1. Spirit Fanfics >
  2. My possessive alpha! Taekook (abo) >
  3. Capítulo 11

História My possessive alpha! Taekook (abo) - Capítulo 11


Escrita por:


Notas do Autor


Capítulo não revisado, peço desculpas desde já pelos erros!

Boa leitura!!♡

Capítulo 11 - Capítulo 11


Fanfic / Fanfiction My possessive alpha! Taekook (abo) - Capítulo 11 - Capítulo 11

     ~~~☆ Jungkook on ☆~~~

~~~• 30 minutos antes•~~~

Estava concentrado assinando alguns papéis de lugares para comprar, para poder expandir o meu território, quando ouço alguém batendo na porta, e pelo cheiro, soube que era taehyung.

- entra!- e o mesmo abre a porta.- tudo bem tae?, precisa de algo?

Tae- está sim!- fala meio esitante.

- o que foi?, pode falar!- o olho nos olhos.

Tae- É que, eu...- não consegue falar.

- você o que?- falo para ele continuar a sua fala.

Tae- preciso ir para casa de um amigo!- desvia seu olhar dos meus.

- que amigo seria esse?

Tae- Meu amigo Seokjin!

- certo, amanhã te levo lá!- me viro e contínuo olhando os papéis em minha  frente.

Tae- É que, eu tenho que ir agora.- o olho novamente.

- como assim agora?- franzi a sobrancelha. O que ele quer sair uma hora dess?!

Tae- Bom, é que ele ficou sabendo que eu quase fui... é você sabe- o olho e respondo um "hm" para ele continuar.- então ele disse que era para eu ir para casa dele agora, que queria me ver, e ele é como um pai pra mim!- tenta se explicar, acho fofo esse seu jeito, e é óbvio que eu iria deixar, se eu for junto!

- tudo bem então, eu irei te levar!- me levando e vou até ele.

Tae- o que?, não precisa!

- claro que precisa tae!, e não adianta discutir!.

Tae- está bem então!- suspira derrotado e dou um sorriso vitorioso.

- estarei te esperando lá fora em cinco minutos!

Tae- ok!- fala e sai do quarto.

Deixo os papéis ali mesmo e vou retirar o carro da garagem, passo pela sala e vejo Lisa, Chan e Kino conversando.

Ls(lisa)- vai sair uma hora dessa kookie?

- sim, não posso?

Ls- claro que pode!, onde vais á essa hora?- pergunta curiosa.

-irei levar o tae até a casa de um amigo dele!.

Ls- agora, ele nao pode esperar até amanhã não?!

- Não sei, tae disse que ele é como um pai para ele e quer ir ve-lo, então levarei!

Ls- Ah! Ok, até depois então!- fala voltando a presta atenção no seu computador.Os três alfas assentem e saio dali, indo retirar o carro.

Retiro o carro e o espero encostado no carro, tae aparece com seus amigos logo atrás, eles também irão presumo.

-podemos ir?- pergunto e os três assente.

                ~~~• Agora •~~~

Ao ouvir os gritos dos ômegas subo correndo as escadas e vejo uma cena horrível, jin estáva em uma cadeira amarrado, cheio de sangue e machucados, jimin estáva chorando em seu colo para tentar acorda-lo, mas sem sucesso, bambam e tae estavam no chão chorando ainda chocados com o que viam.

Pego o meu celular e mando uma mensagem para Lisa, já que eu sabia que a mesma estava acordada e falo para ela me encontrar aqui com o, Jack, Hobi e as two A!

Digito o número da ambulância e ligo para lá, dou o e endereço daqui e em em cinco minutos eles chegariam!.

