1. Spirit Fanfics >
  2. My Prince- Bakugou Katsuki >
  3. O começo

História My Prince- Bakugou Katsuki - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Espero que gostem!

Capítulo 1 - O começo


Fanfic / Fanfiction My Prince- Bakugou Katsuki - Capítulo 1 - O começo

Uraraka  on




A princesa  perfeita é o que todos pensam, quando vê minha foto eu queria ser livre de todos os problemas da minha vida. O reino da minha falimia com o reino vizinho, Bakugou's fizeram um acordo para acabar com os problemas entre os dois reinos, um casamendo arranjado entre eu e o herdeiro deles, Katauki Bakugou, um arrogante e irritado, eu fui completamente contra mas não me ouviram.



Hoje os meus pais m chamaram para conversar, desci as grandes escadas do catelo indo em direção a sala do trono, que eles conserteza estariam, bati na porta e entrei.



-Bom dia pai, bom dia mãe! O que desejam?- falei com a maior calma, por fora, por dentro estava morrendo de medo de ter acontecido algo sério.



-Bom dia filha, eu e seu pai te chamamos aqui por que decidimos, junto com a rainha Mitsuki e o rei Masaru a fazer um baile, para anunciar seu casamento com o príncipe Bakugou- falou minha mãe calma, como sempre



-Será semana que vem na quarta feira, vá com o seu melhor vestido, você tem que causar uma boa impressão para os reis, o príncipe e o povo- falou meu pai com um ar de seriedade 



-Ok, vou voltar para o quarto- falei e me retirei, subi bufando para o quarto, estava lá minha empregada Mina, minha melhor amiga.



Conversei um pouco com ela, e pedi para ela fazer um vestido branco para o baile, para indicar minha pureza. Deitei na  cama dormir em menos de 5 minutos.



Bakugou on



-Tinha acabado de discutir com meus pais por causa do cassamento, estava no meu quarto com Pavê (autora:vulgo todoroki) e Deku (autora:vulgo Midoriya), eu sei que eles estão em um relacionamento, mas me finjo de sonso, os dois não sabem esconder porra nenhuma de mim, sempre descubro.


-Ei Kacchan preciso ir, tenho que ajudar minha mãe!-falou e saiu do quarto, 5 minutos depois Todoroki falou


-Também preciso ir, prometi pra minha mãe que iria passar na feira.-



-Seii, vai lá, da oi pro Deku por mim-ele ficou vermelho e foi embora



Fiquei uns 30 minutos olhando a vista pela janela do meu quarto e tomei um banho e decidi sair pra andar a cavalo.


Passei pela cozinha e vi meus pais tomando chá.


-Velha to saindo-ela me olhou irritada e gritou


-VELHA É SUA VÓ- Dei risada da cara dela e fui pegar meu cavalo ____( autora:dão o nome vcs to sem ideia)fui para a floresta que é conhecida por ter lobos, por isso ninguém vai lá, um lugar quieto e fresco(pinscher(baku):tanto lugar pra ir e pq eu tenho que ir pra uma FLORESTA com LOBOS? autora:segue o reteiro) fiquei lá a tarde toda, umas 18:00 começou a escurece.



-É melhor eu ir embora de noite os lobos atacam.-falei comigo mesmo, mas antes ouvi um rosnado e passos correndo, peguei minha espada e começei a olhar ao redor, fui pra perto do cavalo e vi uma menina toda machucada saindo da escuridão.



-Por aqui-falei e ela veio em minha direção peguei ela no colo e a joguei em cima do cavalo, subi logo após isso e corri em direção ao castelo, percebi que a moça tinha desmaiado e olhei para trás os lobos pararam de nos seguir.



Horas antes 



S/n on



Era mais um dia normal minha mãe indo na casas de amigas e meu pai indo trabalha me  deixando sozinha, eu gostava disso, nos moramos  perto da floresta então eu ia em uma cachoeira e ficava lá a tarde toda, me arrumei e fui, antes passei na casa da minha melhor amiga, Jirou, e a chamei para ir junta comigo nos sempre fizemos isso, ela aceitou chegamos começamos a corversar



-Ei S/a vc viu que o príncipe vai se casar?-falou Jirou



- Não tinha visto, tenho  do de quem ele vai se casar, ele é um homem irritado e arrogante, nuca me casaria com ele (autora:isso vai nessa)! Mudando de assunto, vamos entrar na água- fomos correndo pra água ficamos lá até as 17 horas e nos duas fomos pra casa, 30 minutos depois meus pais chegaram e estavamos fazendo  a janta quando um ladrão entrou pela porta.



-TODO MUNDO PARADO- gritou apontando uma arma para meus pais



-Pode levar tudo só deixa minha família em paz-falou meu pai desesperado



-Você fala demais hein-atirou nele



-Pai, Pai PAII- eu já estava desesperada



-cala a boca garota-falou apontando a arma pra mim, fiquei quieta.



Foi muito rapido o que aconteceu, os bifes que estavam no fogão pegaram fogo, fazendo o gás explodir o ladrão fugi, o fogo tava muito alto, uma ripa de madeira caiu em cima da perna da minha mãe.



-Corra, corra o mais rapido que vc conseguir, eu te amo filha, vai- falou me empurrando pra uma janela, sai correndo sem olhar para trás nesse momento eu já estava chorando, chorando muito mesmo, estava cheia de arranhões até que eu ouço um uivo, corro mas rápido mais sinto uma presa em minhas pernas, dei um chutão no lobo e com todas as forças que tinha voltei a correr com a perna doendo muito ouvi um "por aqui" e uma pessoa me pegou no colo e colocou no cavalo, eu fechei os olhos e desmaiei.


Continua...






Notas Finais


queimei meus dois neurônios fazendo isso! Espero que gostem me desculpem pelos erros


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...