História My Rude Daddy and My Mistery Girl ( Vernon and You ) - Capítulo 20


Escrita por:

Postado
Categorias Seventeen
Tags Bangtan Boys (BTS), Got7, Mamamoo, Red Velvet, Seventeen, Twice, Txt
Visualizações 59
Palavras 1.098
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Hentai, LGBT, Literatura Feminina, Luta, Mistério, Poesias, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 20 - Não pode ser


Fanfic / Fanfiction My Rude Daddy and My Mistery Girl ( Vernon and You ) - Capítulo 20 - Não pode ser

P.O.V S/N

Eu não sei o que aconteceu,mas eu fica entre acordar e desmaia e via as meninas desesperadas e eu não entendo o que tá acontecendo,por que eu desmaiei ou por que eu tô me sentindo estranha e não sei o que pensar,mas eu só espero que Vernon não venha.

No Dia Seguinte 

S/N:O que tá acontecendo?

RS:Ah oi,querida

JN:Você desmaio na porta da casa 

S/N:Jura?

LS:Vou chamar o médico 

Médico:Kim S/N?

S/N:Sim

Médico:Poderiam nos dar licença,meninas

S/N:O que aconteceu?

Médico:Senhorita,eu estou achando que a senhorita está grávida

S/N:Não pode ser mas eu fiz um teste de gravidez

Médico:Muitas vezes,esses testes dão um falso negativo e um falso positivo 

S/N:Mas....

Médico:A senhorita tem se sentindo assim há quanto tempo?

S/N:Acho que uns 4 ou 5 dias 

Médico:É muito cedo pra ter certeza,então,espero que a senhorita possa fazer um exame desses daqui á 1 mês talvez

S/N:Sim

Médico:Já pode ir embora,se quiser 

S/N:Tá,obrigado

Não posso acreditar,"Falso Negativo", não pode ser mas agora eu tenho que ficar calma e pensar que talvez não seja verdade,então,eu vou embora e peço pras meninas não falarem nada a Vernon

RS:O que o médico disse?

S/N:Ah ele só falo que eu estou com anemia por isso o desmaio

JN:Ah tá,então é melhor a sra.Chwe se alimentar melhor 

S/N:Tá bom haha

Eu ainda não consigo acreditar que talvez eu esteja grávida,mas,agora eu tenho que fica calma pois semana que vem já vamos embora e eu vou poder fazer tudo escondido de todos,por mais que eu odeie,vai tem que ser assim

LS:Oi Vernon

S/N:Tá fazendo o que? -- Digo tomando o celular

LS:Ligando pro Vernon pra falar com ele sobre você

S/N:Eu pedi pra vocês não contarem pra ele

JS:Mas S/N,ele te ama e merece saber que você não morreu

S/N:Eu sei mas se contarem aí mesmo que ele fica louco,conheço o meu sr.Chwe então não contem

Todas:Tá

Apesar de eu amar e confiar em Vernon,ainda não sei como ele reagiria com uma notícia que eu passei mal ou sei lá mas imagino que ele fique louco,pois Vernon é extremamente cuidadoso e se preocupa muito com quem ele ama 

P.O.V Vernon

Faz horas que eu não tenho notícias de S/N e eu já estou enlouquecendo,eu preciso saber como ela tá,preciso ver seu rosto e principalmente preciso sentir ela em meus braços.Os meninos queriam sair comigo mas eu não conseguia levantar por causa do medo,mas depois de um tempo escuto a porta abrindo então ignoro achando que era os meninos,mas,escuto uma voz que foi o suficiente pra acalmar meu coração

S/N:Oi amor

No momento que escuto isso,eu saio da cama com os olhos inchados e caio sobre os pés de S/N e logo abraçando suas pernas