Vou até o jimin o tirando do colo do mais velho para tentar desamara-lo, olho para o chão e tinha uma frase escrito, com o sangue do ômega.

" Você será meu Taehyung, custe o que custar!"

Meu sangue ferveu, quem que fez uma crueldade dessas?! Aa!! Mas esses filha da puta irão me pagar!, não importa quem seja!

- tudo bem jimin, já chamei a ambulância e logo eles estão chegando!- falo e o mesmo assente. Vou até o tae e o bam para tentar acalma-los.

- já chamei a ambulância, logo, logo, ele vai ser levado e irá ficar tudo bem!- falo para os dois e o tae me olho com os olhos inchado e com o nariz vermelho.

Tae- você disse que meus amigos iriam ficar seguros!- fala entre soluços, e aquilo me pegou de surepresa, eu havia prometido que protegeria os amigos dele, mas falhei!

- sinto muito tae!, era pra estar dois seguranças meus rondando as casas dos seus amigos, irei ver o que aconteceu para eles deixarem o posto!.

Tae- não quero saber o porquê seus seguranças deixaram o posto Jungkook, eu quero meu hyung bem!, se ele não ficar bem Jungkook, saio daquela merda!- diz alterado.

- Não irá acontecer nada!, a ambulância já esta chegando, vai ficar tudo bem!- em um ato rápido o puxo para um abraço e o mesmo fica surpreso, mas acaba cedendo e retribui.

Tae- eu confio em você Jungkook!- fala choroso, com o rosto no meu peito.

Ouço o barulho da ambulância e desfaço o abraço e desço lá em baixo, fala que o ômega está lá em cima, eles o pegam e levam na ambulância, eles falam para qual hospital vão, jimin, vai com o mais velho na ambulância e eu vou levar o tae e o bam bar no meu carro. Logo em seguida chega Lisa e os outros.

Ls- o que aconteceu?

- invadiram a casa do amigo do tae e o agrediram!- falo sério.

Hs- e onde é que estava os seguranças que você colocou para vigiar a casa do ômega Jungkook?-  pergunta irritado.

- também quero saber!

Jack- irei dar uma olhada pela visianca vê se encontro algo suspeito!.

Ls- irei com você!

- está bem, qualquer coisa me liguem, vou levá-Los até o hospital!- eles assentem e saem.

Hs- irei com você!

- está Bem, vamos!

Vou lá para dentro onde estavam os ômegas, aleh e ali, estavam tentando acalma-los.

- oi meninas!

Aleh e ali- olá Jungkook!

Ali- o que aconteceu, eles estão apavorados?- pergunta confusa, abraçando o bambam.

- no caminho eu te falo!, vamos para o hospital agora!- tae saí do abraço da aleh vem até mim.

Tae- então vamos rápido, hyung precisa de nós!- fala limpando as lagrimas.

Fomos para o carro, hoseok e as two A foram no outro carro, não demorou muito e já havíamos chegado, entramos e já avistamos o jimin sentado nas cadeiras do hospital chorando.

Fui até a recepcionista e disse que estamos com o ômega sentado, ela assente é vou ate eles.

Jimin, nos falou que a citação do jin é delicada, mas não grave, o ômega quebrou duas costelas, quebrou o braço direito, levou três pontos na barriga e quatro na sobrancelha.

Tae e bam, caíram na choradeira, Aleh e ali, tentavam acalma-Los a todos momento, se não eles poderiam ter um ataque cardíaco. Meu celular toca e era Lalisa.

   ~~~☆ Ligação on. ☆~~~

