História My Owner •|• Imagine Kim Namjoon- RapMonster •|• BTS - Capítulo 26


Escrita por: ~ e ~OmmaLetis

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Amor, Drama, Sexo, Suspense
Visualizações 857
Palavras 1.044
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem!

Tenham uma boa leitura!

Beijos do meu kokoroko!

Capítulo 26 - Away from everything


Fanfic / Fanfiction My Owner •|• Imagine Kim Namjoon- RapMonster •|• BTS - Capítulo 26 - Away from everything

Kim Namjoon Povs.

Dessa vez eu briguei muito sério com __________. Não pensei que ela veria o quadro abaixado. Não queria brigar com a mesma como fiz, só que aquilo era muito importante pra mim. Trazia as melhores lembranças e memórias de meus pais. Minha mãe era carinhosa e tão humilde, meu pai um homem honesto e trabalhador e eu o fruto do amor deles. Mas tudo foi destruído por um assassino que os matou em minha frente. Aquilo foi traumatizante e é perturbador até hoje. Toda vez que olho aquela foto, me tranco e não saio mais do quarto. Sinto muita falta deles. Se eles estivessem aqui hoje, eu não estaria no tráfico. Eu tinha apenas 7 anos, quando os perdi. Não sei o motivo da morte e o porque os assassinaram a sangue frio. Nunca mais vi aquele homem de preto.

Ajeitei o quadro que (S\N) havia mexido e me vesti por completo rapidamente, pois queria conversar com a mesma. Estava arrumando meu cabelo quando Sook entra em meu quarto com sua irmã:

Sook: O que aconteceu? ________ estava chorando... - disse. Não  me importava no momento com o choro contado por minha tia.

Namjoon: Onde ela está? - perguntei me virando

Sakura: A última vez que vimos, ele entrou em seu quarto e não nos respondeu. - falou - Mas o que aconteceu? - perguntou

Namjoon: Depois explico. - digo e saio a sua procura. Vou até o quarto da mesma e quando entro não vi sinal nenhum de __________. Mas vi armários abertos, cabides sem peças de roupas, cama meio bagunçada e tudo desligado. Sai do mesmo e procurei pela cozinha, sala, banheiros, jardim, piscina.... Em todo lugar. Comecei a ficar desesperado e presumi que tudo que vi em seu quarto era vestígios de que ela havia fugido. Eu estou tentando de tudo para me aproximar dela mas não consigo. Saí da sala e fui ver os seguranças - Vocês viram ela sair? - perguntei e eles negaram - Com não? Eu pago vocês pra isso! Quero todos atrás dela, agora! -Todos saíram e foram a sua procura, inclusive eu.

(S\N) Povs.

Andei por um tempo pelas ruas do bairro e com um pouco de dinheiro, peguei um transporte público que levava até o centro da cidade. Passei por vários coreanos e os mesmo andavam e conversavam calmamente. Jovens voltando de baladas e adultos andando por lá parecia totalmente normal. Quem dera.... Eu pagaria o que fosse para ter uma vida normal. Nunca pensei em um homem perfeito, um príncipe encantado. Sempre me imaginei com uma família, minha família. Será que um dia vou encontrar um parceiro que forme uma comigo? Será que eu vou achar o homem certo pra mim? 

Nunca vi uma cidade tão colorida como Seul. Tão iluminada.... Eu não invejava mas gostaria de poder ter e ser como qualquer um ali. Entrei em lojas, comprei comida e bebidas, e mais algumas roupas. Caminhei mais um pouco e vi um hotel também bastante iluminado e fui até a recepção. Esse meu dinheiro economizado está me ajudando muito. Se não fosse por ele poderia estar dormindo na rua, com frio e com fome. 

(S\N): Boa noite. Quando seria uma diária? - pergunto

Recepcionista: Uma diária custa R$ 117,00 wons. - disse e me mostrou um panfleto de preços.

(S\N): Tem algum tipo de pacote para passar uma semana? - perguntei

Recepcionista: Temos vários planos... - falou e me mostrou todos, no total uns 16 pacotes. Escolhi um que eu podia fazer algumas atividades que o hotel oferecia. - Então vai ser o pacote 13 mesmo? - perguntou me olhando, já preparando meu cadastro pelo computador. 

(S\N): Sim... - respondi 

Recepcionista: Qual é o seu nome? - perguntou tudo o que precisava e eu respondi.Elas me deu uma via do cadastro e a chave do quarto - Seu quarto é no quinto andar, número 14. Tenha uma boa estadia! - me desejou umas ''boas-vindas''.

(S\N): Obrigada e bom trabalho! - disse e fui até o elevador.

Esperei o mesmo chegar e entrei. Logo parei em meu andar, procurei meu quarto e o achei. Abri com chave e entrei. Ele era um quarto bom e não tão grande. Tinha frigobar, uma varanda razoável e um banheiro. Tudo bem limpo e organizado. Arrumei minha mala e me deitei um pouco. O hotel não era cinco estrelas mas não é tão ruim. Eu não tenho e acho que nunca vou ter chance de entrar em uma hotel de extrema elegância que Namjoon deve frequentar. 

Sinceramente... Eu acho que não foi uma ideia tão ruim ter fugido. Ter fugido me deu a chance de ver outras pessoas e conhecer mais a cidade onde estou morando. Agora me sinto livre. Não estou presa aos meus pais e nem detenta por Namjoon. Tudo estava ocorrendo bem mas não sei quem é o errado da história. Eu ou ele. Não sei quem são aquelas pessoas e nem sei se vou descobrir. Quero viver uma vida longe de todas as pessoas que conheci e me recompor de tudo que aconteceu. A única desvantagem é que talvez eu não veja mais Sook e Sakura. Pessoas tão amáveis. Tem sido uma mão que quase não tive.

Ligo minha televisão e vou passando todas os canais. Programas com participação com idols e muito mais. Chego em um canal que estava dando um jornal. Uma repórter falava mas o som estava baixo. Aumento o mesmo e agora escuto melhor.

Repórter: Uma notícia, que a polícia do país com muito trabalho consegui descobrir. Hoje, a face do criminoso mais procurado da Coréia foi descoberta. Kim Namjoon, o rei do tráfico asiático com sei visual localizado, não deu mais evidências de seu trabalho. - as fotos do rosto de Namjoon passavam pela tv - O que será que ele anda fazendo? Onde estão seu capangas? É assim, com essa dúvida que acabamos por hoje... - desliguei a televisão.

Tudo está dando de errado, até com Namjoon. Não sei porque mas eu não gostei do modo que aquela jornalista falava. Com irônia em sua fala. Eu não quero que ele vá preso. Amanhã vou a procura de um emprego pra me sustentar. Farei tudo com calma e as escuras. Sem que ninguém me ache.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...