1. Spirit Fanfics >
  2. My Possessive Husband - Jikook (REPOSTANDO) >
  3. The truth always comes out pt.1

História My Possessive Husband - Jikook (REPOSTANDO) - Capítulo 63


Escrita por: 5xxgguk_ e Ayumii-Hyung

Notas do Autor


⚠️ATENÇÃO⚠️: Este capítulo contém cenas de uso de drogas e bebidas alcoólicas, caso não se sinta confortável, apenas não leia.

BOA LEITURA!!!

~Tia Gguk🦋

Capítulo 63 - The truth always comes out pt.1


Jeon Jungkook POV

( 2 meses depois...)

Busan, South Korea - 10h30

Já havia se passado dois horríveis meses desde que tudo aquilo aconteceu e desde minha separação e de Jimin, o loiro já estava recuperado, já recebeu alta do hospital e já veio aqui em casa pegar as coisas dele e de Jeongsan. Ele agora está vivendo com os pais novamente juntamente ao nosso filho, confesso que tudo que eu mais queria era ser um pai presente para Jeongsan, mas tenho a total certeza que Jimin não iria me querer perto dele já que o loiro me considera agora um monstro e obviamente não iria querer alguém como eu cuidando do bebê.

Durante esses meses, eu só fiz trabalhar, trabalhar e trabalhar, não ando comendo direito e nem me cuidando mais como antes eu fazia. Meus cabelos que antes eu sempre cortava as pontas para não ficar muito grande já estava quase nos meus ombros, eu também estava um pouco magro e perdi alguns músculos, sem falar também que ando não dormindo direito esses dias, minhas olheiras estavam visíveis, minhas crises ficaram piores que antes já que parei de tomar o meu remédio e por fim, andei me drogando e embebando demais. Resumindo isso tudo, estou sofrendo demais devido a minha separação e a do Jimin.

O pai dele já me mandou os papéis do divórcio para eu assinar, mesmo sendo contra isso, tive que assinar. Não tive escolha, mesmo eu ainda sendo perdidamente apaixonado por Jimin, tive que fazer isso ou se não era adeus empresa já que o progenitor do loiro disse — lê-se ameaçou — que se eu não sumisse da vida de Jimin, ele iria fazer com que minha empresa falisse e eu iria ficar completamente na merda. Para ser sincero, já estou mais que acostumado com todos me tratando desse jeito, quem iria querer um doente igual a mim por perto não é mesmo?

Nesse momento eu estava em casa tragando um cigarro de maconha e bebendo uma garrafa de vodka, posso até dizer que eu estava completamente na merda sem Jimin aqui, até porque era ela quem fazia eu esquecer completamente meus vícios. Mas agora que não o tenho mais, minha vida só está se baseando em trabalho, drogas e bebidas.

Eu estava tão imerso em meus pensamentos que nem ouvi a campainha tocando, me levantei sem nenhum interesse de ir atender a porta, mas mesmo fui lá e abri a mesma, assim me deparando com as pessoas que eu não esperava ver a essa hora da manhã: Taehyung e Namjoon.

— O que vocês estão fazendo aqui? Jimin não já havia dito que não era para vocês se aproximarem de mim depois da merda que eu fiz? — Eu perguntei de modo seco e frio para os dois que haviam entrado sem nem mesmo pedir licença. Idiotas.

— Sim Jungkook, ele havia dito, mas só queremos saber como você está — Namjoon disse olhando para toda a casa que estava uma bagunça tremenda, com latinhas de cerveja jogadas pela sala, também tinha uma bandeja com cocaína e sem falar também nos inúmeros cigarros de maconha em cima da mesinha de centro — Há quanto tempo você não arruma a casa, Jungkook? Que bagunça e que cheiro de maconha é esse? Você andou se drogando? — Namjoon perguntou tampando o nariz junto a Taehyung que fez uma careta de nojo ao pisar sem querer num pedaço de pizza que estava no chão.

— Eu fiquei tão focado no trabalho esses meses que nem tive tempo de arrumar a casa e também fiquei mal com aquele meu lance com o...o Jimin — Falei abaixando a cabeça enquanto sentia as lágrimas encherem os meus olhos. Eu estava sofrendo de mais com tudo aquilo.