acharam alguma coisa?

Ls- sim, e você não vai gostar nada disso!- seu tom era sério.

- o que foi?

Ls- encontramos os seguranças!

 e ai?, onde eles estãoquero falar com eles!

Ls- não será possível.

- por que não?

Ls- eles estão mortos!, quem que seja que tenha invadido a casa do ômegasabia que tinha seguranças rondando a casa e sabia que vocês iriam para lá!

Não é possível!-  gritei irritado.

Ls- hoseok acha que tem alguém infiltrado na base, ele disse que quando o carregamento de armas foi roubado, o pessoal foi bem cálculista e espertos, eles sabiam exatamente por onde o caminhão iria passar!

quem quer que seja, eu irei matar esse filha da puta!- eu estáva me segurando para não deixar meu lobo assumir o controle, o mesmo quer vingança e ele terá!.

Ls-  estamos vendo isso kook, qualquer suspeito avisarei você!

está Bem, e ande logo com isso, quero o sangue desse desgraçado!- ela assente do outro lado da chamada e desligo.

   ~~~☆ Ligação off. ☆~~~

Suspiro frustrado, passando a mão no cabelo, tento me acalmar para ir ver como os ômegas estão.

Hs- está tudo bem cara?- vem até mim.

- Não, mas vai ficar, acredita que aqueles desgraçados, sabiam que iríamos pra lá e sabiam também que eu deixei seguranças lá e mataram os mesmo?- falo rindo irônico.

Hs- O QUE?!, filhos da puta!, bem que eu estava desconfiando que tinha um enfiltrado na base, os Buma, homens de branco, ou sei lá quem que seja, estão muito confiantes, invadindo nosso território Jungkook!, não podemos deixar passar essa!

- E não irei!, vou ter minha vingança, se eles querem guerra, então eles terão uma!

Hs- pode contar comigo Jungkook!- coloca a mão no meu ombro.

- obrigado Hoseok!, irei precisar!, se os Buma se juntarem com os homens de branco, estamos ferrados!- falo rindo.

Hs- eu sei disso!, por isso já estou treinando duro com nosso pessoal e estou a procura de novos lobos!, Jay disse que nos ajudaria também!

- que bom, a ajuda dele será muito bem vinda. Olho para o lado e o medico estava voltando, vou até lá para saber o que ouve, e pedi para o Hobi, pagar a canta do hospital!.

BB- O-o que ouve com ele doutor, ele vai ficar bem?- pergunta se embolado nas palavras por conta do choro.

Dr- ele vai ficar Bem, está fora de risco!, agora é só esperar ele acordo e daqui dois dias ele receberá alta!- fala dando um sorriso, e os ômegas comemoram e caiam na choradeira!.

Tae- O-obrigado doutor!- fala apertando a mão do mesmo.

Dr- só fiz meu trabalho!- da um aceno com a cabeça e sai.

- Não precisam mais se preocupar, logo, logo, ele está recebendo alta e vocês vão poder conversar com ele!.- falo e eles se abraçam aliviados pela notícia.

Jm- quero muito da um abraço nele!- fala limpando as lágrimas.

- Você irá, logo, logo jimin!

Aleh- já que o amigo de vocês está bem, que tal irmos comer?, não vai ser confortável vocês passaram a noite aqui de barriga vazia!- fala animada.

BB- ótimo então, estou faminto!

Jm- e me conta uma novidade, bambam!- fala rindo do amigo.

Tae- você também, come horrores jimin!, nem vem falar do bam!- defende o amigo.

Jm- você está contra mim tae?- fingiu está indignado.- E você que quando está pra entrar no cio, come ma os que ômega grávido de gêmeos!.

Isso está ficando divertido, é bom para distrair eles um pouco.

Ali- meu Deus tae!- fala rindo.

Tae- jimin!, eu nem como tanto assim tá!- faz bico.

BB- imagina se comece!

Tae- Ya!, eu te defendo e você ainda concorda com o jimin!, que absurdo.

- tae, até eu que só convivi com você por alguns dias notei que você que muito!- falo rindo da cara de irritado que ele fez!, que parecia mais com um gatinho fofo!.

Tae- até você Jungkook?!- bufa cruzando os braços.

Aleh- tá chega, vamos comer de uma vez!- diz se levantando.

BB- mas são duas horas da manhã, não tem nada aberto agora!.

Hs- tem sim, tem um mercadinho de vinte quatro horas aqui perto!.

Ali- como é que você sabe?

Hs- sempre vejo em volta dos lugares que eu frequento!- fala sorrindo e a ômega assente!

Tae- está bem, vamos rápido porque eu não quero deixar o hyung sozinho por muito tempo!.

- Não iremos demorar!

(...)

