História My Rose, Lisa - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Tags Blackpink, Bts, Chaelisa, Jensoo, Jikook
Visualizações 67
Palavras 1.204
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi, Yuri
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


oioi gente, boa leitura. :)

Capítulo 6 - . VI .


                                                                    [Rosé on]

Acordei cedo como de costume na segunda e já me encaminhei ao banheiro, onde fiz todas as higienizações necessárias. Sai do banheiro, ainda de toalha e com os cabelos úmidos, e fui em direção ao guarda roupa, onde escolhi uma calça branca meio rasgada nos joelhos, uma blusa folgada até os cotovelos rosa claro e tênis all star cano baixo.

Após arrumar o cabelo e passar uma leve maquiagem, peguei todos os pertences necessários e sai do quarto já a caminho da cozinha.

Chegando lá peguei uma maçã e procurei brevemente minha tia no sofá, mas não achei. Estranho mas estava com pressa.

Sai caminhando até o cursinho ouvindo música e tive um trajeto muito calmo.

Cheguei cedo à sala de aula, então pude ver se Jisoo estava online.

 

[chat on]

Eu: Heeey.

Ti-shoo: OLÁ

Eu: Eai, fazendo o quê?

Ti-shoo: vendo o Mark beijar a Hyuna. Que nojo, me salva.

 

Mark é o ex-namorado de Jisoo, a traiu com a Hyuna, que era uma das nossas amigas.

 

Eu: Que nojinho! Vamos fazer algo, aaa.

Ti-shoo: Siiim, vamos sair hoje?

Eu: Hoje nem dá, já vou sair.

Ti-shoo: uii,com quem? Jungkook?

Eu: Lisa. Professor entrou na sala, beijos.

Ti-shoo: O QUÊ? VOLTA ROSÉ!

 [chat of]

Bloqueei o celular, rindo do suspense que fiz com minha amiga, e o guardei na mochila. O professor realmente tinha entrado então peguei meu material e me dediquei às aulas do dia.

 

                                             [QUEBRA DE TEMPO]

Eu: Já to aqui. Espero-te.

Lalisa: Já estou chegando!

[chat of]

Bloqueei meu celular bufando e olhando pros lados, ansiosa para Lisa chegar. Ela estava atrasada, cheguei há uns 8 minutos no restaurante e ela ainda não tinha aparecido. Até que vejo uma menina de cabelo loiro com franja e a raiz já levemente castanha, correndo ncom seu all star com uma farda de loja e uma bolsa enquanto olha pros lados procurando algo – provavelmente eu, acredito. Ri e me levantei acenando para sinalizar onde eu estava, quando nossos olhares se encontraram ela sorriu grande, fazendo com que eu levemente me arrepiasse com um sorriso tão verdadeiro, e veio correndo mais ainda até onde eu estava.

- Pelo amor de Deus, me desculpa a demora. A minha chef me segurou no trabalho porque segundo ela eu estou muito devagar, mas sinceramente eu discordo. Pois, se você for ver a Mina, você vai ver o que é ser devag... – Ela já estava falando demais, então a puxei para um abraço. Ela certamente ficou confusa no inicio, até eu mesma fiquei, mas logo retribuiu. – Nossa, me desculpa. Eu sempre me exalto. – Riu se se sentando à mesa, fiz o mesmo.

- Tudo bem, tive que resolver algumas coisas de uns trabalhos no celular mesmo, então adiantou tudo. – Mentira – Vai querer comer o que?

- Não sei, pode escolher. – Confirmei e chamei a garçonete, que anotou nossos pedidos e saiu. – Eai? – Chegou mais pra frente na mesa, mais frente de mim. – Como está o cursinho?

- Está ótimo, obrigada. Sinto como se fosse uma grande reprise... – Falei já demonstrando tristeza.

- Mas flor, é uma grande reprise – Falou rindo segurando meu ombro esquerdo. – Agora é estudar pra não passar mais por isso. Fica assim não, você é inteligente.

- Obrigada! – Falei um pouco baixo, passando o cabelo para detrás da orelha. – E você, por que não faz faculdade? Temos quase a mesma idade.