— Há quanto tempo você não se cuida, Jungkook? Você está magro, você está se alimentando direito? Está dormindo direito também? Você não pode se martirizar assim, até porque sabemos o quão injusto Jimin está sendo com você e você sabe que pode contar com a gente para tudo — Taehyung falou aquilo se aproximando de mim enquanto sorria de modo reconfortante. Pelo menos, eles são os únicos que haviam acreditado em mim quando contei tudo o que eu fiz com Hyunjin 2 meses atrás.

— Taehyung tem razão, Jungkook, não se martirize assim até porque acreditamos em tudo que você disse, você apenas queria proteger o Jimin e ele não tinha o direito de te fazer sofrer assim e muito menos te proibir de ver seu filho — Namjoon falou ficando ao lado de Taehyung. Eles são as melhores pessoas que já pude conhecer.

— Obrigado, pessoal, eu nem sei o que faria se não fosse por vocês me ajudando a superar tudo isso — Falei com os olhos lacrimejando e com um sorriso pequeno.

— De nada, Jungkook, agora vai lá tomar um banho que eu e o Namjoon vamos dar uma geral nessa casa e depois fazer alguma coisa para você comer — Disse Taehyung puxando Namjoon até a cozinha enquanto eu subi para tomar um banho relaxante. Eu estava precisando disso mesmo.

(Quebra de Tempo)†

Eu já havia tomado meu banho e me vestido, eu trajava uma regata branca confortável juntamente com uma bermuda folgada na cor azul e os meus cabelos, eu os arrumei em um coque. Nesse momento, eu estava na cozinha comendo o Kimchi que Namjoon e Taehyung haviam preparado e eu posso dizer que estava uma delícia. Por um milagre, Namjoon não havia quebrado nada na minha cozinha, pelo menos isso.

Eles dois haviam deixado a casa num estado impecável, igual antes era quando Jimin e eu ainda estávamos juntos. Confesso que mesmo sendo difícil, estou conseguindo superar tudo isso que anda acontecendo comigo. A única coisa que eu queria agora, era ter meu filho em meus braços, queria olhar o rostinho dele e dizer o quanto eu o amo, mas infelizmente Jimin tornou isso impossível proibindo que eu me aproximasse de Jeongsan, mas logo irei tornar isso possível até porque tenho três pessoas ao meu favor: Fatou, Namjoon e Taehyung. O resto acabou se afastando depois que descobriram o que eu fiz, até mesmo meus pais se afastaram de mim depois que descobriram tudo.

— Namjoon e Taehyung, quero pedir uma coisa a vocês — Eu disse antes de me  levantar da cadeira e ir até a pia lavar todos os pratos sujos.

— Pode falar, Jungkook — Namjoon disse olhando para mim juntamente a Taehyung.

— Eu quero que vocês peçam a Jimin que ele permita a minha visita ao meu filho, tudo que eu mais quero é visitar o Jeongsan já que não ele me proibiu de me aproximar do bebê — Eu falei enxugando as louças já lavadas, em seguida olhei para os dois que fizeram uma expressão um pouco tensa.

— Nós vamos tentar Jungkook, mas não é de certeza que Jimin irá deixar você ver o Jeongsan, você sabe o quanto ele é cabeça dura — Taehyung disse me olhando com uma expressão tensa igual a do Namjoon.

— Se não der, tudo bem, vai ser bom saber que pelo menos tentaram — Eu falei sorrindo fraco, mas esse mesmo sorriso sumiu após eu sentir uma tontura fazendo com que eu quase caia no chão, mas por sorte Namjoon e Taehyung me seguraram.

— Jungkook, você está bem? Está sentindo alguma coisa? — Taehyung perguntou de um modo preocupado enquando me segurava junto a Namjoon que também me olhava preocupado enquanto me segurava também.

— Eu estou bem, só foi uma tontura, acho que vou descansar um pouco — Eu disse me recompondo e sorrindo de modo fraco igual a antes.

— Tem certeza, Jungkook? — Namjoon perguntou ainda me olhando com uma expressão preocupada.

— Sim meninos, irei descansar um pouco, com licença — Falei me preparando para sair da cozinha, mas antes de eu dar o primeiro passo, senti minhas pernas fraquejarem assim me fazendo cair no chão.

— JUNGKOOK!!!!! — Foi a última coisa que eu ouvi antes de ser completamente engolido pela escuridão.

Continua...


Notas Finais


Bom dia, o sol já nasceu lá na fazendinha ☀️

Espero que tenham gostado do capítulo, talvez mais tarde irei fazer mais um. Amo vocês!!!! ❤️❤️❤️

~Tia Gguk🦋


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...