1. Spirit Fanfics >
  2. My Private Policeman - Jeon Jungkook >
  3. Treino

História My Private Policeman - Jeon Jungkook - Capítulo 22


Escrita por:


Notas do Autor


Volteiii
Boa leitura ❤️

Capítulo 22 - Treino


Fanfic / Fanfiction My Private Policeman - Jeon Jungkook - Capítulo 22 - Treino

DE TARDE


Saímos logo depois de almoçar.

JK: chegamos! 

S/n: *olhei pela janela* "base de treinamento de tiro"! *Li na fachada do galpão* sério???

JK: sim! *Sorriu* você não quer treinar tiro? *Assenti* então vamos! 


Descemos do carro, ele trancou o mesmo e eu corri abraçar ele.

S/n: obrigada!! 

JK: *sorriu e me abraçou* não precisa agradecer! Eu faço tudo pra te ver sorrindo!

S/n: você precisa me dizer mais das coisas que você quer fazer! Também quero realizar seus desejos! *Separei o abraço e fiz bico* 

JK: ooh minha vida! *Me deu um selinho* vou falar mais! Prometo, tá bom?

S/n: tá bom! *Sorri*

JK: agora vamos pra não nos atrasar!


Assenti animada, ele sorriu e entramos no galpão.

Xx: *olhou pra gente* Jungkook!! 

JK: eai!? *Abraçou ele* quanto tempo! 

Xx: muito tempo! Andou malhando né?!

JK: sim!

Xx: percebi! A última vez que te vi você era um palito com duas pernas e dois braços! *Não me aguentei e ri de leve* 

JK: e você continua sem pegar sol, seu fantasma ambulante! 

Xx: vai a merda! *Eles riram* quem é a moça bonita? *Sorri envergonhada*

JK: pode tirando o olho! *Se aproximou de mim e rodeou um braço pela minha cintura* pequena, esse é o Yoongi, meu amigo que eu te falei e Yoongi, essa é a S/n...minha noiva! *Sorri*

Yg: *arregalou os olhos* noiva?? Mas…

JK: fazem 4 anos que não nos vemos! Algumas coisas mudaram!

Yg: pois é! Você ainda tava com aquela patricinha, nariz empinado que passou por Chernobyl quando nos vimos pela última vez! Agora você escolheu bem! *Rimos* prazer em te conhecer S/n!

S/n: o prazer é meu!

Yg: *sorrimos* me diz Jeon, veio treinar mais?

JK: não! Ela que vai treinar!

Yg: bom também! *Rimos* vai ser uma honra te treinar!

JK: pode parar, seu tarado sem vergonha! *Rimos* eu vou treinar ela! Não vou te deixar se esfregando nela não!

Yg: até parece que iria pegar a sua mina! *Eles sorriram* sabe onde fica as armas e as munições, sintam-se à vontade! 

JK: Valeu!


Ele sorriu e foi ajudar as outras pessoas que estão treinando. 

JK: vem, amor! 


Entrelaçamos nossos dedos e ele me puxou até um canto.

JK: vamos começar com a pistola, ok? *Assenti* 


Ele pegou uma pistola que é bem parecida com a dele, munição e fomos até a área dos alvos mas afastados do resto das pessoas.

JK: vem aqui, fica na minha frente! 


Fiquei na frente dele, ele segurou minha cintura com uma mão e com a outra me entregou a arma.

JK: só não mata ninguém!

S/n: seu idiota! *Rimos e eu dei um selinho nele* não sou tão desastrada assim! 

JK: vamos ver! *Sorrimos e me virei pra frente* segura com as duas mãos! *Fiz o que ele pediu* isso! Agora fica reta! *Segurou minha cintura com as duas mãos, prensou seu corpo no meu e me ajudou a ajeitar a postura* assim, mantém os braços retos e firmes! A arma vai vir um pouco pra trás e se você não tiver como o braço firme pode se machucar!

S/n: tá! 

