha cabeça, era uma bolinha de algodão - aii, tá louca? - Falei pegando a bolinha e colocando em cima da mesa, S/n me encarava furiosa.

- Quem é a tampinha aqui ein? Eu tenho 1,56, você que é um pedaço de poste! - Ela ameassou jogar o tênis mas a dona Rosa chegou na hora.

- S/n menina, larga esse tênis agora! Te dá termo, eu ein - Ela deu um beliscão na mesma que reclamou e eu dei um leve riso por causa da cara feia que a S/n fez.

- Aii mãe, a senhora é muito estraga prazer - Ela resmungou.

- Estraga prazer é uma ova - A mais velha disse e logo o seu Dong-yu entrou no comércio.

- Taehyung e S/n, preciso que vocês vão pegar umas encomendas nesse local aqui - Ele me entregou um papel com o endereço e outro papel com um dinheiro.

- Aahhh pai, mas e o Jimin? - Perguntou a S/n frustrada.

- Ele tá ajudando a Amanda a concertar a pia e as minhas costas estão doendo muito, dormi de mau jeito hoje, se não eu estaria ajudando a Amanda.

- Aff, tá vai, vamos logo Taehyung! - Ela disse tirando o uniforme e entregando a mãe, eu fiz o mesmo e entreguei pro senhor Dong-yu.

- Prometo tentar ir e chegar o mais rápido pos...

- Não se preocupa Taehyung, o barco ainda vai encostar lá na beira, esperem e coloquem as encomendas no carro, ok? - Ri de leve e assenti, ele me deu as chaves do carro e a carteira de motorista dele.

- VAMOS TAEHYUNG!! - A S/n gritou já do lado de fora e nós três reviramos os olhos, saí do comércio e liguei o Fiat Estrada do Dong-yu e logo nós entramos no carro, colocamos o sinto e encarei a S/n - Você é muito lerdo! Eu ein...

- Cala a boca S/n - Eu dei a partida no carro e ela me olhou incrédula.

- Olha aqui, a boca É MINHA, e eu calo SE EU QUISER! Você não manda EM MIM! - Ela gritava no meu ovido e eu fazia algumas caretas.

- Aff, dá um tempo, você é muito enjoada! - Eu disse prestando atenção na rua e no trânsito, o qual não estava tão ruim.

S/n ligou o som do carro e estava tocando uma música em português, óbviamente eu não estava entendendo nada, até que a S/n começou a cantar e eu parei após ver o semáforo vermelho.

- "É, não disse mas pensou, a melodia em que passou em sua cabeça. Tendo no olhar esse sorriso bobo que é meu e se eu dissesse que o meu vício é ter você..." - Tenho que admitir, ela tem uma voz muito bonita, apesar de eu não entender o que diz essa música, então acabei por perguntar.

- O que é que fala nessa música?

- Humm? - Ela me olhou e riu, ela começou a me explicar um pouco sobre a música e ela disse que gosta muito dela, que ela acha letra muito bonita e que o som é suave, de certo eu concordei e continuei a dirigir quando o semáforo passou pra verde.

Passaram-se alguns minutos e nós chegamos na beira, avistamos ainda dentro do carro um barco grande que estava descarregando algumas caixas, eu e S/n estávamos esperando aparecer um homem, a S/n sabia quem era e por isso só iríamos sair quando ela o visse. Enquanto isso ela está com os pés em cima do banco e eu a encarei, ela olhava pra frente batendo as mãos de leve no joelho e seu semblante era de tristeza. Na verdade eu não queria que ela me interpretasse mal, é que depois de tudo o que eu passei eu não consigo mais demonstrar mais de 20% de amor e carinho pelas pessoas, por isso alguns acabam me achando frio e rude, mas eu juro que não sou assim, então resolvi perguntar a ela.

- O que houve S/n? - Minha voz saiu um pouco mais grossa por eu ter falado um pouco baixo e a mesma deu um leve pulo fazendo a mesma olhar pra mim.

- Credo menino, eu me arrepiei, olha - Me mostrou o braço arrepiado e eu dei um leve riso - Tomei um susto...

- Enfim - A interrompi e olhei pra frente, o mesmo fez ela - Por que você estava um pouco triste hoje de manhã? 

- Eu...- Olhei pra ela e a mesma estava com um semblante triste de novo - Conhece o Namjoon, certo? - Ela me perguntou do namorado.

- Humm! - Fiz que sim com a cabeça e a mesma continuou.

- Ele precisou viajar por causa do trabalho dele...

- Por isso tá triste? - Perguntei por achar bobo.

