História My Person - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Barbara Palvin, Chaz Somers, Christian Beadles, Jensen Ackles, Justin Bieber, Pattie Mallette, Ryan Butler
Personagens Barbara Palvin, Jensen Ackles, Jeremy Bieber, Justin Bieber
Tags Comedia, Crossover, Drama, Romance
Visualizações 5
Palavras 1.129
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Romance e Novela, Saga
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura

Capítulo 2 - Two- Que Homem é esse papai?!


Prov Hazel**

Seattle- sexta feira              08:30 Am

-Tchau filha! - aceno pela ultima vez

Já havia feito isso milhares de vezes nesta manhã 

Resolvi parar de ser pé no saco e seguir meu rumo até a casa de Lauren

Hoje não vai ser nada fácil!

........... ..........

-Lauren -falei um pouco exaltada assim que me deparei com o que a minha amiga louca havia feito- Eu não vou entregar panfletos com a minha cara! -falei furiosa

Eu havia lhe pedido para imprimir uns panfletos, já que eu estava encarregada de imprimir os curriculos, com algumas das minhas experiências para entregar nos comércios da cidade, já que ser mãe solteira não é fácil, eu precisava de um emprego, porque solteira, e desempregada não está dando

-Relaxa amiga,vai ser ótimo, confia! -falou dando uma piscadela- você tem cara de modelo da Victoria's Secret, certeza que vão te contratar -ela falou empolgada- o que diz? Uh? 

Me olhou com uma cara de "Não me desaponte" e eu cedi 

-Tá -ela ficou empolgada- mas se eu não arrumar um emprego por isso- apontei para as imagens nos panfletos -a culpa vai ser toda sua 

Deu pulinhos de alegria, eu não entendi o motivo dessa alegria toda mas tudo bem

-Vem! -saiu me puxando para fora do seu apartamento para podermos entregar os panfletos 


Alguns minutos depois....


Já havíamos entregado em todos os lugares possíveis e quando chegamos ao destino final eu me recusei a entrar 

-Já disse que não Lauren! -falei irritada- Não me faça ir embora

-Para de ser chata Hazel, vai ser ótimo para você, imagina ser uma garota das revistas Bieber'S?! -tagarelou sem parar- aliás, você tem experiência como modelo! Seria mais um ponto positivo para te contratarem

-Mas isso foi quando eu tinha 16 anos Lauren, sem chances! 

Quando me deparei já estava dentro da agência de modelos 

Bufei

-Ah oi?! Bom, essa aqui é a minha amiga MARAVILHOSA, Hazel -ela falou tudo sem parar e a recepcionista só nos olhava com cara de desdém- E ela está precisando de um emprego, sabe como é, Seattle...

-Eu vim entregar o meu currículo! -falei já impaciente interrompendo Lauren que não parava de Falar nem a cacete- Tem como fazer isso por mim?

-Vou ver o que posso fazer a respeito 

Me olhou como se dissesse "desiste gata", eu odeio essas recepcionistas que se acham donas do mundo, grrr

-Agradecemos - falamos em unissono indo em direção a saída da agência 

Mas não pude deixar de reparar em um homem loiro que falava no celular, ele parecia com pressa 

Nesse meio tempo, Não sei como, só sei que dei de cara com a gigante janela de vidro da recepção, que fez com que o meu nariz sangrasse na mesma hora

O barulho foi TÃO alto que chamou a atenção de todos na recepção, inclusive do homem que falava no celular que me olhou com uma expressão de confusão e preocupada, preocupada?

Droga!

 Está todo mundo me olhando, que ótimo!

-AI MEU DEUS! MACHUCOU? -falou Lauren exasperada- Desculpa amiga, eu estava tão distraída que nem percebi que estava te puxando na direção da janela- sorriu amarelo com a feição preocupada 

-VACA! -falei irritada e logo depois começamos a rir- vamos logo, tenho que buscar Havanna na escolinha -Falei estancando o sangue que saia do meu nariz 

Olhei para trás de relance e o homem continuava lá falando em seu celular com uma feição indecifrável, que homem é esse Jesus! 