JK: aqui, o fone! 


Colocou o fone em mim e nele e voltou pra posição que estava antes. 

JK: Agora mira lá no boneco! *Mirei* pode atirar!

S/n: eu tô com medo, mô! 

JK: não precisa! Eu ajudo você! 


Ele colocou as mãos sobre as minhas me dando mais firmeza.

JK: pode atirar! 


Apertei o gatilho mas o tiro passou longe do boneco do alvo.

JK: acertou...a parede lá trás! *Rimos* com o tempo você pega prática! *Beijou minha bochecha e eu assenti sorrindo* vamos de novo! 


Ele me ajudou mais umas três vezes e eu comecei a pelo menos acertar o alvo.

JK: tenta sozinha! 

S/n: naum!

JK: tenta, meu amor!

S/n: eu tenho medo de me machucar!

JK: não vai! Eu tô aqui! Nada vai te machucar, confia em mim! *Cheirou meu pescoço e eu sorri* esqueceu que você tem um policial particular pra te proteger? *Sorri mais* pode ir! Só lembra de manter os braços firmes pq se não você pode se machucar mesmo! *Assenti* vai! 


Segurei firme a arma, mirei e atirei.

Abaixei a arma, olhei e vi que tinha acertado no peito do boneco.

JK: boa, gatinha!! 


Deixei a arma na mesinha do nosso lado e abracei ele.

S/n: eu consegui!!!

JK: *sorriu* conseguiu sim, meu amor! *Me deu um beijo rápido*  


Fiquei um tempo ali com o Jungkook atrás de mim em ajudando. 



JUNGKOOK P.O.V


Yg: sua noiva manda bem, Jeon!

JK: sim! *Sorri vendo ela atirar no alvo* 

Yg: também, namorando um policial fica difícil mandar mal nisso!

S/n: ei, não é só pq eu namoro com ele não! *Nós dois rimos* 

Yg: esquentadinha você!

S/n: esquentadinho é o rabo do Jeon! *Voltou a atirar e eu fiquei indignado*

Yg: gostei dela! *Rimos* nem se compara a aquela patricinha que você escolheu quando pivete! Credo, tinha enjôo só da voz dela!

S/n: a mãe dele ama ela! *Disse atirando e esse foi bem no meio da testa do boneco* 

Yg: a mãe do Jeon nunca foi muito bem da cabeça! 

JK: é verdade! *Rimos* nunca vi alguém ser tão fissurada na ex-nora! Que fique com ela! 

Yg: o importante é você estar feliz!

JK: e estou! Muito! *Beijei o pescoço da S/n que sorriu largo* azar o dela que vai perder o casamento do único filho que quer casar! 

Yg: e seu irmão?

JK: não quer de jeito nenhum casar na igreja! Disse que se casar vais ser só no papel! 

Yg: entendi! Azar o dela mesmo! Já marcaram a data?

JK: conversamos pra ser final do próximo ano! Estamos noivos desde ontem! Temos tempo pra pensar ainda!

Yg: aaah, então sim! Pensem com calma, dá tempo pra desistir ainda! *Rimos* ai de você se não me chamar!

JK: vou te chamar sim, fantasma!

Yg: fantasma o seu rabo! *Deu um soco no meu ombro e eu ri* S/n!

S/n: sim? *Virou pra ele*

Yg: treina o tiro de fuzil! Com o seu noivo como alvo! *Rimos* 

JK: vai ajudar as pessoas lá, vai!

Yg: vim aqui pq fiquei com medo de você machucar a menina!

JK: Eu sei mexer com arma melhor que qualquer um! *Mostrei a língua pra ele*

Yg: sei… 


Ele saiu e eu apoiei a cabeça no ombro da S/n.

S/n: o que foi? *Deixou a arma de lado e virou pra mim*

JK: você tá ficando melhor do que eu em tiro! *Ela riu* 

S/n: você vai ser sempre o melhor! *Sorri e abracei sua cintura* o meu policial! 

