História My Police Officer - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bts, Depressão, Jikook, Jimin, Jungkook, Lemon, Namjin, Policial, Romance, Sexo, Vhope, Yaoi
Visualizações 72
Palavras 1.258
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Fluffy, Hentai, Lemon, LGBT, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Finalmente aqui está mais um capítulo fresquinho pra vocês! Espero que gostem...

Capítulo 4 - "What bruises are these, Jimin?"


Fanfic / Fanfiction My Police Officer - Capítulo 4 - "What bruises are these, Jimin?"

Jungkook estava praticamente quase dormindo em pé enquanto tentava cozinhar seu café da manhã; sempre fora um completo desastre na cozinha e fazer as coisas com sono só estava piorando ainda mais as coisas.

Primeiro, havia tentado fazer as deliciosas panquecas de sua querida Omma, aquelas que praticamente era apaixonado quando criança. Mas não dera muito certo, Jungkook queimara praticamente tudo.

Depois, tentara fazer apenas uma vitamina para si; mas logo acabou descobrindo que seu liquitificador havia queimado e agora teria que comprar outro.

Depois, ocorreu pela última opção: um café bem forte.

Mas qual não fora a surpresa de Jeon Jungkook ao ver que o pó já havia passado da data de validade?

Por fim, irritou-se e decidiu que pararia em uma cafeteria qualquer para logo depois seguir até a delegacia. Pegou as chaves de sua moto e o capacete, saindo de casa logo em seguida.

Dirigiu até a pequena cafeteria Busan Coffe, a mais popular do centro da cidade justamente por causa de suas deliciosas tortas e cappuccinos; era localizada também ao lado de uma enorme livraria com os mais diversos livros. Sempre haviam pessoas sentadas dentro da cafeteria ou nas mesas ao ar livre, desfrutando de um bom café junto de um maravilhoso livro.

O sininho fora tocado, anunciando a entrada do Oficial Jeon no local, Jungkook sentara em uma das mesas e logo fizera seu pedido; apenas um pequeno prato de panquecas e um copo de café preto bem forte e adocicado.

Enquanto esperava seu pedido, percorria os olhos pelo local, visualizando muitos estudantes de vários colégios e até universidades, pequenos grupos onde haviam livros espalhados pela mesa juntamente com canecas de chocolate-quente ou apenas jovens desfrutando de um bom café com leite e um mistro quentinho.

Mas qual não fora a enorme surpresa do Jeon ao reconhecer uma cabeleira ruiva brilhante nos fundos da cafeteria?

E lá estava Park Jimin sentado em uma das mesas nos fundos, afastada das demais mesas, ao lado da enorme janela de vidro. Estava com seus olhos amendoados concentrados em um livro enquanto um prato com uma torta de limão parcialmente comida pela metade repousava ao lado na mesa de madeira juntamente com uma enorme caneca de chocolate-quente com chantilly e calda de chocolate.

O ruivo estava na companhia de um garoto que parecia ser dois os três anos mais velho que Jungkook; este tinha cabelos tingidos de um verde-menta e uma pele branca como a mais pura neve. Segurava em suas mãos uma caneca com o mesmo conteúdo da caneca do Park e um pedacinho de bolo de morango se encontrava em sua frente em um prato.

Os olhos de Jeongguk percorreram o corpo e principalmente rosto de Jimin por inteiro. Aquele era um típico dia de calor em Busan, então o baixinho se encontrava vestindo uma camiseta de mangas curtas de uma banda de rock americana que Jeon não fazia ideia que existia - e olha que o acastanhado amava rock quando pequeno -, uma bermuda jeans cinza clara e Vanz brancos.

Parecia que o hematoma que estava sumindo do rosto do menor havia piorado, ganhando uma coloração roxa - quase preta - novamente; um pequenino arranhão se encontrava em uma de suas sobrancelhas; hematomas vermelhos e roxos pintavam algumas partes de seus braços; em ambas as pernas, hematomas novos e antigos - pequenos e médios -.

Havia um band-aids colorido em cada um de seus joelhos; um band-aids rosa no direito e um azul claro no esquerdo. Nos dedos de ambas as suas mãos, vários band-aids cheios de desenhos infantis jaziam presentes.

Não sabia quem havia feito todos aqueles machucados em Jimin, mas esperava que essa pessoa queimasse no fogo do inferno.

Não era porque Jimin era o garoto mais problemático que a cidade de Busan já tivera, que muitas pessoas tinham o direito de agredi-lo...