Já havíamos comido e voltamos para o hospital, não tinha muito o que fazer além de esperar, foi uma briga pra quem ia dormi com o Seokjin no hospital, Tae acabou ficandon não gostei da ideia de deixa-lo sozinho então o obriguei ele aceitar três seguranças alfas com ele!, depois de muita discussãoele acabou aceitando.

Agora estou no carro levando as two A para base, Hobi, levou bambam e jimin, e lhe dei boa sorte!, aqueles dois não dá pra ficarem juntos.

Aleh- está tudo bem kookie?, o que você irá fazer agora?- pergunta me tirando dos meus pensamento, e sinceramente, eu não sei o que irei fazer!, preciso de um tempo para bolar um plano, não vai ser nada inteligente da minha partb chegar invadindo o território inimigo sem um plano, e colocar, meus soldados em perigo.

- tenho que pensar num plano e vocês treinam duro, quero vocês preparadas para tudo.

Aleh e Ali- está Bem!

Passou dez minutos e já havíamos chegado na base, estou muito cansado e com muita dor de cabeça e pra completar com raiva, na verdade com raiva eu sempre estou, mas hoje passou do limite, eu vou destroçar a pessoa que fez isso!

Saio do carro e vejo o tae cabisbaixo, não sei se vou ate ele ou se dou um tempo para ele pensar, o amigo foi seriamente agredido e ainda ele foi ameaçado, é muita coisa para digerir.

Vou da um tempo para ele e depois passo  seu quarto para vê se ele está um pouco melhor!

Mark- O ouve cara?, como assim quase mataram o amigo do taehyung?- veio me perguntar sério.

- eu ainda não sei, eu deixei seguranças lá, mas o mataram!, Hobi disse que tem infiltrados aqui, e se eu descobrir quem é essa pessoa pode se considerar morta!

Mark- não é possível, quem se atreveria se infiltrar aqui?

- a loucos para tudo!- falo com raiva.

Mark- essa ou essas pessoas não sabem onde estão se metendo.

- vou fazer questão de mostrar para elas onde se meteram!

Mark- irei te ajudar nisso.

- certo!, a partir de agora, comece a desconfiar de tudo e de todos, não quero deixar nada passar!

Mark- certo!.

- agora vou me deitar um pouco, estou morto!.- falo dando um sorriso fraco é vou para o meu quarto, mas antes para na porta do tae, será que ele está acordado?!

Bato na porta, espero um pouco e ele abre a porta esfregando os olhos, com o cabelo todo bagunçado, ele está muito fofo.

Acho que acordei alguém!

Tae- Jungkook?, o que foi?- fala bocejando.

- am..., nada, só queria ver se você estava bem ou precisando de algo.- dei um sorriso para o mesmo.

Tae- está tudo bem kookie, não preciso de nada, obrigado por se preocupar!- deu um sorriso, mas percebi a tristeza dele.

- tudo bem então!, vou deixar você descansar, qualquer coisa me chama!-sorrio e dou um thauzinho, ele assenti  e fecha a porta indo dormi novamente.

Suspiro cansado e vou dormir também, hoje o dia foi cansativo e estressante, preciso muito ir dormi, mas um lado meu ainda está preocupado com o ômega que agora está loiro, e muito lindo por sinal, eu me sinto na obrigação de protegelo!, e assim eu farei, pois sei mas do que ninguém que esse ômega nasceu para ser meu e ele será!, ninguém vai tira-lo de mim, nem que eu tenha que começar uma guerra!.

Aah!! Taehyung o que você fez comigo?

Entro no meu quero, e vou direto tomar um banho, escolho para vestir, uma calça moletom cinza, uma box Preta e vou dormi, não gosto de dormir com camisetas.

Depois do banho, seco meu cabelo com a toalha e deixo em cima da cadeira, deito em minha cama sentindo a maciez dela, do nada vem em minha mente o beijo que eu dei no tae e céus que lábios, preciso deles novamente nos meus!, seu cheiro cítrico e adocicado de morando me deixam louco, taehyung me deixa louco, adormeço pensando no ômega!.

(...)

    ☆° Três dias depois °

Ainda eu estava tentando descobrir quem são o ou os infiltrados aqui na base, e que estão fazendo informações  sobre nós, esses filhas da puta, além de querer meu território, querem o Meu ômega, mas eles só vão ficar no querem, nem que eu tenha que ir até inferno atrás deles, eu irei proteger meu ômega a qualquer custo!.

Taehyung foi para um dos meus apartamentos, com o bambam e jimin, para cuidarem do seokjin, o mesmo ganhou alta ontem de noite e eles foram direto para lá, e é claro que eu deixei alfas de guarda lá!, dessa vez coloquei cinco alfas alças para fazer a segurança dos mesmo.