JK: seu! Só seu! *Dei um beijo rápido nela fazendo ela sorrir* pegou o jeito já? 

S/n: mais ou menos! *Virou pra frente de novo* Errei muitos! *Rimos* 

JK: mas foi falar a da minha mãe você acertou bem no meio da testa do boneco! 

S/n: digamos que...minha querida sogra me irrita um pouco! 

JK: não só você! *Sorrimos* quando voltarmos vamos avisar sua família, nossos amigos e depois vamos na minha avisar do noivado!

S/n: uhum! Só não me deixa sozinha com a sua mãe!

JK: não! Nunca mais! Ela não vai mais fazer mal pra você, gatinha! *Abracei mais ela e ela sorriu* não vou mais permitir! Inclusive se você quiser devolver os dois tapas, pode devolver! *Ela riu* ela tá merecendo que alguém coloque ela na linha!  

S/n: deixa ela! Uma hora ela aprende! *Assenti* 

JK: cedo ou tarde ela aprende! 

S/n: sim!

JK: vamos tentar uma arma maior?

S/n: voce me ajuda?

JK: claro que sim! Vou busca ir uma arma maior pra você! 


Ela assentiu, dei um selinho nela e busquei uma arma maior. 

Peguei uma AK-47, munição e fui até ela de novo.

JK: aqui! *Entreguei pra ela* cuida que é mais pesada! 

S/n: que arma é essa? *Disse pegando a arma da minha mão*

JK: essa é uma AK-47! Essa é bem mais potente do que a pistola, precisa cuidar em dobro! 

S/n: tá!


Ajudei ela a posicionar e segurar a arma.

JK: segura firme o ombro pra não deslocar! *Ela assentiu* aqui é a mira! *Apontei pra ela* segura firme aqui com essa mão, com essa você vai atirar e não deixa o rosto muito perto pq com a pressão que ela vai fazer pra trás pode cortar, tá bom?! *Ela assentiu e eu beijei seu ombro livre* 


Fiquei atrás dela, segurei sua cintura com uma mão e a outra segurei seu ombro pra garantir que ela não vai se machucar.

JK: pode mirar e atirar, amor! 


Ela respirou fundo, mirou e atirou. 

Olhei e vi que ela tinha acertado o alvo.

JK: boa, pequena! *Ela sorriu* só cuida mais com o ombro! Tenta deixar ele mais firme!

S/n: ok! 

JK: pode ir de novo, amor! 


E ali nós ficamos o resto da tarde. 


{...}


S/N P.O.V


Quando chegamos em casa, tomamos banho e fui preparar algo pra jantar enquanto o Jungkook varre a casa.

JK: pronto! *Disse sentando em uma cadeira*

S/n: cansou? *Encarei ele rápido*

JK: aham! *Sorri* precisa de ajuda?

S/n: não! Tá tranquilo agora! *Disse virando a carne*

JK: o cheiro está delicioso! *Sorri* acho que vou engordar quando casarmos! *Rimos*

S/n: talvez assim a minha sogra veja que eu cuido de você! Dizem que toda mãe quer ver o filho engordar depois de casar!

JK: olha, se eu não me cuidar eu vou engordar antes de casar! Essas suas comidas são maravilhosas! 

S/n: que bom! *Sorri* 

JK: eu tenho que aprender a fazer alguma coisa também! Preciso te agradar às vezes!

S/n: até parece! *Sorrimos* você já faz coisa demais por mim! Tá na hora de eu fazer alguma coisa por você! Vou fazer comida pq você não me diz nada que eu possa comprar ou levar você! Até pq você tem muito ciúmes do seu carro também e só estamos com o seu aqui!

JK: tenho mais ciúmes de você! *Me abraçou por trás e eu dei um pulo pelo susto* 

S/n: tem certeza?