Prov Justin**

-Pai eu já estou na recepção, se acalma -falei bufando

-É melhor estar aqui em um minuto, antes que eu arranque sua cabeça moleque! 

-tá já est....

Parei de falar assim que ouvi um barulho de algo batendo em uma das janelas da recepção 

Uma mulher de aproximadamente 1,60 de estatura, cabelos loiros lisos até um pouco abaixo da altura de seus belos seios e pernas torneadas, havia dado de cara no vidro 

Todos que estavam na recepção olhavam em sua direção o que a fez corar 

Seu nariz sangrava e sua amiga se desculpava desesperadamente 

Fiquei preocupado com a menina, e curioso para saber da conversa das duas

Ela me olhou com cara de espanto e eu ri balançando a cabeça 

-JUSTIN! 

acordei do transe quando meu pai gritou do telefone 

-Tá, já... eu.. -desliguei o celular sem conseguir terminar o que eu queria dizer

Olhei para trás de relance e ela não estava mais lá, estranhamente eu não me senti bem com isso 

Prov Hazel**

-Ai amiga me desculpa mesmo - Lauren se Desculpava pela milésima vez e eu estava cansada disso já 

-Eu estou bem Lauren! -revirei os olhos- Agora tchau, antes que eu enlouqueça, sua louca!

Me mandou beijinhos no ar, balancei a cabeça em negação segurando a bolsa de gelo no meu nariz que por pouco não havia quebrado 

-Até mais tarde vadia

Bufei 

-NEM LOUCA QUE EU SAIO HOJE LAUREN! -gritei histérica 

-Tchaaaaaaauuuuuu -saiu saltitante batendo a porta 

Me sentei no sofa emburrada  

Se ela está pensando que vou sair hoje está muito enganada!


Algumas horas depois..


22:45 Pm 

-Tem certeza que vai ficar bem? A mamãe pode ficar se você quiser -sorri convidativa implorando mentalmente para ela aceitar

-Relaxa mamãe! Eu sei me cuidar, além do mais a tia Raquel esta aqui para dar uma mãozinha -arregalei os olhos com o seu linguajar 

Raquel é sua babá desde muito nova, quando fiquei desempregada tive que dispensa-la 

Mas como hoje eu fui basicamente OBRIGADA (so para constar) a sair da minha linda caminha para ir arrastar a bunda em algum lugar com a Lauren, precisei dos seus serviços.

-Pode ir dona Hazel, sua filha está em boas mãos -sorriu confortante me direcionando a saída de casa 

-Promete me ligar qualquer coisa? -falei preocupada- se ela não comer, ou não conseguir dormir, me avise eu venho em um pulo

Não estava nem um pouco feliz com a idéia de deixa-la para ir curtir. Não faço isso a anos, e consequentemente fazer isso agora é um tanto estranho.

-Não se preocupe com isso, divirta-se! 

Ouvi um som de buzina, olhei para traz e Lauren acenava animada de seu carro sussurrando:

-FEXXXXTAAAA

RI

espero voltar viva, pois tenho uma filha para criar.

Entrei no seu carro fechando a porta logo em seguida, acenando para Raquel 

-Destino: Keys Nightclub -falou fazendo uma espécie de comemoração animada me fazendo rir 

-Só não me mate! 

Ela saiu cantando pneu como resposta me fazendo arregalar os olhos 

Péssima idéia Hazel!

Prov Justin**

 -BORA MARICA! 

Ryan gritou me apressando da sala do meu apartamento me fazendo fechar a cara e lhe tacar uma almofada 

-Marica teu cu -falei colocando meu relógio no pulso pegando as chaves do meu carro- E qual seria o destino dessa ilustre noite companheiros? 

Falei ajeitando a gola da minha camisa fitando meus amigos Ryan, Chris, e Chaz e se encontravam jogados no meu sofa 

-Keys Nightclub - foi a vez de Chaz falar 

Os fitei e todos se encontravam com um sorrisinho malicioso no rosto 

.......



Notas Finais


Xoxo Jarbs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...