Taehyung está estranho, nos últimos três dias o ômega andava dormindo bastante, o mesmo falou que era cansaço, que cuidar de criança não era fácil, deixei isso de lado, pois se o mesmo disse que estava bem eu irei confiar!.

Aleh e ali, estão cada dia melhores, elas também estão fazendo a segurança dos ômega no apartemando, só que elas ficam dentro com eles, e a onde quer que eles forem elas vão junto, com mais três alfas, porque ômega cuidando de ômega pode ser perigoso, mesmo com elas treinadas, elas não dariam conta contra alfas, então elas também teram seguranças.

Jack- tenho boas notícias!- vem em minha direção sorrindo, com um tablet na mão, era tudo o que eu queria, boas notícias!.

- fale, qual é essa Boa notícia?

Jack- tenho suspeitas de quem é os infiltrados!

- os?- franzi a sobrancelha

Jack- sim!, minhas suspeitas são duas pessoas!

Chan- de quem você está suspeitando Jackson?- pergunta curiosos, ele estava comigo, na sala de computação, onde os hackers ficam, me dando umas ideias de como podemos enfrentar os Bumas sem causar uma guerra!.

Jack- Lucas e o Kino!

- o Lucas e o Kino?, o Lucas eu até relevo mas o Kino?, de se for verdade aquele filho da puta vai me pagar!

Chan- como você chegou a essa conclusão?, o que faz eles suspeitos?- fala confuso.

Jack- o Lucas é meio óbvio, eu nunca confiei nele, meu lobo não gosta dele, e também no dia que as armas foram roubadas ele que estava dirigindo, vai que foi ele que vazou a informação!, e sem contar ele anda atrás do tae desde o dia que ele chegou aqui!.

Até que faz sentido, mas o porque ele está fazendo Isso?, tem mais alguém por trás disso!, e o porque o Kino também?, isso vai me deixar louco!

Chan- faz sentindo!, e porque o kino?

Jack- simples, antes do kino entrar para a matilha ele era um sem teto e devia para os Buma!, vai que eles estão o cobrando agora!.- da de ombros.

- mas a dívida dele com os Bumas já está paga, eu lhe dei dinheiro para cair fora e arrumar sua vida!, porque ele faria isso?

Jack- pode ser qualquer coisa Jungkook, pessoas fazem de tudo por dinheiro, pode ser que ele ganhou uma boa quantia, e em troca elê se infiltrava aqui e dava informações para eles!

Chan- isso faz sentido, temos que acabar com eles, antes que eles fazem mais informações!.

- não podemos fazer nada sem pensar, quero que os interrogam de uma forma discreta sem que eles percebam!

Jack- irei falar com o Yugyeom!, ele é bom no que faz!- fala sorrindo de lado. Yugyeom trabalhava para o fbi, ele interrogava as pessoas de la, e as faziam falar tudo!, apenas no diálogo, apesar de ser um ômega, ele dá medo em quem tenta cruzar o seu caminho, ele foi demitido após ajudar um alfa a fugir, esse alfa era seu marido, ele era um bandido, tinha dívidas para pagar e acabou sendo preso após tentar roubar um banco. Eu os ajudei, e agora eles são da minha matilha e juraram lealdade a mim e ao mark!, seus líderes.

- certo, faça Isso!- Jack assenti e sai da sala.

Chan- irei chegar às câmeras para ver se acho algo suspeito!- fala se sentando em frente ao computador.

- qualquer coisa me avisa, estou de saída!

Chan- vai a onde chefe?- pergunta me olhando, e desde quando eu lhe dou satisfação?! Somos apenas colegas de trabalho não amigos!.

- não interessa!- falei sério.

Chan- desculpe chefe!- abaixa a cabeça.

Saio Dalí e vou para meu escritório resolver alguns problemas das minhas propriedades, uma que está me dando dor de cabeça é a quela maldita casa de festa Party'Nigth, está tendo muita confusão lá dentro, os vizinhos estão reclamando bastante. Hoje eu não estou muito bem, estou me sentindo mais quente que o normal, deve ser algum resfriado.

Passo a mão no meu cabelo para tras e suspiro cansado, preciso respirar!. Vou para a parte da frente da base no quintal, sento em um banco respirando ar puro, me acalmando um pouco, mas essa momento de paz acaba com o marulho irritante do meu celular tocando!, era um número desconhecido, desligo a ligação deixando o celular de lado no banco, mas o infeliz que está me ligando é insistente e resolvi atender.

   ~~~☆ Ligação on. ☆~~~