JK: absoluta! *Beijou meu pescoço e eu sorri* jogo o meu carro da ponte mas não deixo alguém se assanhar pro seu lado! *Sorri mais* 

S/n: meu ciumentinho! 


Virei o rostou um pouco pra trás e ele me deu um beijo rápido. 

JK: te amo!

S/n: *sorri* também te amo! *Ele sorriu* 


Ele se afastou, sentou no banquinho do outro lado do balcão e eu voltei a fazer a comida. 

JK: lembra que amanhã vamos na casa dos meus avós né?!

S/n: sim! Tô ansiosa pra conhecer eles!  

JK: e eles pra te conhecer também! *Sorri* eles são doidinhos tipo a gente vamos nos dar bem! 

S/n: *sorri* espero! A questão de você ter escolhido uma brasileira às vezes pesa! 

JK: pesa na cabeça de gente preconceituosa! Na minha tá de boa! 

S/n: na minha também!

JK: então pronto! Somos o casal mais lindo do mundo! 

S/n: concordo! *Sorrimos* você arruma a mesa pra mim?

JK: claro! 


Ele arrumou a mesa, me ajudou a colocar a comida na mesa e sentamos pra comer. 



.

.

.



DIA SEGUINTE


Assim que levantamos nós tomamos banho, tomamos café e fomos nos arrumar.

JK: amor, estamos indo na casa dos meus avós, não em uma balada! Pra que tanta demora? 

S/n: tô pronta! Aff, como vocês homens são chatos! *Revirei os olhos e ele sorriu*

JK: tá linda! *Sorri* vamos? *Esticou a mão pra mim*

S/n: *peguei a mão dele* vamos! 


Sorrimos e saímos de casa, entramos no carro dele e ele deu partida pra casa dos seus avós. 



Chegando lá, descemos do carro, o Jungkook trancou o carro e segurou minha mão.

JK: fica tranquila! *Respirei fundo* eles vão gostar de você!

S/n: espero que sim! 


Ele sorriu, me deu um beijo rápido e tocou a campainha!

Xx: Jungkook!

JK: vovô!! *Soltou minha mão e abraçou o senhor* coko o senhor está?

Xx: estou bem!

JK: que bom!

Xx: que moça bonita que te acompanha! *Sorri tímida* 

JK: vem cá, amor! *Fui até ele e ele abraçou minha cintura com um braço* amor esse é meu avô Jeon Jung-un! Vovô, essa é a S/n, minha noiva! *Sorrimos* 

Ju(Jung-un): noiva? *Encarou a gente surpreso e nós sorrimos assentindo* é um grande prazer te conhecer, S/n!

S/n: digo o mesmo, senhor Jeon! 

Ju: não, senhor Jeon não! Pode me chamar de vô também ou de Jung! 

S/n: como quiser!

Ju: entrem! 


Entramos na casa, ele fechou a porta e nos guiou até o sofá.

Ju: eles chegaram!!


Ele falou alto e logo uma senhora apareceu.

Xx: Jungkook, meu netinho!

JK: vovó!! *Foi abraçar ela* como você está?

Xx: com um pouco de dor no pé ainda mas bem! 

JK: seu pé ainda não melhorou, vó?

Xx: não! Mas vai melhorar! 

JK: vou te apresentar alguém que pode te ajudar! *Esticou a mão pra mim, levantei e fui até ele* amor essa é minha avó, Jeon Darah! Vó essa é a S/n, minha noiva!

Dh(Darah): noiva? *Sorrimos* era namorada a última vez que conversamos! *Rimos*

JK: é minha noiva a poucos dias! 

Dh: entendi! É jm prazer te conhecer querida!

S/n: o prazer é meu…

Dh: Darah ou vó!

S/n: como quiser! *Sorrimos*

JK: amor, você pode dar uma olhada no pé dela? 

S/n: claro! 

Dh: você é médica?

S/n: estou no último ano da faculdade de medicina e sou enfermeira no Hospital Central de Seul! 

Dh: aaah, então eu confio! *Rimos*

JK: vem vó, senta aqui! 


