1. Spirit Fanfics >
  2. My Popular Crush Noticed Me! - Jikook (Abo) >
  3. Omega perfeito

História My Popular Crush Noticed Me! - Jikook (Abo) - Capítulo 26


Escrita por:


Notas do Autor


⚠️ATENÇÃO⚠️


Esse capítulo contém cenas de sexo explícito, se não gosta ignore esse capítulo e leia o próximo! Obrigada.




Boa leitura!✨🌸

Capítulo 26 - Omega perfeito


Fanfic / Fanfiction My Popular Crush Noticed Me! - Jikook (Abo) - Capítulo 26 - Omega perfeito

Nesse exato momento estou sentindo meu corpo em chamas, completamente ofegante ao sentir meu corpo totalmente quente, meu pau implorava por atenção, ele implorava para ser aliviado. Entro no quarto com o pequeno ser em meu colo e o deito na cama lentamente tomando cuidado com sua perna quebrada, retiro sua blusa e mordo os lábios ao ver o peitoral branquinho do ômega e seus mamilos levemente rosados, oh Deus! Que cena completamente excitante. Olho para seu rosto e vejo sua boca gordinha e vermelhinha entre aberta, estou com uma vontade enorme de foder sua linda boquinha, e eu irei! Ah se irei.

- Jungkook-shi... – Ele dizia manhoso enquanto brincava com o elástico de seu pequeno short. – Como você vai fazer comigo assim?

- Ah meu bem, já já você irá saber! – Eu dizia enquanto beijava seu pescoço e descia os beijos para seu peitoral branquinho.

Seus arfares baixinhos eram música para meus ouvidos, sentia suas pequenas mãos apertando meus cabelos enquanto eu descia os beijos pelo seu tronco até chegar na barra de seu short, me levanto um pouco e retiro seu short rapidamente e o jogando no chão e vejo a minha bela visão do paraíso, meu pequeno amado não usava nada por baixo daquele short. Olho para seu pau de tamanho mediano e me aproximo lentamente deixando um beijo na cabeça do mesmo até que sem avisar coloco todo seu pau em minha boca e ouço um gemido meio alto de Jimin junto a uma apertada em meu cabelo e sorrio fraco, meu menino era tão frágil.

Comecei a fazer movimentos de vai e vem enquanto sugava seu pau, Jimin gemia, dava uns gritinhos baixos e isso me deixava mais louco ainda para entrar dentro dele, paro de chupa-lo e encaro o par de olhinhos me encarando.

- Jungkook-shi... – ele dizia com a respiração ofegante e eu ri baixo.

- Vai melhorar mais meu amor! – Dei um sorrisinho cafajestes.

Comecei a dar leves selares em sua coxa na parte interna, segui meus selares para sua verilha e seus testiculos dei uma mordida de leve e desci para sua entrada que estava escorrendo sua lubrificação natural, passei minha língua levemente na mesma e ouvi de Jimin seu gemido e vi seu corpo estremecer, é bom saber que causo esse efeito no baixinho.

Comecei a chupar sua entradinha com força, forcei minha língua para dentro da mesma sentindo o gosto de sua lubrificação natural. Paro de chupa-lo aos poucos, me levanto e me afasto da cama tirando totalmente minha roupa, quando tiro minha cueca e olho para o mais novo que olhava para meu pau mordendo os lábios, Jimin me deu um sorriso e abriu suas pernas para mim me dando a visão do paraíso, eu estava doido para me enterrar ali no meio desses belo par de pernas.

Vou andando lentamente até a cama e subo em cima do mesmo ficando no meio de suas pernas, minha boca encontra a sua e nossas línguas começaram uma guerra de quem lutava por mais espaço, o menor gemia baixinho entre o beijo ao sentir a cabeça do meu pau tocar em sua entrada completamente virgem.

- Seu papai não vai te foder assim! – Eu dizia após separar o beijo dando início aos beijos em seu pescoço.

- Como meu papai irá me foder hum? – Ele dizia manhoso, Jimin na cama virava uma completa putinha.

- Seu papai vai te foder de ladinho! – Me deito ao seu lado e Jimin vira de costas para mim e eu seguro sua cintura como se ficássemos de conchinha. – Papai vai colocar no bebê dele...