quem é?- perguntei ríspido.

- como assim quem é?, não tem mais o contato da sua mãe salvo seu moleque!- seu tom era sério.

-mãe?, o que quer?- estava surpreso em receber mitigação dela, ela não dá notícias de vida, sempre ocupada com seu trabalho que até hoje eu não Fasso a mínima ideia do que é!. A mesma é uma alfa muito bem sucedida na vida, uma das raras espécies de alfa feminina, e ainda é uma lúpus.

- como assim o que eu quero?, estou com saudades do meu filhote!.

- você sabe onde me encontrar mãe, a senhora não me visita porque não quer!- revirei os olhos.

você sabe que eu não tenho tempo Jungkook!, esse final de semana irei te visitar.

está bem mãe!

agora preciso ir, até mais meu filhote!

-tchau mãe!

   ~~~☆ Ligação off ☆~~~

Mais essa agora, minha mãe vai vir me visitar daqui a dois dias, não é que eu não goste dela, é que ela não foi uma mãe muito presente na minha vida, abandonou o meu pai ômega sem nada, o mesmo faleceu há três anos, eu não a culpo, porque eles não se amavam de verdade, ele ajudou minha mãe no cio e a mesma ficou grávida, ele me assumiu mas minha mão não o queria na minha vida e nem na dela, ela arranjou outro ômega esse que eu o odeio com todas as minhas forças, porque quando eu tinha quatros anos, ele me odiava, me fazia de escravo, me trancava no armário, quando eu não fazia suas vontades ele me deixava sem comer, e quando eu falava para minha mãe ele se fazia de vítima, falando que eu falava aquelas coisas porque não gostava dele, e que eu não o considerava como pai!, ele tinha razão eu o odiava e deixava isso bem claro, minha mãe que não inventa de trazer ele para cá que eu o mato!

Decido ir para o meu quarto quando de novo meu celular toca!

-Mas que merda, não me deixam em paz por um minuto!- falei pegando o celular, era seokjin!

   ~~~☆ Ligação on ☆~~~

- seokjin o que Foi?, aconteceu alguma coisa?- falei apreensivo!, meu lobo está inquieto, deve ter acontecido algo com o tae.

- é o tae!, ele entrou no cio!, e tem dois alfas tentando entrar aqui no apartamento, eu não sei o que fazer, ele não para de chamar por você Jungkook!

- nao deixe os entrar, estou a caminho!
.
.
.
.
.
.
.

~~☆ Notas Finais ☆~~~

Até o próximo capítulo!!



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...