E Jeon Jungkook estava deveras incomodado com todos aqueles hematomas pintando a pele pálida do baixinho de cabelos vermelhos.

-Eu disse que você devia ter passado um pouco da maquiagem da sua mãe nesse hematoma.-Yoongi murmurava enquanto bebericava seu chocolate.-Está todo mundo olhando pra cá.

-Que olhem...-Jimin retrucou, dando de ombros.-Não é como se se importassem de verdade.

-E devia também não ter vindo com essas roupas.-continuou a falar.

-E usar minha blusa listrada e uma calça jeans neste calor?-Park direcionou seus olhos agora para o esverdeado.-Quer que eu derreta?-bufou.-Deixe que olhem, Suga! Por que acha que todo ser humano tem olhos? Pra servir só de enfeite?

-Eu só não gosto desses olhares sobre nós, principalmente em você.-enfiou um pouco do bolo de morango na boca.-Não quero que seja julgado ainda mais.

-Não se preocupa, Yoon.-sorriu amarelo, voltando seus olhos no livro que se encontrava em suas mãos.-Eu estou bem.

Por um momento, Jungkook viu o garoto de cabelos verdes levantar-se e andar a passos calmos em direção aos banheiros. Aquela era a sua chance...

Terminou de comer as panquecas e pegou sua xícara de café, andando a passos largos até a mesa onde o Park estava lendo.

-Posso me sentar aqui?-perguntou com a voz calma e suave.

Jimin direcionou seus olhos para cima, dando de cara com o Oficial Jeon Gostoso Jungkook.

O que ele estava fazendo ali? Jimin não saberia responder... Talvez para apenas tomar um café e ir a delegacia em seguida. Mas o que um oficial de polícia estava fazendo conversando com o garoto que mais aparecia na delegacia com os pulsos algemados?

-Tanto faz...-deu de ombros, voltando a ler.

Jungkook se sentou, colocandosua xícara em cima da mesa.

-Só para você saber, este lugar é do meu amigo.-falou Jimin.-E ele vai voltar daqui a pouco.

-Só queria conversar um pouco com você, fazer algumas perguntas.

Teve a atenção de Park nele.

Jungkook não conseguia. Não conseguia e nem queria olhar diretamente para aquela inperfeição no rosto do mais novo.

Teve que respirar fundo antes de olhar dentro dos olhos alheios e soltar a seguinte pergunta:

-Que hematomas são esses, Jimin?

Viu os olhos amendoados de Jimin se arregalarem minimamente, os dedos se fecharem e os lábios serem pressionados um no outro em sinal de nervosismo. Jimin desviou seu olhar do policial, olhando para a paisagem do lado de fora da janela.

-Foi em alguma briga de rua?-Jungkook continuou a fazer perguntas.-Alguma briga em sua casa?

Silêncio.

-Jimin...-suspirou.-Sei que não confia em mim. Aliás, sei que não confia em ninguém nessa cidade. Sei que é muito difícil saber que todas essas pessoas te julgam sem ao menos saberem do porque dessa sua personalidade... Rebelde.-os olhos amendoados iam se arregalando mais a cada palavra dita.-Mas isso não lhes dá o direito de lhe agredir. Eu sou um policial, Jimin, e é o meu trabalho e responsabilidade prender quem quer que tenha feito isso com você.

Viu o ruivo suspirar, mantendo um olhar extremamente perdido para a paisagem afora.

-Você não pode me ajudar, Jeon...-ouviu o Park responder super baixo.-Ninguém pode.

-O que...

-Jimin?-uma voz meio grossa fez com que a atenção dos dois fosse depositada no ser ao lado da mesa.-Atrapalho?

-Demorou, ein?-Jimin direcionou um sorrisinho provocador na direção do Min.-Se perdeu no caminho foi? Ou a dor de barriga tava foda?

Yoongi resmungou um palavrão baixinho, direcionando o dedo do meio para o amigo.

-Atrapalho?-direcionou seus olhos castanhos para o policial.

-Não.-Jeon respondeu, levantando-se.-Já estava de saida.-olhou uma última vez para Jimin.-Se mudar de ideia, sabe aonde me procurar.-e então, foi-se embora.

Yoongi sentou-se na frente de Jimin, olhando confuso para o ruivo.

-Quem era?-perguntou.

Park direcionou-lhe um sorrisinho malicioso e divertido.

-O oficial gostosão.


Notas Finais


E ai, o que acharam??? Até o próximo capítulo...
Beijinhos de canela<3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...