História My Rabbit Gold (Imagine Jeon JungKook) - Capítulo 73


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Imagine Bts, Imagine Jeon, Imagine Jungkook, Jeon Jungkook
Visualizações 298
Palavras 1.246
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, Shoujo (Romântico), Suspense, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura

Capítulo 73 - Yôga


Começou a passar o aparelho na minha barriga, ouvimos o coração da bebê.

- Tá tudo bem com ela, pode voltar a fazer as coisas que eu proibi.

- Já posso voltar pra Coreia? 

- Vamos com calma, Sra.Sn..- riu.

- Posso fazer academia? 

- Prefiro que faça yôga ou dança, tem umas grávidas que praticam para melhorar na hora do parto.

- Irei procurar- peguei minha bolsa e me levantei - Obrigada - sai.

Entrei no carro e fui pra academia que tinha perto da escola do San. Desci do carro e entrei na mesma.

- Boa tarde...- a recepcionista disse sorrindo.

- Eu queria fazer yôga...

- Você quer conhecer o lugar? 

- Não precisa...

P.O.V Jungkook 

- Não é sua esposa? - apontou discretamente, olhei e a vi na recepção. 

- É sim...- terminei de da o nó na faixa e fui até lá. 

P.O.V Sn 

- Noona? - encostou em mim.

Recepcionista : - Se conhecem? 

- Ele é meu namorado..- falei.

Jeon : - O que faz aqui? 

- Vou fazer aula, JungKook...

Jeon : - Grávida? Você pode? 

- Sim, Jeon...- revirei os olhos - Posso começar amanhã? 

Recepcionista : - Pode sim, qual melhor horário? 

- Acho que...

Jeon : - Faz no mesmo que nós..

- Tudo bem...- olhei pra recepcionista.

Recepcionista : - Tá tudo certo...

Jeon : - Quer ficar aqui, já já vamos embora...

- Pode? - olhei pra recepcionista que assentiu. 

Jeon pegou na minha mão e entramos na academia.

Jeon : - Esses são meus amigos de academia - falou e os rapazes acenaram. 

- Olá! - acenei de volta. 

Xxx : - Jeon fala muito de você! - disse. 

Jeon : - Fica quieto! - foi pra cima do homem.

Xxx 2 : - Suas crianças chegaram! 

Jeon : - Vem..- riu pro amigo e pegou na minha mão, entramos em uma sala - Pessoal? - bateu palmas chamando atenção das crianças. 

Alguns deles falaram sim em coreano, o que me fez sorrir toda boba. 

- Essa é a Sn! - falou.

- Oi - falei e todos responderam.  

Sentei em um canto e fiquei vendo a aulas deles. JungKook era um ótimo professor e as crianças eram loucas pro ele. San também fazia parte da turma e Jeon o tratava como aluno e não filho. 

Vi a mulher que o San tinha dito que era amigo do Jeon chegar junto com um garotinho. Ela entrou na sala e o garoto correu para se juntar aos outros.

- Oi, Jeon - foi até o mais novo e o cumprimentou. 

Jeon apontou pra mim e ela olhou na minha direção, sorriu e voltou a olhar pra ele,depois ela veio e sentou ao meu lado.

- Prazer, Valentina - estendeu a mão - Eu sei quem você é...JungKook te idolatra - riu.

Ri de volta só para não deixar ela sem graça. 

- Está de quantos meses? - olhou pra minha barriga.

- 5..

- É o que? 

- Menina.

- Que legal, um casal! Jeon aceitou numa boa? 

- Sim, ele que queria, ficou super contente quando descobriu - falei e olhei pro mais novo. 

- Ele deve ser um ótimo pai e marido...como amigo eu sei que é. 

- Ele é...super protetor, acha que eu tenho que viver na cama...- riu.

- O pai do meu filho não queria, eu queria ter um casal também, mas ele não quis.

- Ele é bom com seu filho? 

- Sim, isso ele é..mas não é nada comparado com o JungKook...- olhou pro mesmo - Quantos anos ele tem? 