Ela sentou na sofa, sentei também e coloquei seu pé no meu colo.

S/n: o que você fez no pé?

Dh: torci ele a alguns meses e dói até hoje! 

S/n: foi em um médico? *Disse mexendo de leve o pé dela*

Dh: fomos no postinho mas disseram que não era nada! 


Assenti e continuei olhando.

JK: vê alguma coisa, amor?

S/n: aparenta ser um luxação!

JK: tá! Agora traduz! *Rimos* 

S/n: é quando a articulação saí da posição correta! Aparenta que a articulação está meia torta, por isso está doendo! 

Ju: o que temos que fazer?

S/n: ela deve ficar de repouso uns dias e fazer uma massagem no pé deve aliviar a dor e fazrr a articulação voltar pro lugar mais rápido! 

Ju: ouviu né?!

Dh: mas hoje não! *Tirou o pé do meu colo e ficou em pé* preciso terminar o almoço!

S/n: eu ajudo! *Fiquei em pé*

Dh: não precisa, querida!

S/n: faço questão! *Entreguei meu celular pro Jungkook que pegou e sorriu* vamos?

Dh: *sorriu* claro! Vamos! 


Dei um selinho no Jungkook e fui com ela pra cozinha.

S/n: não sou tão boa na cozinha mas posso tentar! *Rimos* o que posso fazer?

Dh: pode me ajudar cortando os temperos? 

S/n: claro! *Comecei a cortar os temperos*

Dh: você não parece ser coreana!

S/n: *sorri* não sou coreana! Sou brasileira!

Dh: brasileira? *Assenti* é difícil encontrar brasieliros aqui! *Sorriu* quantos anos você tem?

S/n: 22! 

Dh: novinha também! *Sorri asentindo* pensam em vir morar em Busan?

S/n: viemos pra mim conhecer a cidade e nos afaztar um pouco de tudo, mais pra frente vamos decidir onde morar! 

Dh: sim! Vocês são jovens ainda tem que aproveitar! 

S/n: com certeza! Temos muito o que aproveitar ainda! *Ela assentiu*

Dh: pretendem ter filhos? 

S/n: *suspirei* essa questão ainda temos muito que ir atrás!

Dh: posso saber pq? 

S/n: descobri a uns meses atrás que tenho endometriose e isso causou infertilidade! 

Dh: a-ah, me descupe! 

S/n: tudo bem! *Sorri* vamos ir em alguns médicos atrás de tratamento e caso não resolva vamos entrar na fila de adoção!

Dh: *sorriu* que ato lindo! Não importa se é de sangue ou não, mas eu quero bisnetos! *Ri*

S/n: e eu quero filhos! Pode deixar que você vai ter bisnetos! Vai ser a bisavó mais bonita e jovem que eu já vi! *Ela sorriu largo*

Dh: seus bisavós são vivos?

S/n: não! Nem cheguei a conhecer por parte de pai! 

Dh: que pena! 

S/n: mas a senhora como é jovem e como o Jungkook é apressado e quer filhos logo, vai poder ver tranquilamente seus bisnetos crescendo! *Rimos*

Dh: Jungkook qurr filhos logo?

S/n: se eu não acalmasse um pouco, já estaríamos casados e morando junto a tempo! *Ela riu* 

Dh: ele nunca foi assim! Talvez seja pq tem certeza que ama muito você! *Sorri tímida*

S/n: talvez! 

Dh: e a mãe dele? Como reagiu? *Suspirei* pelo jeito ela deu a louca de novo né?!

S/n: pois é! Ela não me aceitou mas... acontece!

Dh: ela é chata mesmo! A única coisa boa que ela fez foram os meus netos de resto nada! *Ri* 








Notas Finais


{Não revisado}

Cap mais fofinho e mais longo pra vcs tbm kkkk❤️

Volto logo prometo.
Bjão e até a próxima ❤️❤️❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...