VN:Onde você tava? -- Disse já chorando

S/N:Me desculpe,querido -- Ela disse chorando e se ajoelhando no chão

VN:Eu senti sua falta

S/N:Eu também 

VN:Não faz mais isso,por favor

S/N:Tudo bem,eu prometo 

Depois eu a beijo apaixonantemente e nos levanto,e pego a mesma no colo e vou beijando a mesma até chegarmos a cama e deitarmos ainda nós beijando e depois vou descendo meus beijos até suas pernas e depois volto até sua boca.E enquanto nos beijávamos também tirávamos a roupa um do outro,e quando menos esperávamos já estávamos pelados e então S/N sobe em cima de mim e desce com seus beijos até meu membro e devagar ela chupa ele

VN:Ah S/N,que saudades dessa boca

Eu não conseguia segurar meus gemidos,e eu já estava louco pra sentir o gosto de S/N 

VN:S/N,eu quero sentir seu gosto também aaah

S/N:Espera só um pouco,meu bem

Ela me chupava devagar de propósito só pra me tortura,e com isso eu gozo e a mesma engole tudo

VN:Agora minha vez

Eu deito S/N delicadamente na cama e beijo ela de sua boca até lá embaixo,quando chego começo a dar beijos em sua intimidade 

S/N:Vernon,para de me tortura 

VN:Sim,meu bem

E então começo a chupar a mesma devagar e ela se contorcia na cama,chamando meu nome e segurando minha cabeça e eu estava amando isso.E depois da mesma gozar e nos beijamos e durante o beijo ela fica em cima de mim,e começa a rebolar no meu membro e ao mesmo tempo ela segurava seus peitos e aquela visão era maravilhosa

VN:S/N,eu preciso de você

S/N:Fala que me ama haha

VN:Eu te amo

S/N:Eu também te amo

Depois a mesma coloca meu membro dentro e começa a quicar,e seus gemidos junto aos meus era incrível e depois de algumas quicadas eu pego a cintura de S/N e rapidamente deito a mesma e fico por cima.Então começo a meter,e S/N e eu estávamos abraçados e escutar a mesma falando "eu te amo" e chamando meu nome era incrível pois eu nunca pensei que alguém faria amor com um monstro como eu,mas eu estava errado pois S/N quer mesmo sabendo de quase tudo pois ainda existem coisas que ela não merece saber pois eu a amo e não quero perde-lá.

P.O.V S/N

Toda vez que eu transo com Vernon é uma maravilha mas não a palavras que posso usar pra descrever como fazer amor com ele é ótimo,pois apesar do Vernon ter feito coisas no passado,ele não merece passar a vida inteira sem saber como é fazer amor com quem ama.E depois de algumas estocadas,eu e Vernon gozamos e deitamos cansados na cama

VN:Eu te amo demais,S/N -- Diz me abraçando e ficando com a cabeça no meu peito

S/N:Eu também te amo,meu amor -- Digo fazendo carinho em seu cabelo

VN:Nunca mais suma desse jeito,por favor,pois eu pensei em tanta coisa quando acordei e não vi você

S/N:Desculpa,meu bem,e que eu queria pensar 

VN:Tudo bem mas não some

S/N:Tá prometo mas agora dorme,eu te amo

VN:Eu também te amo

Depois fico um tempo fazendo carinho no cabelo de Vernon e percebo que o mesmo estava dormindo,e do nada começo a imaginar como seria o rostinho de um filho meu com o Vernon,e será que ele vai ter os meus olhos ou do Vernon?Vai ter o formato da boquinha do Vernon?Seu sorriso seria igual ao de Vernon ou igual ao meu?

Tantas perguntas e quando menos percebo eu estava sorrindo, mas lembro do que eu posso fazer com a criança ou sei lá.E então imediatamente desmancho o sorriso e olho Vernon

S/N:Me desculpe pelas coisas que eu posso fazer -- Digo sussurrando e beijando a cabeça do mesmo

Eu não posso estar grávida e eu não posso perder Vernon

Mas se eu estiver grávida,acho que já sabem quem vai tem que ir embora.

 

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...