- Sim temos, acontece que eu vim sozinha para a Coreia. Então achei melhor primeiro me estabelecer no país, depois me dedicar melhor aos estudos. – Confirmei com a cabeça. – Achava que eu não tinha conseguido passar e que tinha desistido?

- O quê? – arregalei os olhos – Claro que não, nem pensa isso, eu só estava curiosa. Eu não sabia obre você e eu queria puxar algum assunto com voc. – Eu estava falando tudo embolado, nem eu mesma me entendia. Então Lisa, gargalhando, me interrompeu.

- Hey, calma! Eu sei, era uma brincadeira. – Falou rindo. E eu comecei a ficar envergonhada. – Por falar em puxar assunto, como vai seu namoro?

Suspirei – Ah, JungKook é incrível! Sinto-me tão bem com ele.

- Que bom, fico feliz por você. Não entendo como nunca fomos próximas.

- Também, tínhamos tudo para dar certo. – Droga! – Como amigas claro! – Quase gritei.

- Calma, eu sei. Não estou me jogando pra você. – Riu e eu acompanhei envergonhada.

Conversamos mais um pouco e nosso prato chegou, no meio da refeição, eu e Lisa estávamos tendo um papo ótimo. Parecíamos próximas há anos.

Até que no meio da conversa, Lisa estava falando algo pra mim que nem lembro mais o que era, mas ela estava tão empolgada que não consegui interromper. Neste tempo, uma menina viu Lisa e abriu os olhos com uma expressão de surpresa. Estranho. Então esta mesma menina, alta, morena, cabelos longos, magra e muito bonita veio se aproximando da nossa mesa enquanto andava como se estivesse em uma missão secreta. Quando viu que eu estava presenciando aquela cena ridícula, ela colocou o dedo indicador na boca fazendo sinal para eu ficar quieta. Oi? Ela se aproximou e deu um susto em Lisa, que quando olhou pra cima, deu um sorriso – Igual a o que ela me deu, e isso me incomodou – Levantou e a abraçou.

- Gayoon, não esperava te ver por aqui!

- Digo o mesmo, Lisa. – A menina sessou o abraço sorridente, mas ao me ver novamente ficou séria. – Não vai me apresentar? – Perguntou a Lisa se referindo a mim.

- Ah sim, Gayoon essa é Rosé. Rosé essa é Lisa. – Apertamos as mãos brevemente e senti o sorriso falso dela. Retribui-o.

- É sua namorada? – Perguntei olhando para Lisa apontando para Gayoon.

Quando Lisa ia responder, a menina a interomepu. – Não, ainda não, menina.

No momento senti meu sangue ferver, sem dúvidas poderia dar um soco na garota, mas depois percebi que isso não teria fundamento. E que Lisa, provavelmente defenderia a menina. Então apenas olhei sorrindo – meio falso, meio verdadeiro – pra Lisa e soltei um “uiui” fazendo uma leve cosquinha na barriga da Lisa, que riu e me empurrou de leve.

Olhei para Gayoon e percebi o olhar dela em mim, claramente incomodada com minha presença enquanto ela rondava a cintura de Lisa com os braços.

- Vamos voltar a comer, Lisa? – Perguntei sem nem olhar para a garota.

- Vamos sim. Quer ficar aqui conosco, Gayoon? – Perguntou já se sentando. A garota olhou pra mim sorriu falso e bateu uma só palma e falou um “mais é claro”.

O resumo do jantar depois do aparecimento de pessoas inconvenientes, foi basicamente Gayoon se jogando em Lisa ou puxando assuntos aleatórios com Lisa sempre que esta tentava me incluir na conversa.

Percebi o quanto eu estava sobrando no ambiente então tratei logo de resolver a situação.

 - Lisa, enfim, tenho que ir. Preciso adiantar uns projetos. – Uma meia mentira, de fato exista projetos. Porém, estão todos terminados. - A gente marca outro dia, talvez seja melhor. Beijos! – Fui até ela e beijei a bochecha dela. – Vou no caixa e pago minha parte. Tchau menina. – Falei com Gayoon e ela apenas sorriu falso, pendurada no pescoço de Lisa e fez um legal com as mãos.

Sai frustrada do restaurante, após pagar, e fui para casa.


Notas Finais


bem ruim msm, desculpa. Falem oq acharam etc :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...