- 25...

- Nossa, foi pai cedo.

- Sim...

- Você é uma mulher de sorte - disse e se levantou.

- Obrigada..ja vai? 

- Sim, eu não fico por muito tempo. 

- Entendi..

Ela sorriu e foi embora. Meu celular não parava de tocar, atendi e fui pra fora da academia.

Ligação On 

Oi? 

Dona Sn, eu não irei conseguir ir pra sua casa hoje.

Aconteceu alguma coisa?

O André teve um problema na escola, estou indo lá agora.

Tudo bem, pode ficar tranquila.

Se a senhora deixar eu levo ele pra sua casa, assim eu consigo fazer as coisas.

Faça o que achar melhor! 

Obrigada, dona Sn! 

Ligação Off 

- Aconteceu alguma coisa? 

- Sua ajumma talvez não vá conseguir vim hoje..- virei de frente pra ele.

- Por que? 

- Problemas na escola do André.

- Ah, só porque queria aquele bolo! - fez bico 

- Já acabou? 

- Sim, já podemos ir...

- Chama o San...Eu vou ir no mercado comprar umas coisas..- segurei o queixo dele, dei um selinho rápido e sai da academia.

(...)

Cheguei em casa e os meninos estavam na sala assistindo inclusive o André.

- Oi, meninos! - tranquei a porta.

André: - Oi, tia! 

- Como você tá? 

André: - Bem..

- Cadê a mamãe? - perguntei e ele apontou pra cozinha - Resolveu? 

- Oi, dona Sn! A diretora me chamou porque ele bateu no coleguinha.

- Por que? 

- O André disse pro pai que não quer mais estudar lá porque sofre bullying..- disse.

- Nossa...

- Eu não sei o que fazer, não posso colocar ele em outra escola.

- Eu irei conseguir vaga pro André na escola do San..- sentei na cadeira.

- Não, dona Sn, não tem como pagar.

- Eu irei pagar, a matrícula e os matérias dele, só vou precisar que você traga ele até aqui.

- Eu não posso aceitar! 

- Claro que pode, é importante o estudo do seu filho! Se dermos sorte, ele fica na mesma sala que o San! - sorri - Vou ir tomar um banho, cheguei do hospital e nem tomei banho...

- Tá bom, muito obrigada, não sei como agradecer! 

- Magina! Você faz muito por nós...- sai da cozinha e subi pro quarto. 

- Noona...- entrou no quarto e fechou a porta - Valentina é só uma amiga, não tem nada além disso.

- Eu sei, Jeon ..- tirei a blusa. 

- Me desculpe por ontem.. - se aproximou - Eu fui babaca...- me abraçou por trás. 

- Foi mesmo - falei rindo.

- Você tá cada vez mais linda, vaquinha!

- Não sou vaca, Jeon JungKook! - me afastei dele e fui pro banheiro. 

- É vaquinha! - entrou no banheiro. 

Terminei de tira a roupa e entrei no boxer.

- Onde você foi de manhã? 

- No hospital. 

- Tá sentindo alguma coisa? 

- Exame de rotina, fui vê a bebê. 

- Por que não me disse? - sentou na privada. 

- Estávamos brigados! - falei 

Terminei meu banho e sai do banheiro. 

- Caralho, noona...Tá tão peituda! - riu.

- Cala a boca, Jeon JungKook! - joguei a toalha nele - Idiota! 

Vesti a roupa e sentei na cama.

- Vou colocar o André na escola do San...- peguei o creme.

- Acho isso bom! Mas a ajumma pode pagar? 

- Eu ofereci, vou pagar tudo.

- Eu vou te ajudar...- tirou a camisa - Vou tomar banho. 

- Ai...- toquei na barriga - Ai, JungKook! 

- Noona! - correu até mim - O que está sentindo? 

- Dor, muita dor...- comecei a gemer de dor - Meu Deus!

- O que eu faço?! 

- Acho que vou morrer! 



Notas Finais


Aaaaaaaaaaa!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...