- Coloca em mim papai! – Ele dizia acariciando meu pau e eu suspirei.

Segurei meu pau pela base e pincelei a cabeça do mesmo em sua entradinha que estava se contraindo doidinha para me sentir dentro dele, forcei meu pau dentro dele o ouvindo gemer meio alto, o penetrei de uma vez e fiquei parado esperando seu sinal.

- Awn, p-papai! M-me fode! – Ele disse após alguns minutos e eu sorri.

Segurei sua coxa deixando sua perna para cima e comecei a estoca-lo lentamente, naquele quarto só era ouvido os meus gemidos junto com os de Jimin e a da cama rangendo, o cheiro de sexo já estava impregnado em todo quarto e acho que até em nossos corpos.

Depois de certo tempo comecei a estoca-lo com força e de forma bruta, pedi para o menor deixar sua perna para cima, soltei sua coxa e dei um tapa forte em sua bunda deixando aquela enorme bunda branquinha marcada com meus cinco dedos, ah como eu amo esse menino.

Comecei a ir mais forte e fundo em Jimin até que o mesmo começou a gemer mais alto, isso significava que seu orgasmo estava vindo, continuei a ir no mesmo ritmo até que o mesmo gritou de prazer e seu orgasmo saiu com tudo sujando sua barriga lisinha e os lençóis, agora o meu orgasmo estava próximo, bem próximo.

- Goza papai... goza dentro do meu bebê. – Jimin dizia sussurrando enquanto apertando meus cabelos a fim de me provocar.

- O papai vai gozar neném... o p-papai v-vai... – Antes de terminar a frase sinto meu corpo tremer e meus jatos de gozo quente preenche a entrada do meu pequeno omega que geme um pouco alto ao sentir meu orgasmo intenso dentro dele.

Respiro fundo tentando recuperar meu fôlego, saio de dentro do mesmo e vejo meu gozo começar a escorrer pela sua entrada, me deito ao seu lado e o puxo para meu peito.

- Eu te amo meu safadinho! – Eu dizia dando um selar em seus cabelos.

- Eu também amo você papai! – Ele responde e eu já volto a ficar duro com ele me chamando assim, esse menino é a minha perdição.

- Deixa o papai foder a sua boquinha hum? – Sussurro no ouvido do meu pequeno e ele  se arrepiar, ele me olha e abre sua boquinha, puta que pariu!

Me levanto da cama e Jimin se sente ficando frente a frente com o meu pau totalmente duro, ele me olha pega no meu pau e sorri.

- Seu neném vai resolver isso papai! – Ele diz e logo abocanha meu pau com tudo me fazendo gemer alto.

Ele começa com seus movimentos de vai e vem em meu pau rapidamente o deixando completamente babando com sua saliva, seguro seus cabelos e tiro meu pau de sua boca vendo o rastro de saliva conectada em sua boca e em meu pau, ele abre a boca como se pedisse por mais, coloco meu pau em sua boca e começo a estoca-lo com força e assim fodendo sua boquinha do jeito que eu queria, Jimin começa a sugar meu pau e eu solto um gemido alto, continuo a estoca-lo até que afasto sua boca do meu pau e gozo em seu rostinho deixando ele todo sujo com a minha porra, ele já era lindo e desse jeito ficava mais lindo ainda.

 

Ajudo meu pequeno a se levantar e o acompanho até o banheiro, ele limpa seu rosto e assim voltamos para a cama. Nesse momento ele estava deitado em cima de mim enquanto acariciava meu peito.

- Não era pra mim sentir dor? Foi minha primeira vez. – Jimin dizia.

- E a adrenalina bebê, amanhã você vai acordar todo dolorido.

- Ainda bem que seu cio e só de um dia! – Ele disse e eu ri.

E meus amigos, eu tenho o omega perfeito ao meu lado.


Notas Finais


TAAAAME HOTZÃO HAHAHA🔥✨

Tentei detalhar o máximo pra vocês e sim! O cio do Jeikey e um dia sim! Não consigo imaginar eles fodendo por uma semana.🙂


O que acharam do capítulo de hoje???✨🧚🏻‍♀️


Lembrando que toda opinião é muito bem vinda!🐰🔥🐣


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...