- Também, mas o pior não é nem isso - a olhei e a mesma ainda olhava pra frente, seus olhos estavam maejados - N-nós terminamos - Ela limpou uma lágrima e eu...eu senti meu coração apertar ao vê-la daquele jeito, não sei porquê - Ele foi ajudar a cuidar da empresa do tio que não está em boas condições - Ela se pôs a chorar e eu me senti mal por ela - Ele só vai voltar daqui a 3 anos e até lá ele já achou alguém, ele me disse pra procurar alguém que me faça mais feliz do que ele me fez mas - Ela fungou - Mas é impossível, eu não consigo esquecer o Namjoon, sei que terminamos ontem mas eu sinto como se já tivesse feito dias, meu peito dói Taehyung, dói demais! - Ela chorava muito e a única coisa que eu consegui fazer foi tirar nossos sintos, pegar em seu braço e a virar pra mim, então eu a abracei, a mesma correspondeu depois de um tempo mas depois foi se acalmando.

- Eu te entendo S/n. Eu sei como é perder alguém que ama, fazendo um dia, mês ou anos, mas com o tempo você consegue superar - Comecei a acariciar seus cabelos e ela parou de chorar - É muito difícil, você as vezes passa dias não conseguindo dormir pois só fica pensando naquela pessoa que foi importante pra você, mas daí você pensa: "Não é isso que essa pessoa iria querer que eu fisesse, ele não iria querer que eu desistisse..." e aí você ergue a cabeça e começa a mudar os seus pensamentos, suas atitudes, começa a lutar pra conseguir vencer - Soltei do abraço, limpei seu rosto e segurei em seus ombros, a mesma me encarava sem nenhuma reação - Você é forte S/n, apenas pense no bem do Namjoon e siga a sua vida, você vai conseguir achar alguém melhor e vai ser feliz, você é feliz, só que uma parte de você se foi, e precisa que alguém chegue pra preencher essa parte, entende? Não chora, não pense besteiras, apenas siga em frente! - Eu disse e ela concordou, ela olhou pra frente e pareceu tomar um susto.

- O homem!! - Ela saiu do carro e eu também. Nós falamos com ele e logo depois ele nos entregou umas caixas, o suficiente pra encher o traseiro do carro que era grande. Eu paguei o homem e logo nós voltamos pro carro dando a partida de volta pra casa. O trajeto todo foi um silêncio, apenas a música que tocava no carro e algumas trocas de olhares. Eu não sei porquê mas eu estava me sentindo estranho, eu nâo estava muito confortável do lado da S/n, sei lá, depois daquelas palavras que eu falei pra ela, depois daquele abraço que eu dei nela, daquele olhar que eu olhei pra ela eu me senti estranho. 

Alguns minutos se passaram e nós chegamos, estacionei o carro na frente do comércio e eu iria abrir a porta se não fosse a S/n segurar na minha mão, o que me fez a olhar surpreso.

- Obrigada Taehyung - Ela sorriu pra mim e me deu um beijo na bochecha direita - Desculpa por achar que você não se importava com ninguém, eu fui um pouco fria com você...

- N-não, t-tá tudo bem! - Eu gaguejei? Por quê?

-Rsrs, tudo bem - Ela sorriu de novo - Vamos sair, o papai deve estar esperando - concordei e saímos do carro, desliguei ele e entramos no comércio encarando a dona Rosa e o seu Dong-yu.

- Chegaram com as encomendas? - Perguntou Dong-yu, se levantando com a esposa e  tirando os uniformes e ao invés de eles nos entregarem colocaram no cabide.

- Sim, está lá fora no carro! - Afirmou a S/n.

- Ótimo, já são 16:00 e eu vou liberar vocês hoje, Jimin e Mark irão colocar as caixas aqui dentro e vão organizar as prateleiras que estão vazias - Concordamos e logo saímos do comércio.

- S/n, acompanha o Taehyung até em casa! - Disse a dona Rosa sorridente.

- Oh, não precisa não, eu posso ir sozinho, não é longe! - Eu dei um leve riso e a dona Rosa me ddu um leve tapa no ombro.

- Anda logo Taehyung, só deixa ela te acompanhar, nada mais.

- Mas...

- Vamos logo Taetae - S/n começou a me puxar sorridente e eu mesmo com a cara emburrada comecei a andar a caminho do meu apartamento acompanhado de S/n, mas só aí que eu percebi...nós estávamos com os braços entrelaçados.





Continua??


Notas Finais


Gente, eu chorei na parte do texto do Tae😢
O que vocês estão achando do imagine? Escrevam aqui nos comentários e aguardem o próximo capítulo. 2bjs.😘😘♥️🌻


♥️🎶♥️🎶♥️🎶♥️🎶♥️
Música: Nathan Barone - Nós dois.

https://youtu.be/YYPvwZro8C8


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...